A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

 Formado por um verbo de ligação que liga um nome (Predicativo do sujeito) ao sujeito. A noite estava fria. O atleta parecia cansado. Sua fantasia era.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: " Formado por um verbo de ligação que liga um nome (Predicativo do sujeito) ao sujeito. A noite estava fria. O atleta parecia cansado. Sua fantasia era."— Transcrição da apresentação:

1

2  Formado por um verbo de ligação que liga um nome (Predicativo do sujeito) ao sujeito. A noite estava fria. O atleta parecia cansado. Sua fantasia era de papel. Naquela época, ele parecia outro.

3  Constituído por um verbo significativo que representa o núcleo. Os navios atracaram no cais. O jogador comprou um novo carro.

4  Apresenta dois núcleos: um verbo significativo (núcleo verbal) e um nome (núcleo nominal). As mães esperavam aflitas seus filhos. Joana saiu do escritório contente.

5

6 Servem para ligar uma qualidade (um predicativo) ao sujeito da oração. A depender do caso, podem ser verbos de ligação: ser, estar, parecer, continuar, ficar, andar, permanecer, encontrar- se...  Ele é feliz.  O diretor parecia calmo.  Joaquim está angustiado.

7  José anda preocupado ultimamente. (Predicado Nominal)  José anda no calçadão todos os dias. (Predicado Verbal)  Por um momento, Maria ficou confusa. (Predicado Nominal)  Por um momento, Maria ficou na sala. (Predicado Verbal)  Seus filhos encontram-se felizes. (Predicado Nominal)  Seus filhos encontram-se na escola. (Predicado Verbal)

8

9  Também chamados de verbos nocionais.  Transmitem semanticamente a ação que é expressa pelo verbo da oração.  Podem ser Transitivos ou Intransitivos.

10  A ação do sujeito não passa (não transita) para um objeto. A ação realiza-se no próprio sujeito. Neste caso, o verbo intransitivo não exige complemento verbal. Fabiano ria. Os atletas dormem. Os convidados já chegaram.

11 A ação do sujeito passa (transita) para um objeto, que é o alvo da ação. Nesse caso, o verbo transitivo exige um complemento verbal que pode ser um objeto direto, um objeto indireto ou os dois ao mesmo tempo. Carlos comprou um carro. A criança gosta de doce. Solicitei ao diretor meus documentos.

12 Exige um complemento verbal sem preposição, chamado Objeto Direto. Maria prepara a comida. O trabalhador queria o salário.

13 Exige um complemento verbal com preposição, chamado Objeto Indireto. A mulher precisava de um apoio. Todos confiamos em Deus. As eleições contribuem para a democracia.

14 Exige os dois complementos verbais: um sem preposição (objeto direto) e outro com preposição (objeto indireto). O governo ofereceu auxílio aos flagelados. A secretária entregou os documentos à diretora.


Carregar ppt " Formado por um verbo de ligação que liga um nome (Predicativo do sujeito) ao sujeito. A noite estava fria. O atleta parecia cansado. Sua fantasia era."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google