A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Sistematização de enfermagem Consulta de enfermagem Os componentes da SAE e a.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Sistematização de enfermagem Consulta de enfermagem Os componentes da SAE e a."— Transcrição da apresentação:

1 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Sistematização de enfermagem Consulta de enfermagem Os componentes da SAE e a relação com as teorias de enfermagem A teoria das necessidades humanas básicas

2 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Sistematização de enfermagem Sabendo-se que para a implementação da SAE a Consulta de Enfermagem é o marco que engloba as etapas abaixo descritas, pretende-se com esta aula: Descrever os componentes da SAE; Entender a importância de cada um desses componente. Relacionar a SAE com as teorias de enfermagem. Conhecer a teoria das necessidades humanas básicas.

3 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Descrevendo os componentes da SAE Consulta de Enfermagem A consulta de enfermagem é individualizada e requer conhecimento, competência e responsabilidade. Delega ao enfermeiro a autonomia de avaliar e decidir com o cliente sobre as metas a serem atingidas em conjunto. Para se obter um resultado positivo o enfermeiro deve ser capaz de detectar com precisão os problemas que evidenciam desequilíbrios, distinguindo-lhes com exatidão as variações e o grau de comprometimento para a saúde de cada cliente. ( ZAGONEL, 2000)

4 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Descrevendo os componentes da SAE Histórico de Enfermagem Finalidade Conhecer hábitos individuais do paciente que possam facilitar a adaptação do mesmo a unidade e ao tratamento,além de identificar os problemas passíveis de serem abordados nas intervenções de enfermagem. Cabe ressaltar que é este o único impresso da SAE que pode ser preenchido pelo paciente e/ou parente apresentam condições culturais para preenchimento de todos os itens e se o desejam fazê-lo. Em caso positivo, deverá o enfermeiro verificar se os dados foram devidamente preenchidos de acordo com o relato verificar se é necessário alguma intervenção para o levantamento de dados que possibilitam maior elucidação do histórico. Cabe lembrar que a entrevista compreende os aspectos biopsicossocial e ainda, que estes dados são fundamentais para a elucidação do diagnóstico de enfermagem. (http://www.enfvirtual.hpg.ig.com.br/SAE/sae.htm dsiponível em 12/05/2003)

5 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Descrevendo os componentes da SAE Exame Físico Finalidade: Levantamento de dados sobre o estado de saúde do paciente e anotação das anormalidades encontradas para ter subsídios para o diagnóstico e posterior prescrição e evolução da assistência de enfermagem. Objetivos: a)Definir, detalhadamente, a resposta do paciente ao processo de doença, especialmente aquelas respostas tratáveis por ações de enfermagem; b)Comprovar os dados obtidos na entrevista onde a enfermeira deve avaliar não somente as respostas verbais, como respostas não verbais; c)Estabelecer relacionamento inter pessoal no qual consiste no desenvolvimento de confiança na estrutura, bem como na equipe e na figura do enfermeiro em destaque; d)Estabelecer os principais dados do histórico para avaliar resultados das intervenções de Enfermagem. (http://www.enfvirtual.hpg.ig.com.br/SAE/sae.htm dsiponível em 12/05/2003)

6 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Descrevendo os componentes da SAE Exame Físico Passos Terapêuticos Inspeção É a observação detalhada, com vista desarmada, da superfície externa do corpo (aspecto, cor, forma, tamanho e movimento), bem como as cavidades que são acessíveis por sua comunicação com o exterior. - Começa ao primeiro encontro com o paciente, sendo a mais importante de todas as técnicas. -É um exame minuciosos e sistemático que visa ao comportamento do paciente e ao de seu corpo. -Com conhecimento e experiência, o examinador pode tornar-se sensível a indicações visuais. -O examinador começa cada fase do exame inspecionando a parte específica com os olhos. - (http://www.enfvirtual.hpg.ig.com.br/SAE/sae.htm dsiponível em 12/05/2003)

7 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Descrevendo os componentes da SAE Exame Físico Passos Terapêuticos Ausculta É o procedimento pelo qual se detectam os sons produzidos dentro do organismo, utilizando o estetoscópio. Palpação - envolve tocar a região ou parte corporal que se acabou de observar e notar o estado das diversas estruturas. - com a experiência vem a capacidade de distinguir as variações do normal ao anormal. - é feita de modo organizado de uma região à outra. (http://www.enfvirtual.hpg.ig.com.br/SAE/sae.htm dsiponível em 12/05/2003)

8 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Descrevendo os componentes da SAE Exame Físico Passos Terapêuticos Percussão Consiste em golpear a superfície explorada do corpo (exploração), para produzir sons que permitam avaliar as estruturas. - a percussão ajuda a determinar se o tecido subjacente é sólido ou se contém ar ou líquido. - são produzidos sons audíveis e vibrações palpáveis, que podem ser distinguidos pelo examinador. Sinais Vitais Verificação da Pressão arterial, pulso, respiração e temperatura. Peso e altura (http://www.enfvirtual.hpg.ig.com.br/SAE/sae.htm dsiponível em 12/05/2003)

9 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Descrevendo os componentes da SAE Diagnóstico de Enfermagem (parcial) O enfermeiro após ter analisado os dados colhidos no histórico, identificará os problemas de enfermagem. Estes, em nova análise levam a identificação das necessidades básicas afetadas e o grau de dependência do paciente em relação a enfermagem para o seu atendimento. (http://www.enfvirtual.hpg.ig.com.br/SAE/sae.htm dsiponível em 12/05/2003)

