A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Pós-graduação em Física

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Pós-graduação em Física"— Transcrição da apresentação:

1 Pós-graduação em Física
Instituto de Física Universidade Federal de Uberlândia Coordenador: Prof. Dr. Augusto Alcalde Milla

2 Histórico 1994: Licenciatura em Física 2002
Curso de Mestrado - Conceito 3 2005: Bacharelado em Física 2008 Curso de Doutorado - Conceito 4 2010 Mestrado e Doutorado 3 cursos de graduação - Física Médica WEB: PÓS: INFIS:

3 Áreas de concentração: Física da matérica condensada
Estrutura eletrônica de materiais – teoria Métodos ab-initio, transporte, sistemas fortemente correlacionados. Semicondutores, DMS, supercondutores, Carbono. Síntese, crescimento e caracterização de materiais – experimental Materiais semicondutores, vidros, cerámicas ferroelétricas e ferromagnéticas. Espectroscopia óptica – térmica. Sistemas complexos – experimental Polímeros e materiais orgánicos (2010-) Óptica e informação quântica – teoria/experimental Informação quântica em sólidos e sistemas atómicos. Computação quântica

4 Grupos de pesquisa Teoria
Grupo de Estrutura Eletrônica de Moléculas e Sólidos Grupo de Óptica e Informação Quântica Grupo de Nanociências Experimental Grupo de Espectroscopia de Materiais Grupo de Óptica e Fototérmica Grupo de Novos Materiais Isolantes e Semicondutores Grupo de Ferroelétricos e Materiais Multifuncionais Grupo de Propriedades Ópticas e Térmicas de Materiais WEB:

5 Infraestrutura: Laboratórios
Laboratório de Novos Materiais Isolantes e Semicondutores (LNMIS) Laboratório de Espectroscopia de Materiais (GEM) Laboratório de Materiais Ferroelétricos e Multifuncionais (GFEMM). Laboratório de Óptica e Fototérmica (LOF) Propriedade Ópticas e Térmicas de Materiais (GPOTM) Laboratório de Física Computacional (LFC) + Laboratório Computacional (GOIQ)

6 Projetos de Pesquisa 2007-2008 Total : R$. 1.240.000,00
Total : 32 projetos CNPq, CAPES, FAPEMIG, Programas Especiais Total : R$ ,00

7 Projetos de Pesquisa 2009 Total : R$. 740.131,00
Total 2009: 21 projetos Total : R$ ,00

8 Docentes pós-graduação
P,C ou V Titulação Ano Disciplina 2007 Disciplina 2008 Disciplina 2009 Nível Bolsa CNPq 07 08 09 Grd Pós 01. Adamo Ferreira G. do Monte P Doutor 1999 X -- 2 02. Alexandre Marletta 2001 03. Antônio Justino Ruas Madureira C 1996 04. Augusto Miguel Alcalde Milla 05. Djalmir Nestor Messias 2006 06. Eduardo Kojy Takahashi 1988 07. Johnny Vilcarromero López 1998 08. José Cândido Xavier 09. Liliana Sanz de la Torre Doutora 2003 10. Newton Martins Barbosa Neto 2005 11. Noelio Oliveira Dantas 1993 12. Omar Oliveira Diniz Neto 1995 13. Qu Fanyao 14. Raul Fernando Cuevas Rojas 15. Roberto Hiroki Miwa 1997 1D 16. Raigna Augusta da S. Z. Armond 17. Tomé Mauro Schmidt

9 Docentes pós-graduação
P,C ou V Titulação Ano Disciplina 2007 Disciplina 2008 Disciplina 2009 Nível Bolsa CNPq 07 08 09 Grd Pós 01. Acácio Aparecido de C. Andrade C Doutor 2002 X -- 2 02. Antonino di Lorenzo 2001 03. Edson Vernek P 2007 04. Eduardo Inácio Duzzioni 05. Fabricio Macedo de Souza 2004 06. José de los Santos Guerra 07. José Maria Villas Bôas 08. Raimundo Lora Serrano 2006 09. Sidney Alves Lourenço

10 Docentes

11 Produtividade em pesquisa
75-80%

12 Bolsas. Novas por ano

13 Discentes mestrado e doutorado - matriculados

14 Defesas por ano

15 Tempo médio de conclusão

16 Distribuição de orientações 2007

17 Trabalhos associados a defesas

18 Publicações indexadas Qualis (sem incluir proceedings)

19 Qualis

20 Número de autores

21 Concentração de publicações

22 Publicações por linha de pesquisa 2007 - 2009
3 grupos 2-4 grupos 1 grupo

23 Pós-doutorandos Origem Captação: USP UFSCar Poucos candidatos
Desequilibrio no valor das bolsas.

24 Inserção e impacto regional-nacional
Organização de eventos científicos nacionais XI Escola Brasileira de Estrutura Eletrônica Uberlândia 2008 Organização de eventos científicos regionais VII ERSBF – Uberlândia 2010 Semana da Física: Encontro de IC e Mostra PG – anual PG Física: Ensino e Extensão Museu de Ciências DICA: Diversão com ciência e arte. WEB:http://www.infis.ufu.br/dica Semana Nacional de Ciência e Tecnologia Fortalecimento da FACIP: Faculdade de Ciências Integradas do Pontal. Campus avançado - UFU. Uso de laboratórios de pesquisa Colaboração científica em áreas de física teórica e experimental.

