A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MEMÓRIAS DE UM SUICIDA YVONNE DO AMARAL PEREIRA. PRIMEIRA AULA TÍTULO: O LIVRO, O AUTOR E A MÉDIUM SUMÁRIO: ESTRUTURA DO LIVRO; O ORIENTADOR DO LIVRO;

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MEMÓRIAS DE UM SUICIDA YVONNE DO AMARAL PEREIRA. PRIMEIRA AULA TÍTULO: O LIVRO, O AUTOR E A MÉDIUM SUMÁRIO: ESTRUTURA DO LIVRO; O ORIENTADOR DO LIVRO;"— Transcrição da apresentação:

1 MEMÓRIAS DE UM SUICIDA YVONNE DO AMARAL PEREIRA

2 PRIMEIRA AULA TÍTULO: O LIVRO, O AUTOR E A MÉDIUM SUMÁRIO: ESTRUTURA DO LIVRO; O ORIENTADOR DO LIVRO; OBJETIVO DO LIVRO; COMO FOI ESCRITO; QUANDO FOI ESCRITO; O AUTOR DO LIVRO; A CAUSA DA SUA CEGUEIRA; CAMILO NO DIA DO CALVÁRIO; ENXOTADO DOS CENTROS ESPÍRITAS; A MÉDIUM; NASCEU MÉDIUM; OUTRAS MEDIUNIDADES; AOS 4, AOS 8, AOS 12 E AOS 15 ANOS DE IDADE; NA CIDADE DE LAVRAS-MG; EM PETRÓPOLIS-RJ; PROVAÇÕES.

3 DEVO ESTAS PÁGINAS À CARIDADE DE EMINENTE HABITANTE DO MUNDO ESPIRITUAL, AO QUAL ME SINTO LIGADA POR UM SENTIMENTO DE GRATIDÃO QUE PRESSINTO SE ESTENDERÁ ALÉM DA VIDA PRESENTE. NÃO FORA A AMOROSA SOLICITUDE DESSE ILUMINADO REPRESENTANTE DA DOUTRINA DOS ESPÍRITOS... E SE PERDERIAM APONTAMENTOS QUE, DESDE O ANO DE 1926, ISTO É, DESDE OS DIAS DA MINHA JUVENTUDE... PENOSAMENTE EU VINHA OBTENDO DE ESPÍRITAS DE SUICIDAS... REFIRO-ME A LÉON DENIS... Pág.7

4 ESTRUTURA DO LIVRO : 1.INTRODUÇÃO – ESCRITA PELA MÉDIUM; 2.PREFÁCIO DA 2ª EDIÇÃO – ESCRITO POR LÉON DENIS; 3. 1ª PARTE, COM SETE CAPÍTULOS; 4. 2ª PARTE, COM OITO CAPÍTULOS; 5. 3ª E ÚLTIMA PARTE, COM SETE CAPÍTULOS; 6. SÃO 568 PÁGINAS, NO TOTAL.

5 NÃO PRETENDEMOS, ALIÁS, APRESENTAR OBRA LITERÁRIA PARA DELEITAR GOSTO E TEMPERAMENTO ARTÍSTICOS. CUMPRIMOS UM DEVER SAGRADO, TÃO SOMENTE, PROCURANDO FALAR AOS QUE SOFREM, DIZENDO A VERDADE SOBRE O ABISMO QUE, COM MALVADAS SEDUÇÕES, HÁ PERDIDO MUITA ALMA DESCRENTE EM MEIO DOS DESGOSTOS COMUNS À VIDA DE CADA UM Pág. 46

6 ... ENTÃO, MEU ESPÍRITO ALÇAVA AO CONVÍVO DO MUNDO INVÍSIVEL E AS MENSAGENS JÁ NÃO ERAM ESCRITAS, MAS NARRADAS, MOSTRADAS, EXIBIDAS À MINHA FACULDADE MEDIÚNICA... ESTAS PÁGINAS, PORTANTO, RIGOROSAMENTE NÃO FORAM PSICOGRAFADAS, POIS EU VIA E OUVIA NITIDAMENTE AS CENAS AQUI DESCRITAS, OBSERVAVA OS PERSONAGENS, OS LOCAIS, COM CLAREZA E CERTEZA ABSOLUTA... Pág. 9 de MEMÓRIAS DE UM SUICIDA

7 CONQUANTO TENHA SIDO A OBRA EDITADA PELA FEB EM 1954, A MÉDIUM REGISTRA QUE ELA SE INICIOU EM EM RAZÃO DE GRAVÍSSIMOS PROBLEMAS PESSOAIS, PARALISOU AS ANOTAÇÕES QUE RECEBIA DURANTE QUASE VINTE ANOS, RETOMANDO OS TRABALHOS EM ESPIRITISMO E CIÊNCIA, Nº 7 PÁG.42

8 1.CAMILO CASTELO BRANCO 2.NASCEU EM LISBOA, NO DIA 16 DE MARÇO DE 1825 E DESENCARNOU EM 1º DE JUNHO DE 1890, AOS 65 ANOS. 3. FREQUENTOU A SOCIEDADE PORTUENSE, DEDICANDO-SE AO JORNALISMO. 4. É UM DOS MAIS FECUNDOS ESCRITORES PORTUGUESES DO SÉCULO XIX, HAVENDO PRODUZIDO 137 OBRAS.

9 NO SÉCULO XVII CAMILO RENASCEU NOS ARREDORES DE TOLEDO, ESPANHA. NA ALDEIA HAVIA UMA JOVEM, DE NOME MARIA MAGDA, COM QUEM CAMILO, SECRETAMENTE, COMBINARA CASAMENTO. MARIA MAGDA TROCA CAMILO POR UM JOVEM MADRILENO. FEZ-SE SACERDOTE DA COMPANHIA DE JESUS E TORNOU-SE IMPLÁCAVEL INQUISIDOR. FEZ PRENDER A JACINTO DE OENELAS Y RUIZ, MARIDO DE MARIA MAGDA. ANTES DE LIBERTÁ-LO MANDOU FURAR-LHE OS OLHOS. Págs

10 ENCONTREI-ME POSSUIDO DE ALEGRIA SATÂNICA, INDO E VINDO PELAS RUAS REGURGITANTES DE FORASTEIROS, PROMOVENDO ARRUAÇAS, SOPRANDO INTRIGAS, DERRAMANDO BOATOS INQUIETADORES, INCENTIVANDO DESORDENS... OVACIONEI, FRENÉTICO, A FIGURA HIRSUTA DE BARRABÁS... Págs

11 CAMILO CASTELO BRANCO, O EMINENTE ESCRITOR LUSITANO... QUEIXAVA-SE AMARGAMENTE, COMO ESPÍRITO, DE SE VER, COM FREQUÊNCIA, CORRIDO DE JUNTO DOS MÉDIUNS, COM QUEM GOSTARIA DE SE COMUNICAR, ENXOTADO DOS CENTROS ESPÍRITAS, SOB A ACUSAÇÃO DE MISTIFICADOR... DEVASSANDO O INVISÍVEL, PÁG. 63

12 YVONNE DO AMARAL PEREIRA

13 YVONNE DO AMARAL PEREIRA NASCEU NA ANTIGA VILA DE SANTA TEREZA DE VALENÇA, HOJE RIO DAS FLORES, SUL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, ÀS 6 HORAS DO DIA 24 DE DEZEMBRO DE 1900 E DESENCARNOU NO DIA 9 DE MARÇO DE 1984, TAMBÉM NO RIO DE JANEIRO. AOS 13 ANOS COMEÇOU A FREQÜENTAR AS SESSÕES PRÁTICAS DE ESPIRITISMO. APESAR DE SÓ HAVER FREQÜENTADO O CURSO PRIMÁRIO, DESDE MUITO PEQUENA CULTIVOU O ESTUDO E A BOA LEITURA. AOS 16 ANOS JÁ TINHA LIDO OBRAS DOS GRANDE AUTORES COMO GOETHE, BERNARDO GUIMARÃES, JOSÉ DE ALENCAR, ALEXANDRE HERCULANO, ARTHUR CONAN DOYLE E OUTROS. A OBRA MEDIÚNICA DE YVONNE PEREIRA CONSTA DE 20 LIVROS. Fonte: JORNAL MACAÉ ESPÍRITA Nº

14 CREIO QUE NASCI MÉDIUM JÁ DESENVOLVIDO, POIS JAMAIS ME DEI AO TRABALHO DE PROCURAR DESENVOLVER FACULDADES MEDIANÍMICAS. ALGUMAS FACULDADES SE APRESENTARAM AINDA EM MINHA PRIMEIRA INFÂNCIA: A VIDÊNCIA, A AUDIÇÃO E O PRÓPRIO DESDOBRAMENTO EM CORPO ASTRAL... Recordações da Mediunidade – Págs 23-24

15 ALÉM DA VIDÊNCIA, DA AUDIÇÃO E DO DESDOBRAMENTO, POSSUIA A MEDIUNIDADE DE CURA, A PSICOGRAFIA, MECÂNICA E SEMI-MECÂNICA, A PSICOFONIA E MEDIUNIDADE DE EFEITOS FÍSICOS. Recordações da Mediunidade – Págs. 92 e 93

16 SOUBE ENTÃO, QUE EU MESMA ERA MÉDIUM DE MATERIALIZAÇÕES E TRANSFIGURAÇÃO, MAS, NÃO ME INTERESSANDO POR ESSE GÊNERO DE FENÔMENO, NÃO TRATEI DE CULTIVAR A FACULDADE. PREFERINDO ATENDER AOS CONSELHOS DOS MEUS AMIGOS E PROTETORES ESPIRITUAIS, BITTENCOURT SAMPAIO, BEZERRA DE MENEZES E CHARLES... Recordações da Mediunidade – Pág. 92

17 AOS QUATRO ANOS DE IDADE JÁ EU ME COMUNICAVA COM ESPÍRITOS DESENCARNADOS, ATRAVÉS DA VISÃO E DA AUDIÇÃO... Recordações da Mediunidade – Pág.27

18 FOI SOMENTE AOS OITO ANOS DE IDADE QUE SE REPETIU O FENÔMENO A QUE CHAMAMOS MORTE APARENTE... Recordações da Mediunidade – Pág. 28

