A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Josiane Lampire. Microbiota Normal Cavidade oral Microrganismos que Outras cavidades são encontrados freqüentemente no organismo de indivíduos Intestino.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Josiane Lampire. Microbiota Normal Cavidade oral Microrganismos que Outras cavidades são encontrados freqüentemente no organismo de indivíduos Intestino."— Transcrição da apresentação:

1 Josiane Lampire

2 Microbiota Normal Cavidade oral Microrganismos que Outras cavidades são encontrados freqüentemente no organismo de indivíduos Intestino saudáveis; -Capazes de driblar as defesas do hospedeiro - Competição com outras espécies Pele Mucosa genital - Saprófitas x Patogênicos - Colonização x Infecção

3

4 MICROBIOTA DO CORPO HUMANO Microbiota Transitória Presente Temporariamente no Sítio Anatômico Facilmente Removida pelos Procedimentos de Limpeza Facilmente Eliminada pelos Procedimentos de Antissepsia Microbiota Residente Composta por Microrganismos Saprófitas Composição Influenciada por Condições do Hospedeiro Composição Típica de Cada Sítio Anatômico Não é Removida Totalmente pelos Procedimentos de Limpeza Não é Eliminada Totalmente pelos Procedimentos de Antissepsia

5 Infecções Situação em que microrganismos provenientes da microbiota residente ou do ambiente, se instalam e se multiplicam em alguma parte do corpo, causando danos ao hospedeiro. Barreiras: - Pele - Saliva - Sistema imunológico - anticorpos e de células de defesa - Outros microrganismos (microbiota normal)

6

7 Microrganismos competem para sobrevivência Produção e excreção de BACTÉRIAS substâncias BOLORES químicas, visando LEVEDURAS eliminação das espécies concorrentes

8 Antimicrobiano Antimicrobiano: agente que reduz a quantidade de microrganismos presentes, de modo específico ou inespecífico

9 Outras definições Quimioterápico: São moléculas produzidas exclusivamente por síntese química, não ocorrendo similares na natureza. Como exemplo podemos citar as sulfonamidas (sulfas) e o metronidazol. Antibiótico : São substâncias químicas, produzidas por microrganismos vivos ou através de processos semi-sintéticos, que têm a propriedade de inibir o crescimento de microrganismos patogênicos e, eventualmente, destruí-los.

10 Microorganismo Antibióticos Bacilos Gram- positivos Bacillus subtilis Bacitracina Bacillus polymyxa Polimixina Actinomicetes Streptomyces nodosus Anfotericina B Streptomyces venezuelae Cloranfenicol Streptomyces erythraeus Eritromicina Streptomyces fradie Neomicina Streptomyces griseus Estreptomicinas Micromonospora purpurea Gentamicina

11 Fungos Antibióticos Fungos Cephalosporium spp Cefalotina Penicillium griseofulvum Griseofulvina Penicillium notatum Penicilina

12 Como e quando foram descobertos os antibióticos? Século XVIIuso da quinina, ementina Fim do Século IXXPaul Ehrlich: ( arsenato) Salvarsan - tratamento da sífilis 1928 Alexander Fleming

13 Como e quando foram descobertos os antibióticos? 1929 isolamento do fungo: Penicilium notatum - secreção de substância com propriedades antibacterianas e não tóxica. PENICILINA

14 Não inventei a penicilina", disse Alexander Fleming sobre o medicamento que lhe rendeu o Prêmio Nobel e revolucionou a medicina. "A natureza é que a fez. Eu só a descobri por acaso" Prêmio Nobel

15 Como e quando foram descobertos os antibióticos? 1934 Domagk: descoberta das sulfas 1941 Uso clínico da Penicilina - segunda guerra mundial ++

16 Como e quando foram descobertos os antibióticos? Década de 40 Florey e Heatley: isolamento e produção em massa da penicilina. Estimulo para a pesquisa de outros antibióticos e modificações químicas na molécula principal

17 Um antibiótico ideal Capacidade de destruição das células infectivas por: Morte celular Inibição da imediata reprodução MICROBICIDAMICROBIOSTÁTICO

18 Um antibiótico ideal Ser ativo contra microrganismos invasores mas inativo contra células do hospedeiro Toxicidade seletiva

19 SULFAS: PABA Precursor Bactérias - Sulfonilamida sintetizam seu próprio ácido Ácido fólico diidropteróico Células do organismo - Síntese de captam ácido Ácido fólico nucleosídeos e alguns fólico pré- aminoácidos formado Trimetoprim

20 Síntese do DNA PABA Diidroptero ato sintase Sulfonamidas Ácido Diidrofólico Diidrofolato redutase Ácido Tetraidrofólico DNA

