A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FUNGOS. Tipicamente, o talo de um fungo consiste de filamentos ramificados em todas as direções, sobre ou dentro de substrato que exploram como alimento.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FUNGOS. Tipicamente, o talo de um fungo consiste de filamentos ramificados em todas as direções, sobre ou dentro de substrato que exploram como alimento."— Transcrição da apresentação:

1 FUNGOS

2 Tipicamente, o talo de um fungo consiste de filamentos ramificados em todas as direções, sobre ou dentro de substrato que exploram como alimento. Tais filamentos se denominam HIFAS (grego: hiphe = tecido, trama). O conjunto de hifas se chama MICÉLIO (grego: mykes = fungo).

3 Durante muitos anos, os fungos foram considerados como vegetais, porém, a partir de 1969, passaram a ser classificados em um reino à parte. Por apresentarem características próprias, tais como: não sintetizar clorofila, não possuir celulose na sua parede celular (exceto alguns fungos aquáticos), e não armazenar amido como substância de reserva, eles foram diferenciados das plantas. Amanitas – cogumelo venenoso para o ser humano

4 Os fungos são um importante grupo de organismos, conhecendo-se mais de espécies, a maioria das quais terrestres. Fungo rendado – típico das zonas temperadas Orelha-de-pau

5 Estão incluídos neste grupo organismos como os cogumelos, e muitas formas microscópicas, como bolores e leveduras. Raíz de árvore rodeada por um tipo de fungo Curiosidade..... Os fungos são encontrados no solo, na água, nos vegetais, em animais, no homem e em detritos em geral. O vento age como importante condutor espalhando seus propágulos e fragmentos de hifa.

6 Os fungos não possuem flores e se multiplicam por células muito pequenas. Estas células são chamadas espórios e se desenvolvem ao caírem em solo úmido, ambiente ideal para o crescimento de um novo fungo. Por não possuir clorofila, que é essencial para garantir a alimentação das plantas, esta forma de vida age como parasita, se alimentando da comida de outras formas de vida. Fungos aquáticos

7 Curiosidade.... Os franceses empregam para os cogumelos a expressão "champignon", usando também a mesma palavra para designar os fungos comestíveis; Em espanhol usa-se a designação hongo, e Na língua inglesa as expressões yeast para levedura e mold para bolor. Os alemães designam os cogumelos tanto por Pilze como Hefepilze.

8 Os fungos vivem exclusivamente como saprófitas, são chamados saprófitas obrigatórios. São incapazes de infectar plantas ou animais vivos. São exemplos destes: Rhizopus ("bolor preto do pão"); Penicillium ("bolor azul").

9 Os fungos podem viver ainda em simbiose com outros organismos. O exemplo mais notável são os líquens, nos quais uma determinada espécie de fungo vive em simbiose com uma alga. Os fungos podem viver ainda em simbiose com outros organismos. O exemplo mais notável são os líquens, nos quais uma determinada espécie de fungo vive em simbiose com uma alga.

10 Fungos predadores – estes estranhos fungos capturam e alimentam-se de pequenos animais vivos (nemátodos) que vivem no solo. As hifas destes fungos segregam substâncias anestésicas que imobilizam estes animais, após o que envolvem o seu corpo com o micélio e o digerem. nemátodos

11 Interesse Industrial Dos Fungos bebidas alcoólicas como a cerveja, o vinho, o Whisky, a cachaça, e os diferentes tipos de álcoois. produtos de aplicação terapêutica, como os antibióticos, as vitaminas do complexo B e na química, onde são tais seres utilizados na obtenção da glicerina, ácido cítrico, ácido glucínio, ácido láctico, ácido gálico e ácido fumárico, fertilizadores do solo fabricação de determinados derivados do leite, desde simples queijos até elaborados Iogurtes, Kefires e coalhadas.

12 Doenças Causadas pelos Fungos AS DERMATOFITOSES que nada mais são que as dermatoses causadas por fungos, são doenças da pele cujo agente causal é um tipo de fungo. Os fungos estão em todos os ambientes, porém só penetram na pele e causam a micose se houver condições ideais para sua manifestação.

13 O aumento da umidade da pele e a deficiência do sistema imunológico ocasionam o aparecimento das micoses, que podem ser adquiridas em praias, piscinas, banheiros, vestiários e sandálias de clubes e saunas. Elas podem atingir todo o corpo humano. Há basicamente dois tipos de micoses. As superficiais aparecem mais nas virilhas, pés, unhas (onicomicoses), pele (tinea corporis), cabelos (tinea capitis), e nas mucosas (candidíase). As profundas, que são mais graves, atacam pulmões e outras regiões do corpo.

14 As micoses se propagam com facilidade, mas podem ser controladas com rapidez. O aparecimento de bolhas, fissuras, escamas ou manchas é a primeira indicação de que algo não está bem com a pele.

15 Doenças causadas por fungos Piedra Tineacapitis Tinha favosa Tinhas tonsurantes Oto-Micoses Blastomicose Tinea pedis Candidíase Pitiríase versicolor Impetigo Herpes labial

16 Fontes de pesquisa VE= VE= VE= VE= &lang=pt &lang=pt &lang=pt &lang=pt


Carregar ppt "FUNGOS. Tipicamente, o talo de um fungo consiste de filamentos ramificados em todas as direções, sobre ou dentro de substrato que exploram como alimento."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google