A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ANÁLISE DE CARGOS / JOB ANALYSIS

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ANÁLISE DE CARGOS / JOB ANALYSIS"— Transcrição da apresentação:

1 ANÁLISE DE CARGOS / JOB ANALYSIS
RECURSOS HUMANOS ANÁLISE DE CARGOS / JOB ANALYSIS

2 ANÁLISE DE CARGOS Introdução Conceitos e definição
Processos de análise de cargos

3 ANÁLISE DE CARGOS Introdução Conceitos e definição
Processos de análise de cargos

4 Representa a unidade de trabalho mais pequena, sem
ANÁLISE DE CARGOS Conceitos e definição Elemento: Representa a unidade de trabalho mais pequena, sem analisar os processos mentais. Ex.: elaboração de um exercício de treino.

5 Conjunto de elementos realizados sequencialmente
ANÁLISE DE CARGOS Conceitos e definição Tarefa: Conjunto de elementos realizados sequencialmente e produzindo um resultado significativo e identificável. Ex.: elaboração de uma sessão de treino.

6 Conjunto de tarefas com um objectivo comum. Ex.: treinar.
ANÁLISE DE CARGOS Conceitos e definição Dever: Conjunto de tarefas com um objectivo comum. Ex.: treinar.

7 Conjunto de tarefas e deveres a serem realizados por um
ANÁLISE DE CARGOS Conceitos e definição Posição: Conjunto de tarefas e deveres a serem realizados por um único indivíduo na organização. Ex.: treinador principal.

8 Conjunto de posições que são semelhantes nas tarefas
ANÁLISE DE CARGOS Conceitos e definição Cargo: Conjunto de posições que são semelhantes nas tarefas e nos deveres e por isso têm a mesma designação. Ex.: treinador.

9 Conjunto de dois ou mais cargos com tarefas e deveres semelhantes.
ANÁLISE DE CARGOS Conceitos e definição Família de cargos: Conjunto de dois ou mais cargos com tarefas e deveres semelhantes. Ex.: treinador adjunto, treinador de guarda-redes, treinador principal, etc...

10 Cargo ou conjunto de cargos existentes num grupo de
ANÁLISE DE CARGOS Conceitos e definição Ocupação/profissão: Cargo ou conjunto de cargos existentes num grupo de diversas organizações. Ex.: treinador em geral.

11 Sequência de posições, cargos e ocupações que uma
ANÁLISE DE CARGOS Conceitos e definição Carreira: Sequência de posições, cargos e ocupações que uma pessoa tem ao longo da sua vida profissional. Ex.: jogador, treinador, director técnico, director geral, presidente, etc...

12 Análise de cargos (McCormick -1979):
Conceitos e definição Análise de cargos (McCormick -1979): É o processo de obter informação detalhada sobre os cargos.

13 Análise de cargos (Cascio, W -1995):):
Conceitos e definição Análise de cargos (Cascio, W -1995):): Constitui-se como o ponto de partida para muitas das outras funções relacionadas com a gestão dos RH’s.

14 ANÁLISE DE CARGOS Introdução Conceitos e definição
Processos de análise de cargos

15 Especificação de cargos; Padrões de rendimento; Funções de RH’s.
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Bohlander -1998: Fontes de dados; Métodos de recolha; Dados do cargo; Descrição de cargos; Especificação de cargos; Padrões de rendimento; Funções de RH’s.

16 Identificação das fontes de dados:
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Fontes de dados: Identificação das fontes de dados: Analista de cargos; Supervisor; Funcionário; Entidade externa; ...

17 ... Não existe a “melhor maneira”...
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Métodos de recolha: CNP; Entrevista; Questionário: Observação; Registos existentes; ... Não existe a “melhor maneira”...

18 CNP - Classificação Nacional das Profissões;
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Métodos de recolha: CNP - Classificação Nacional das Profissões;

19 Análise funcional do cargo:
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Métodos de recolha: Análise funcional do cargo: Inventário de actividades de trabalho, p/ todos os cargos; Utiliza a observação e entrevista ao funcionário Classifica a informação em 3 funções gerais existentes em todos os cargos: dados, pessoas e “coisas”; Cada uma das funções gerais é subdividida representando uma percentagem da actividade no cargo.

