A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Função sensorial Função integrativa Função motora Resumindo: comandar o funcionamento do corpo FUNÇÕES DO SISTEMA NERVOSO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Função sensorial Função integrativa Função motora Resumindo: comandar o funcionamento do corpo FUNÇÕES DO SISTEMA NERVOSO."— Transcrição da apresentação:

1 Função sensorial Função integrativa Função motora Resumindo: comandar o funcionamento do corpo FUNÇÕES DO SISTEMA NERVOSO

2 Aspectos anatômicos Aspectos embriológicos Aspectos funcionais Segmentação DIVISÃO DO SISTEMA NERVOSO

3 Divisão anatômica do S N –Sistema nervoso central Encéfalo –Cérebro: diencéfalo e telencéfalo –Cerebelo –Tronco encefálico mesencéfalo ponte bulbo Medula espinhal

4 –Sistema nervoso periférico Nervos –Espinhais –Cranianos Gânglios Terminações nervosas

5 Resumindo... * Sistema nervoso central – dentro do esqueleto axial (crânio ou canal vertebral) * Sistema nervoso periférico – fora do esqueleto axial

6 DIVISÃO FUNCIONAL Sistema nervoso visceral – inervação e controle do sistema visceral Sistema nervoso somático aferente – eferente – movimentos voluntários

7 sistema nervoso somático sistema nervoso visceral aferente eferente = SN autônomo simpático parassimpático

8 MEDULA ESPINHAL Etimologicamente, significa miolo indica que esta dentro. Temos: Medula óssea Medula supra-renal Medula espinhal

9 É uma massa cilíndrica de tecido nervoso situado dentro das vértebras. Mede 45 centímetros no homem. Cranialmente se limita-se com o bulbo, aproximadamente ao nível do forame magno. O limite caudal tem importância clinica e no adulto situa-se para formar um cone medular, que continua com um delgado filamento meníngeo, filamento terminal.

10

11 Formula Estrutural Geral da Medula Seu calibre não é uniforme Apresenta 2 dilatações denominadas intumescência cervical e intumescência lombar, destinados a inervação dos membros superiores e inferiores. A superfície da medula apresenta sulcos longitudinais (sulco mediano posterior, fissura mediana anterior, sulco lateral anterior, etc)

12 Na medula a substancia cinzenta localiza- se por dentro da branca. No centro da substancia cinzenta se localiza-se o canal central da medula. Na substancia branca é formada por fibras de mielína, onde podemos localizar o funículo anterior, funículo lateral, funículo posterior.

13

14 Segmentos Medulares Nos sulcos laterais anterior e lateral posterior fazem conexão pequenos filamentos nervosos denominados filamentos radiculares. Existem 31 pares de nervos espinhais, 8 cervicais, 12 torácicos, 5 lombares e 5 sacrais e, geralmente um coccígeo.

15

16 Topografia Vertebromedular No adulto, a medula não ocupa todo o canal vertebral, pois termina ao nível da 2 vértebra lombar. Abaixo deste nível o canal vertebral contém apenas as meninges e as raízes nervosas dos últimos nervos espinhais, que é chamada de calda equina. Até o quarto mês de vida intra-uterina, a medula e coluna crescem junto.

17 Devido a este crescimento as vértebra T11 e T12 não estão relacionadas com os segmentos medulares. O fato é de grande importância clínica para diagnóstico, prognóstico e tratamento das lesões vertebromedulares. Assim, uma lesão da vértebra L3 afetará apenas as raízes da cauda equina que é de grande importância medica. Para isto se adiciona-se 2 ao número dos segmento medulares C6 sobre o segmento medular C8.

18

19 Envoltórios da Medula Como todo sistema nervoso central, a medula é envolvida por membranas fibrosas denominadas meninges, que são: Dura-máter Pia-máter Aracnóide

20 Dura-Máter Mais externa Formada por fibra colágenas Espessa e resistente Envolve toda medula Cranialmente, a dura-máter espinhal continua com a dura-máter craniana.

21 Aracnóide Se dispões entre a dura-máter e a pia- máter. É um emaranhado de trabéculas

22 Pia-máter É a mais delicada e mais interna.

23 Cavidades da medula Em relação com as meninges que envolvem a medula existem três cavidades ou espaços, epidural, subdural e subaracnóideo. Os espaços epidural situa-se a dura matér e o periósteo do canal vertebral, contem tecido adiposo e um grande numero de veias. O espaço subdural, situado entre a dura-máter e a aracnóide, é uma fenda estreita contendo uma pequena quantidade de liquido, suficiente apenas para evitar a aderência das paredes.

24 O espaço subaracnóideo é o mais importante e contem uma quantidade razoavelmente grande de liquido cérebro- espinhal ou líquor. A exploração clínica do espaço subaracnóideo. Sabe que não há perigo de lesão da medula, por este espaço estar entre a S2 e L2 e seu espaço é maior esta área é ideal para a introdução de uma agulha.

25 Importância deste espaço Retirada do líquor – para fins terapêuticos ou diagnósticos Medida de pressão do líquor Introdução de substâncias que aumentam o contraste das radiografias, tais como ar hélio e sais de iodo. Introdução de anestésicos nas chamadas anestesias raquidianas.

26 Anestesias Raquidiana É introduzido no espaço subaracnóideo por meio de uma agulha que penetra no espaço entre as vértebras L2, L3 ou L3, L4, No seu trajeto, a agulha perfura sucessivamente a pele e a tela subcutânea, o ligamento interespinhoso, o ligamento amarelo, a dura-matér e a aracnóide.

27 Anestesia Epidurais (ou Peridurais) São feitas geralmente na região lombar. Apresenta alguns incômodos como dor de cabeça que resulta da perfuração da dura-máter e do vazamento do líquor.

28 Isquemia da Medula Fraturas, luxações podem interferir com o suprimento sanguínea para a medula. Que pode levar a fraqueza e a paralisia dos músculos

29

30

31 Ato Reflexo Permitem a reação rápido do organismo em casos de emergência Resposta rápida sem a participação do encéfalo Participam o nervo sensorial, medula (nervoso associativo) e nervo motor.

32

33

34


Carregar ppt "Função sensorial Função integrativa Função motora Resumindo: comandar o funcionamento do corpo FUNÇÕES DO SISTEMA NERVOSO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google