A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Módulo 18 – Brasil: Climas e Domínios Vegetais Prof. Raphael Barbosa Ramos.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Módulo 18 – Brasil: Climas e Domínios Vegetais Prof. Raphael Barbosa Ramos."— Transcrição da apresentação:

1 Módulo 18 – Brasil: Climas e Domínios Vegetais Prof. Raphael Barbosa Ramos

2 Cap. 01 – Fatores e elementos que influenciam a formação dos climas brasileiros

3 O Fator Latitude O território brasileiro localiza-se quase inteiramente na zona de baixa latitude (5°1619 de latitude Norte até os 33°4509) de Latitude Sul. A maior parte do território brasileiro encontra-se na faixa tropical, ou seja, entre os trópicos de câncer e capricórnio, o lugar mais aquecido e iluminado do planeta. Apenas a Região Sul do nosso país está na porção temperada, sendo portanto a mais fria.

4

5 Outros fatores climáticos -> Altitude; -> Maritimidade; -> Continentalidade; -> Correntes Marítimas. A influência da Altitude em nosso país é menor, pois o relevo brasileiro apresenta baixa altitude. Outro fator que exerce influência moderada no clima são as correntes marítimas, pois nosso país é banhado por correntes quentes, mantendo as elevadas temperaturas.

6

7 Tempo Atmosférico Tempo é o resultado de uma combinação passageira dos elementos do clima, destacando-se a temperatura e a umidade. É o estado atual da atmosfera em determinado momento e que pode mudar através da movimentação das massas de ar. O tempo pode ser representado pelas seguintes expressões: Dia nublado, ensolarado, parcialmente nublado, chuvoso e etc. A ciência que estuda o tempo é a Meteorologia.

8

9 Massas de Ar que atuam no Brasil É uma grande porção da atmosfera que se individualiza pelas suas características de temperatura e umidade. São grandes porções de ar atmosférico que se deslocam pelo planeta levando condições de temperatura e umidade do local de origem, modificando as temperaturas dos seus destinos. No Brasil, atuam 5 massas de ar, sendo 4 massas quentes e 1 fria, são elas:

10 mEc: Massa Equatorial Continental – Quente e seca, agindo na Região Norte e Nordeste do Brasil. mEa: Massa Equatorial Atlântica – Quente e úmida, agindo na Região Norte e Nordeste. mTc: Massa Tropical Continental – Quente e seca, agindo nas Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. mTa: Massa Tropical Atlântica – Quente e úmida, agindo nas Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. mPa: Massa Polar Atlântica – Fria e úmida, agindo nas Regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

11

12 Clima É a sucessão habitual dos tipos de tempo em determinado lugar da superfície. É o conjunto de características de tempo observadas durante cerca de 30 anos que sempre se repetem de forma alternada. A ciência que estuda o clima é a Climatologia. Um clima não muda por fatores naturais, apenas com interferência humana. Alguns tipos de clima: Tropical, Equatorial e Subtropical.

13

14 Cap. 02 – Os tipos de clima do Brasil

15 Classificações climáticas São usadas para identificar e caracterizar os tipos de clima e para agrupá-los por semelhanças. As mais usadas são: Wilhelm Köppen e a de Arthur Strahler. A classificação de wilhelm Köppen considera as médias de temperatura e chuvas durante um intervalo de 30 anos. A Classificação de Arthur Strahler baseia-se na escola de climatologia denominada de Climatologia Dinâmica.

16

17 Climograma É um gráfico que mostra informações como: Temperatura e umidade. Geralmente as temperaturas estão representadas pela linha e a umidade pelas barras verticais. A Regra é clara: quanto mais alto estiverem a linha e as barras maiores serão as temperaturas e a umidade. Conhecer um climograma permite saber que tipo de clima ele representa, tome cuidado com o hemisfério em que se encontra a localidade destacada.

18

19 Clima Equatorial Úmido Ocorre na região amazônica, abrangendo estados das regiões norte, nordeste e centro- oeste. A temperatura média é de 25°C, com amplitude térmica anual pequena e chuvas abundantes, variando entre 1300 e 2600 mm anuais. Portanto, trata-se de um clima quente e úmido.

20

21 Clima tropical Ocorre nas regiões sudeste, centro-oeste e nordeste. As temperaturas médias anuais são superiores a 20°C, havendo áreas com médias anuais superiores a 26°C. Caracteriza-se por apresentar estações bem definidas, geralmente uma mais seca e outra mais úmida. Suas características podem variar dependendo da sua localização.

22

23 Tropical Semiárido Abrange o sertão nordestino. Caracteriza-se pelas elevadas temperaturas, em torno de 28°C, e por chuvas escassas e irregulares, inferiores a 1200 mm anuais Em algumas áreas a média de chuvas fica em 600 mm anuais, concentradas nos meses do verão. Essa região é marcada pela pobreza extrema e pelos contínuos fluxos migratórios em direção aos grandes centros do país.

24

25 Clima Tropical Litorâneo Úmido Abrange todo litoral brasileiro, em áreas do nordeste e sudeste. Esse clima é caracterizado pelas elevadas temperaturas médias, geralmente superiores a 24°C, e altos índices pluviométricos, entre 1200 e 2000 mm anuais. Nessa região ocorre as chamadas chuvas orográficas ou de montanha em função do relevo litorâneo ser elevado.

26

27 Clima Tropical de Altitude Abrange áreas serranas do sudeste. Nessa região, ocorre a influência da altitude sobre o clima. Caracteriza-se por apresentar médias térmicas inferiores em relação as demais áreas de domínio tropical. As temperaturas médias ficam abaixo de 20°C e a precipitação anual é superior a 1500 mm anuais.

28

29 Clima Subtropical Úmido Ocorre na região sul do Brasil e a porção sul de São Paulo. Compreende a porção do território brasileiro, localizada abaixo do trópico de capricórnio. As médias térmicas são inferiores a 20°C e as chuvas são abundantes e bem distribuídas ao longo do ano, em torno de 1500 mm anuais. Nessa região, em virtude do relevo, pode ocorrer nevascas e fortes geadas no inverno.

30

31 Fim


Carregar ppt "Módulo 18 – Brasil: Climas e Domínios Vegetais Prof. Raphael Barbosa Ramos."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google