A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Algoritmos em Grafos Conceitos principais Prof. André Renato 1º Semestre / 2012.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Algoritmos em Grafos Conceitos principais Prof. André Renato 1º Semestre / 2012."— Transcrição da apresentação:

1 Algoritmos em Grafos Conceitos principais Prof. André Renato 1º Semestre / 2012

2 O que é um grafo? Um grafo G(V,E) é um conjunto finito não-vazio de V e um conjunto E de pares não ordenados de elementos distintos de V. Os elementos de V são denominados vértices e os elementos de E são denominados arestas. A ordem de um grafo é a cardinalidade do conjunto de vértices V.

3 Conceitos Cada aresta e E pode ser representada pelos vértices (v1,v2) que a formam. Os vértices v1 e v2 são chamados de extremos da aresta e. Também são classificados como adjacentes. A aresta e é dita incidente a v1 e v2. Duas arestas que possuam um extremo em comum são ditas adjacentes.

4 Conceitos Um subgrafo G2(V2,E2) de um grafo G1(V1,E1) é um grafo tal que V2 V1 e E2 E1. Se além disso, G2 possuir toda aresta (v,w) de G1 de forma que ambos v e w estejam em G2, este é considerado induzido pelo conjunto de vértices V2.

5 Conceitos

6 Conceitos Normalmente um grafo pode ser visualizado através da sua representação geométrica, na qual os vértices são representados por pontos (ou pequenos círculos) e as arestas por linhas que conectam estes pontos.

7 Conceitos Como desenhar um grafo? O único cuidado que devemos ter para representar corretamente um grafo é preservar a correta relação de arestas com os seus respectivos vértices incidentes.

8 Conceitos Isomorfismo: Dadas duas representações geométricas distintas, correspondem elas ao mesmo grafo? É possível fazer coincidir os vértices de duas representações de modo a preservar as relações de adjacência? Em caso afirmativo, os grafos são chamados de isomorfos entre si.

9 Conceitos Isomorfismo: b f c a g d e h i j k p o n m l

10 Conceitos Existem arestas cujos extremos sejam o mesmo vértice? Sim; estas arestas são chamadas de laços (loopback). Aplicações????...

11 Conceitos Pode existir grafos com mais de uma aresta incidente aos mesmos vértices? Sim; neste caso, o grafo é chamado de multigrafo. As arestas são chamadas de paralelas. Aplicações???

12 Conceitos Uma aresta e, incidente a v1 e v2, provê uma relação reflexiva entre estas vértices. Ou seja, v1 está conectado a v2 da mesma forma que v2 está conectado a v1. Uma aresta onde esta propriedade reflexiva não esteja preservada é pode ser chamada de arco e normalmente é representada por uma seta. v1v2

13 Conceitos Neste caso a relação de v1 para v2 é distinta da relação de v2 para v1. Grafos que possuam arcos são chamados de grafos direcionados (digrafos); os demais, de grafos não-direcioanados. Uma aresta e = (v1,v2) pode ser entendida como um par de arcos (v1,v2) e (v2,v1). v1v2v1v2

14 Conceitos Grau de um vértice v: é a quantidade total de arestas incidentes a v; Em grafos direcionados, existem o grau de entrada e o grau de saída; Grau de entrada: é a quantidade de arcos que chegam a v; Grau de saída: é a quantidade de arcos que partem de v;

15 Conceitos Grau de um vértice v: um vértice com grau de entrada zero é chamado de fonte; um vértice com grau de saída zero é chamado de sumidouro;

16 Conceitos Vértices que possuam grau igual a zero, são chamados de desconexos. G será totalmente desconexo se não possuir arestas. Um grafo será considerado conexo se e somente se for possível sair de v e chegar a w, para todo par de vértices (v,w) do grafo. Será desconexo, caso contrário. O grafo será fortemente conexo, se for possível sair de v, chegar a w e voltar a v, para todo par de vértices (v,w) do grafo.

17 Conceitos Verificar!!!!

18 Conceitos Qual a quantidade mínima de arestas um grafo deve ter para não ser desconexo? Qual a quantidade máxima de arestas um grafo pode ter? Considerar |V| = n e |E| = m.

19 Conceitos Grafos regulares são aqueles em que todos os vértices possuem o mesmo grau.

20 Conceitos Seja G(V,E) um grafo conexo. Um corte de vértices de G é um subconjunto de vértices de G que, se forem removidos, tornam G desconexo. É possível fazer uma analogia para um corte de arestas. Conectividade de vértices e conectividade de arestas é a cardinalidade dos respectivos menores subconjuntos.

