A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Mario de Andrade Lira Junior lira.pro.br\wordpress 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.1.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Mario de Andrade Lira Junior lira.pro.br\wordpress 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.1."— Transcrição da apresentação:

1 Mario de Andrade Lira Junior lira.pro.br\wordpress 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.1

2 Modelo – simplificação da realidade Linear – formato de reta Generalizado – não específico Cada delineamento experimental é uma versão específica do modelo geral Este modelo, por sua vez é um caso específico do modelo de efeitos mais generalizado

3 30/5/2014 Aula de Estatística Aplicada à Agricultura – lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.3 Ou em português: O valor de um ponto ij qualquer é função da média geral, do efeito do tratamento e da variação do acaso

4 Requisitos Amostra aleatória Efeitos aditivos Erros experimentais independentes Distribuição normal da variação do acaso com média zero Homocedasticidade As variâncias do acaso devem ser aproximadamente iguais para todos os tratamentos 30/5/2014 Aula de Estatística Aplicada à Agricultura – lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.4

5 Outlier - ponto muito fora do comportamento geral Melhora heterocedasticidade 30/5/2014 Aula de Estatística Aplicada à Agricultura – lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.5

6 30/5/2014 Aula de Estatística Aplicada à Agricultura – lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.6

7 Melhor através do resíduo padronizado Resíduo padronizado=desvio/(raiz QMR) Cerca de 67% deve ficar entre -1 e 1 Cerca de 95% entre -2 e 2 Valores fora de -3 a 3 muito suspeitos Muito importante discutir razão do provável outlier Decisão de eliminação de outlier é de pesquisa, não de análise 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.7

8 Independência dos resíduos Critério mais importante para anova Ausência de independência torna o nível de significância muito maior do que o previsto Difícil de corrigir 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.8

9 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.9

10 Regras práticas Razão entre a menor e a maior variância de um tratamento é 3 ou 4, dependendo do autor Pressupor homocedase para tratamentos similares e com número igual de repetições Não se justifica para assimetria ou curtose positiva Nesta situação, a variância tende a ser função da média 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.10

11 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.11

12 Cochran Hartley Bartlett Muito usado Tende a mascar diferenças para curtose negativa e encontrar para curtose positiva Levene Calcular resíduo da análise de variância Fazer análise de variância dos resíduos em valores absolutos, com os tratamentos Se as variâncias forem homogêneas, o teste F será não significativo 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.12

13 Úteis para corrigir falta de aditividade Também diminuem heterocedasticidade Logaritmo – correlação entre média e variância Arcoseno –heterocedase para proporção de contagem Raiz quadrada – heterocedase para contagem Última escolha – não usar o modelo linear generalizado e usar a estatística não paramétrica 30/5/2014 Aula de Estatística Aplicada à Agricultura – lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.13

14 Não muito importante, exceto se: Curtose positiva Assimetria Teste F é robusto Pequenas fugas da normalidade são usuais e não afetam substancialmente Testes de aderência à normalidade 2 Kolmogorov-Smirnov Shapiro-Wilks 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.14

15 Efeito fixo – pré-determinado Conclusões válidas apenas para os estudados Efeito aleatório – amostra de população Tratamento consta de uma amostra de uma população Conclusões valem para população A escolha depende muitas vezes do objetivo 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.15

16 Vieira, S. Análise da variância. Capítulo 5 Capítulo 9 Littell et al. SAS for mixed models Capítulo 1 Capítulo 2 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.16


Carregar ppt "Mario de Andrade Lira Junior lira.pro.br\wordpress 30/5/2014 lira.pro.br\wordpress - Reservados todos os direitos autorais.1."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google