A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

G.I.O Gildo de Almeida Leonel A NÁLISE CRÍTICA DO DESEMPENHO GLOBAL DAS ORGANIZAÇÕES.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "G.I.O Gildo de Almeida Leonel A NÁLISE CRÍTICA DO DESEMPENHO GLOBAL DAS ORGANIZAÇÕES."— Transcrição da apresentação:

1 G.I.O Gildo de Almeida Leonel A NÁLISE CRÍTICA DO DESEMPENHO GLOBAL DAS ORGANIZAÇÕES

2 6.1 - A NÁLISE CRÍTICA DO DESEMPENHO GLOBAL DA ORGANIZAÇÃO Considera a análise do desempenho global da organização e não o acompanhamento das atividades, processos e sistemas rotineiros. Processos relativos ao produto, de apoio e de gestão NÃO fazem parte do escopo desta análise. É voltada para a avaliação do progresso em relação às estratégias, planos e metas, para apoiar a tomada de decisão e permitir a correção de rumos e a identificação de oportunidades para melhoria ou inovação. 2

3 6.1 - A NÁLISE CRÍTICA DO DESEMPENHO GLOBAL DA ORGANIZAÇÃO 3

4 4

5 5

6 6

7 7

8 8

9 9

10 6.2 - R ESULTADOS DA ORGANIZAÇÃO A Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) possui um modelo útil para avaliação, diagnóstico e orientação de qualquer tipo de organização. Tal modelo faz uso de oito critérios para avaliar a excelência administrativa de uma organização. 1 - Liderança 2 - Estratégias e Planos 3 - Clientes 4 - Sociedade 5 - Informações e Conhecimento 6 - Pessoas 7 - Processos 8 - Resultados 10

11 6.2 - R ESULTADOS DA ORGANIZAÇÃO A Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) possui um modelo útil para avaliação, diagnóstico e orientação de qualquer tipo de organização. Tal modelo faz uso de oito critérios para avaliar a excelência administrativa de uma organização. 1 - Liderança 2 - Estratégias e Planos 3 - Clientes 4 - Sociedade 5 - Informações e Conhecimento 6 - Pessoas 7 - Processos 8 - Resultados 11

12 6.2 - R ESULTADOS DA ORGANIZAÇÃO 12

13 6.2 - R ESULTADOS DA ORGANIZAÇÃO 13 O oitavo critério que possui relação muito estreita e direta com a gestão de informações e do conhecimento. O sistema de informações não cuida intrinsecamente da análise dos resultados da organização - mas sim, de prover métodos, dados e informações que possibilitem a análise crítica do desempenho da organização.

14 6.2 - R ESULTADOS DA ORGANIZAÇÃO 14 O oitavo critério que possui relação muito estreita e direta com a gestão de informações e do conhecimento. O sistema de informações não cuida intrinsecamente da análise dos resultados da organização - mas sim, de prover métodos, dados e informações que possibilitem a análise crítica do desempenho da organização.

15 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 15 Embora o sistema de informações deva prover indicadores, Muscat (1994) afirma que é preciso identificar quais são as medidas mais importantes a serem feitas. Isso depende de objetivos e metas. E, como objetivos e metas mudam no tempo, pode ser necessário redefinir o conjunto de indicadores quando o contexto de operação se altera. Em síntese, cada empresa terá que realizar as medidas mais adequadas à sua situação e à sua visão de futuro.

16 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 16 Para projetar um sistema de indicadores Muscat(1994) recomenda as seguintes etapas: 1. Conhecer os objetivos que a empresa pretende atingir em certo prazo, como lucro e fatia do mercado;

17 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 17 Para projetar um sistema de indicadores Muscat(1994) recomenda as seguintes etapas: 1. Conhecer os objetivos que a empresa pretende atingir em certo prazo, como lucro e fatia do mercado; 2. Conhecer a estratégia competitiva (definida após o estudo do ambiente competitivo, da análise das competências existentes na organização e tendo em consideração o estilo empresarial );

18 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 18 Para projetar um sistema de indicadores Muscat(1994) recomenda as seguintes etapas: 1. Conhecer os objetivos que a empresa pretende atingir em certo prazo, como lucro e fatia do mercado; 2. Conhecer a estratégia competitiva (definida após o estudo do ambiente competitivo, da análise das competências existentes na organização e tendo em consideração o estilo empresarial ); 3. Fixar as características fundamentais que o produto da empresa deve apresentar para ter sucesso na competição com outros produtos;

19 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 19 Para projetar um sistema de indicadores Muscat(1994) recomenda as seguintes etapas: 1. Conhecer os objetivos que a empresa pretende atingir em certo prazo, como lucro e fatia do mercado; 2. Conhecer a estratégia competitiva (definida após o estudo do ambiente competitivo, da análise das competências existentes na organização e tendo em consideração o estilo empresarial ); 3. Fixar as características fundamentais que o produto da empresa deve apresentar para ter sucesso na competição com outros produtos; 4. Definir os fatores críticos de sucesso - os aspectos em que a empresa deverá, necessariamente, ter bom resultado para que a estratégia competitiva seja eficaz;