19 AOS DOZE ANOS DE IDADE JÁ EU PRODUZIA LITERATURA PROFANA SOB SEU CONTROLE MEDIÚNICO (ESSA ENTIDADE – ROBERTO DE CANALEJAS – NUNCA PRODUZIU LITERATURA DOUTRINÁRIA... Recordações da Mediunidade – Pág. 50

20 NOS MEUS CATORZE E QUINZE ANOS DE IDADE, EU RESIDIA NAS PROXIMIDADES DO CEMITÉRIO MUNICIPAL, NA CIDADE DE BARRA MANSA, ESTADO DO RIO DE JANEIRO... UMA VEZ ALI, SENTAVA-ME NOS DEGRAUS DO PEDESTAL DO CRUZEIRO... E PUNHA-ME A LER... Recordações da Mediunidade – Págs. 51 e 54

21 FOI NA CIDADE DE LAVRAS, NO SUDOESTE DO ESTADO DE MINAS GERAIS, ONDE PRESENCIEI E TAMBÉM VIVI OS MAIS BELOS FENÔMENOS ESPÍRITAS, QUER ATRAVÉS DA MINHA PRÓPRIA FACULDADE MEDIÚNICA, QUER DA DE OUTREM. O LEITOR ESTARÁ LEMBRADO DE QUE ALI, NAQUELA CIDADE DOS IPÊS OBTIVE AS VISÕES DO MEU APOCALIPSE, SE ASSIM ME POSSO EXPRESSAR, AS QUAIS RESULTARAM NO LIVRO MEMÓRIAS DE UM SUICIDA... Recordações da Mediunidade – Págs 86-87

22 ATÉ HOJE NÃO SOU REALMENTE CAPAZ DE ME EXPLICAR A VERDADEIRA RAZÃO PELA QUAL, NO MÊS DE JUNHO DE 1935, ME VI DESEMBARCANDO NA ESTAÇÃO DA ANTIGA ESTRADA DE FERRO LEOPOLDINA RAILWAY, NA CIDADE FLUMINENSE DE PETRÓPOLIS....NECESSIDADE EXPIATÓRIA DO MEU ESPÍRITO... E REPARAÇÕES MELINDROSAS NO SETOR DE ASSISTÊNCIA FRATERNA A COMPANHEIROS DE INFORTÚNIOS DESENCARNADOS POR SUICÍDIO? Recordações da Mediunidade – Pág. 102

23 EFETIVAMENTE, GRANDES PROVAÇÕES E TESTEMUNHOS, LÁGRIMAS ININTERRUPTAS, SEM ME PERMITIREM UM ÚNICO DIA DE ALEGRIA NESTE MUNDO, SE SOBREPUSERAM NO DECURSO DA MINHA PRESENTE EXISTÊNCIA... Recordações da Mediunidade – Pág. 32 EFETIVAMENTE, GRANDES PROVAÇÕES E TESTEMUNHOS, LÁGRIMAS ININTERRUPTAS, SEM ME PERMITIREM UM ÚNICO DIA DE ALEGRIA NESTE MUNDO, SE SOBREPUSERAM NO DECURSO DA MINHA PRESENTE EXISTÊNCIA... Recordações da Mediunidade – Pág. 32

24 SEGUNDA AULA TÍTULO: OS RÉPROBOS E O VALE DOS SUICIDAS SUMÁRIO: I-OS RÉPOBROS: O QUE ESPERAM; AS PRIMEIRAS HORAS; PROFUNDA ANGÚSTIA; CORO SINISTRO; NÃO CONSEGUIA CAMINHAR; MAU CHEIRO PENETRANTE; O CEMITÉRIO; O CADÁVER DE CAMILO; FUGIU DO CEMITÉRIO E VOLTOU À CASA; O ESPÍRITO É ATRAÍDO PELO CORPO; DOIS MESES NO CEMITÉRIO; O ENCONTRO COM A MULTIDÃO; O APRISIONAMENTO; CENAS DOS SUICÍDIOS;

25 SEGUNDA AULA TÍTULO: OS RÉPROBOS E O VALE DOS SUICÍDAS SUMÁRIO: II - O VALE DOS SUICÍDAS: PANORAMA DESOLADOR; NÃO HÁ PAZ; COMPARAÇÃO COM O VALE DOS LEPROSOS; QUADRO DANTESCO; A POPULAÇÃO DO VALE; CONFLITOS BRUTAIS; EXIGÊNCIAS FÍSICAS MARTIRIZANTES; NOITE E DIA; IGNORAVAM ONDE SE ENCONTRAVAM; TENTATIVAS DE FUGA; A VISÃO MACABRA; REPERCUSSÕES MAGNÉTICAS; A LEGIÃO DOS SERVOS DE MARIA; OS COMBOIOS; O INGRESSO NO VALE.

26 EM GERAL AQUELES QUE SE ARROJAM AO SUICÍDIO, PARA SEMPRE ESPERAM LIVRAR-SE DE DISSABORES JULGADOS INSUPORTÁVEIS, DE SOFRIMENTOS E PROBLEMAS CONSIDERADOS INSOLÚVEIS PELA TIBIEZ DA VONTADE DESEDUCADA... PÁG. 31

27 1. PASSARAM-SE SEM QUE VERDADEIRAMENTE EU PUDESSE DAR ACORDO DE MIM. 2. O SUICIDA, SEMI-INCONSCIENTE, ADORMENTADO, DESACORDADO SEM QUE, PARA MAIOR SUPLÍCIO, SE LHE OBSCUREÇA DE TODO A PERCEPÇÃO DOS SENTIDOS, SENTE-SE DOLOROSAMENTE CONTUNDIDO, NULO.... PAG. 31/33

28 3. ATERRA-SE, ACOVARDA-SE, SENTE A PROFUNDIDADE APAVORANTE DO ERRO CONTRA O QUAL COLIDIU DOR AGUDA, VIOLENTA, ENLOQUECEDORA, ARREMETEU-SE INSTANTANEAMENTE SOBRE O MEU CORPO INTEIRO.... PAG. 31/33

29 SUPUS-ME PRESO A UM LEITO DE HOSPITAL OU EM MINHA PRÓPRIA CASA... BRADEI POR MEUS FAMILIARES, POR AMIGOS... O MAIS SURPREENDENTE SILÊNCIO CONTINUOU ENERVANDO-ME... INDAGUEI MAL HUMORADO POR ENFERMEIROS, POR MÉDICOS, POR SERVIÇAIS, CRIADOS... EU TINHA FOME E TINHA SEDE. PAG. 34

30 MINHA AUDIÇÃO DISTINGUIU, PASSADAS ALGUMAS HORAS, UM VOZERIO ENSURDECEDOR... ESTAS VOZES NÃO FALAVAM ENTRE SI, NÃO CONVERSAVAM. BLASFEMAVAM, QUEIXAVAM-SE DE MULTÍPLAS DESVENTURAS, LAMENTAVAM-SE, RECLAMAVAM, UIVAVAM, GRITAVAM, ENFURECIDAS, GEMIAM, ESTERTORAVAM, CHORAVAM DESOLADORAMENTE... PAG. 34

31 TATEANDO NAS TREVAS TENTEI CAMINHAR. MAS DIR-SE-IA QUE RAÍZES VIGOROSAS PLANTAVAM-ME NAQUELE LUGAR ÚMIDO E GELADO EM QUE ME DEPARAVA. NÃO PODIA DESPEGAR-ME! PÁG. 35

32 ... CHEIRO PENETRANTE DE SANGUE E VÍSCERAS PUTREFATOS RESCENDEU EM TORNO, REPUGNANDO-ME ATÉ ÀS NAÚSEAS. PARTIA DO LOCAL EXATO EM QUE EU ESTIVERA DORMINDO... ATRIBUÍ O FATO AO FERIMENTO QUE FIZERA NA INTENÇÃO DE MATAR-ME... TROPECEI NUM MONTÃO DE DESTROÇOS... ERA NADA MENOS DO QUE A TERRA DE UMA COVA RECENTEMENTE FECHADA. PAG. 35/36

33 NÃO SEI COMO, ESTANDO CEGO, PUDE ENTREVER, EM MEIO ÀS SOMBRAS QUE ME RODEAVAM, O QUE EXISTIA EM TORNO! EU ME ACHAVA NUM CEMITÉRIO!... POR QUE ME ENCONTRARIA ALI? O QUE VIERA FAZER SOZINHO, FERIDO, DOLORIDO, EXTENUADO? ERA VERDADE QUE TENTARA O SUICÍDIO, MAS... PAGS. 36 e 37

34 OS FATOS IRREMEDIÁVEIS, PORÉM, IMPOEM-SE AOS HOMENS COMO AOS ESPÍRITOS COM MAJESTOSA NATURALIDADE. NÃO CONCLUIRA AINDA MINHAS INGENUAS E DRAMÁTICAS INTERROGAÇÕES, E VEJO-ME, A MIM PRÓPRIO! COMO À FRENTE DE UM ESPELHO, MORTO, ESTIRADO NO ATAÚDE, EM FRANCO ESTADO DE DECOMPOSIÇÃO, NO FUNDO DE UMA SEPÚLTURA... PÁG. 37

35 FUGI ESPAVORIDO... GARGALHADAS ESTRONDOSAS EXPLODIAM ATRÁS DE MIM E O CORO NEFASTO PERSEGUIA MEUS OUVIDOS TORTURADOS... NA FUGA PRECIPITADA QUE EMPREENDI, IA ENTRANDO EM TODAS AS PORTAS QUE ENCONTRAVA ABERTAS... ERA ENXOTADO A PEDRADAS... TORNEI A MINHA CASA. SURPREENDENTE DESORDEM ESTABELECERA-SE EM MEUS APOSENTOS... PROCUREI AMIGOS, PARENTES A QUEM ME AFEIÇOARA... DIRIGI-ME A CONSULTÓRIOS MÉDICOS. TENTEI FIXAR-ME EM HOSPITAIS. PÁG 37/38

36 FALTAVA-ME ALGUMA COISA IRREMEDIÁVEL, SENTIA-ME INCOMPLETO! EU PERDERA ALGO QUE ME DEIXAVA ASSIM, ENTONTEADO, E ESSA COISA QUE EU PERDERA, PARTE DE MIM MESMO, ATRAÍA- ME PARA O LOCAL EM QUE SE ENCONTRAVA, COM AS IRRESISTÍVEIS FORÇAS DE IMÃ... ESSA COISA ERA O MEU PRÓPRIO CORPO – O MEU CADÁVER!... PÁG. 39

