A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Geografia Homem & Espaço Europa - Sociedade DALVANI FERNANDES COLÉGIO NOSSA SENHORA DE BELÉM Autores: ELIAN ALABI LUCCI ANSELMO LAZARO BRANCO Parte integrante.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Geografia Homem & Espaço Europa - Sociedade DALVANI FERNANDES COLÉGIO NOSSA SENHORA DE BELÉM Autores: ELIAN ALABI LUCCI ANSELMO LAZARO BRANCO Parte integrante."— Transcrição da apresentação:

1 Geografia Homem & Espaço Europa - Sociedade DALVANI FERNANDES COLÉGIO NOSSA SENHORA DE BELÉM Autores: ELIAN ALABI LUCCI ANSELMO LAZARO BRANCO Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

2 Alguns conflitos no continente europeu Diversos conflitos na Europa se relacionam a processos de incorporação de minorias étnicas e de territórios por alguns Estados-nação. Alguns desses conflitos têm origem há séculos. Na primeira metade do século XX A desintegração de impérios Como o Austro-Húngaro e o Turco-Otomano, além das duas Grandes Guerras. Ocasionou instabilidades nos limites políticos entre os países. Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

3 A região mais instável nessa perspectiva foi a dos Bálcãs – península estrategicamente situada entre a Europa e a Ásia, o Ocidente e o Oriente, e que alternou situações de domínios de diferentes impérios e/ou Estados-nação, com culturas, línguas e religiões diferentes. Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva Na segunda metade do século O processo de derrocada do socialismo trouxe também alterações nos limites entre os Estados-nação. Em decorrência disso, houve uma sucessão de conflitos, sobretudo nas duas últimas décadas.

4 Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva A desintegração da Iugoslávia Essa complexa colcha de retalhos permaneceu unida enquanto foi governada por dirigentes autoritários. O poderio militar da federação iugoslava, controlado na maior parte pelos sérvios, tentou impedir a independência das repúblicas, contando com o apoio dos sérvios que nelas viviam. Até 1991, a Iugoslávia era uma país federativo Seis repúblicas: Sérvia; Croácia; Eslovênia; Bósnia-Herzegovina; Macedônia; Montenegro. E duas regiões autônomas pertencentes à Sérvia: Kosovo; Vojvodina. FORMADO POR

5 Acompanhe a linha do tempo: 1989 – retirada de parte da autonomia de Kosovo, estimulando o separatismo. Junho de 1991 – independência da Croácia e da Eslovênia. Setembro de independência da Macedônia. Março de 1992 – independência da Bósnia-Herzegovina – acordo intermediado pela ONU, entre os sérvios e os mulçumanos da Bósnia que disputavam fatias do território do país – crescimento do movimento separatista armado em Kosovo, presidente iugoslavo contra-atacou com violência – o que restou da Iugoslávia assumiu o nome de Sérvia e Montenegro (junção de duas repúblicas) – Montenegro conquista sua independência, após realização de referendo em ambas as repúblicas. Fevereiro de 2008 – declaração da independência de Kosovo, porém vários países, inclusive a Rússia que é membro permanente do Conselho de Segurança da ONU, até início de 2009, recusavam-se a reconhecer sua independência. Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

6 Iugoslávia – formação e desintegração Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva Fonte: Le monde Diplomatique e Enciclopédia Britânica. Em: Almanaque Abril São Paulo: Abril p. 596.

7 Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva A cena observada na fotografia foi uma constante ao longo do século XX: pessoas abandonando tudo por causada guerra. Nesse caso, são kosovares de origem albanesa deixando a região autônoma de Kosovo. A população dessa região era formada, ao menos até 1998, por 90% de albaneses e 10% de sérvios. Manifestações em Kosovo (2008). Refugiados de guerra na Bósnia, em David Turnley/ Corbis/ LatinStock CEDOC David Turnley/ Corbis/ LatinStock

8 Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva O conflito entre católicos e protestantes na Irlanda do Norte O conflito entre católicos e protestantes na Irlanda do Norte é uma questão grave que havia muito tempo pedia solução no Reino Unido. Na verdade, não se trata de uma questão apenas religiosa, mas também política e econômica. O Reino Unido da Grã-Bretanha e da Irlanda do Norte constitui um Estado formado por Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte. Na Irlanda do Norte, os católicos (cerca de 38% da população) querem a independência em relação ao Reino Unido. Os protestantes (cerca de 51%) querem permanecer ligados ao Reino Unido, por isso são chamados de unionistas.

