A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Música...2:15 https://www.youtube.com/watch?v=dbYEzHXzmLw.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Música...2:15 https://www.youtube.com/watch?v=dbYEzHXzmLw."— Transcrição da apresentação:

1 Música...2:15 https://www.youtube.com/watch?v=dbYEzHXzmLw

2 Não pare de acreditar... ou Tenha esperança!

3 A mensagem espalhou-se pelo mundo, mas na semana passada...7:21

4 É bom relembrar que a discussão é atual e “enemmente” interessante...

5 c (Enem) A vida na rua como ela é
c (Enem) A vida na rua como ela é... O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) realizou, em parceria com a ONU, uma pesquisa nacional sobre a população que vive na rua, tendo sido ouvidas pessoas em 71 cidades brasileiras. Nesse levantamento, constatou-se que a maioria dessa população sabe ler e escrever (74%), que apenas 15,1% vivem de esmolas e que, entre os moradores de rua que ingressaram no ensino superior, 0,7% se diplomou. Outros dados da pesquisa são apresentados nos quadros a seguir.

6 As informações apresentadas no texto são suficientes para se concluir que
a) as pessoas que vivem na rua e sobrevivem de esmolas são aquelas que nunca estudaram. b) as pessoas que vivem na rua e cursaram o ensino fundamental, completo ou incompleto, são aquelas que sabem ler e escrever. c) existem pessoas que declararam mais de um motivo para estarem vivendo na rua. d) mais da metade das pessoas que vivem na rua e que ingressaram no ensino superior se diplomou. e) as pessoas que declararam o desemprego como motivo para viver na rua também declararam a decepção amorosa.

7 (Enem) TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 2 QUESTÕES:
A carreira do crime Estudo feito por pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz sobre adolescentes recrutados pelo tráfico de drogas nas favelas cariocas expõe ...as dificuldades que o Estado enfrenta no combate ao crime organizado. O trafico oferece aos jovens de escolaridade precária (nenhum dos entrevistados havia completado o ensino fundamental) um plano de carreira bem estruturado, com salários que variam de R$ 400,00 a R$ mensais. ... segundo dados do IBGE de 2001, 59% da população brasileira com mais de dez anos ... ganha no máximo o ‘piso salarial’ oferecido pelo crime. Dos traficantes ouvidos pela pesquisa, 25% recebiam mais de R$ mensais; já na população brasileira essa taxa não ultrapassa 6%. ... Bolsa-Escola (que paga R$ 15 mensais por aluno matriculado),.. A única maneira de reduzir a atração exercida pelo crime é a repressão... É preciso que o Executivo federal e os estaduais desmontem as organizações paralelas erguidas pelas quadrilhas, para que a certeza de punição elimine o fascínio dos salários do crime.  Editorial. Folha de São Paulo. 15 jan

8 e. (Enem) No Editorial, o autor defende a tese de que “as políticas sociais que procuram evitar a entrada dos jovens no tráfico não terão chance de sucesso enquanto a remuneração oferecida pelos traficantes for tão mais compensatória que aquela oferecida pelos programas do governo”. Para comprovar sua tese, o autor apresenta a) instituições que divulgam o crescimento de jovens no crime organizado. b) sugestões que ajudam a reduzir a atração exercida pelo crime organizado. c) políticas sociais que impedem o aliciamento de crianças no crime organizado. d) pesquisadores que se preocupam com os jovens envolvidos no crime organizado. e) números que comparam os valores pagos entre os programas de governo e o crime organizado.

9 d. (Enem) Com base nos argumentos do autor, o texto aponta para
a) uma denúncia de quadrilhas que se organizam em torno do narcotráfico. b) a constatação de que o narcotráfico restringe-se aos centros urbanos. c) a informação de que as políticas sociais compensatórias eliminarão a atividade criminosa a longo prazo. d) o convencimento do leitor de que para haver a superação do problema do narcotráfico é preciso aumentar a ação policial. e) uma exposição numérica realizada com o fim de mostrar que o negócio do narcotráfico é vantajoso e sem riscos.

10 Já comentamos sobre isso no início de maio...
Na época havia um consenso em relação a descriminalização do uso...

11 Em maio de 2013, foi realizado em Brasília, um Congresso Internacional sobre Drogas no Museu Nacional da República, sobre os impactos do tráfico em diversos setores. O congresso visa consolidar, documentar e fornecer ao governo, aos profissionais, aos estudantes e à sociedade, subsídios técnico-científicos capazes de alicerçar o debate e indicar caminhos concretos e alternativas que minimizem as consequências negativas da atual política de guerra às drogas e criminalização de usuários....até 3:22

12 Entre os grandes defensores do debate, no Brasil, está o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso que é a favor da descriminalização das drogas. Ele afirma que os dependentes químicos precisam de auxílio diferenciado e necessitam ser vistos como “doentes” e não como criminosos. Descriminalização é tirar determinado ato como sendo criminoso. Regular é permitir o uso de drogas em lugares determinados. Legalizar é liberar o uso de drogas.

13 Porém, com a onda de mortes no trânsito e crescimento do consumo de craque nas grandes cidades...
No final de maio...1:52

14 Esta semana o tema voltou com o enfoque em quem estaria por traz da indústria legal da maconha, principalmente nos EUA ...18:04

15 Ontem, a descriminalização ganhou um opositor de peso...3:12

16 Voltando ao início... Não pare de acreditar... ou Tenha esperança!
Música...2:15 https://www.youtube.com/watch?v=dbYEzHXzmLw


Carregar ppt "Música...2:15 https://www.youtube.com/watch?v=dbYEzHXzmLw."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google