37 CERCA DE DOIS MESES VAGUEI DESNORTEADO E TONTO, EM ATRIBULADO ESTADO DE INCOMPREENSÃO. LIGADO AO FARDO CARNAL QUE APODRECIA, VIVIAM EM MIM TODAS AS NECESSIDADES DO FÍSICO HUMANO... VIA FANTASMAS PERAMBULANDO PELAS RUAS DO CAMPO SANTO, NÃO OBSTANTE MINHA CEGUEIRA, CHOROSOS E AFLITOS... PÁG. 40

38 AO DOBRAR DE UMA ESQUINA DEPAREI COM CERTA MULTIDÃO, CERCA DE DUZENTAS INDIVIDUALIDADES DE AMBOS OS SEXOS... ESSA MULTIDÃO ERA A MESMA QUE VINHA CONCERTANDO O CORO SINISTRO QUE ME ATERRAVA... TENTEI RECUAR, FUGIR, OCULTAR-ME DELA, APAVORADO POR ME TORNAR DELA CONHECIDO... FUI LEVADO DE ROLDÃO, EMPURRADO, ARRASTADO MAL GRADO MEU. PÁG.41-42

39 ESTÁVAMOS TODOS GUARDADOS POR SOLDADOS, OS QUAIS NOS CONDUZIAM. A MULTIDÃO ACABAVA DE SER APRISIONADA! A CADA MOMENTO JUNTAVA-SE A ELA OUTRO E OUTRO VAGABUNDO, COMO ACONTECERA COMIGO... PROTESTEI CONTRA A VIOLÊNCIA DE QUE ME RECONHECIA ALVO... TOCADOS VAGAROSAMENTE, SEM QUE UM ÚNICO MONOSSÍLABO LOGRÁSSEMOS ARRANCAR AOS NOSSOS CONDUTORES, COMEÇAMOS, FINALMENTE, A CAMINHAR PENOSAMENTE POR UM VALE PROFUNDO... PÁG. 42

40 CADA UM DE NÓS, NO VALE SINISTRO, VIBRANDO VIOLENTAMENTE E RETENDO COM AS FORÇAS MENTAIS O MOMENTO ATROZ EM QUE NOS SUICIDAMOS, CRIÁVAMOS OS CENÁRIOS E RESPECTIVAS CENAS QUE VIVÊRAMOS EM NOSSOS DERRADEIROS MOMENTOS DE HOMENS TERRESTRES... PÁG.47

41 TRATAVA-SE, CERTAMENTE, DE UMA ESTRANHA POVOAÇÃO, UMA CIDADE EM QUE AS HABITAÇÕES SERIAM CAVERNAS, DADA A MISÉRIA DE SEUS HABITANTES, OS QUAIS NÃO POSSUIRIAM CABEDAIS SUFICIENTES PARA TORNÁ-LAS AGRADÁVEIS... PÁGS

42 ...CUJO PANORAMA DESOLADOR ERA COMPOSTO POR VALES PROFUNDOS, GARGANTAS SINUOSAS E CAVERNAS SINISTRAS... NESSA PARAGEM AFLITIVA A VISTA TORTURADA DO GRILHETA NÃO DISTINGUIRIA SEQUER O DOCE VULTO DE UM ARVOREDO... O SOLO, COBERTO DE MATÉRIAS ENEGRECIDAS E FÉTIDAS, ERA IMUNDO, PASTOSO, ESCORREGADIO, REPUGNANTE! O AR PESADÍSSIMO, ASFIXIANTE, GELADO, ENOITADO... E, AO RESPIRAREM-NO, OS ESPÍRITOS SUFOCAVAM-SE COMO SE MATÉRIAS NOCIVAS LHES INVADISSE AS VIAS RESPIRATÓRIAS PÁG.15

43 NÃO HAVIA ENTÃO ALI, COMO NÃO HAVERÁ JAMAIS, NEM PAZ, NEM CONSOLO, NEM ESPERANÇA; TUDO EM SEU ÂMBITO MARCADO PELA DESGRAÇA ERA MISÉRIA, ASSOMBRO, DESESPERO E HORROR PÁG.16 NÃO HAVIA ENTÃO ALI, COMO NÃO HAVERÁ JAMAIS, NEM PAZ, NEM CONSOLO, NEM ESPERANÇA; TUDO EM SEU ÂMBITO MARCADO PELA DESGRAÇA ERA MISÉRIA, ASSOMBRO, DESESPERO E HORROR PÁG.16

44 O VALE DOS LEPROSOS, LUGAR REPULSIVO DA ANTIGA JERUSALÉM DE TANTAS E EMOCIONANTES TRADIÇÕES, E QUE NO ORBE TERRÁQUEO EVOCA O ÚLTIMO GRAU DA ABJEÇÃO E DO SOFRIMENTO HUMANO, SERIA CONSOLADOR ESTÁGIO DE REPOUSO COMPARADO AO LOCAL QUE TENTO DESCREVER PÁG.16

45 AQUI, ERA A DOR QUE NADA CONSOLA, A DESGRAÇA QUE NENHUM FAVOR AMENIZA... NÃO HÁ CÉU, NÃO HÁ LUZ, NÃO HÁ SOL, NÃO HÁ PERFUME, NÃO HÁ TRÉGUAS! O QUE HÁ É O CHORO CONVULSO E INCONSOLÁVEL DOS CONDENADOS QUE NUNCA SE HARMONIZAM! O QUE HÁ É A RAIVA ENVENENADA DAQUELE QUE JÁ NÃO PODE CHORAR... É A REVOLTA, A PRAGA, O INSULTO, O ULULAR DE CORAÇÕES QUE O PERCUTIR MONSTRUOSO DA EXPIAÇÃO TRANSFORMOU EM FERA... É O INFERNO, NA MAIS HEDIONDA E DRAMÁTICA EXPIAÇÃO... EXISTEM CENAS REPULSIVAS DE ANIMALIDADE, PRÁTICAS ABJETAS DOS MAIS SORDIDOS INSTINTOS PÁG.17

46 QUEM ALI TEMPORARIAMENTE ESTACIONA, COMO EU ESTACIONEI, SÃO GRANDES VULTOS DO CRIME! É A ESCÓRIA DO MUNDO ESPIRITUAL – FALANGES DE SUICIDAS... PROVINDAS, PREFERENCIALMENTE, DE PORTUGAL, DA ESPANHA, DO BRASIL E COLÔNIAS PORTUGUESAS DA ÁFRICA PÁG.17-18

47 ÀS VEZES, CONFLITOS BRUTAIS SE VERIFICAVAM PELOS BECOS LAMACENTOS ONDE SE ENFILEIRAVAM AS CAVERNAS QUE NOS SERVIAM DE DOMICÍLIO. INVARIAVELMENTE IRRITADOS, POR MOTIVOS INSIGNIFICANTES NOS ATIRÁVAMOS UNS CONTRA OS OUTROS EM LUTAS CORPORAIS VIOLENTAS......FUI INSULTADO, RIDICULARIZADO NOS MEUS SENTIMENTOS MAIS CAROS... APEDREJADO E ESPANCADO, EU ME ATIRAVA A REPRESÁLIAS SELVAGENS... PÁGS

48 A FOME, A SEDE, O FRIO ENREGELADOR, A FADIGA, A INSÔNIA;... A NATUREZA COMO QUE AGUÇADA EM TODOS OS SEUS DESEJOS E APETITES, QUAL SE AINDA TROUXÉSSEMOS O ENVOLTÓRIO CARNAL; A PROMISCUIDADE, MUITO VEXATÓRIA, DE ESPÍRITOS QUE FORAM HOMENS E DOS QUE ANIMARAM CORPOS FEMININOS... PÁG.22 A FOME, A SEDE, O FRIO ENREGELADOR, A FADIGA, A INSÔNIA;... A NATUREZA COMO QUE AGUÇADA EM TODOS OS SEUS DESEJOS E APETITES, QUAL SE AINDA TROUXÉSSEMOS O ENVOLTÓRIO CARNAL; A PROMISCUIDADE, MUITO VEXATÓRIA, DE ESPÍRITOS QUE FORAM HOMENS E DOS QUE ANIMARAM CORPOS FEMININOS... PÁG.22

49 NÃO SABÍAMOS QUANDO ERA DIA OU QUANDO VOLTAVA A NOITE, PORQUE SOMBRAS PERENES RODEAVAM AS HORAS QUE VIVÍAMOS. PERDÊRAMOS A NOÇÃO DO TEMPO. PÁG. 22 NÃO SABÍAMOS QUANDO ERA DIA OU QUANDO VOLTAVA A NOITE, PORQUE SOMBRAS PERENES RODEAVAM AS HORAS QUE VIVÍAMOS. PERDÊRAMOS A NOÇÃO DO TEMPO. PÁG. 22

50 IGUALMENTE IGNORÁVAMOS EM QUE LOCAL NOS ENCONTRÁVAMOS, QUE SIGNIFICAÇÃO TERIA NOSSA ESPANTOSA SITUAÇÃO PÁG. 23

51 PROCURÁVAMOS ENTÃO FUGIR DO LOCAL MALDITO PARA VOLTARMOS AOS NOSSOS LARES; E O FAZÍAMOS DESABALADAMENTE, EM INSANAS CORRERIAS DE LOUCOS FURIOSOS! CORRENTES IRRESISTÍVEIS, COMO IMÃS PODEROSOS, ATRAÍAM-NOS DE VOLTA AO TUGÚRIO SOMBRIO... PÁG. 23

52 COMO SE FANTÁSTICOS ESPELHOS PERSEGUÍSSEM OBSESSORAMENTE NOSSAS FACULDADES, LÁ SE REPRODUZIA A VISÃO MACABRA: - O CORPO A SE DECOMPOR SOB O ATAQUE DOS VIBRIÕES ESFAIMADOS... NOSSO CORPO, QUE ERA CARCOMIDO LENTAMENTE, SOB NOSSAS VISTAS ESTUPEFATAS! PÁG.24

53 DOIAM EM NOSSA CONFIGURAÇÃO ASTRAL AS PICADAS MONSTRUOSAS DOS VERMES! ENFURECIA-NOS ATÉ À DEMÊNCIA A MARTIRIZANTE REPERCUSSÃO QUE LEVAVA NOSSO PERISPÍRITO, AINDA ANIMALIZADO E PROVIDO DE ABUNDANTES FORÇAS VITAIS, A REFLETIR O QUE SE PASSAVA COM O SEU ANTIGO ENVOLTÓRIO LIMOSO PÁG. 24

