A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO Aspectos afetivos na interface O que são aspectos afetivos Expressões Frustrações Antropomorfismo na interface Agentes.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO Aspectos afetivos na interface O que são aspectos afetivos Expressões Frustrações Antropomorfismo na interface Agentes."— Transcrição da apresentação:

1 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO Aspectos afetivos na interface O que são aspectos afetivos Expressões Frustrações Antropomorfismo na interface Agentes

2 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO Você se preocupa com respostas positivas que os usuários podem ter ao sistema (sentir-se à vontade, confortável, satisfeito etc)? Você pensa em como projetar respostas emocionais específicas no usuário de acordo com o tipo de sistema? Você procura projetar sistemas que dêem confiabilidade ao usuário? Como você faz para atingir os objetivos das perguntas anteriores? E como você faz para reduzir aspectos negativos das emoções dos usuários?

3 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO O QUE SÃO ASPECTOS AFETIVOS O termo afetivo refere-se à produção de uma resposta emocional e a como se pode causar uma resposta emocional nos outros –Ex.: estar feliz e sorrir e fazer com que outros sorriam Em interação homem-máquina há duas maneiras de ver a questão afetiva: –Criação de inteligência artificial e de sistemas que se comportem como os seres humanos –Procurar ver como os sistemas podem ser projetados para as pessoas responderem de determinadas maneiras

4 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO EXP Ícones e outros elementos gráficos são usados para transmitir estados emocionais –Típicos para o estado atual do computador ou status do sistema Formas de transmitir o status do sistema –Ícones dinâmicos - Ex.: lixeira –Animações – Ex.: ampulhetas e abelhas –Mensagens faladas –Sons indicando ações e eventos – Ex.: janela fechando, arquivo arrastado e chegando

5 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO As relações com a usabilidade e a forma de expressão nas interfaces está ganhando hoje uma maior importância Agentes amigáveis de interface procuram encorajar usuários menos experientes –Bob –Cachorro amigo –Coelho fofinho –Clippy A forma como os usuários criam suas expressões também está sendo dada uma maior atenção

6 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO Qual das interfaces abaixo é mais expressiva e atrai mais?

7 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO FRUSTRAÇÕES A frustração ocorre com todos e em diversas formas –Achando graça –Indignando-se Razões da ocorrência de reações de frustração –Aplicação não funciona ou falha –O sistema não faz o que o usuário deseja –Expectativas não são atendidas –Informações insuficientes –Mensagens vagas, confusas e reprovadoras –Aparência exagerada –Muitos passos a serem executados

8 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO Com que tipos de frustração você se depara ao usar sistemas? Quais são as piores? Exemplos de causação de frustração –1) Ilusões As expectativas não são atendidas e aparece uma mensagem ilusionista Ex.: links órfãos e páginas em construção COMO EVITAR: simplesmente não usar subterfúgios

9 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO –2) Mensagens de erro Falhas procedidas de mensagens inesperadas Ex.: mensagens incompletas, criptografadas, erro inesperado COMO EVITAR: tratar as mensagens de erro como mensagens de como consertar RECOMENDAÇÕES DE SHNEIDERMAN: –Não condenar os usários –Evitar termos como FATAL, ERRO, INVÁLIDO, RUIM e ILEGAL –Evitar códigos e letras maiúsculas –Usar avisos sonoros sob controle do usuário –Mensagens precisas –Auxílio sensível ao contexto –Mensagens em níveis múltiplos

10 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO Como as mensagens abaixo podem ser melhor reescritas? –ERRO DE SINTAXE –NOME DE ARQUIVO INVÁLIDO –DADOS INVÁLIDOS –O APLICATIVO ENCERROU INESPERDAMENTE DEVIDO AO ERRO TIPO 4 –ERRO NO DRIVE: ABORTAR, TENTAR NOVAMENTE OU DESLIGAR?

11 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO –3) Sobrecarga do usuário Atualização exigindo manutenção excessiva Ex.: passagem de muitas caixas de diálogo e menus para descobrir um conjunto de opções, adicionar plug-ins COMO EVITAR: procurar atualizações automáticas, verificar as compensações de atualização (reaprendizado) –4) Aparência Quando o aspecto é desagradável Ex.: textos, gráficos, banners, excesso de sons, bancos de ícones, menus em cascata, designs infantis, componentes mal projetados COMO EVITAR: procurar melhor facilidade de uso e percepção através da simplicidade e demais princípios do design e da ergonomia

12 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO A frustração deve ser tratada considerando situações específicas –Projetar como consertar para as várias situações inesperadas –Dar suporte on-line para situações em que o usuário não sabe o que fazer e fica preso Você acha que o uso de mensagens nas quais o computador pede desculpas é adequado?

13 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO ANTROPOMORFISMO NA INTERFACE O antropomorfismo é a qualidade que as pessoas têm de atribuir características humanas a objetos e a animais A favor do antropomorfismo na interface –Interação –Convicção para os usuários Contra o antropomorfismo na interface –Interfaces enganosas –Falsa credibilidade

14 Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO AGENTES Personagens antropomórficos Tipos –Personagens sintéticos –Agentes animados –Agentes emocionais –Agentes de interface conversacional – abordagem mais antropomórfica e complexa devido aos mecanismos Reconhecimento e geração de entradas verbais e não-verbais Estratégias específicas como as interrupções e tomadas de turnos Sinais do estado da conversação e de novas sugestões


Carregar ppt "Lafayette B. Melo – CEFET-PB - COINFO Aspectos afetivos na interface O que são aspectos afetivos Expressões Frustrações Antropomorfismo na interface Agentes."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google