A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Os Lusíadas de Luís de Camões

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Os Lusíadas de Luís de Camões"— Transcrição da apresentação:

1 Os Lusíadas de Luís de Camões
Resumo da aula anterior

2 Acção A acção inicia-se a meio da viagem (in media res)
“Já no largo oceano navegavam (…) Quando os deuses no Olimpo luminoso” Acção simultânea.

3 Consílio dos Deuses Júpiter, pai dos Deuses, convoca uma reunião para decidir “sobre as cousas futuras do Oriente”. Júpiter profere o seu discurso, anunciando a sua boa vontade do prosseguimento da viagem dos lusitanos, e que estes sejam recebidos como bons amigos na costa africana.

4 Consílio dos Deuses Baco opõe-se a Júpiter. Motivos:
- receio de perder toda a fama que havia adquirido no Oriente caso os portugueses atinjam o objectivo.

5 Consílio dos Deuses Vénus que defende os portugueses. Motivos:
- Os lusitanos são uma gente muito semelhante à do seu amado povo latino e com uma língua derivada do Latim, - Os portugueses demonstraram grande valentia no norte de África.

6 Consílio dos Deuses Marte ,Deus da guerra , concorda com a posição de Vénus. Motivos: - Amor antigo que o ligava a Vénus; - Gosto pela bravura dos lusitanos; - Não gostar das ideias defendidas por Baco.

7 Consílio dos Deuses Este consílio termina com a decisão favorável aos portugueses e cada um dos deuses regressa ao seu domínio celeste.


Carregar ppt "Os Lusíadas de Luís de Camões"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google