54 1.PERIODICAMENTE, SINGULAR CARAVANA VISITAVA O VALE; 2. ERAM ESPÍRITOS QUE ESTENDIAM A FRATERNIDADE ATÉ AQUELE LOCAL DE SOFRIMENTO; 3. VINHAM À PROCURA DAQUELES QUE JÁ ESTAVAM EM CONDIÇÕES DE SEREM SOCORRIDOS; 4. TRAJAVAM-SE DE BRANCOS E APRESENTAVAM-SE EM COLUNAS RIGOROSAMENTE DISCIPLINADAS; 5. SENHORAS FAZIAM PARTE DA CARAVANA; PÁG. 27 e 28

55 6. PEQUENO PELOTÃO DE LANCEIROS E MILICIANOS PROTEGIAM OS VISITADORES; 7. ENTRAVAM NAS CAVERNAS E EXAMINAVAM OS HABITANTES; 8. RETIRAVAM OS QUE ESTAVAM EM CONDIÇÕES DE RECEBEREM O AUXÍLIO; 9. COLOCAVAM-NOS EM MACAS; 10. VOZ GRAVE COMANDAVA A OPERAÇÃO, CHAMANDO OS PACIENTES OU INDICANDO AS CAVERNAS ONDE SE ENCONTRAVAM. PÁG. 27 e 28

56 1.AS MACAS ERAM TRANSPORTADAS CUIDADOSAMENTE E ABRIGADAS NO INTERIOR DE GRANDES VEÍCULOS; 2. ESSES COMBOIOS SE COMPUNHAM DE PEQUENAS DILIGÊNCIAS ATADAS UMA ÀS OUTRAS; 3. PERSIANAS MUITO ESPESSAS IMPEDIAM AO PASSAGEIRO VER POR ONDE TRANSITAVA. PÁG. 29

57 ... INGRESSAR ALI JÁ SERÁ ESTAR O DELINQUENTE MAIS OU MENOS AMPARADO, PORQUE SOB NOSSA ASSISTÊNCIA E VIGILÂNCIA, EMBORA OCULTA, REGISTRADO NOS ASSENTAMENTOS DA COLÔNIA COMO CANDIDATO A FUTURA HOSPITALIZAÇÃO PÁG.215

58 TERCEIRA AULA TÍTULO: A COLÔNIA CORREICIONAL LEGIÃO DOS SERVOS DE MARIA E OS TRATAMENTOS NO HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ SUMÁRIO: I-A COLÔNIA CORREICIONAL: O DEPARTAMENTO DE VIGILÂNCIA; A TORRE DE VIGIA; O DEPARTAMENTO HOSPITALAR; O HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ; O MANICÔMIO; O ISOLAMENTO; O DEPARTAMENTO DE REENCARNAÇÃO; A CIDADE UNIVERSITÁRIA; II-OS TRATAMENTOS NO HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ AUXÍLIO DOS ENFERMO; MAGNETISMO; EDUCAÇÃO MENTAL

59 TERCEIRA AULA TÍTULO: A COLÔNIA CORREICIONAL LEGIÃO DOS SERVOS DE MARIA E OS TRATAMENTOS NO HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ SUMÁRIO: II-OS TRATAMENTOS NO HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ EXAME DOS ATOS PASSADOS; PRECE PARA OS SUICIDAS; SURPRESA; ACONTECIMENTO RARO; DISCÍPULOS DE ALLAN KARDEC; CARAVANAS FRATERNAS; VISITAS DE ENTES QUERIDOS; REUNIÕES DE ESTUDOS; COMENTÁRIOS SOBRE O SUICÍDIO; EXAME DOS PRÓPRIOS ATOS; EDUCAÇÃO PARA O FUTURO; ATENDIMENTO NO CENTRO ESPÍRITA DO BRASIL; ESCOLHA DOS MÉDIUNS;

60 TERCEIRA AULA TÍTULO: A COLÔNIA CORREICIONAL LEGIÃO DOS SERVOS DE MARIA E OS TRATAMENTOS NO HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ SUMÁRIO: II-OS TRATAMENTOS NO HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ EXAMES E AJUDA AOS MÉDIUNS; CUIDADOS DA ESPIRITUALIDADE SUPERIOR; PROTEÇÃO AO CENTRO ESPÍRITA; ACAMPADOS NO AMBIENTE TERRESTRE; COLABORADOR DA LEGIÃO.

61 1 1. DEPARTAMENTO DE VIGILÂNCIA 1.1 A TORRE DE VIGIA DEPARTAMENTO HOSPITALAR 2.1 HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ; 2.2 O MANICÔMIO; 2.3 O ISOLAMENTO

62 3 3. DEPARTAMENTO DE REENCARNAÇÃO 4 4. A CIDADE UNIVERSITÁRIA OBS.: OBS.: PODEMOS VISUALIZAR A COLÔNIA COMO UM PAÍS E OS DEPARTAMENTOS COMO OS ESTADOS DESSE PAÍS.

63 1.SEVERO CONJUNTO DE MURALHAS FORTIFICADAS PROTEGIA A ENTRADA; 2. PESADA FORTALEZA SE ELEVAVA IMPONDO RESPEITABILIDADE E TEMOR; 3. ERA UMA REGIÃO TRISTE E DESOLADA, ENVOLVIDA EM NEBLINAS; 4. NÃO FALTAVA À FORTALEZA NEM MESMO A DEFESA EXTERIOR DE UM FOSSO; 5.ERA UMA CIDADE MOVIMENTADÍSSIMA; PÁG 54, 55 e 56

64 6. EDIFÍCIOS SOBERBOS IMPUNHAM-SE À APRECIAÇÃO, APRESENTANDO O FORMOSO ESTILO PORTUGUÊS CLÁSSICO; 7.CASAS RESIDENCIAIS ALINHAVAM-SE GRACIOSAS; 8.ALI, TODOS OS RETIRADOS DO VALE SÃO RECONHECIDOS E MATRICULADOS COMO INTERNOS DA COLÔNIA. PÁG 54, 55 e 56

65 1.É DEPENDÊNCIA DO DEPARTAMENTO DE VIGILÂNCIA, EMBORA COM DIREÇÃO AUTÁRQUICA; 2. É SEU DEVER COMBATER OS ESPÍRITOS NOCIVOS E PERTURBADORES QUE QUEREM INVADIR A COLÔNIA; 3. POSSUI APARELHOS SOFISTICADOS PARA DEFESA DA COLÔNIA E ACOMPANHAMENTO DOS SUCESSOS DESENROLADOS NO VALE; 4.ALI ESTÃO LOCALIZADAS AS PRISÕES DA COLÔNIA; PÁG 205 a 226

66 5.A TORRE MANTÉM VIGILÂNCIA INCANSÁVEL, RIGOROSA, MINUCIOSA, POIS A COLÔNIA PODE RECEBER AS VIBRAÇÕES PERTURBADORAS VINDAS DA TERRA; 6. A TORRE ERA DIRIGIDA PELO PADRE ANSELMO DE SANTA MARIA; 7. TELAS LUMINOSAS COLOSSAIS RETRATAVAM ACONTECIMENTOS E CENAS OCORRIDOS A IMENSURÁVEIS DISTÂNCIAS; PÁG 205 a 226

67 8. APARELHOS PERMITIAM ESTUDAR A SEQUÊNCIA DE UMA EXISTÊNCIA HUMANA OU AS AÇÕES DE UM ESPÍRITO NO PLANO INVISÍVEL; 9. É O QUARTEL DO REGIMENTO DE MILICIANOS E LANCEIROS PÁG 205 a 226

68 IMENSO PARQUE AJARDINADO SURPREENDEU-NOS PARA ALÉM DOS MARCOS, ENQUANTO AMPLOS EDIFÍCIOS SE ELEVAVAM EM LOCAIS APRAZÍVEIS DA SITUAÇÃO. PADRONIZANDO SEMPRE O ESTILO PORTUGUÊS CLÁSSICO, ESSES EDIFÍCIOS APRESENTAVAM MUITA BELEZA E AMPLAS SUGESTÕES COM SUAS ARCADAS, COLUNAS, TORRES, TERRAÇOS, ONDE FLORES TREPADEIRAS SE ENROSCAVAM ACENTUANDO AGRADÁVEL ESTÉTICA SEMELHANTE LOCALIDADE, NÃO OBSTANTE INSULSA, GRAÇAS À INALTERÁVEL BRANCURA, APARECIA COMO SUPREMA ESPERANÇA DE REDENÇÃO. IMENSO PARQUE AJARDINADO SURPREENDEU-NOS PARA ALÉM DOS MARCOS, ENQUANTO AMPLOS EDIFÍCIOS SE ELEVAVAM EM LOCAIS APRAZÍVEIS DA SITUAÇÃO. PADRONIZANDO SEMPRE O ESTILO PORTUGUÊS CLÁSSICO, ESSES EDIFÍCIOS APRESENTAVAM MUITA BELEZA E AMPLAS SUGESTÕES COM SUAS ARCADAS, COLUNAS, TORRES, TERRAÇOS, ONDE FLORES TREPADEIRAS SE ENROSCAVAM ACENTUANDO AGRADÁVEL ESTÉTICA SEMELHANTE LOCALIDADE, NÃO OBSTANTE INSULSA, GRAÇAS À INALTERÁVEL BRANCURA, APARECIA COMO SUPREMA ESPERANÇA DE REDENÇÃO. PÁG 59

69 COMO TÃO BEM INDICAVA A SUA DENOMINAÇÃO, O MANICÔMIO RECOLHIA AS INDIVIDUALIDADES CUJO ESTADO MENTAL EXCESSIVAMENTE DEPRIMIDO PELAS REPERCUSSÕES ORIGINADAS DO EFEITO DO SUICÍDIO LHES IMPOSSIBILITASSE A FACULDADE DE RACIOCINAR NORMALMENTE. PÁG 246

70 ... PODE-SE MESMO AFIRMAR QUE O ISOLAMENTO ERA ESPECIALIZADO NOS CASOS SENTIMENTAIS ENCONTRAMOS, ALI, OS MAIS VARIADOS CASOS DE SUICIDIOS SENTIMENTAIS. A DIREÇÃO INTERNA DO ISOLAMENTO ACHAVA-SE CONFIADA A UM SACERDOTE CATÓLICO. PÁG 274/276

