A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Risco do Algodão Bt para o Brasil por Nagib M. A. Nassar Depto. Genética, Universidade de Brasília.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Risco do Algodão Bt para o Brasil por Nagib M. A. Nassar Depto. Genética, Universidade de Brasília."— Transcrição da apresentação:

1 O Risco do Algodão Bt para o Brasil por Nagib M. A. Nassar Depto. Genética, Universidade de Brasília

2 Os resultados das pesquisas publicadas em 2003 (Shauker and Thirrle) referente ao efeito de toxina Bt sobre insetos. Shauker B. and Thirrle, C Pesticide and Bt Cotton – Evidence from South Africa. 7 th ICABR Conference, Ravello, Italy in Referência: 02

3 Em alguns estados da índia e no Sul da África onde algodão Bt foi introduzido, foi estudado resistência do algodão Bt aos insetos que atacam o fruto (bollworms). Shauker B. and Thirrle, C Pesticide and Bt Cotton – Evidence from South Africa. 7 th ICABR Conference, Ravello, Italy in Referência: 03

4 O algodão Bt não produz nenhum efeito sobre os insetos sugadores (aphis). (Qayum, 2003). Qayum, M. A. Kiran, S The Bt Gene Fails in India Grain, July Referência: 04

5 O resultado, tanto na Índia como nos próprios Estados Unidos sobre o patamar de inseticidas mostram conforme Quayum Qayum, M. A. Kiran, S The Bt Gene Fails in India Grain, July Referência: 05

6 Ganhos adicionais de produção são duvidosos Quaym and Kiran 2003; Pschorn-Strauss Qayum, M. A. Kiran, S The Bt Gene Fails in India Grain, July Strauss, E. P Bt Cotton in South Africa The Case of the Makhathini farmers Grain April Referências: 06

7 Os ganhos e renda final do agricultores são menores. (Quaym and Kiran 2003; Pschorn-Strauss 2005). Qayum, M. A. Kiran, S The Bt Gene Fails in India Grain, July Strauss, E. P Bt Cotton in South Africa The Case of the Makhathini farmers Grain April Referências: 07

8 Tabela 1. Diferenças entre algodão Bt e algodão comum Algodã o Bt Algodão Comum Florescimento15-20 No. De Frutas p/planta40-45 No. Semestes p/fruta Freqüência de larvas71%81% Tabela 2. Economia de Algodão Bt e Algodão comum Algodã o Bt Algodão Comum Custo de plantio p/hectarUS$ 92US$ 62 Custo de semente p/hectar143,8 Custo de insetocido p/hectar2526 Rendimnento p/hectar180 kg267 kg 8 08

9 Semente do algodão comum contra royalties das emrpesas vendedoras do algodão Bt. 09

10 Futuro plantio de algodão comum, é possível para agricultores? 010

11 Sistema reprodutivo, a contaminação e a propriedade intelectual da empresa vendedora. 011

12 O fluxo gênico e a contaminação das espécies silvestres (Paoletti and Pimentel, 1996; Steinbrecher, 1996). Referência: Paoletti, M. G. and D. Pimentel (1996). Genetic engineering in agriculture and the environment: Assessing risks and benefits. BioScience 46, Steinbreecher, R. A From green to gene revolution: The environmental risks of genetically engineered crops. The ecologist 26:

13 O efeito destuidor sobre a fauna (Donegan and Seidler, 1999; Saxena et al., 1999; Schuler et al., 1999) Referências: Saxena, D., S. Flores and G. Stotzky (1999). Insecticidal toxin in root exudates from Bt corn. Nature 401,480. Schuler, T.H., R.P.J. Potting, I. Dunholm, and G.M. Poppy (1999). Parasitoid behavior and Bt plants. Nature 400, 825. Donegan, K.K. and R. J. Seidler (1999). Effects of transgenic plants on soil and plant microorganisms. Recent Res. Devel. Microbiology 3:

14 Ameaça aos polinizadores, abelhas e outros (Losey et al. 1999). Referências: Losey, J.E., L.S. Rayor, and M.E. Cater (1999). Transgenic pollen harms monarch larvae. Nature 399,

15 1. Contaminação; 2. Dependência; 3. Inseticidas; Muitas razões para não se plantar o algodão Bt no Brasil 015

16 4. Custeios de produção; 5. Ameaça à agricultura sustentável; 6. Ameaça a saúde humana; Muitas razões para não se plantar o algodão Bt no Brasil 016

17 7. Destuição do Ecossistema Brasileiras. Muitas razões para não se plantar o algodão Bt no Brasil 017

18 Alteiri, M. A The ecological impacts of transgenic crops on agroecosystem health. Ecosystem Health 6: Donegan, K.K. and R.J. Seilder Effects of transgenic plants on soil and plant microorganisms. Recent Res. Devel. Microbiology 3: Losey, J. E., L. S. Rayor and M. E. Cater Transgenic pollen harms monarch larvae. Nature 399,241. Mellon, M. and J. Rissler Now or never: Serious plans to save a natural pest control. Union of concerned scientists. Washington D.C. Paoletti, M. G. and D. Pimentel (1996). Genetic engineering in agriculture and the environment: Assessing risks and benefits. BioScience 46, Pschorn-Strauss, E Bt Cotton in South Africa The Case of the Makhathini farmers Grain April Referências 018

19 Qayum, M. A. Kiran, S The Bt Gene Fails in India Grain, July Rissler, J. and Mellon The ecological risks of engineered crops. MIT Press, Cambridge. Saxena, D., S. Flores and G. Stotzsky Insecticidal toxin in root exudates from Bt corn. Nature 401, 480. Schuler, T.H., R.P.J. Potting, I. Dunholm, and G.M. Poppy (1999). Parasitoid behavior and Bt plants. Nature 400, 825. Shauker B. and Thirrle, C Pesticide and Bt Cotton – Evidence from South Africa. 7 th ICABR Conference, Ravello, Italy in Snow, A. A. and P. Moran Commercialization of transgenic plants: Potential ecological risks. Bioscience 47: Steinbreecher, R. A From green to gene revolution: The environmental risks of genetically engineered crops. The ecologist 26:

20 Obrigado 020


Carregar ppt "O Risco do Algodão Bt para o Brasil por Nagib M. A. Nassar Depto. Genética, Universidade de Brasília."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google