A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: ANÁLISES E PROSPECÇÕES

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: ANÁLISES E PROSPECÇÕES"— Transcrição da apresentação:

1 DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: ANÁLISES E PROSPECÇÕES
XI CONGRESSO INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: ANÁLISES E PROSPECÇÕES PROF. ALBA REGINA BATTISTI DE SOUZA ORIENTADOR: PROF. Dr. ARIOVALDO BOLZAN CO-ORIENTADORA: PROF. Dra. ARACI HACK CATAPAN Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC Salvador – Bahia 2004

2 Quais são os saberes que servem de base ao
ofício de professor, as competências e as habilidades que os professores mobilizam diariamente, nas salas de aula e nas escolas, a fim de realizar concretamente as suas diversas tarefas? Qual é a natureza desses saberes? (TARDIF, 2002, p.9)

3 PROBLEMA(s) DE PESQUISA
Qual o movimento didático-pedagógico construído pelo professor de EaD? Que dilemas enfrentam? Que estratégias didático-pedagógicas constroem? Como se vêem docentes em EaD? Que relações estabelecem: pares e e alunos?

4 OBJETIVO DA PESQUISA Construir referenciais didáticos para formação e atuação docente em EaD a partir da análise do movimento didático construído e utilizado pelos professores.

5 JUSTIFICATIVA Atuação profissional Inserção na área de EaD
As produções cientificas na área Demandas e motivação pessoal Processo de construção da identidade docente em EaD

6 ORIENTAÇÃO METODOLÓGICA
Paradigma dialético Contribuições do paradigma da complexidade Pesquisa de campo e bibliográfica Análise de conteúdo Entrevistas, observações participantes, aplicação de questionários e análise documental

7 BASES TEÓRICAS DIDÁTICA FUNDAMENTOS TEORIAS AÇÃO DOCENTE FUNDAMENTOS
DE EaD TCD NA EDUCAÇÃO

8 Autores referência - base
Palloff e Pratt Allava Kenski Castells Peters Catapan Sancho Pretto Litwin André Nóvoa Tardif Pozo Pimenta Veiga Libâneo Perrenoud Freire Sacristán Morin Maturana Varela Petráglia Levy

9 PERSPECTIVAS CONTEMPORÂNEAS Formação e Atuação Docente
Interdisciplinaridade Ação docente reflexiva Promoção da interatividade Atitudes docentes mediadoras Incentivo a autonomia e autogestão Promoção da aprendizagem significativa Aprendizagem colaborativa e cooperativa Avaliação processual e mediadora

10 ARTICULAÇÃO ENTRE AS DIMENSÕES DA DOCÊNCIA EM EAD
ENUNCIADOS DOCENTES MOVIMENTO DIDÁTICO DOCÊNCIA EM EAD ASPECTOS CONTEXTUAIS

11 SABERES DOCENTES Saberes da formação profissional
Tardif, 2002 Saberes da formação profissional Saberes disciplinares Saberes curriculares Saberes experienciais

12 Projetos compartilhados PPP Gestão participativa
ASPECTOS CONTEXTUAIS Categorias Indicadores F Unidades de Registro Integração das áreas Projetos compartilhados PPP Gestão participativa Outras categorias – ver projeto

13 MOVIMENTO DIDÁTICO EM EaD - MDEaD
Relação entre os aspectos didáticos e os meios de interação D R PD Promoção da Interatividade Atitudes Mediadoras Incentivo a Autonomia Promoção da aprendizagem significativa Aprendizagem Colaborativa Avaliação processual e mediadora D – Descrição R - Recursos utilizados PD – Procedimentos Didáticos

14 INDICADORES PARA ANÁLISE DO MOVIMENTO DIDÁTICO
Aspectos didáticos e os meios de interação Indicativos Promoção da Interação e da Interatividade Comunicação e a intervenção do aluno no processo. Atitudes Mediadoras Diálogo questões e atividades reflexivas, orientações e reencaminhamento de dúvidas. Incentivo a Autonomia Estímulo à independência, participação ativa, pesquisas. Promoção da aprendizagem significativa Atividades e conteúdos considerando conhecimentos prévios e contextualizados. Aprendizagem Colaborativa e Cooperativa Organização de situações e atividades que promovam a troca, parceria e trabalho coletivo. Avaliação processual e mediadora Atividades avaliativas ao longo do processo, retornos qualitativos, comentários constantes sobre as atividades, proposição de atividades redimensionadoras da aprendizagem.

15 EaD E PRESENCIAL “Temos que aprender a lidar com os dois enfoques: presencial e a distância.” (P1) “Acabou aparecendo para mim como uma oportunidade e um super desafio” (P4) “Mas as diferenças percebidas em relação ao ensino presencial são flagrantes.” (P6)

16 COMO VEÊM OS ALUNOS: “Não estão preparados para a flexibilidade, requer maturidade dos alunos, eles não buscam mais, ficam presos ao que está pronto – não sabem lidar com a autonomia que a EaD oferece.”(P1) “Eles ainda desacreditam da EaD. Não levam a Sério. Para envolver o aluno, é cobrando, tem que ser tudo voltado para as atividades.” (P2) “O aluno, ele acha que ele tem que ter aula. Ele não acredita no fato de ele ir sozinho, de ele ter uma certa dinâmica de estudo sozinho, ele acha Isso uma matação[...]” (P3) “A princípio querem tudo pronto [...]. A gente precisa entender esse aluno, poder entender que é um movimento[...]. (P4)

17 CONSTRUÇÕES DIDÁTICAS
Avaliação “Sempre retorno, feed-back é sagrado, avaliação mais processual [...]” (P2) Envolvimento dos alunos “Logo no começo da disciplina você lança fogos de artifício...você promove uma ‘algazarra’ e enche a caixa deles de , para que eles percebam que estão nesse processo.” (P3) Atividades “Os temas dos fóruns, todos estão contextualizados com temas atuais.” (P6)

18 PROPOSIÇÕES DOCENTES “O sistema é bom, mas temos que melhorar o sistema de acesso dos alunos[...]” (P6) “Está faltando material áudio visual.” (P5) “Precisaria de mais formação, nós temos tido, mas Acho que ainda é pouco.” (P8) “Mais apoio aos professores iniciantes: eles têm muito receio.” (P1)

19 ANÁLISES PRÉVIAS Os professores buscam uma identidade em EaD.
Constroem e utilizam saberes docentes diante das “urgências” da prática. Experiências como docente no presencial são constantes referências. Valorizam situações de compartilhamento. Vivem conflitos e indagações quanto a EaD Demonstram significativa mobilização para lidar com a modalidade.

20 “Foi bastante difícil no início. [
“Foi bastante difícil no início. [...] No meu caso, eu não sabia sequer enviar um . Imagine só em trabalhar em um ambiente virtual. Sofri demais. Quando iniciei as aulas, tudo deu certo, e talvez eu tenha investido bastante no afetivo para tentar suprir o pouco conhecimento do ‘instrumento’.” (P9)


Carregar ppt "DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA: ANÁLISES E PROSPECÇÕES"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google