A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ADAPTAÇÃO SABER ISTO É IMPORTANTE ADAPTAÇÃO É o ajustamento que todos os organismos apresentam em relação ao ambiente em que vive. CAMUFLAGEM Quando.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ADAPTAÇÃO SABER ISTO É IMPORTANTE ADAPTAÇÃO É o ajustamento que todos os organismos apresentam em relação ao ambiente em que vive. CAMUFLAGEM Quando."— Transcrição da apresentação:

1

2 ADAPTAÇÃO

3 SABER ISTO É IMPORTANTE ADAPTAÇÃO É o ajustamento que todos os organismos apresentam em relação ao ambiente em que vive. CAMUFLAGEM Quando a espécie revela a mesma cor ou possui uma forma que se confunde com coisas do ambiente. MIMETISMO Quando os indivíduos de uma espécie se assemelham bastante aos de outra espécie.

4 EXEMPLOS ADAPTAÇÃO CAMUFLAGEM MIMETISMO

5 Como acontece a adaptação? Não acontece para satisfazer a necessidade de um ser vivo Nem por que este ser vivo esta submetido a determinadas condições durante sua vida

6 Adaptação aos fatores não-vivos

7 Adaptação para não virar alimento

8 Adaptação para propagar a espécie

9 Adaptação para obter alimento

10 Fim

11

12 Fósseis É considerado fóssil qualquer indício da presença de organismos que viveram em tempos remotos da Terra.

13 Nas camadas mais antigas somente são encontrados organismos muito primitivos. Mamíferos entre eles os primatas somente são encontrados em camadas mais recentes. Formação

14 Conhecer organismos que viveram na Terra em tempos remotos. Fornecer indícios de parentesco com as espécies atuais. Conhecer a morfologia de espécies extintas. Os fósseis são testemunhos da evolução. Importância

15 Taxonomia CONHECER AS ESPÉCIES, SUAS SEMELHANÇAS E DIFERENÇAS, TORNOU-SE MUITO ÚTIL PARA ANÁLISE DA EVOLUÇÃO.

16 TÊM CARACTERÍSTICAS EM COMUM, MAS REALIZAM FUNÇÕES DIFERENTES. APRESENTAM A MESMA ORIGEM EMBRIONÁRIA. ESTRUTURAS ÓSSEAS HOMÓLOGAS Órgãos Homólogos

17 SEMELHANÇA ENTRE ESTRUTURAS DE DIFERENTES ORGANISMOS, DEVIDA UNICAMENTE À ADAPTAÇÃO A UMA MESMA FUNÇÃO. SÃO CONSIDERADAS RESULTADO DA EVOLUÇÃO CONVERGENTE. Órgãos Análogos Convergente - Formação evolutiva de caracteres semelhantes em grupos distintos. Exemplo: os golfinhos e as baleias, mamíferos, que se adaptaram ao meio aquático desenvolvendo características similares às dos peixes.

18 SEMELHANÇA MORFOLÓGICA ENTRE ESTRUTURAS, EM FUNÇÃO DA ADAPTAÇÃO À EXECUÇÃO DA MESMA FUNÇÃO, TEM ORIGEM EMBRIONÁRIA DIFERENTE. Estruturas Análogas

19 DIFERENCIAÇÃO DE ORGANISMOS A PARTIR DE UM ANCESTRAL COMUM. DANDO ORIGEM A VÁRIOS GRUPOS DIFERENTES ADAPTADOS A EXPLORAR AMBIENTES DIFERENTES. Irradiação Adaptativa

20 ANIMAIS DE ESPÉCIES DISTINTAS APRESENTAM FASES EMBRIONÁRIAS MUITO SEMELHANTES. Quanto maior o número de fases semelhantes maior será a aproximação evolutiva. Embrionárias

21 REDUZIDOS EM TAMANHO E GERALMENTE SEM FUNÇÃO, QUE CORRESPONDEM A ÓRGÃOS MAIORES E FUNCIONAIS EM OUTROS ORGANISMOS. INDICAM ANCESTRALIDADE COMUM. Órgão Vestigiais EX. PROMOVE O CRESCIMENTO POPULACIONAL DE BACTÉRIAS BENÉFICAS PARA O NOSSO ORGANISMO, ATUALMENTE, MAS JÁ FOI O LOCAL DE DIGESTÃO DA CELULOSE (INGERIDA EM ABUNDÂNCIA POR NOSSOS ANCESTRAIS E ANCESTRAIS DOS HERBÍVOROS).

22 EVOLUCIONISTAS Lamarck (1744 – 1829)Charles Darwin (1809 – 1882)

23 LAMARCKISMO NECESSIDADE DA ADAPTAÇÃO POR ISSO OCORRIAM AS MUDANÇAS.NECESSIDADE DA ADAPTAÇÃO POR ISSO OCORRIAM AS MUDANÇAS. OS ORGANISMOS ATUAIS SURGIRAM POR TRANSFORMAÇÕES SUCESSIVAS DE FORMA MAIS PRIMITIVA. NÃO ACREDITAVA NA EXTINÇÃO BIOLÓGICA.NÃO ACREDITAVA NA EXTINÇÃO BIOLÓGICA. ELABOROU A LEI DO USO E DESUSO POSTULOU A LEI DA TRANSMISSÃO DOS CARACTERES ADQUIRIDOS.POSTULOU A LEI DA TRANSMISSÃO DOS CARACTERES ADQUIRIDOS. Por falta de experimentos não chegou a abalar o criacionismo.