71 1.SITUAVA-SE EM METRÓPOLE MOVIMENTADÍSSIMA, ONDE SE ELEVAVAM SOBERBOS EDIFÍCIOS EM ESTILO HINDU. 2. IMPRIMIA-SE NO AMBIENTE A BELEZA GRAVE E SACROSSANTA DO INVISÍVEL. 3. LOCALIZA-SE NO EXTREMO DA COLÔNIA, LIMITANDO-SE COM AS REGIÕES PROPRIAMENTE CONSIDERADAS ESPIRITUAIS, OU ZONA EDUCACIONAL. 4.TEM SEÇÕES ESPECIALIZADAS: RECOLHIMENTO; ANÁLISE; PROGRAMAÇÃO; PESQUISA; PLANEJAMENTO DE CORPOS FÍSICOS; LABORATÓRIO DE RESTRINGIMENTO. PÁG 311 a 324

72 1.TRATA-SE DE MAGNÍFICA METRÓPOLE TAMBÉM EM ESTILO HINDU. 2. EDIFÍCIOS SOBERBOS, AVENIDAS IMENSAS, ARVOREDOS MAJESTOSOS, LAGOS ORLADOS DE TUFOS FLORIDOS E PERFUMOSOS. 3. A PAISAGEM ERA ALEGRE E COLORIDA. 4. ESCOLAS SOBERBAS SE ELEVAVAM NO AMBIENTE, ESTAMPANDO LETREIROS DESCRITIVOS DOS ENSINAMENTOS QUE MINISTRAM: MORAL, FILOSOFIA, CIÊNCIA, PSICOLOGIA, PEDAGOGIA, COSMOGONIA, ESPERANTO. 5.A MÃE DE JESUS ORDENOU A SUA CRIAÇÃO PARA PROPORCIONAR A NECESSÁRIA PREPARAÇÃO PARA OS QUE BUSCAM A INDISPENSÁVEL REABILITAÇÃO. PÁG. 414/417

73 NO HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ O ENFERMO, RODEADO DAS EMANAÇÕES MENTAIS REVIVIFICANTES DE SEUS TUTELARES E DIRIGENTES, VISITADOS POR ONDAS MAGNÉTICAS SALUTARES E GENEROSAS, QUE VISAVAM A BENEFICIÁ-LO, DEVERIA AUXILIAR O TRATAMENTO CONSERVANDO-SE SILENCIOSO, SEM JAMAIS SE ENTRETER EM CONVERSAÇÕES DE ASSUNTOS PESSOAIS. PÁG. 77

74 NO DIA IMEDIATO AO DA NOSSA INTERNAÇÃO NO MAGNO INSTITUTO DO ASTRAL, PASSAMOS A SER DIARIAMENTE LEVADOS AOS GABINETES CLÍNICO- PSÍQUICOS ONDE ERA MINISTRADO TRATAMENTO MAGNÉTICO MUITO EFICIENTE... AS REGIÕES JÁ CITADAS DO MEU PERISPÍRITO RECEBERAM SONDAGENS DE LUZ, BANHOS DE PROPRIEDADES MAGNÉTICAS, BÁLSAMOS QUINTESSENCIADOS, INTERVENÇÕES DE SUBSTÂNCIAS LUMINOSAS EXTRAÍDAS DOS RAIOS SOLARES. PÁG. 116 e 80

75 ENTRE OS ESFORÇOS QUE NOS SUGERIAM EMPREENDER, DESTACAVA-SE O EXERCÍCIO DA EDUCAÇÃO MENTAL NO TOCANTE À NECESSIDADE DE VARRER DAS NOSSAS IMPRESSÕES O DRAMÁTICO E APAVORANTE HÁBITO, TORNADO TREJEITO NERVOSO E ALUCINADO, DE NOS SOCORRERMOS A NÓS PRÓPRIOS, NA ANSIA CONTUMAZ DE NOS ALIVIAR-NOS DO SOFRIMENTO FÍSICO QUE O GÊNERO DE MORTE PROVOCARA. PÁG. 118/119

76 O QUE NÃO NOS DEIXAVAM DÚVIDAS, POR SE IMPOR À EVIDÊNCIA, ERA QUE ATRAVESSAVAM NOSSO PENSAMENTO COM OS PODERES MENTAIS QUE POSSUIAM, DEVASSAVAM NOSSO CARÁTER, EXAMINANDO NOSSA PERSONALIDADE MORAL A FIM DE DELIBERAREM SOBRE A CORRIGENDA MAIS ACERTADA... NOSSOS MENORES ATOS PRETÉRITOS VOLTAVAM DOS PÉLAGOS TREVOSOS EM QUE JAZIAM PARA SE AVIVENTAREM À NOSSA PRESENÇA, NITIDAMENTE IMPRESSOS EM NÓS MESMOS!... PÁGS. 117/118

77 EXISTIA EM CADA DORMITÓRIO CERTO APARELHAMENTO DELICADÍSSIMO, ESTRUTURADO EM SUBSTÂNCIAS ELETROMAGNÉTICAS, QUE, ACUMULANDO POTENCIALIDADE INAVALIÁVEL DE ATRAÇÃO, SELEÇÃO, REPRODUÇÃO E TRANSMISSÃO, ESTAMPAVA EM REGIÃO ESPELHENTA, QUE LHE ERA PARTE INTEGRANTE, QUAISQUER IMAGENS E SONS QUE BENÉVOLA E CARIDOSAMENTE NOS FOSSEM DIRIGIDOS... PÁGS. 83/84

78 ... ÉRAMOS IMEDIATAMENTE INFORMADOS POR LUMINOSIDADE REPENTINA, QUE, TRADUZINDO O BALBUCIO DA ORAÇÃO, REPRODUZIA TAMBÉM A IMAGEM DA PERSONALIDADE OPERANTE PESSOAS A QUEM NEM SEMPRE DISTINGUÍRAMOS COM AFEIÇÃO E DESVELO SE APRESENTAVAM FREQUENTEMENTE AO ESPELHO MAGNÉTICO, ENQUANTO OUTRAS, QUE DE NOSSOS CORAÇÕES OBTIVERAM AS MÁXIMAS SOLICITUDES, RARAMENTE MITIGAVAM AS ASPEREZAS DA NOSSA ÍNTIMA SITUAÇÃO COM AS BLANDÍCIAS SANTIFICANTES DA PRECE! PÁG. 84

79 INFELIZMENTE PARA NÓS, PORÉM, TAL ACONTECIMENTO, QUE TANTO AMENIZARIA AS AGRURAS DA SOLIDÃO EM QUE VIVÍAMOS; QUE SERIA COMO REFRIGERANTE SERENO SOBRE AS ESCALDANTES SAUDADES QUE NOS COMBALIAM A MENTE E O CORAÇÃO, ERA RARÍSSIMO NA QUASE TOTALIDADE DO HOSPITAL, REFERÊNCIA ÀS AFEIÇÕES DEIXADAS NA TERRA, POIS QUE O GENIAL APARELHO SÓ ERA SUSCEPTÍVEL DE REGISTRAR AS INVOCAÇÕES SINCERAS... PÁG. 84

80 DA TERRA, TODAVIA, NÃO ERAM RARAS AS VEZES QUE DISCÍPULOS DE ALLAN KARDEC, PROCURANDO PAUTAR ATITUDES POR DIRETRIZES CRISTÃS, SE CONGREGAVAM PERIODICAMENTE EM GABINENTES SECRETOS, TAIS COMO OS ANTIGOS INICIADOS NO SEGREDO DOS SANTUÁRIOS; E, RESPEITOSOS, OBEDECENDO A IMPULSOS FRATERNOS POR AMOR AO CRISTO DIVINO, EMITIAM PENSAMENTOS CARIDOSOS EM NOSSO FAVOR, VISITANDO-NOS FREQUENTEMENTE ATRAVÉS DE CORRENTES MENTAIS VIGOROSAS QUE A PRECE SANTIFICAVA... PÁG. 85

81 CARAVANAS FRATERNAS, DE ESPÍRITOS EM ESTUDO E APRENDIZADOS BENEFICENTES, ASSISTIDAS POR MENTORES EMÉRITOS, PENETRAVAM NOSSA TRISTONHA REGIÃO, PROVINDAS DE ZONAS ESPIRITUAIS MAIS FAVORECIDAS, A FIM DE TRAZER A SUA PIEDOSA SOLIDARIEDADE, EM VISITAÇÕES QUE MUITO NOS DESVANECIAM. PÁG. 85

82 SÓ MUITO MAIS TARDE NOS FOI OUTORGADA A SATISAFAÇÃO DE RECEBER AS VISITAS DOS ENTES QUERIDOS QUE NOS HAVIAM PRECEDIDO NO TÚMULO. MESMO ASSIM, PORÉM, DEVERÍAMOS CONTENTAR-NOS COM APROXIMAÇÕES RÁPIDAS, POIS O SUICIDA ESTÁ PARA A VIDA ESPIRITUAL COMO O SENTENCIADO PARA A SOCIEDADE TERRENA: NÃO TEM REGALIAS NORMAIS... PÁG. 85

83 O SEGUNDO ACONTECIMENTO QUE, A PAR DO QUE ACABAMOS DE NARRAR, IMPÔS-SE MARCANDO ETAPA DECISIVA EM NOSSOS DESTINOS, TEVE INÍCIO NO HONROSO CONVITE QUE RECEBEMOS DA DIRETORIA DO HOSPITAL PARA ASSISTIRMOS A UMA REUNIÃO ACADÊMICA, DE ESTUDOS E EXPERIMENTAÇÕES PSÍQUICAS. PÁG. 114

84 ENTRETANTO, O QUE MAIS SURPREENDIA ERA QUE, NA TELA FOSFORESCENTE A QUAL SE LIGAVA, IAM-SE REPRODUZINDO AS CENAS EVOCADAS PELO PACIENTE, FATO EMPOLGANTE QUE A ELE PRÓPRIO, COMO A ASSISTÊNCIA, FACULTAVA A POSSIBILIDADE DE VER, DE PRESENCIAR TODO O AMARO DRAMA QUE PRECEDEU O SEU ATO DESESPERADOR.... ENQUANTO O PRIMEIRO OPERADOR AUXILIAVA O PACIENTE A EXTRAIR AS PRÓPRIAS RECORDAÇÕES, O SEGUNDO COMENTAVA-AS EXPLICANDO OS ACONTECIMENTOS EM TORNO DO SUICÍDIO, ANTES E DEPOIS DE CONSUMADO... PÁG. 124

