A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ENCOMEX 02 de dezembro de 2009 Ílio De Nardi Jr. NT - MPE / PROGEX Fone: (11) 3767-4383.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ENCOMEX 02 de dezembro de 2009 Ílio De Nardi Jr. NT - MPE / PROGEX Fone: (11) 3767-4383."— Transcrição da apresentação:

1 ENCOMEX 02 de dezembro de 2009 Ílio De Nardi Jr. NT - MPE / PROGEX Fone: (11)

2 Objetivo Apresentar o IPT e os programas disponíveis com as respectivas ferramentas de apoio tecnológico às empresas.

3 Tecnologia e inovação a serviço da sociedade 110 anos GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO

4 O IPT, no seu campo de atuação, tem como objetivo principal atender à demanda em ciência e tecnologia dos setores: público e privado. Vem contribuindo para o desenvolvimento do conhecimento científico e tecnológico.

5 IPT – 12 Centros tecnológicos e 1 Núcleo: CETAC – do ambiente construído; CETAE – de tecnologias ambientais e energéticas; CETIM – da indústria da moda; CIAM – da informação, automação e mobilidade; CINTEQ – de integridade de estruturas e equipamentos; CME – de metrologia mecânica e elétrica; CMF – de metrologia de fluídos;

6 IPT – 12 Centros tecnológicos e 1 Núcleo: CMQ – de metrologia em química; CNAVAL – de engenharia naval e oceânica; CT-Floresta – de recursos florestais; CT-Obras – de infraestrutura; CTPP – de processos e produtos, e NT-MPE – Núcleo de Apoio Tecnológico à MPE

7 Aumentando a competitividade da micro, pequena e média empresa no mercado global por meio da Extensão Tecnológica.

8 Extensão Tecnológica Abertura da capacitação tecnológica da instituição à serviço das demandas tecnológicas da sociedade (empresas).

9 Núcleo de Atendimento Tecnológico à Micro e Pequena Empresa, NT – MPE.

10 Apoiadores GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO

11 Programas de apoio tecnológico Prumo – Projeto Unidades Móveis; Gestão da Produção; Qualificação de produto para mercado interno, e PROGEX – Programa de Apoio Tecnológico à Exportação.

12 Projeto Unidades Móveis - Prumo

13 São veículos dotados com equipamentos laboratoriais portáteis e operados por um engenheiro e um técnico. Essas unidades móveis vão até a fábrica/empresa para resolver in loco os problemas tecnológicos quanto ao processo produtivo (matéria-prima, processo e produto). O que é o PRUMO?

14 Madeira e móveis; Transformação de borracha; Confecções; Couros e calçados; Cerâmica; Transformação de plásticos, e Tratamento de superfícies. Setores atendidos:

15

16

17 VISTA INTERNA DA UNIDADE MÓVEL

18 Unidade Móvel

19

20 Metodologia de atendimento Visita de diagnóstico (1/2 dia); Atendimento com a UM (até 2 dias); Relatório detalhado do atendimento, e Avaliação de resultados (3 meses após).

21 PRUMO Quanto Custa e Quem Paga (R$) (R$) Total Subsídio Empresa

22 Melhoria na qualidade dos produtos; Redução dos custos de fabricação; Aumento de produtividade, e Treinamento local de mão-de-obra. Principais benefícios do PRUMO

23 Treinamento realizado na Unidade Móvel

24 Gestão da Produção - Gespro

25 Gestão da produção - Gespro Atendimento tecnológico focado em um produto, seu fluxo produtivo e sua gestão. Pode incluir também serviços de laboratório, para melhoria de produtos, com ação pontual em seu processo produtivo.

26 Metodologia do atendimento Diagnóstico do Produto e do Processo Profissionais do IPT visitam a empresa para identificar conjuntamente, e em consenso com seus interlocutores, os problemas mais críticos ou emergenciais relacionados ao fluxo produtivo. São sugeridos serviços laboratoriais que possam agregar melhoria do produto ou de seu processo produtivo. Após o diagnóstico será elaborada uma proposta de trabalho a ser apresentada à empresa.