20 Análise funcional do cargo:
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Métodos de recolha: Análise funcional do cargo: Dados Pessoas Coisas 0 - Sintetizar 0 - Aconselhar 0 - Instalar/Preparar 1 - Coordenar 1 - Negociar 1 - Trabalho de precisão 2 - Analisar 2 - Instruir 2 - Controlar operações 3 - Compilar 3 - Supervisionar 3 - Conduzir operações 4 - Calcular 4 - Distrair 4 - Manipular 5 - Copiar 5 - Persuadir 5 - Atender 6 - Comparar 6 - Falar-transmitir 6 - Fornecer-produzir 7 - Servir 7 - Tratar 8 - Rceber instruções

21 Questionário de análise das posições:
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Métodos de recolha: Questionário de análise das posições: Analisa as actividades nos cargos através de 194 tarefas ou elementos; Estas 194 tarefas encontram-se distribuídas por 6 categorias;

22 Questionário de análise das posições:
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Métodos de recolha: Questionário de análise das posições: Categorias Nº Elementos do cargo 1. Input de informação - Como e onde é que o funcionário obtém a informação necessária para realizar o cargo (utilização de inputs visuais ou sensoriais) ? 35 2. Processos mentais - Que raciocínio, planeamento, tomada de decisão ou actividades de processamento de informação são necessárias para realizar as actividades ? 14 3. Output do trabalho - Que actividades físicas são realizadas e que instrumentos são utilizados ? 49 4. Relacionamentos com outras pessoas - Que relacionamentos com outras pessoas são necessários para realizar o cargo (negociação, realização de actividades de supervisão) ? 36 5. Contexto do cargo - Em que contexto físico e social é realizado o trabalho (perigos, stress) ? 19 6. Outras características do cargo - Que outras carcerísticas ou actividades são relevantes para o cargo (equipamentos necessários, horário, salário,...) ? 41

23 1.1 Fontes de informação do cargo
Input de Informação Grau de utilização - U 1. Input de informação NA - Não se aplica 1.1 Fontes de informação do cargo Classifique cada um dos seguintes items no que respeita ao grau em que ele é usado pelo funcionário como uma fonte de informação na realização do seu trabalho. 1 - Pouco frequente 2 - Ocasional 3 - Moderado 4 - Considerável 1.1.1 Fontes de informação visual do cargo 5 - Muito frequente 1 U Material escrito (livros, relatórios, circulares, artigos, instruções do cargo, etc...) 2 U Material quantitativo (material relacionado com quantidades, tais como gráficos, cálculos, especificações, tabelas de números, etc...) 3 U Material gráfico (figuras ou material semelhante usado como fonte de informação, como por exemplo desenhos, diagramas, mapas, fotografias, vídeo, TV, etc,...) 4 U Modelos/dispositivos relacionados (modelos, exemplos, etc..., usados como fonte de informação quando observados durante utilização; não incluir aqui materiais descritos no anterior ponto 3) 5 U Mostradores visuais (relógios, sinais de luzes, mostradores, manómetros, radares, scaners, etc...) 6 U Dispositivos de medida (Réguas, compassos, manómetros de pressão, escalas, termómetros, etc..., utilizados para obter informação visual acerca de medições físicas; não incluir dispositivos descritos no anterior ponto 5) 7 U Dispositivos mecânicos (instrumentos, equipamentos, maquinaria, e outros dispositivos mecânicos que são fonte de informação quando observados durante a sua utilização ou operação) 8 U Materiais em processamento (partes, materiais, objectos, etc,..., os quais são fonte de informação quando estão a ser modificados, trabalhados, ou processados, tais como peça sendo modificada num torno, por solas novas nos sapatos, farinha de pão quando está a ser amassada, etc...) 9 U Materiais que não estão em processamento (partes, materias, objectos, etc,...,que não estão no processo de transformação ou modificação, os quais são fontes de informação quando estão a ser inspeccionados, manipulados, embalados, distribuidos, ou seleccionados, etc..., tais como items ou materiais de um inventário, armazenagem, ou canais de distribuição, etc...) 10 U Aspectos da natureza (encostas, campos, amostras geológicas, vegetação, formação das nuvens, e outros aspectos da natureza que são observados ou inspeccionados para fornecer informação) 11 U Aspectos do envolvimento realizados pelo Homem (estruturas, edifícios, pontes, auto-estradas, portos, caminhos de ferro, e outros aspectos realizados pelo homem ou aspectos alterados do envolvimento exterior, os quais são observados ou inspeccionados para fornecer informações sobre o cargo; não considere equipamento, máquinas, etc..., que um indivíduo utilize no seu trabalho, tal como foi referido no ponto 7)

24 Método dos incidentes críticos:
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Métodos de recolha: Método dos incidentes críticos: Tenta identificar as tarefas críticas do cargo: o que é excepcional/ bom ou mau e que pode levar ao sucesso ou insucesso no cargo.

