A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

STOP - MOTION Frankenweenie, by Tim Burton, 2012.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "STOP - MOTION Frankenweenie, by Tim Burton, 2012."— Transcrição da apresentação:

1 STOP - MOTION Frankenweenie, by Tim Burton, 2012

2 Técnica de criar ilusão de movimento ou desempenho por meio da gravação, quadro a quadro da manipulação de um objeto sólido, boneco ou imagem de recorte em um cenário físico espacial. Stop - moti on

3 Os primordios Frankenweenie, by Tim Burton, 2012 ´

4 King Kong, 45cm Willis OBrien, 1933

5 Ray Harryhausen Principais trabalhos: The 7th Voyag od Sinbad, 1958 Fúria de Titãs, 1981 Prêmios: Gordon E. Sawyer Award, 1991 Rondo Hatton Classic Horror Awards, 2006

6 Tecnicas Frankenweenie, by Tim Burton, 2012 ´

7 Uma combinação do mundo moderno com a antiga tradição da titeragem*. No stop-motion, os manipuladores não são vistos. * Titeragem: manipulação em tempo real de bonecos Espetáculo Plural, Cia. Nu Escuro, fotos: Layza Vasconcelos

8 Live-action: por atores reais, de carne e osso, ao contrário das animações. O termo é usado para distinguir os trabalhos em que, normalmente, se utilizaria uma animação, como em desenhos animados, videogame, HQs, onde um trabalho de animação é adaptado. * Fps – frames per second Quanto mais um quadro se conecta com o anterior, em termos de composição, movimento, cor e assim por diante, melhor e mais fluida será a animação. 24 ou 25 quadros por segundo (fps*)

9 A suavidade depende dos detalhes e informações correlacionadas. Os olhos não conseguem processar tudo rapidamente. Focar numa barra de segurança, estática. Para um movimento desenfreado, turbulento é necessário mais uma animação porém, moderada no quadro, a fim de contrabalancear os movimentos. Contradição É importante tirar o máximo do movimento para que seja fácil aos olhos e ao cérebro perceber o movimento. Tire o ritmo da mão esquerda e a direita se destacará menos * Ler – entender, registrar o sentido

10 Movimento – Inércia O movimento detalhado se torna uma nova maneira de se comunicar – estimulado e apreciado Textura e iluminação Espaço concreto, com luz, foco, profundidade Detalhe – pequenos detalhes bem planejados pode tornar as repetições mais agradáveis Objeto modelado x Modelagem Minhocas, Paolo Conti Wallace and Gromit

11 Linear – straight-ahead Do primeiro ao último quadro Não há Keyframes Transparência de personalidade (boneco e titereiro) Tomorrow, Bob Lee, 2009 O que as pessoas gostam em relação à animação stop-motion é que ela é real. É um truque de mágica, pegando coisas reais, cenários reais e fazendo-os ganhar a vida com movimento. Joe Clokey

12 Um espírito de equipe e uma camaradagem que raramente são encontradas em outras técnicas de animação. A noiva Cadáver, Tim Burton e Mike Johnson

13 Concentrando - se na IDEIA Frankenweenie, by Tim Burton, 2012

14 Uma ideia convincente A narrativa utiliza das técnicas e não a técnica utiliza da narrativa O stop-motion faz parte do filme, porém o filme não gira em torno da técnica Primeiro, tenha um ideal prático, claro e definido: Uma meta, um objetivo. Segundo, tenha meios necessários para atingir seus fins: inteligência, dinheiro, materiais e métodos. Terceiro, ajude todos os seus meios para esse fim. Aristóteles Primeiro, tenha um ideal prático, claro e definido: Uma meta, um objetivo. Segundo, tenha meios necessários para atingir seus fins: inteligência, dinheiro, materiais e métodos. Terceiro, ajude todos os seus meios para esse fim. Aristóteles

15 A animação funciona de forma mais eficaz quando reconhece sua artificialidade e brinca com seus próprios truques. Essa história poderia ser melhor contada em live-action? O estranho mundo de Jack, Tim Burton

16 A animação funciona de forma mais eficaz quando reconhece sua artificialidade e brinca com seus próprios truques. Essa história poderia ser melhor contada em live-action? Aproveitar a artificialidade O estranho mundo de Jack, Tim Burton

17 Manter o público interessado Andamento Rápido Ritmos contrastantes e tensão crescente Enredos empolgantes, repletos de momentos de peripeteia e suspense Um mistério que se desenrola ou revelações constantes sobre as personagens Uma série cada vez maior de ações espetaculares e efeitos

18 Preparativos Frankenweenie, by Tim Burton, 2012

19 Uma preparação detalhada na pré-produção evitará muitos problemas posteriores, e é uma fase essencial a ser atravessada. Mary and Max, Adam Elliot, 2009

20 Argumento - Roteiro Planejamento de logística Storyboards e pré-visualizações Paleta de cores Cenários (proporções – credibilidade) Vida além da estrutura Movimento casual Ângulos Primeiros planos Altura do Cenário Objetos Cênicos Personagens Figurinos Iluminação (luz e sombra, dura ou difusa)

21 Captura das Imagens Montagem Sonorização Finalização Distribuição

22 Animação incrível é quando você tem um diretor visionário que está usando todos os aspéctos do meio ao mesmo tempo para transmitir sua ideia. Isto é... Um filme em que a música, os efeitos sonoros, os desenhos, os panos de fundo, o movimento estão todos trabalhando juntos. A mágica da animação é criar um mundo que não existe na vida real... Todo o artifício desaparece gradualmente, e você sente a verdadeira alegria de viver. Stephen Worth Animação incrível é quando você tem um diretor visionário que está usando todos os aspéctos do meio ao mesmo tempo para transmitir sua ideia. Isto é... Um filme em que a música, os efeitos sonoros, os desenhos, os panos de fundo, o movimento estão todos trabalhando juntos. A mágica da animação é criar um mundo que não existe na vida real... Todo o artifício desaparece gradualmente, e você sente a verdadeira alegria de viver. Stephen Worth Obrigada pela atenção! Anna Morais


Carregar ppt "STOP - MOTION Frankenweenie, by Tim Burton, 2012."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google