85 NOS DIAS SUBSEQUENTES, DURANTE AS MESMAS REUNIÕES FOMOS LEVADOS A EXAMINAR, COM MINÚCIAS PENOSÍSSIMAS, OS ATOS ERRÔNEOS PRATICADOS NO TRANSCURSO DA EXISTÊNCIA QUE HAVÍAMOS DESTRUÍDO, OBSERVANDO O EMARANHADO DE PREJUÍZOS MORAIS, MENTAIS, EDUCATIVOS, SOCIAIS, MATERIAIS QUE NOS ARRASTARAM AO DETESTÁVEL RESULTADO A QUE CHEGÁRAMOS. PÁGS. 128/129

86 DEPOIS DE TÃO COMPLEXOS EXAMES VOLTÁVAMOS A NOVAS REUNIÕES A FIM DE APRENDERMOS COMO DE PREFERÊNCIA DEVÍAMOS TER AGIDO PARA EVITAR O SUICÍDIO, QUAIS DEVERIAM TER SIDO OS ATOS DIÁRIOS, OS EMPREENDIMENTOS, PARA NÃO NOS AFASTARMOS DO RACIOCÍNIO INSPIRADO NO DEVER, NA FÉ EM NÓS MESMOS E NO PATERNAL AMOR DE DEUS!... ESSAS INSTRUÇÕES REPETIAM-SE BISSEMANALMENTE HAVENDO OS DIGNOS MENTORES A ELA ADICIONADO PROVEITOSAS PALESTRAS ELUCIDATIVAS. PÁG. 129/130

87 NÃO OBSTANTE A EFICIÊNCIA DE MÉTODOS TÃO APRECIÁVEIS, MESMO NO RECINTO DO HOSPITAL E, MAIS AINDA, ENTRE OS ASILADOS DO ISOLAMENTO E DO MANICÔMIO, EXISTIAM AQUELES QUE NÃO HAVIAM CONSEGUIDO RECONHECER AINDA A PRÓPRIA SITUAÇÃO COM A CONFIANÇA QUE ERA DE ESPERAR. PERMANECIAM ATORDOADOS... URGIA DESPERTÁ-LOS. URGIA CHOCÁ-LOS COM A REVIVESCÊNCIA DE VIBRAÇÕES ANIMALIZADAS A QUE ESTAVAM HABITUADOS... COUBE AO BRASIL A PREFERÊNCIA, DADA A VARIEDADE DE ORGANIZAÇÕES CIENTÍFICAS ONDE O SENSO RELIGIOSO E A FÚLGIDA MORAL CRISTÃ CONSOLIDAVAM O IDEAL DE AMOR E FRATERNIDADE... PÁGS. 136/137

88 ... O ENCARGO DEVERIA DISTINGUIR-SE POR VOLUNTÁRIO, REALIZADO SEM CONSTRANGIMENTOS DE NENHUMA ESPÉCIE, ESTRIBANDO-SE NA CONFIANÇA E NO SINCERO DESEJO DO BEM. ASSIM SE REALIZARAM AS PRIMEIRAS CONFABULAÇÕES EM DOZE POVOAÇÕES VISITADAS, SENDO OS CONVITES APRESENTADOS A VINTE MÉDIUNS DE AMBOS OS SEXOS... APENAS QUATRO SENHORAS, HUMILDES, BONDOSAS... OFERECERAM INCONDICIONAL E ABNEGADAMENTE SEUS PRÉSTIMOS AOS EMISSÁRIOS DA LUZ... DOS REPRESENTANTES MASCULINOS APENAS DOIS AQUIESCERAM, SEM RASGOS DE LEGÍTIMA ABNEGAÇÃO, É CERTO, MAS FIÉIS AOS COMPROMISSOS DE QUE SE INVESTIRAM... PÁG. 141

89 SEGUIRAM-SE OS INDISPENSÁVEIS EXAMES DA ORGANIZAÇÃO ASTRAL E ENVOLTÓRIO MATERIAL DOS QUE SE COMPROMETERAM AO ALTO MANDATO. À BEIRA DE SEUS LEITOS INSPEÇÃO MINUCIOSA FOI EFETIVADA EM SEUS FARDOS CARNAIS. O VIGOR CEREBRAL, AS ATIVIDADES CARDÍACAS, A HARMONIA DA CIRCULAÇÃO, O ESTADO GERAL DAS VÍSCERAS E O SISTEMA NERVOSO, E ATÉ AS FUNÇÕES GÁSTRICAS, RENAIS E INTESTINAIS FORAM CUIDADOSAMENTE INVESTIGADAS. AS DEFICIÊNCIAS PORVENTURA OBSERVADAS SERIAM A TEMPO REPARADAS POR AÇÃO FLUÍDICA E MAGNÉTICA... PASSARAM EM SEGUIDA À VISTORIA DO PERISPÍRITO. CONDUZIDOS A UM DOS POSTOS DE EMERGÊNCIA E SOCORRO, MANTIDOS PELA COLÔNIA, NAS PROXIMIDADES DA TERRA... FORAM OS ESPÍRITOS DOS SEIS MÉDIUNS MINUCIOSAMENTE INSTRUÍDOS... EXAMINADOS... ANALISADOS... CORRIGIDOS OS EXCESSOS OU DEFICIÊNCIAS.... PASSARAM EM SEGUIDA À VISTORIA DO PERISPÍRITO. CONDUZIDOS A UM DOS POSTOS DE EMERGÊNCIA E SOCORRO, MANTIDOS PELA COLÔNIA, NAS PROXIMIDADES DA TERRA... FORAM OS ESPÍRITOS DOS SEIS MÉDIUNS MINUCIOSAMENTE INSTRUÍDOS... EXAMINADOS... ANALISADOS... CORRIGIDOS OS EXCESSOS OU DEFICIÊNCIAS.... PÁG. 141/142

90 DA VIGILÂNCIA, TURMAS DE OPERÁRIOS E TÉCNICOS PARTIRAM AO ALVORECER, CONDUZINDO APARELHAMENTOS NECESSÁRIOS AO IMPORTANTE TRABALHOS A REALIZAR-SE ÀS PRIMEIRAS HORAS DA NOITE. Pág. 143

91 FICOU, ASSIM, CIRCULADA POR MILICIANOS HINDUS, QUE SE DIRIAM INVENCÍVEL BARREIRA, A CASA HUMILDE, SEDE DO CENTRO ESPÍRITA ESCOLHIDO PARA A PRIMEIRA ETAPA, ENQUANTO O EMBLEMA RESPEITÁVEL DA LEGIÃO FOI ARVORADO NO ALTO DA FACHADA PRINCIPAL... UMA VEZ QUE A NOBRE AGREMIAÇÃO FORA TEMPORARIAMENTE CEDIDA ÀQUELA INSIGNE E BENEMÉRITA CORPORAÇÃO ESPIRITUAL.... PÁG. 143

92 NOS INTERVALOS QUE SE SEGUIAM DE UMA REUNIÃO A OUTRA NÃO VOLTÁVAMOS AO NOSSO ABRIGO DA ESPIRITUALIDADE. PERMANECÍAMOS ANTES NO PRÓPRIO AMBIENTE TERRESTRE, EM VIRTUDE DE SER A VIAGEM A EMPREENDER EXCESSIVAMENTE DIFICULTOSA PARA GRUPO NUMEROSO E PESADO, TAL COMO O NOSSO, PODER REPETI- LA EM TRANSITTO DIÁRIO. ASSIM FOI QUE FICAMOS ENTRE OS HOMENS CERCA DE DOIS MESES. PÁG. 168

93 OS MÉDIUNS, E DEMAIS INICIADOS CRISTÃOS ENCARNADOS, COMISSIONADOS PELO INSTITUTO MARIA DE NAZARÉ, MERECIAM A SUA CONFIANÇA E ESTAVAM SOB A SUA VIGILÂNCIA ATÉ FINDAREM OS COMPROMISSOS QUE HAVIAM ASSUMIDO COM OS SEUS DIRETORES. MUITAS VEZES PORÉM ESSA VIGILÂNCIA ESTENDIA-SE POR TEMPO INDETERMINADO, PASSANDO O APRENDIZ TERRENO A FAZER PARTE DA FALANGE DE TRABALHADORES DA COLÔNIA, O QUE SERÁ O MESMO QUE DIZER QUE SE TORNAVA COLABORADOR DA MAGNA LEGIÃO DOS SERVOS DE MARIA. PÁG. 172

94 QUARTA AULA TÍTULO: A TRAJETÓRIA DE CAMILO E SEUS COMPANHEIROS NO MUNDO ESPIRITUAL SUMÁRIO: O DESENCARNE DE CAMILO E O INGRESSO NO VALE; OS COMPANHEIROS DE CAMILO; MÁRIO SOBRAL; BELARMINO DE QUEIROZ E SOUZA; JERÔNIMO DE ARAÚJO SILVEIRA; JOÃO DAZEVEDO; A TRISTE EXPERIÊNCIA DE JERÔNIMO DE ARAÚJO SILVEIRA; QUANTO TEMPO PERMANECEU NO VALE?; NO HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ; AS VISITAS DE INSTRUÇÃO AOS DIVERSOS DEPARTAMENTOS DA COLÔNIA;

95 QUARTA AULA TÍTULO: A TRAJETÓRIA DE CAMILO E SEUS COMPANHEIROS NO MUNDO ESPIRITUAL SUMÁRIO: O PAVILHÃO INDIANO; A VISITA À TERRA; CAMILO NO BRASIL; O REENCARNE DE JERÔNIMO DE ARAÚJO SILVEIRA; CONQUISTARAM A LIBERDADE DE ESCOLHA; O REENCARNE DE MÁRIO SOBRAL; OS CURSOS NA MANSÃO DA ESPERANÇA; TRABALHADOR DO HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ; NOTÍCIAS DOS COMPANHEIROS; É PRECISO REENCARNAR.