25 Método dos incidentes críticos:
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Métodos de recolha: Método dos incidentes críticos: Descrição das tarefas realizadas pelo árbitro assistente, utilizando o método dos incidentes críticos. Eu auxílio o árbitro, assinalando a ocorrência de aspectos de indisciplina e o incumprimento das leis do jogo. Dou indicações sobre a ocorrência de várias situações, sempre que o árbitro não as observa dentro e fora do terreno de jogo. Registo a actuação disciplinar do árbitro, bem como os golos marcados e as substituições realizadas. Juntamente com o árbitro, efectuo o contolo do tempo de jogo, bem como da duração dos períodos de compensação. Tenho de realizar as minhas acções e utilizar a bandeirinha de acordo com a sinalética própria das acções do árbitro assistente. Para realizar estas tarefas tenho de estar em boa forma física e por isso tenho de me preparar físicamente e tenho de conhecer as leis do jogo, bem como os regulamentos das provas.

26 Os dados são transformados em informação obtendo-se: Tarefas;
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Dados do cargo: Os dados são transformados em informação obtendo-se: Tarefas; Responsabilidades; Técnicas; Conhecimentos; Deveres; Padrões de rendimento; Representa o que faz o ocupante do cargo.

27 características dos cargos analisados.
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Descrição de cargos: É elaborada a partir dos dados do cargo e representa uma lista de tarefas, deveres e responsabilidades características dos cargos analisados. Representa o que deverá fazer o ocupante do cargo.

28 Especificação de cargos:
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Especificação de cargos: É elaborada, uma vez mais, a partir dos dados do cargo e representa uma lista dos conhecimentos, das técnicas, das habilidades e de outros aspectos que o ocupante de um cargo deverá possuir. Representa o que deverá saber o ocupante do cargo.

29 Padrões de rendimento:
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Padrões de rendimento: Representam o nível de rendimento esperado e os critérios utilizados para avaliar esse mesmo rendimento. Representa o que deverá saber fazer bem o ocupante do cargo.

30 Descrição, especificação e avaliação de cargos:
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Descrição, especificação e avaliação de cargos:

31 Descrição e análise de cargos (Chiavenato):
Processos de análise de cargos Descrição e análise de cargos (Chiavenato): Descrição de cargos: processo de enumeração das tarefas que compõem um cargo, ou seja do conteúdo do cargo - aspectos intrínsecos do cargo. Análise de cargos: processo de identificação dos requisitos/exigências que o cargo solicita ao seu ocupante - aspectos extrínsecos do cargo.

32 Tarefas ou atribuições
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Descrição e análise de cargos (Chiavenato): a) Nível do cargo; b) Subordinação; c) Supervisão; d) Comunicações 1. Título do cargo; 2. Posição do cargo no organograma; 3. Conteúdo do Cargo; Descrição de = cargos: Aspectos intrínsecos Diárias; Semanais; Mensais; Anuais; Esporádicas. Tarefas ou atribuições

33 Descrição e análise de cargos (Chiavenato):
Processos de análise de cargos Descrição e análise de cargos (Chiavenato): a) Instrução necessária; b) Experiência; c) Iniciativa; d) Aptidões necessárias Requisitos mentais Análise de = cargos: a) Esforço físico necessário; b) Concentração; c) Constituição física; Aspectos extrínsecos Requisitos físicos Factores de especificações; a) Por supervisão; b) Por materiais/equipamentos; c) Por dinheiro, segurança, etc..; Responsa-bilidades Condições de trabalho a) Ambiente de trabalho; b) Riscos envolvidos;

34 Perfil profissional (INOFOR):
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Perfil profissional (INOFOR): I – Referencial de actividades: Designação; Outras designações utilizadas; Profissões empregos agregados; Missão; Local de exercício da actividade; Condições de exercício; Área funcional; Actividades – representam as intervenções profissionais, por áreas de intervenção e segundo uma sequência funcional

35 Perfil profissional (INOFOR):
ANÁLISE DE CARGOS Processos de análise de cargos Perfil profissional (INOFOR): II – Referencial de competências mobilizáveis (dizem respeito aos saberes): saberes-fazer técnicos: referem-se à utilização de métodos e instrumentos e à operacionalização de saberes técnicos, tecnológicos e científicos; saberes: referem-se a conhecimentos relativos a um domínio disciplinar científico, técnico ou tecnológico; saberes-fazer sociais e relacionais: referem-se a atitudes e qualidades pessoais e relacionais, relativas à disposição p/ agir e reagir aos outros e ao trabalho; III – Formação e experiência: IV – Especificidades do mercado de trabalho: V - Elementos de prospectiva:


Carregar ppt "ANÁLISE DE CARGOS / JOB ANALYSIS"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google