24 DARWINISMO AS POPULAÇÕES NATURAIS DE TODAS AS ESPÉCIES TENDEM A CRESCER RAPIDAMENTE. O AMBIENTE TENDE A LIMITAR O NÚMERO DE INDIVÍDUOS EM CADA POPULAÇÃO.O AMBIENTE TENDE A LIMITAR O NÚMERO DE INDIVÍDUOS EM CADA POPULAÇÃO. OS INDIVÍDUOS DE UMA POPULAÇÃO DIFEREM QUANTO A DIVERSAS CARACTERÍSTICAS. OS INDIVÍDUOS QUE SOBREVIVEM E SE REPRODUZEM SÃO AQUELES QUE APRESENTAM CARACTERÍSTICAS APTAS PARA A SUA ADAPTAÇÃO.OS INDIVÍDUOS QUE SOBREVIVEM E SE REPRODUZEM SÃO AQUELES QUE APRESENTAM CARACTERÍSTICAS APTAS PARA A SUA ADAPTAÇÃO. O AMBIENTE ATUA COMO FORÇA SELETIVA.

25 Lamarckismo x Darwinismo

26 O PAPEL AMBIENTE AMBIENTE É ATIVOSEGUNDO LAMARCK O AMBIENTE É ATIVO, ATUA COMO UM FATOR DE MODIFICAÇÃO DAS ESPÉCIES.OBS. NÃO HÁ EVIDÊNCIAS CONCLUSIVAS DE QUE O AMBIENTE É AGENTE DE MODIFICAÇÕES HEREDITÁRIAS. AMBIENTE É PASSIVOSEGUNDO DARWIN O AMBIENTE É PASSIVO, SELECIONA AS VARIAÇÕES MAIS APTAS PRÉ- EXISTENTES.OBS. DARWIN NÃO CONHECIA OS MECANISMO DE TRANSMISSÃO HEREDITÁRIA. ISSO SÓ FOI ELUCIDADO COM O ADVENTO DA GENÉTICA.

27 Darwinismo Dados biogeográficos : Localizadas a 1000 km da América do Sul, no Oceano Pacífico, propriedade do Equador e Patrimônio da Humanidade, apresentam uma fauna e flora peculiares. Darwin observou que haviam variedades dentro de cada espécie, distribuídas cada uma em sua ilha.

28

29 Nome provém das tartarugas gigantes que o habitam.

30 GALÁPAGOS : OS TENTILHÕES

31 MEIOS DIFERENTES SELECIONAM INDIVÍDUOS DIFERENTES

32

33 Darwinismo Colaboradores Thomas Malthus ( , sociólogo) População humana tende a crescer exponencialmente e geometricamente, para além das possibilidades do meio, enquanto que os recursos alimentares crescem em progressão aritmética. As populações, produzem um grande número de descendentes, mas apenas alguns poucos sobrevivem.

34 Alfred Russel Wallace( , cientista) Obra A tendência das variedades de se afastarem indefinidamente do tipo original

35 Darwinismo Seleção natural Em cada geração uma parte dos indivíduos de uma população são eliminados porque estabelecem entre eles uma "Luta pela sobrevivência (competição); Deste modo sobrevivem os que melhor se adaptarem ao meio. Os indivíduos mais aptos transmitem essas características à seus descendentes.

36 Resumo da origem das espécies, 1859 FATOSCONSEQÜÊNCIAS Rápido aumento na população. Luta pela vida. Luta pela vida, uso da Herança. Sobrevivência do mais apto:seleção natural Seleção Natural - Variação do meio Sobrevivem indivíduos diferentes em meios diferentes: origem das novas espécies

37 Neodarwinismo Uma das dificuldades de Darwin era explicar a origem da variação. As populações não são geneticamente uniformes. Possuem uma enorme variedade de genes. Estes nem sempre se manifestam no genótipo devido aos genes dominantes. Quando esses genes se manifestam Os indivíduos podem ficar numa situação desvantajosa Os indivíduos podem ficar numa situação vantajosa São eliminados por selecção natural São selecionados naturalmente e reproduzem-se tornando-se maioritários

38 Neodarwinismo Causas de variabilidade genética: 1 – As mutações são a fonte primária da variabilidade. Ao longo das gerações, vai-se verificando nas populações uma acumulação de pequenas alterações, resultantes da ocorrência de mutações. Mas será que todas as mutações têm efeito evolutivo? 2- Recombinação génica. Através da reprodução sexuada Permite uma multiplicidade de combinações dos genes.

39 Neodarwinismo A selecção natural atua sobre os indivíduos com toda a sua carga genética. Cada conjunto génico confere determinadas características. O indivíduo que possua a combinação de caracteres mais vantajosa será selecionado em relação a outros menos favorecidos da mesma população.

40 Biston betularia

41 PANGÉIA

42 PLACAS TECTÔNICAS

43 NEODARWINISMO OU TEORIA SINTÉTICA DA EVOLUÇÃO A evolução pode ser explicada pelas mutações e pela recombinação genética, orientada pela seleção natural. O fenômeno evolutivo pode ser explicado de maneira consistente com base nos mecanismos genéticos conhecidos. IDÉIAS

44 PROCESSOS BÁSICOS MUTAÇÃO GÊNICA ALTERAÇÃO CROMOSSÔMICA RECOMBINAÇÃO GÊNICA SELEÇÃO NATURAL ISOLAMENTO REPRODUTIVO VARIAÇÕES ADAPTAÇÕES

45 AINDA


Carregar ppt "ADAPTAÇÃO SABER ISTO É IMPORTANTE ADAPTAÇÃO É o ajustamento que todos os organismos apresentam em relação ao ambiente em que vive. CAMUFLAGEM Quando."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google