27 Implementação Técnica das Ações Aprovada a proposta de trabalho pela empresa, é iniciada a execução do plano de trabalho e acompanhamento das ações corretivas no tema desejado, identificado no diagnóstico, através da interação entre os profissionais do IPT com a equipe interlocutora da empresa. Avaliação dos resultados finais através dos indicadores de desempenho eleitos no início do atendimento. Metodologia do atendimento

28 Tratamento de não-conformidades; Implantação da metodologias para redução de custos; Otimização de lay-out; Minimização/eliminação de atrasos de entrega através de implantação de ferramentas gerenciais para melhor visualização do fluxo produtivo, facilitando tomadas de decisões. Principais ações identificadas

29 Otimização do controle de estoque; Minimização/eliminação de desperdícios ou retrabalhos; Substituição de matéria prima para redução de custos; Atuação em fornecedores da empresa para melhoria da qualidade do produto; Melhoria na aplicação de softwares de gestão no planejamento de materiais e produção, e Outros (identificados ou indicados pela empresa). Principais ações identificadas

30 Custos Os investimentos para realização do atendimento são: Agência de fomento R$ ,00 Empresa: R$ 3.000,00 (*) Total R$ ,00 (*) Valor estimado de um atendimento padrão.

31 Benefícios do Programa Recomendação de ações corretivas, tendo sempre como base o desempenho da empresa e seus recursos; Técnicas gerenciais para redução de riscos nas tomadas de decisões; Identificação de problemas antes mesmo de suas ocorrências; Difusão do conhecimento e aplicação de técnicas atuais de gestão;

32 Internalizar metodologia para aprimoramento contínuo pela empresa; Forte componente de aprendizado para a equipe interlocutora da empresa, e Ações de fácil implantação num curto espaço de tempo. Benefícios do Programa

33 Qualificação de produto para mercado interno - Qualimint

34 Qualimint Consiste em atendimento destinado à solução de problemas associados diretamente a um produto, buscando melhorá-lo de forma que este possa ser comercializado em cumprimento, por exemplo, de exigências legais de cunho tecnológico ou, ainda, buscando melhorá-lo para que possa competir de forma mais eficaz em seu mercado.

35 atendimento a exigências legais como as estabelecidas pelo INMETRO; atendimento a exigências legais estabelecidas por agências reguladoras como a ANVISA, ANATEL, etc.; geração de documentação tecnológica para a certificação de produtos, por exemplo: relatórios de ensaio, etc.; necessidade de demonstração de conformidade de produto com normas técnicas ABNT NBR; necessidade de qualificação técnica de produto visando o atendimento às exigências de clientes específicos, por exemplo: PETROBRAS, EMBRAER, montadoras; Qualimint

36 necessidade de qualificação técnica para atendimento ao Código de Defesa do Consumidor; pré-qualificação ou qualificação para certificação nacional, e avaliação de manual técnico de produtos frente a normas técnicas e/ou regulamentos estabelecidos por agências reguladoras, etc. Qualimint

37 AVALIAÇÃO DA CONFORMIDADE COMPULSÓRIA: é a avaliação obrigatória, definida pelo governo, e destina-se prioritariamente à defesa do consumidor no que diz respeito à proteção à vida, à saúde e ao meio ambiente.

38 Comunicação ao consumidor

39 Metodologia de atendimento Análise Produto x Exigências/Regulamentos Nacionais; Escopo técnico do trabalho; (normas/ensaios laboratoriais) Solicitação dos orçamentos; Composição dos custos do atendimento.

40 Metodologia de atendimento Diagnóstico e solução dos problemas Avaliação Técnica (não-conformidades encontradas) (aporte de sugestões para solução) Implementação das soluções no produto (verificar a eficácia das soluções)

41 Custos Os investimentos para realização do atendimento são: Agência de fomento R$ ,00 Empresa: R$ 3.000,00 (*) Total R$ ,00 (*) Valor estimado de um atendimento padrão.

42 Benefícios Possibilita o aumento no volume de vendas das empresas; Possibilita a substituição de importações; Aumenta o número de produtos brasileiros em conformidade com os requisitos legais; Eleva o grau de maturidade tecnológica das empresas, e Gera novos postos de trabalho.