21 Toxicidade seletiva Penicilinas Antifúngicos - Fungos = Células eucarióticas - Alta toxicidade - Membrana plasmática = Ergosterol

22 Um antibiótico ideal Ser eficiente em baixas concentrações Apresentar bom poder residual Ser disponível em baixos custos Seja específico para um microrganismo em particular sem provocar a destruição de comensais avirulentos (microbiota normal)

23 Classificação dos antimicrobianos Quanto à natureza: - Naturais - Semi-sintéticos - Sintéticos Quanto à estrutura química: - Derivados de aminoácidos - Derivados de carboidratos - Derivados de acetato e propionato

24 Classificação dos antibióticos Quanto ao espectro de ação: - Amplo espectro: cloranfenicol, tetraciclinas, canamicina, gentamicina, macrolídeos e ampicilina - Atividade contra GP: penicilinas, cefalosporinas, eritromicina, bacitracina, lincomicina e vancomicina

25 Atividade contra GN: colistina e polimixina Atividade contra micobactérias: rifampicina, ciclosserina e a estreptomicina Atividade antifúngica: griseofulvina, imidazólicos (miconazol, clotrimazol, cetoconazol...), poliênicos (anfotericina B e nistatina)

26 Mecanismos de ação Inibidores da Síntese da PC Antimetabólicos Destruição da função de membrana citoplasmática Inibidores da síntese de ácidos nucléicos Inibidores da síntese de proteínas

27

28 Parede Celular Diferentes drogas atuam em diferentes etapas da síntese da parede celular bacteriana. Morte por lise bacteriana definitiva - as bactérias devem estar em crescimento - deve haver diferença osmótica entre o citoplasma bacteriano e o meio externo.

29 Síntese da Parede Celular: Meio extracelular NAG: N-acetil-glicosamina NAM: Ác. N-acetil-murâmico UDP: Uridina difosfato

30 Síntese da Parede Celular: Meio extracelular Ligações cruzadas

31 Inibição da síntese de proteínas Dois mecanismos: - Inibição da tradução da informação genética - produção de proteínas defeituosas

32 Inibição da síntese de proteínas Tetraciclina: - Impede a ligação do tRNA à subunidade 30S do ribossomo -Efetiva contra bastonetes e cocos GP, bastonetes e cocos GN, anaeróbios, actinomicetos, clamídias, riquétsias Lincosamina (clindamicina): - Impede a ligação do tRNA a subunidade 50S do ribossomo - Efetiva contra bactérias GP (anaeróbias e facultativas) e contra anaeróbios GN

33 Inibição da síntese de proteínas Aminoglicosídeo (Gentamicina) - Ligam-se a subunidade 30S do ribossomo bacteriano bloqueando a iniciação da síntese proteica ou, em doses menores, formação de proteínas defeituosas Cloranfenicol, - Ligam-se à subunidade 50S do ribossomo bacteriano inibindo o alongamento da cadeia peptídica. - Efetivos contra cocos e bastonetes GP e GN, anaeróbios, clamídias, micoplasmas, riquétsias

34 Inibição da síntese de proteínas Macrolídeo - Impede a ligação do tRNA a subunidade 50S do ribossomo -Eritromicina: age sobre Gram positivos - Claritromicina, Azitromicina, Roxitromicina: Gram negativos

35 Inibição da síntese de proteínas Ligação 50S: Macrolídeos Clindamicina e Cloranfenicol Aminoglicosídeos Bloqueio da iniciação Ligação 30S:Tetraciclinas Proteínas defeituosas

36 Inibidores da síntese de DNA Nitrofuranos e Metronidazolquebra da hélice do DNA com efeito bactericida Ácido nalidíxico, Novobiocina, Ciprofloxacina e outras quinolonasinterferem na replicação pela inibição da ação da DNA-girase

37 Outros mecanismos de ação Inibidores da síntese de RNA: - Rifampicinaligam-se a RNA polimerase e bloqueia a transcrição Inibidores da função da membrana: - Polienos (Anfotericina B e Nistatina) ligam-se a esteróis da membrana de células eucarióticas ocasionando lise celular - efetivos contra fungos.

38 Questões 1) Defina o que é antibiótico. 2) Em que consiste a microbiota normal e qual o seu papel em relação ao surgimento de infecções? 3) Diferencie colonização de infecção. 4) Cite as características de um antibiótico ideal. Dê exemplos de toxicidade seletiva. 5) Dê a classificação dos antibióticos segundo o mecanismo de ação, explicando e exemplificando cada grupo.


Carregar ppt "Josiane Lampire. Microbiota Normal Cavidade oral Microrganismos que Outras cavidades são encontrados freqüentemente no organismo de indivíduos Intestino."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google