25 Inserção e impacto regional- nacional
Participação em Comitês de Eventos Científicos Nacionais e Internacionais: 14th Brazilian Workshop on Semiconductor Physics. 2009 International Conference on the Science and Technology of Synthetic Metals. ICMS 2008. 5th International Conference on Physics and Applications of spin-related Phenomena in Semiconductors VII Encontro Regional de Matemática Aplicada e Computacional VI Encontro Regional da Sociedade Brasileira de Física-Ouro Preto-MG-2008.

26 Participação em PROCAD-INCT
Simulação computacional aplicada a sistemas nanoestruturados Capes/PROCAD. INFIS-UFU/USP/UFSM Estudo de propriedades ópticas de materiais Capes/PROCAD. INFIS-UFU/UFMG/USP Estrutura eletrônica e óptica em pontos quânticos: aplicações em transporte de spin e informação quântica Capes/PROCAD. INFIS-UFU/UFSCAR Instituto de Informação Quântica Instituto de Ciência e Tecnologia de Nanomateriais de Carbono Instituto de Ciência e Tecnologia Fotônica Instituto Nacional de Eletrônica Molecular Instituto Nacional de Nanobiotecnologia

27 Colaborações Nacionais
Universidade de São Paulo Universidade Federal de São Carlos Universidade Federal de Minas Gerais Universidade Federal do ABC Universidade Federal Fluminense Universidade Federal de Santa Maria Universidade Estadual de Campinas Universidade Estadual de Maringa Universidade Estadual de Londrina Universidade de Brasilia Universidade Estadual Paulista. Ilha Solteira Universidade Federal de Goiás Pontificia Universidade Catolica do Rio de Janeiro Universidade Federal de Rio de Janeiro Instituto de Estudos Avançados – CTA – ITA INMETRO

28 Colaboração Internacional
University of Tennessee, Department of Physics, USA. Ohio University, Department of Physics, USA. Instituto Superior Técnico and ICEMS, Lisboa, Portugal. University of Exeter, School of Physics. UK. Queen's University, Department of Physics, Engineering Physics and Astronomy, Canada. Walter Schottky Institut, Technische Universität München, Germany Universitat Politècnica de Catalunya, Department of Applied Physics, Spain Facultad de Física-Instituto de Ciencia y Tecnología de Materiales, Universidad de La Habana. La Habana , Cuba Ecole Nationale Superieure de Chimie de Montpellier – France Departamento de Física, Universidad de Buenos Aires, Argentina. Departamento de Física, Facultad de Ciencias Naturales, Universidad de Oriente, Santiago de Cuba, Cuba Departamento de Física, Faculdade de Ciéncias e Tecnologia, Universidade Nova de Lisboa, Lisboa, Portugal

29 Impacto Internacional
Participação em Convênios Internacionais COFECUB-França. GRICES-Portugal. CIAM-CNPq. Brasil/Chile/USA. Decoerencia, Correlação e Efeitos de Spin em Sistemas Nanoestruturados Center for Nanophase Materials Sciences. Oak Ridge National Laboratory. USA Red Latinoamericana de Materiales Ferroelétricos

30 Objetivos atingidos triênio
Doutorado em Física 2008 Aumento da qualidade e quantidade da produção científica Aumento da infraestrutura de pesquisa Aumento no número de Grupos e Laboratórios de pesquisa Aumento da captação de recursos: orgãos de fomento Melhora na participação em atividades de Extensão Tempo de defesa compatível Projetos de pesquisa de maior abrangência: Aumento da visibilidade e inserção nacional/internacional. Colaborações. Convênios Aumento progressivo do número de alunos matriculados e defesas Controle das concentrações em publicações, orientações.

31 Principais dificuldades
Saturação no número de bolsas disponíveis. Sem acesso a bolsas CNPq Participação em editais bolsas CNPq M/D ao pesquisador Insuficiente espaço físico Reforma e adequação das atuais instalações Expansão Captação de alunos Extensão Captação de pós-doutorandos PNPD Prodoc Estrutura administrativa da UFU não completamente optimizada para atender as necessidades de Pesquisa e Pós-graduação Dificuldades na captação de alunos de outros estados. Prova de ingresso. Processos de compra. Ineficiente estrutura académica de cursos de graduação. Impacto no número de horas/aula

32 Planejamento e Metas Criação de nova linha de pesquisa (2010-):
Óptica quântica em sólidos: teórico-experimental Espaço Físico: Laboratórios de Pesquisa Melhoras no espaço físico atual Ampliação em ambiente adequado às atividades de pesquisa Acompanhamento de bolsistas (2008-) Aproveitamento, desenvolvimento e qualidade dos trabalhos Visibilidade Captação de alunos Eventos, Escolas, Extensão Laboratórios Favorecer o fortalecimento de Grupos e Laboratórios novos. Produção científica Estimular a produção discente/orientador e participação de discentes em Projetos de Pesquisa. Política de Contratações Definir áreas prioritárias de contratação e objetivos em pesquisa no médio prazo

33 Visibilidade e transparência
Página WEB do Programa: Processos Seletivos Normal Gerais do Programa Grupos de Pesquisa Corpo docente Áreas de Concentração Dissertações de mestrado (Teses de Doutorado ) Seminários e palestras convidadas Defesas e exames de qualificação Outras atividades relacionadas ao Programa A distribuição do PROAP, é discutida e aprovada pelo Colegiado do Programa, A coordenação dispõe de relatorios parciais sobre o estado financeiro do Programa que podem ser consultados quando necessário.


Carregar ppt "Pós-graduação em Física"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google