96 COMO VIMOS NA PRIMEIRA AULA, CAMILO CASTELO BRANCO DESENCARNOU EM 1º DE JUNHO DE 1890 QUANTO AO SEU INGRESSO NO VALE DOS SUICIDAS, ELE PRÓPRIO NOS RELATA, NO CAPÍTULO PRIMEIRO DO LIVRO: PRECISAMENTE NO MÊS DE JANEIRO DO ANO DA GRAÇA DE 1891, FORA EU SURPREENDIDO COM MEU APRISIONAMENTO EM REGIÃO DO MUNDO INVISÍVEL… PORTANTO, CAMILO PERAMBULOU PELAS RUAS DA CIDADE E PELO CEMITÉRIO DURANTE SETE MESES.

97 EU COMPARTILHAVA O MESMO ANTRO RESIDENCIAL DE QUATRO OUTROS INDIVÍDUOS, COMO EU PORTUGUESES, E, NO DECORRER DO LONGO MARTÍRIO EM COMUM, TORNÁRAMO-NOS INSEPARÁVEIS, À FORÇA DE SOFRERMOS JUNTOS NO MESMO TUGÚRIO DE DOR CONFESSO QUE, ENTÃO, APESAR DA LONGA CONVIVÊNCIA, LHES NÃO CONHECIA OS NOMES... ABRIGO NÚMERO 36 DA RUA NÚMERO 48 – ATENÇÃO!... ABRIGO NÚMERO 36 – INGRESSAR NO COMBOIO DE SOCORRO – ATENÇÃO!... CAMILO CÂNDIDO BOTELHO – BELARMINO DE QUEIROZ E SOUZA – JERÔNIMO DE ARAÚJO SILVEIRA – JOÃO DAZEVEDO – MÁRIO SOBRAL – INGRESSAREM NO COMBOIO. PÁGS 50/52

98 MÁRIO TINHA GRANDES OLHOS NEGROS, CABELEIRA REVOLTA, OLHAR ALUCINADO. CURSARA A UNIVERSIDADE DE COIMBRA E RECONHECIA-SE NELE O TIPO BEM ACABADO DO BOÊMIO RICO DE LISBOA. PÁG. 64 OBS.: MATOU A AMANTE E A SEGUIR ENFORCOU-SE

99 BELARMINO ERA ALTO E SECO, MUITO ELEGANTE E FINO DE MANEIRAS. DIZIA-SE RICO E VIAJADO, PROFESSOR DE DIALÉTICA, DE FILOSOFIA E MATEMÁTICA, E POLIGLOTA... DISCÍPULO DE AUGUSTO CONTE, A FILOSOFIA LEVOU- ME AO MATERIALISMO... O MÓVEL DA MINHA TENTATIVA DE SUICÍDIO... FOI A PERDA DA SAÚDE VI A TUBERCULOSE APOSSAR-SE DE MEU ORGANISMO. PÁGS. 68 e 70

100 ERA O MAIS IMPACIENTE E PRETENSIOSO DENTRE OS DEZ, MAIS INCOERENTE E REVOLTADO.... FUI, ISTO É, SOU! EU SOU, POIS NÃO MORRI! – CATÓLICO MILITANTE, IRMÃO REMIDO DA ORDEM DA VENERÁVEL IRMANDADE DA SANTÍSSIMA TRINDADE DE LISBOA, COM DIREITOS A BÊNÇÃOS E INDULGÊNCIAS ESPECIAIS... FUI IMPORTADOR E EXPORTADOR DE VINHOS... QUANDO SE ME DEPAROU A RUÍNA DOS MEUS NEGÓCIOS COMERCIAIS... FRAQUEJEI NA CORAGEM E TENTEI DESERTAR... PÁGS. 65/66

101 POUCOS INFORMES A RESPEITO. CONSTA APENAS QUE DESENCARNOU POR ENVENENAMENTO, APÓS PERDER TUDO NO JOGO, PELO QUAL TINHA VERDADEIRA PAIXÃO. PÁGS. 62 e 72

102 1. COMO OBSERVOU CAMILO, JERÔNIMO ERA O MAIS REVOLTADO DO GRUPO; 2. NÃO SE CONFORMAVA EM NÃO RECEBER NOTÍCIAS DOS SEUS FAMILIARES QUE FICARAM NA TERRA (ESPOSA, TRÊS FILHAS E UM FILHO); PÁGS 83/113

103 3. PEDIU PARA VISITAR A FAMÍLIA E, APESAR DE ADVERTIDO DA INCONVENIÊNCIA DA MEDIDA, INSISTIU TANTO QUE LHE FOI PERMITIDA A LIBERDADE DE AÇÃO, COM A ADVERTÊNCIA FINAL DE QUE COMETERIA FALTA GRAVE; 4. JERÔNIMO TOMA CONHECIMENTO DA DRAMÁTICA SITUAÇÃO DA FAMÍLIA: O FILHO ESTAVA RECOLHIDO À PENITENCIÁRIA, COMO CRIMINOSO COMUM; A MULHER SE PROSTITUIRA, ARRASTANDO CONSIGO A FILHA CAÇULA; OUTRA FILHA ESTAVA CASADA COM UM MARIDO EBRIO E BOÇAL, SOBRECARREGADA DE FILHOS ENFERMIÇOS E A ÚLTIMA FILHA LAVAVA CHÃO EM HOTÉIS DE QUINTA CATEGORIA; PÁGS 83/113

104 5. JERÔNIMO RECEBEU O IMPACTO DAS VIBRAÇÕES SOMBRIAS E CAUSTICANTES DOS PENSAMENTOS DOS FILHOS LAMENTANDO O SEU SUICÍDIO; 6. JERÔNIMO ENTREGOU-SE À ALUCINAÇÃO, COMPLETAMENTE INFLUENCIADO PELA LOUCURA DA INCONFORMIDADE, SENDO AMPARADO PELOS LANCEIROS. PÁGS 83/113

105 1.A VISITA DE JERÔNIMO DE ARAÚJO SILVEIRA À TERRA DEU-SE EM 6 DE NOVEMBRO DE 1903 – PÁG. 102; 2.TAL VISITA ACONTECEU, SEGUNDO CAMILO, LOGO NOS PRIMEIROS DIAS QUE SE SEGUIRAM À NOSSA ADMISSÃO DO MAGNO INSTITUTO DO ASTRAL – PÁG LOGO, CAMILO PERMANECEU NO VALE DOS SUICIDAS POR QUASE 13 ANOS.

106 REUNIMO-VOS A FIM DE LEVAR AO VOSSO CONHECIMENTO QUE SE ENCERRA HOJE O ESTÁGIO QUE ERA PERMITIDO FAZERDES NESTE HOSPITAL... TODAVIA, NÃO SÓ AINDA NÃO VOS ACHAIS CURADOS COMO ATÉ PERMANECEIS ENFERMOS VOSSA PERMANÊNCIA NESTE DEPARTAMENTO FOI COMO O CURSO PREPARATÓRIO PARA A ADMISSÃO EM PLANOS ONDE SERÁ PRECISO QUE DEMONSTREIS TODO O VALOR E BOA-VONTADE DE QUE SOIS CAPAZES! DENTRE TANTOS QUE CONVOSCO AQUI INGRESSARAM HÁ TRÊS ANOS, MUITOS CONTINUAM EM CONDIÇÕES DE ABSOLUTAMENTE NADA PODEREM, POR ENQUANTO, TENTAR... PÁGS. 189, 191 e 193

107 ANTES DE DEMANDARDES A TERRA SÓIS CONVIDADOS A UMA VISITA DE INSTRUÇÃO AOS DEPARTAMENTOS QUE COMPÕEM OS PRIMEIROS PLANOS DO NOSSO INSTITUTO. NADA PERDEREIS COM OS ESCLARECIMENTOS QUE PODERÃO SER FORNECIDOS PELA VIGILÂNCIA, ASSIM TAMBÉM AS DEPENDÊNCIAS DO DEPARTAMENTO HOSPITALAR, ISTO É, O ISOLAMENTO, O MANICÔMIO, E AINDA O DEPARTAMENTO DE REENCARNAÇÃO E SUAS INTERESSANTES SEÇÕES... PÁG. 195

108 NA MANHÃ SEGUINTE, MUDAMOS DE RESIDÊNCIA. JOEL CONDUZIU-NOS A UM PAVILHÃO ANEXADO AO HOSPITAL, ESPÉCIE DE ALBERGUE ONDE SE HOSPEDAVAM OS RECÉM-DESLIGADOS DA GRANDE INSTITUIÇÃO... CHAMAVAM-LHE PAVILHÃO INDIANO OU AINDA MANSÃO DAS ROSAS. PÁG. 196

109 1.OS ORIENTADORES ESPIRITUAIS ORGANIZARAM GRANDE CARAVANA QUE SE DIRIGIU A PORTUGAL (ERAM 30 ALUNOS); 2.CAMILO REVÊ A TERRA NATAL DEZESSEIS ANOS DEPOIS DO SEU DESENCARNE; 3.CAMILO E BELARMINO HOSPEDARAM-SE NA CASA DO ESCRITOR E MÉDIUM FERNANDO DE LACERDA; 4.CAMILO DELIBERA ESCREVER AOS AMIGOS, POR MEIO DE FERNANDO, ALERTANDO-OS SOBRE OS MALEFÍCIOS DO SUICÍDIO. NO ENTANTO, SUAS MENSAGENS SÃO REPELIDAS;

110 5. O ESCRITOR VISITA A SUA ANTIGA CASA, SENTE-SE MAL, DESMAIA E É SOCORRIDO PELOS SEUS PROTETORES ROMEU E ALCESTE; 6. CAMILO ROGA AOS MENTORES PARA VOLTAR AO PAVILHÃO INDIANO, MAS NÃO É ATENDIDO; 7. CAMILO E OUTROS ORGANIZAM UM ASSOCIAÇÃO PARA REALIZAR AÇÕES COMBATIVAS ÀS IDÉIAS DE SUICÍDIO, MAS AS PESSOAS QUE RECEBIAM AS MENSAGENS NEGAVAM-SE A DAR-LHES CRÉDITOS.