43 Programa de Apoio Tecnológico à Exportação - Progex

44 Apoio tecnológico para adequar um produto às exigências do mercado externo: Melhoria da qualidade; Adequação de embalagem; Design; Redução de custos, e Superação de barreiras técnicas, pré-qualificação ou qualificação do produto para certificação. Setores atendidos: praticamente todos

45 Harmonização de requisitos técnicos no mercado global

46

47 Produtor Avalia a conformidade Atesta conformidade Normas e regulamentos técnicos Comprador CERTIFICAÇÃO

48 Pedigree

49

50 Sebrae - SP, abril de 2003 PROGEX Paulista : início 1999 PROGEX Nacional : hoje 10anos

51 FUCAPI/AM NUTEC CE CIMATEC/BA SOCIESC/SC CIENTEC/RS IPT e ITAL Banco de Dados CETEC/MG INT/RJ TECPAR/PR ITEP/PE

52 Principais setores atendidos Números de atendimentos concluídos: anos

53 Sensibilização conscientização Estudo de mercado Progex Formação de preços para exportação Confecção catálogo/ mostruário Feiras, rodadas de negócios, projeto comprador Comercialização

54 Metodologia de atendimento Análise Produto X Mercado X Exigências/Regulamentos; Escopo técnico do trabalho; (normas/ensaios laboratoriais) Solicitação dos orçamentos, e Composição dos custos do atendimento. 10anos

55 Metodologia de atendimento Orçamento O que executar; Onde executar; Prazos; Responsabilidades; Cronograma e Custo. 10anos

56 Metodologia de atendimento Fase 1 – Diagnóstico Viabilidade Técnica e Econômica (não-conformidades encontradas) (aporte de sugestões para solução) Fase 2 – Adequação Adequação do produto (verificar a eficácia das soluções)

57 Custos do atendimento Fomento Empresa Total (não reembolsável) R$ R$ R$ (fixo) (contrapartida mínima) MPE: até US$ /ano PROGEX pode atender a média empresa (até R$ 60 Mi/ano) Grandes empresas – sem subsídio R$ R$ R$ (fixo)

58 Principais características Critérios para seleção de empresas Produto definido; Mercado definido, e Posicionamento face à exportação. Operacionalização ágil e desburocratizada Contrato global entre agência de fomento e o IPT, e Contrato individual com a empresa é simples. Resultados práticos Aferíveis em curto espaço de tempo.

59 Hoje, para cada R$ 1,99 aportado ao apoio tecnológico para exportação via PROGEX, R$ 95,00 são resultados de exportação, fruto do sucesso alcançado das empresas participantes. 10anos

60 Benefícios Gera novos exportadores; Abre mercados externos mais exigentes (EUA e Europa); Possibilita o aumento no volume de exportações das empresas que já exportam; Possibilita a substituição de importações; Aumenta o número de produtos brasileiros internacionalmente competitivos; Eleva o grau de maturidade tecnológica das empresas, e Gera novos postos de trabalho.

61 Imagem internacional do Brasil, antiga....

62

63 SEIRI: utilização; SEITON: organização; SEISO: limpeza; SEIKETSU: padronização, e SHITSUKE: autodisciplina, manutenção. 5S como ferramenta da qualidade

64

65 Imagem internacional do Brasil, hoje....

66 Produtos competitivos com qualidade e tecnologia agregados

67 10anos Com o PROGEX o Brasil fica mais próximo do mercado global

68 PIRÂMIDE DO DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO PRUMO PROGEX INOVAÇÃO GESPRO QUALIMINT

69 Parceria IPT x SEBRAE SEBRAE Aglutinação Sensibilização Capacitação e Apoio financeiro IPT Apoio tecnológico

70 Ferramentas sistema SEBRAEtec - SEBRAE Atendimento in loco (PRUMO) Aperfeiçoamento Tecnológico (GESPRO e/ou QUALIMINT) Apoio Tecnológico à Exportação (PROGEX) Inovação Tecnológica etc

71 Muito Obrigado! Ílio De Nardi Jr. (11) – anos


Carregar ppt "ENCOMEX 02 de dezembro de 2009 Ílio De Nardi Jr. NT - MPE / PROGEX Fone: (11) 3767-4383."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google