A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Movimento Uniformemente Variado Prof. Paulo Costa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Movimento Uniformemente Variado Prof. Paulo Costa."— Transcrição da apresentação:

1

2 Movimento Uniformemente Variado Prof. Paulo Costa

3 Movimentos Variados Quando um corpo varia sua velocidade escalar, dizemos que ele está com movimento variado, e essa variação recebe o nome de aceleração. Aceleração é a razão entre a variação da velocidade e o tempo transcorrido desta variação. a = ΔV / ΔT Movimento Acelerado Quando a velocidade aumenta. Movimento Retardado Quando a velocidade diminui

4 Movimento Uniformemente Variado Mov. Acelerado Progressivo acelerado Mov.Retardado Progressivo retardado

5 Movimento Uniformemente Variado (MUV) A tabela mostra os valores da velocidade de um atleta que disputa a corrida de São Silvestre em função do tempo,nos segundos iniciais da corrida. A) Esboce um gráfico da velocidade em função do tempo nos eixos cartesianos ao lado. B) Calcule a aceleração do atleta nos primeiros 3 segundos da corrida. ( UNICAMP) SOLUÇÃO: A ordenada é a velocidade e a abcissa é o tempo. A aceleração será uma reta. a = v/t = 5,4-0 / 3,0 -0 a = 1,8 m/s² V(m/s)0,01,83,65,4 T(s)0,01,02,03,0 v t 5,4 3,0

6 A = aceleraçãoV = velocidade V0 = velocidade inicial T = tempo S = variação da posição FórmulasA = V – V0 / TV = V0 + a.TS = S0 + V0 T + aT²/2 V² = V0 ² + 2 a ( S) V m = V f + V i 2 V m = V f + V i 2

7 Gráficos do MUV No gráfico VxT a reta será a aceleração, e a área da figura geométrica será o espaço percorrido. Dependendo da inclinação a aceleração pode ser: positiva; negativa e nula. O gráfico Sxt é uma parábola, onde a concavidade mostra o sinal da aceleração. Quando a concavidade é para cima a aceleração é positiva. Quando a concavidade é para baixo a aceleração é negativa

8 Gráficos do MUV No gráfico VxT a reta será a aceleração, e a área da figura geométrica será o espaço percorrido. S = ( B x H ) / 2 aceleração Dependendo da inclinação a aceleração pode ser: positiva; negativa ou nula.

9 Gráficos do MUV Dependendo da inclinação a aceleração pode ser: positiva; negativa ou nula. Velocidade constante a = 0 Aceleração positiva Aceleração negativa V( m/s) T(s)

10 O gráfico S x t é uma parábola, onde a concavidade mostra o sinal da aceleração. Quando a concavidade é para cima a aceleração é positiva. Quando a concavidade é para baixo a aceleração é negativa A>0 A<0 S T S T

11 a) quando ele percebe o pardal, ele já foi multado. b) quando ele percebe o pardal, ele se encontra a 20 m do mesmo. c) com essa velocidade, 35 m/s, ele pode passar que não será multado. d) para não ser multado, ele deve imprimir ao seu carro uma desaceleração de 20 m/s². e) para não ser multado, ele deve imprimir ao seu carro uma desaceleração de 3,5 m/s². Concurso Vestibular (15) UNIRIO/ENCE – 2008 O gráfico ao lado mostra o comportamento de um motorista, testando seu carro novo. Ele parte do repouso de um sinal, imprimindo ao carro uma aceleração constante sem saber que a 200 m à sua frente existe um pardal que multa, fotografando carros com velocidades superiores a 54 km/h. Aos dez segundos, após a arrancada e com velocidade de 35 m/s, ele percebe a presença do pardal. Sobre a situação proposta, podemos afirmar que:

12 Gráficos do MUV – SOLUÇÃO


Carregar ppt "Movimento Uniformemente Variado Prof. Paulo Costa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google