111 1.TRANSPORTARAM-SE, ENTÃO, PARA O BRASIL, ESPERANÇOSOS DE QUE AQUI O INTERCÂMBIO FOSSE MAIS FÁCIL E AS MENSAGENS ACEITAS. PORÉM, ENCONTRARAM NO IDIOMA UMA FORTE BARREIRA; 2.FERNANDO VISITA-OS E OS ACONSELHA À PRÁTICA DA CARIDADE NOS HOSPITAIS, NAS PRISÕES, NAS RESIDÊNCIAS HUMILDES, NOS PALÁCIOS, ENFIM, EM QUALQUER LUGAR ONDE HOUVESSEM ALMAS DESESPERADAS PRESTES A DERRAPAREM NO ABISMO DO SUICÍDIO; PÁGS. 371/393

112 3.COMEÇAM, ENTÃO OS TRABALHOS SOCORRISTAS. BELARMINO PROCURA OS ENFERMOS ATACADOS PELA TUBERCULOSE; JOÃO DAZEVEDO DIRIGE-SE AOS ANTROS DE JOGATINA PARA SUGERIR CONSELHOS E ADVERTÊNCIAS AOS POBRES DOMINADOS PELO VÍCIO DO JOGO; CAMILO BUSCA OS CEGOS, NOS HOSPITAIS E NAS RUAS, PARA SOPRAR-LHES BOAS IDÉIAS; MÁRIO SOBRAL VISITAVA OS LUPANARES PROCURANDO DEMOVER A JUVENTUDE DE IDÉIAS DESTRUTIVAS; 4.ASSIM, A COMITIVA VIAJOU PELO INTERIOR DO BRASIL E, DURANTE AS SUAS ATIVIDADES CARITATIVAS, RECEBERAM APOIO E LIÇÕES DE BONÍSSIMOS MENSAGEIROS ESPIRITUAIS, COMO BEZERRA DE MENEZES E BITTENCOURT SAMPAIO. PÁGS. 371/393

113 POR UM DAQUELES DIAS DE ANSIOSA EXPECTAÇÃO, FOMOS SURPREENDIDOS COM A VISITA DO VELHO AMIGO JERÔNIMO DE ARAÚJO SILVEIRA.... POIS QUE NAQUELA MESMA SEMANA ENCAMINHAR-SE-IA PARA O RECOLHIMENTO, A CUIDAR DOS PREPARATIVOS DA REENCARNAÇÃO PRÓXIMA. VIA-SE A AMARGURA TIMBRAR- LHE AS FEIÇÕES, NUM ASPECTO DE ACABRUNHAMENTO INILUDÍVEL... NÃO MAIS TEREI FILHOS JUNTO A MIM! DEIXANDO DE ZELAR PELA FAMÍLIA ATÉ FINAL... COLOQUEI-ME NA DESGRAÇADA SITUAÇÃO DE NÃO CONSEGUIR OPORTUNIDADES, NESSA PRÓXIMA EXISTÊNCIA, DE CONSTITUIR UM LAR E SER NOVAMENTE PAI! PÁGS. 394/395 e 399

114 1.SÃO CONVIDADOS A UMA REUNIÃO DE DESPEDIDA, QUANDO SERIAM DESLIGADOS DO DEPARTAMENTO HOSPITALAR; 2.TEÓCRITO, O DIRETOR-GERAL, COMUNICA-LHES QUE PODEM ESCOLHER ENTRE REENCARNAR IMEDIATAMENTE, CONTINUAR TRABALHANDO NO DEPARTAMENTO HOSPITALAR OU REALIZAR CURSOS PREPARATÓRIOS EM REGIÃO ESPIRITUALMENTE MAIS ELEVADA DA COLÔNIA; 3.MARIO SOBRAL E OUTROS PREFERIRAM O REENCARNE IMEDIATO; CAMILO, JOÃO DAZEVEDO E BELARMINO PREFERIRAM OS ESTUDOS. PÁG. 403/411

115 1. MÁRIO RENASCEU EM UM LUPANAR. FOI ABANDONADO PELA MÃE. 2. RENASCEU SEM AS DUAS MÃOS, ENFERMO E NERVOSO, ATACADO DE ESTRANHA ENFERMIDADE QUE LHE TORTURA A TRAQUÉIA E OS CANAIS FARÍNGEOS; 3. SEM FAMÍLIA, POBRE E MISERÁVEL, ANALFABETO; 4. FOI ENTREGUE A UMA POBRE LAVADEIRA PARA DELE CUIDAR MEDIANTE PROMESSA DE PAGAMENTO; 5. A LAVADEIRA TINHA UMA FILHA DE DEZ ANOS, QUE CUIDOOU DE MÁRIO – TRATAVA-SE DE EULINA, A AMANTE POR ELE ASSASSINADA. PÁGS 412 e 559/564

116 1.CAMILO E SEUS COMPANHEIROS RECEBERAM AS BOAS VINDAS DE IRMÃO SÓSTENES, DIRETOR DA CIDADE ESPERANÇA; 2. SÃO APRESENTADOS AOS NOVOS ORIENTADORES, ENTRE OS QUAIS SE DESTACAM EPAMINONDAS DE VIGO, SOURIA OMAR E ANIBAL DE SILAS; 3. FORAM NOVAMENTE DIVIDIDOS EM TURMAS DE DEZ E PASSARAM A TER AULAS SOBRE MORAL, FILOSOFIA, CIÊNCIA, PSICOLOGIA, PEDAGOGIA, COSMOGONIA E ESPERANTO. PÁGS. 414/460

117 4. ANIBAL DE SILAS FICOU RESPONSÁVEL PELAS AULAS SOBRE O CRISTIANISMO, RESSALTANDO A FIGURA DE JESUS CRISTO, QUE CONHECERA PESSOALMENTE, E A IMPORTÂNCIA DA MORAL CRISTÃ PARA A HUMANIDADE; 5. EPAMINONDAS DE VIGO ERA O PROFESSOR DE CIÊNCIA UNIVERSAL, CURSO PELO QUAL OS APRENDIZES ERAM CONDUZIDOS A CONHECEREM A HISTÓRIA DA HUMANIDADE; PÁGS. 414/460

118 6. SOURIA OMAR ERA O PROFESSOR ENCARREGADO DOS CURSOS PRÁTICOS, AQUELES NOS QUAIS OS ALUNOS TESTAVAM A EFICIÊNCIA DOS CURSOS TEÓRICOS. OS CURSOS PRÁTICOS ERAM REALIZADOS, DE PREFERÊNCIA, NA CROSTA TERRESTRE E NAS REGIÕES INFERIORES DA COLÔNIA; 7. AOS DOMINGOS DESCANSAVAM, TOMAVAM PARTE EM REUNIÕES FRATERNAS E INTEGRAVAM CARAVANAS AMISTOSAS QUE VISITAVAM OUTROS DEPARTAMENTOS DA COLÔNIA. PÁGS. 414/460

119 ATÉ MESMO AVANTAJADOS ELEMENTOS DE MEDICINA PSÍQUICA ADQUIRI AO CONTATO DOS MESTRES, DURANTE AS AULAS DE CIÊNCIA E NO DESEMPENHO DE TAREFAS JUNTO ÀS ENFERMARIAS DO HOSPITAL MARIA DE NAZARÉ, ONDE SIRVO HÁ DOZE ANOS, SUBSTITUINDO JOEL, QUE PARTIU PARA NOVAS EXPERIÊNCIAS TERRENAS... TAL APTIDÃO VALER-ME-Á O PODER DE TORNAR-ME MÉDIUM CURADOR, MAIS TARDE, QUANDO NOVAMENTE HABITAR A CROSTA DO PLANETA... PÁG. 546

120 DOS ANTIGOS COMPANHEIROS E AMIGOS QUE IMIGRARAM DO VALE SINISTRO E QUE DO HOSPITAL INGRESSARAM NA CIDADE UNIVERSITÁRIA, SOU EU O ÚNICO QUE ATÉ HOJE AQUI PERMANECE... BELARMINO DE QUEIROZ E SOUZA HÁ DEZ ANOS QUE PARTIU PARA NOVAS EXPERIMENTAÇÕES, TENDO PREFERIDO RENASCER NO BRASIL... JOÃO DAZEVEDO E AMADEU FERRARI IGUALMENTE VOLTARAM AO DEVER DE RENOVAR AS EXPERIÊNCIAS FRACASSADAS. PÁGS. 403/411

121 DE HÁ MUITO DEVERA EU TER VOLTADO À REENCARNAÇÃO. NO VASTO DORMITÓRIO DO INTERNATO DE CIDADE ESPERANÇA, ONDE HABITO DESDE OS ALVORES DO ANO DE 1910, SO EXISTEM NOVATOS. REPARTO-ME ENTRE AS TAREFAS DO HOSPITAL E VARIADAS OUTRAS INCUMBÊNCIAS AO MEU ALCANCE, TANTO NA CROSTA DO PLANETA COMO NO PERÍMETRO DE NOSSA COLÔNIA, ÚNICOS LIMITES EM QUE PODEREI TRANSITAR ENQUANTO NÃO APRESENTAR À GRANDE LEI OS TESTEMUNHOS DEVIDOS... PÁGS. 546, 558, 559, 565 e 566

122 ... O RUBOR ME COBRE AS FACES SEMPRE QUE, PELAS ALAMEDAS PITORESCAS DA CIDADE, ME ENTRECRUZO COM ANIBAL DE SILAS, EPAMINONDAS DE VIGO E SOURIA OMAR, OS QUAIS HÁ MUITO ME DISPENSARAN DE SUAS AULAS, ATÉ QUE, COM A EXPERIÊNCIA DO RENASCIMENTO, POSSA EU DIGNAMENTE PROVAR OS VALORES ADQUIRIDOS... TOMEI A RESOLUÇÃO INADIÁVEL: - SEGUIREI AMANHÃ PARA O DEPARTAMENTO DE REENCARNAÇÃO, A CAMINHO DO RECOLHIMENTO, PARA TRATAR DO ESBOÇO CORPORAL FÍSICO-TERRENO HEI DE CEGAR AOS QUARENTA ANOS......DAR-SE-Á A MINHA LIBERTAÇÃO DOS LIAMES FÍSICO- TERRENOS AOS SESSENTA ANOS DE IDADE. PÁGS. 546, 558, 559, 565 e 566


Carregar ppt "MEMÓRIAS DE UM SUICIDA YVONNE DO AMARAL PEREIRA. PRIMEIRA AULA TÍTULO: O LIVRO, O AUTOR E A MÉDIUM SUMÁRIO: ESTRUTURA DO LIVRO; O ORIENTADOR DO LIVRO;"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google