20 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 20 Para projetar um sistema de indicadores Muscat(1994) recomenda as seguintes etapas: 1. Conhecer os objetivos que a empresa pretende atingir em certo prazo, como lucro e fatia do mercado; 2. Conhecer a estratégia competitiva (definida após o estudo do ambiente competitivo, da análise das competências existentes na organização e tendo em consideração o estilo empresarial ); 3. Fixar as características fundamentais que o produto da empresa deve apresentar para ter sucesso na competição com outros produtos; 4. Definir os fatores críticos de sucesso - os aspectos em que a empresa deverá, necessariamente, ter bom resultado para que a estratégia competitiva seja eficaz; 5. Identificar as variáveis que permitam medir os resultados em termos dos fatores críticos do sucesso. (Tais variáveis constituem os indicadores básicos para a organização) ;

21 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 21 Para projetar um sistema de indicadores Muscat(1994) recomenda as seguintes etapas: 1. Conhecer os objetivos que a empresa pretende atingir em certo prazo, como lucro e fatia do mercado; 2. Conhecer a estratégia competitiva (definida após o estudo do ambiente competitivo, da análise das competências existentes na organização e tendo em consideração o estilo empresarial ); 3. Fixar as características fundamentais que o produto da empresa deve apresentar para ter sucesso na competição com outros produtos; 4. Definir os fatores críticos de sucesso - os aspectos em que a empresa deverá, necessariamente, ter bom resultado para que a estratégia competitiva seja eficaz; 5. Identificar as variáveis que permitam medir os resultados em termos dos fatores críticos do sucesso. (Tais variáveis constituem os indicadores básicos para a organização) ; 6. Os indicadores básicos são em seguida desdobrados para serem considerados pela organização toda de forma alinhada. (Após esta fase, estará projetado o sistema).

22 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 22

23 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 23 Cabe observar que um sistema de indicadores coerente deriva dos objetivos que a organização pretende atingir- e tais objetivos, a longo prazo são expressos adequadamente pela visão de futuro. Não há, portanto, como projetar um sistema de indicadores coerente se se não souber derivar os mesmos da visão de futuro. Infelizmente a visão de futuro nem sempre é, em muitas organizações, expressa de forma quantitativa ou num formato que se aproxime de um perfil organizacional. Assim, é vital que o Administrador do Sistema de Informações ou responsável pela Gestão do Conhecimento estruture a visão do futuro da organização de forma adequada a dela poder derivar e construir o adequado sistema de indicadores.

24 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 24 Resultados financeiros O sistema de informações deve prover os resultados dos principais indicadores de desempenho relativos à situação financeira da organização, incluindo as metas estabelecidas e as informações comparativas pertinentes.

25 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 25

26 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 26 Resultados relativos aos clientes e ao mercado O sistema de informações deve considerar indicadores referentes aos resultados relativos aos clientes, aos mercados e à sociedade, incluindo as metas estabelecidas e as informações comparativas pertinentes.

27 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 27

28 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 28 Resultados relativos à sociedade Os indicadores relativos à sociedade devem permitir estabelecer os níveis correntes e as tendências de parâmetros referentes à sociedade, incluindo os indicadores resultantes e direcionadores, as metas estabelecidas, as informações comparativas pertinentes e os indicadores utilizados para avaliar as práticas de gestão e os padrões de desempenho.

29 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 29

30 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 30 Resultados relativos aos processos e fornecedores Os indicadores relativos aos processos e aos fornecedores devem permitir a análise dos desempenhos relativos aos produtos, aos processos e aos fornecedores, incluindo as metas estabelecidas e as informações comparativas pertinentes.

31 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 31

32 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 32

33 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 33

34 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 34 Resultados relativos às pessoas e ao ambiente organizacional devem permitir a análise de desempenho relativos às pessoas e ao ambiente organizacional, incluindo as metas estabelecidas e as informações comparativas pertinentes.

35 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 35

36 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 36

37 6.3 - S ISTEMA DE INDICADORES 37 Exercícios 1. Por que ao se projetar um sistema de indicadores é necessário conhecer os objetivos que a empresa pretende atingir em certo prazo? 2. Qual a importância de se conhecer a estratégia competitiva para se definir o sistema de indicadores? 3. Muscat (1994) recomenda uma etapa na construção do sistema de indicadores, na qual se deve fixar as características fundamentais que o produto da empresa deve apresentar para ter sucesso na competição com outros produtos. Por quê? 4. O que são fatores críticos de sucesso?


Carregar ppt "G.I.O Gildo de Almeida Leonel A NÁLISE CRÍTICA DO DESEMPENHO GLOBAL DAS ORGANIZAÇÕES."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google