21 Conceitos Seja um inteiro k positivo, diz-se que G é k-conexo em vértices (arestas) quando sua conectividade de vértices (arestas) é k. O primeiro grafo é 1-conexo em vértices, 1- e 2-conexo em arestas. 2-conexo -> biconexo

22 Conceitos Uma articulação é um vértice v que, se removido, torna o grafo desconexo. Uma ponte é uma aresta que causa o mesmo efeito. Componentes biconexos (blocos)

23 Conceitos Grafos que possuam arestas entre todos os pares de vértices de V são chamados de grafos completos. Um grafo completo pode ser representado pela notação K n, onde n é a ordem do grafo. K5K5

24 Conceitos O complemento de um grafo G(V,E) é em grafo G que possuam todos os vértices de V e todas as arestas que faltam a E para que G seja completo.

25 Conceitos Clique é um subgrafo G2 de G1, tal que G2 seja completo. Clique maximal é o subgrafo G2 de maior ordem possível. Ou seja, é o maior subgrafo completo de G1.

26 Conceitos Em um grafo G(V,E), uma partição é a divisão do conjunto V em dois ou mais subconjuntos com interseção vazia. A união desses subcojuntos deve resultar em V. Além disso, as arestas de E só podem conectar vértices de subcojuntos distintos. O caso mais usual é de grafos bi-partidos (bipartite).

27 Conceitos

28 Conceitos Seja um grafo G(V,E) e um conjunto de cores C={c i }, uma coloração de G é uma atribuição de cores aos vértices de V, sem que vértices adjacentes tenham a mesma cor.

29 Conceitos Uma k-coloração de G é uma coloração que utiliza k cores. Diz-se que G é k-colorível. O número cromático X(G) de um grafo G é o menor número de cores k, para o qual existe uma k-coloração.

30 Conceitos Seja G um grafo e R sua representação geométrica. R é dita plana quando não houver cruzamento de linhas. Um grafo que possuir pelo menos uma representação plana é chamado de planar.

31 Conceitos G é imersível em uma superfície S se possuir uma representação R desenhada em S, tal que duas linhas não se cruzem. Neste caso, as linhas dividem a superfície em faces. Existem sempre uma face não limitada chamada de externa. f1 f2 f3 f4

32 Conceitos Fórmula de Euler para poliedros: n + f = m +2 Cada face é limitada por, no mínimo 3 arestas. Cada aresta pertence a exatamente duas faces. Logo, 2m 3f. Aplicando, m 3n -6, para que um grafo seja planar.

33 Conceitos Se a um grafo G(V,E) for associada uma função f:E=>R, diz-se que o grafo é ponderado em arestas. Em outras palavras, cada aresta do grafo deve estar associada a um número real

34 Conceitos O valor associado a cada aresta é chamado de peso da aresta. Uma aresta pode ter peso zero, dependendo do problema relacionado. Um grafo também pode ter pesos associados aos vértices. Neste caso, é denominado ponderado em vértices.

35 Conceitos Grafos que não possuam pesos, são chamado de não-ponderados. Dependendo do problema a ser estudado, valores específicos (pesos) podem ser dados a vértices e arestas. Outro atributos também podem ser associados a estes elementos.

36 Conceitos Sejam G1(V,E1) e G2(V,E2) dois grafos que compartilham o mesmo conjunto de vértices, tal que E1 E2. Um grafo G(V,E) é considerado grafo- sanduíche de (G1,G2) se E contiver E1 e estiver contido em E2.

37 Conceitos G1 G2 G G G G G G G

38 Aplicações Roteamento

39 Aplicações Escalonamento

40 Aplicações Redes

41 Exercícios Identificar: a) Ordem do grafo b) Graus dos vértices c) Dois isomorfos d) Subgrafo induzido por {1,3,4,5,8} e) Dois subgrafos não-induzidos por {2,4,6,7,8} f) O grafo é conexo, fortemente conexo ou desconexo?

42 Exercícios Identificar: a) Conectividade de vértices e arestas b) Pontes e articulações c) Dois blocos d) Cliques de tamanho 3 ou maior e) K-coloração (a menor possível) f) Um subgrafo planar de ordem 5 ou maior g) Complemento do grafo

43 Exercícios Desenhar todos os grafos sanduíche:


Carregar ppt "Algoritmos em Grafos Conceitos principais Prof. André Renato 1º Semestre / 2012."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google