A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ELEPOT Produções Orgulhosamente (ou não) Apresenta: Parte I: A manhã de um baitola.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ELEPOT Produções Orgulhosamente (ou não) Apresenta: Parte I: A manhã de um baitola."— Transcrição da apresentação:

1 ELEPOT Produções Orgulhosamente (ou não) Apresenta: Parte I: A manhã de um baitola.

2 Estrelando

3 Todo dia sempre a mesma coisa rotineira, Julicha dorme no laboratório e tenta cumprir sua árdua tarefa de boiolar.

4 ZZZZZ! Ai Jorjão. ZZZZZ! Não Jorjão. ZZZZZ! Assim Jorjão

5 Vamos entrar nos sonhos do pequenino siri.

6

7 Após acordar, Sirinerço Beiçola inicia suas tarefas baitolísticas do dia.

8 Será que hoje o pessoal vai querer fazer o de sempre? Tolinhos, acham que eu não gosto da brincadeira.

9 Ai se eu não acabar esse trabalho os professores vão me foder. HUM, até que não seria má idéia. Ui, ui, ui!

10 Pra piorar essa droga de simulação não funciona. Acho que vou ver umas fotos daquele catálogo de michês para distrair um pouco.

11 Hah, aí tá sua foto Jorjão, só você que me entenderia. Pena que você ainda está nos meus sonhos e seu preço é muito caro. Com essa bolsa de estudos só posso mesmo é me virar com o meu pequenino canudinho.

12 Veja o meu sonho de consumo porco. Não é um tesão? Acho que ele combina contigo. É um bofe e tanto!!! Siri, que porra é essa? Tá olhando foto de macho?

13 Então Sirinerço desliga o monitor. Pare de olhar Porco. Ele é só meu e de mais ninguém.

14 Então, Porco se revolta. Tome esse venha para ver se você vira homem, uai. Seu baitola de uma ova. Vai Porco. Só não tão forte, se não eu gamo. Ui, ai, oh yeah. Adoro um venha mineiro.

15 Percebendo o alvoroço, todo o laboratório comparece para ver o que está acontecendo.

16 Calma gentem. Um de cada vez. Pra quem gosta de fruta do mar, tem siri pra todo mundo. Só falta você Jorjão, pra completar a brincadeira. Tome um venha também seu boiola. Vou te galetear. O velho logo aparece e se pronuncia

17 Até o Urso chega pra zoar o pobre Siri Siri seu baitola, em vez de trabalhar fica vendo essas viadices. Pára droga. O que é meu eu posso dar pra quem quiser!!!

18 Olha gentem, vocês estão muito violentos. Parem, vocês só ficam me excitando e na hora de comer, ninguém quer resolver o meu problema. Não deixam eu dar uma desengomada.

19 Então Julicha fica irada e espanta a todos. Como vocês não querem me comer saiam pra lá. Parem, se não eu vou patolar. E quando eu aperto com vontade estouro até os ovos. Vocês nunca viram uma bicha nervosa.

20 Saibam que eu sou o bambibinela mais macho do laboratório. Comigo ninguém pode, nem o TUG. Não me obriguem a usar meus poderes secretos de super-boiola.

21 Com a saída de todos, Sirinerço se acalma e pensa no que vai fazer para sucumbir seu incontrolável desejo de ser deflorado.

22 Até que teve uma brilhante idéia: Pôh, sacanagem. Acabaram com a minha fantasia. Acho que vou procurar o telefone daquele michê aqui da COPPE. Bem que aquele grupo de velhinhas falou que ele é baratinho e ainda dá um desconto para estudantes.

23 Alo. É do disque Michê? Gostaria de saber se o Prisunto está livre hoje? Afinal no cartão dele diz que ele não possui preconceitos. Atendente: Olha ele dá preferência para a clientela geriátrica. Para atender a comunidade gay ele sai muito caro. Acho que pra hoje você fica sem muita opção. Tá legal. Obrigada, mocréia.

24 Julicha pensa em outra forma de acalmar o vulcão que há dentro de si. Já sei a solução. Aquela garrafa pet pode ser de alguma utilidade.

25 Depois de saciar sua vontade.

26 Essa garrafa não era muito larga, mas bem que ela quebrou um galho.

27 Fim da Manhã de um baitola. Não percam as outras partes da trilogia.


Carregar ppt "ELEPOT Produções Orgulhosamente (ou não) Apresenta: Parte I: A manhã de um baitola."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google