A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Insetos Luisa Curcio Matheus Bayer Clara Barros 7 M 3.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Insetos Luisa Curcio Matheus Bayer Clara Barros 7 M 3."— Transcrição da apresentação:

1 Insetos Luisa Curcio Matheus Bayer Clara Barros 7 M 3

2 Reino: Animal Filo: Artrópodes Significado do nome do filo: Do grego arthrospodos, arthros significa articulado e podos significa pés ou patas. Principais características: O corpo está dividido em três partes bem definidas: a cabeça (composta pelos olhos, antena e mandíbula), o tórax (composto por três pares de patas e asas) e o abdômen (onde se dá a digestão dos alimentos e onde são produzidos os ovos, que darão origem a novos insetos). Têm o esqueleto externo que cobre o corpo. Podem sofrer metamorfose. Alguns insetos são agentes polinizadores.

3 Modo de vida Existem insetos que vivem em comunidades, como as formigas e as abelhas, que são extremamente organizadas. As formigas passam o verão juntando alimento e no inverno ficam no formigueiro se alimentando e se aquecendo. Os insetos constroem sua própria moradia que, normalmente, se encontram no solo ou em tronco de árvores. A abelha produz seu principal alimento a partir do néctar e é um exemplo de agente polinizador.

4 Tipo de alimentação: Os insetos são heterótrofos por digestão, ou seja, elas não produzem seus próprios alimentos. O tubo digestório desses seres é bastante desenvolvido. Um exemplo seriam as formigas, que possuem uma dieta variada, mas a grande maioria é onívora, ou seja, podem se alimentar tanto de vegetais quanto animais ou mesmo de restos de alimentos humanos. No caso das carnívoras, os principais alvos são animais mortos e secreções de insetos vivos. Já no caso das herbívoras, seiva, néctar ou fungos. –> 1:16 – 1:58 Digestão do alimento: Primeiramente, o alimento é umedecido pela saliva. Em seguida, o alimento passa pela faringe e segue pelo papo, para o estômago e, finalmente, para o intestino. Os resíduos são eliminados pelo ânus.

5 Reprodução dos insetos: Os insetos têm sexos separados, sua reprodução é sexuada e a fecundação é interna. A grande maioria dos insetos nasce a partir de ovos depositados por sua genitora em locais propícios ao seu desenvolvimento, o que os classifica como sendo ovíparos. O desenvolvimento pode ser direto ou indireto ( metamorfose completa ou incompleta ). Curiosidades: Vaga-lumes produzem luz principalmente por 2 motivos: 1.para se defender de seus predadores, pois ao se sentir ameaçado, acende sua lanterna e assusta o predador; 2.para se reproduzir, pois utilizam sua luz para atrair o sexo oposto na hora da reprodução. A cor da luz varia de acordo com a espécie do vaga-lume e esses insetos estão ameaçados pela forte iluminação das cidades, pois ao entrarem em contato com essa forte iluminação sua emissão de luz é anulada, interferindo na reprodução e na sua defesa, podendo levá-los até a serem extintos.

6 Relações com o ser humano: Alguns insetos também produzem substâncias úteis ao ser humano como, por exemplo, o mel e a cera, produzidos pelas abelhas, e a seda, produzida pelos bichos-da-seda; Os insetos também nos transmitem doenças, como por exemplo o Aedes Aegypti, que transmite a dengue. Relações com o meio ambiente: Alguns insetos se alimentam de animais e plantas mortas, contribuindo assim para a decomposição dos produtos orgânicos; Muitos deles alimentam-se de outros insetos, ajudando a manter o equilíbrio na natureza. Bibliografia: Livro de Ciências, Para viver juntos, páginas 221 a 223, AGUILAR, João Bibliografia: Livro de Ciências, Para viver juntos, páginas 221 a 223, AGUILAR, João


Carregar ppt "Insetos Luisa Curcio Matheus Bayer Clara Barros 7 M 3."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google