9 Acompanhe a linha do tempo: exército inglês passou a interferir no conflito IRA intensificou os ataques a Grã-Bretanha. Setembro de cessar-fogo do IRA. Outubro de protestantes também anunciaram o fim da luta armada. Fevereiro de voltaram os conflitos, IRA acabou com o cessar- fogo, em protesto à insistência dos protestantes em condicionar os acordos de paz ao seu desarmamento total º cessar-fogo, recomeçando as negociações entre os líderes – foi selado um acordo de paz, que propôs a formação de um governo autônomo, com a participação das duas comunidades no estabelecimento de uma Assembléia. Dezembro de 2000 – início do funcionamento dessa Assembléia – conclusão do desarmamento do IRA e dos grupos paramilitares protestantes, além da libertação de presos políticos – formou-se um governo de coalizão, garantindo a Irlanda do Norte o retorno a uma autonomia regional, e o exército inglês encerrou sua intervenção militar nesse país que já durava 38 anos. Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

10 Fonte: P.Joint e outros. La Geographie de lEurope des 15. Paris: Nathan, p.61 (adaptado). Ilhas BritânicasReino Unido e Irlanda

11 Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva Ciganos, um povo perseguido na Europa Estima-se que haja cerca de 20 milhões de ciganos pelo mundo. Grande parte vive na Europa. A origem desse povo é incerta, mas alguns pesquisadores acreditam que eles tenham vindo da Índia, cerca de mil anos atrás, migrando para a parte oriental da Europa no século XIV e para a parte ocidental após a Segunda Guerra Mundial. Assim como fazem com os turcos e os norte- africanos, os jovens neo- nazistas têm promovido atentados a moradias ciganas. Na República Tcheca, a entrada de ciganos em alguns bares e restaurantes é proibida. Em 2005, oito países do antigo bloco socialista apresentaram em Sófia (capital da Bulgária) uma proposta de integração dos ciganos, prevendo que até 2015 eles sejam tirados da situação marginal em que vivem na Europa.

12 Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva Atividade - O desmembramento da Iugoslávia ocorreu em meio a conflitos dramáticos. O mapa destaca as repúblicas que dela faziam parte. Sidnei Moura Fonte: Word Atlas. Londres: Dorling Kindersley, p. 132 (adaptado).

13 Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva Identifique cada república, a partir da numeração. Quais os principais fatores responsáveis pelos conflitos que envolvem a região? O que aconteceu com a região autônoma de Kosovo? Conversa

14 Observe a tabela. Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva Países Indicadores FrançaEspanhaItáliaPortugal Índice de Desenvolvimento Humano 0,9420,9380,9400,904 Número de médicos (por mil hab.) 3,33,44,23,4 Porcentagem da população com o equivalente ao Ensino Médio completo Pessoas conectadas a internet (por mil hab.) Número de livros publicados Indicadores socioculturais de alguns países europeus Fonte: Létat du monde, 2008

15 Conversa Ao compararmos a situação de Portugal com a dos demais países, a que conclusão podemos chegar? O que esses países têm em comum em relação à língua e à localização? Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva

16 O B R I G A D O !!! Parte integrante da obra Geografia homem & espaço, Editora Saraiva


Carregar ppt "Geografia Homem & Espaço Europa - Sociedade DALVANI FERNANDES COLÉGIO NOSSA SENHORA DE BELÉM Autores: ELIAN ALABI LUCCI ANSELMO LAZARO BRANCO Parte integrante."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google