10 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Descrevendo os componentes da SAE Prescrição de Enfermagem É a determinação global da assistência de enfermagem que o paciente deve receber diante do diagnóstico estabelecido. A prescrição é resultante da análise do diagnóstico de enfermagem, examinando- se os problemas de enfermagem, as necessidades básicas afetadas e o grau de dependência. A prescrição de enfermagem é o conjunto de medidas decididas pelo enfermeiro, que direciona e coordena a assistência de enfermagem ao paciente de forma individualizada e contínua. (http://www.enfvirtual.hpg.ig.com.br/SAE/sae.htm dsiponível em 12/05/2003)

11 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Descrevendo os componentes da SAE Evolução de Enfermagem É o registro feito pelo enfermeiro após a validação do estado geral do paciente. Desse registro devem os problemas novos identificados, um resumo sucinto em relação aos resultados dos cuidados prescritos e problemas a serem abordados nas 24 horas subseqüentes. (http://www.enfvirtual.hpg.ig.com.br/SAE/sae.htm dsiponível em 12/05/2003)

12 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Os componentes da SAE e a relação com as teorias de enfermagem A teoria das necessidades humanas básicas Apóia-se e engloba-se nas leis gerais que regem os fenômenos universais, tais como: A lei do equilíbrio (homeostase ou hemodinâmica)- todo o universo se mantém por processos de equilíbrio dinâmico entre os seus seres; A lei da adaptação – todos os seres do universo interagem com seu meio externo buscando sempre formas de ajustamento para se manterem em Equilíbrio; A lei do holismo- o universo é um todo, o ser humano é um todo, a célula é um todo, esse todo não é mera soma das partes constituintes de cada ser. (HORTA, 1999)

13 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem A teoria de enfermagem foi desenvolvida a partir da teoria da motivação humana, de MASLOW, que se fundamenta nas necessidades humanas básicas. A enfermagem é um serviço prestado ao ser humano (indivíduo, família e comunidade) -O ser humano é parte integrante do universo dinâmico, e como tal o sujeito a todas as leis que regem, no tempo e no espaço. - O ser humano está em constante interação com o universo, dando e recebendo energia. - A dinâmica do universo provoca mudanças que levam a estados de equilíbrio e desequilíbrio no tempo e no espaço. (HORTA, 1999)

14 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Resulta, pois: 1. O ser humano como parte integrante do universo está sujeito a estados de equilíbrio e desequilíbrio no tempo e no espaço. Ser humano capacidade de reflexão imaginação e simbolização uni passado presente e futuro (HORTA, 1999) características como: unicidade, autencidade e individualidade. agente de mudanças no universo. causa equilíbrio e desequilíbrio estados de tensão

15 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Resulta, pois: 2. O ser humano como agente de mudança, é também a causa de equilíbrio e desequilíbrio em seu próprio dinamismo. Ser humano (HORTA,1999) agente de mudanças no universo. desequilíbrio estados de tensão causa a doença equilíbrio dinâmico no tempo e no espaço estar com saúde

16 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem A enfermagem como parte integrante da equipe de saúde Resulta em: - Como parte da equipe de saúde, a enfermagem mantém o equilíbrio dinâmico, previne desequilíbrios e reverte desequilíbrios em equilíbrio do ser humano, no tempo e no espaço. - O ser humano tem necessidades básicas que precisam ser atendidas para seu completo bem- estar. - O conhecimento do ser humano a respeito do atendimento de suas necessidades é limitado por seu próprio saber, exigindo, por isto, o auxílio de profissional habilitado.. (HORTA,1999)

17 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem A enfermagem como parte integrante da equipe de saúde Resulta em: -Em estados de desequilíbrio esta assistência se faz mais necessária. -Todos os conhecimentos e técnicas acumuladas sobre a enfermagem dizem respeito ao cuidado do ser humano, isto é, como atendê-lo em suas necessidades básicas. - A enfermagem assiste o ser humano no atendimento de suas necessidades básicas, valendo- se para isto dos conhecimentos e princípios científicos das ciências físico- químicas, biológicas e psicossociais. (HORTA,1999)

18 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Conclusão A enfermagem como parte integrante da equipe de saúde implementa estados de equilíbrio, previne estados de desequilíbrio e reverte desequilíbrios em equilíbrio pela assistência ao ser humano no atendimento de suas necessidades básicas; procura sempre reconduzi-lo à situação de equilíbrio dinâmico no tempo e no espaço. (HORTA,1999)

19 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Necessidades Humanas Básicas MASLOW baseia sua teoria sobre a motivação humana nas necessidades humanas básicas. Estas foram por ele hierarquizadas em cinco níveis: 1) necessidades fisiológicas, 2) de segurança, 3) de amor, 4) de estima, 5) auto-realização. Na enfermagem a denominação de João Mohana é mais utilizada sendo elas: necessidades de nível psicológico, psicossocial e psicoespirituais; os dois primeiros níveis são comuns a todos os seres vivos nos diversos aspectos de sua complexidade orgânica, mas o terceiro nível, por enquanto e dentro dos conhecimentos atuais, é característica única do homem. (HORTA,1999)

20 Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem (HORTA,1999) Necessidades psicobiológicas oxigenação, hidratação, nutrição, eliminação, sono e repouso, exercícios e atividades físicas, sexualidade, abrigo, mecânica corporal, motilidade, cuidado corporal, integridade cutâneo- mucosa,integridade física, regulação (térmica, hormonal, neurológica, hidrossalina, eletrolítica, imunológica, crescimento celular, vascular), locomoção, percepção (olfativa, visual,auditiva, tátil, gustativa, dolorosa), ambiente, terapêutica. Necessidades Psicossociais segurança, amor, liberdade, comunicação, criatividade, aprendizagem (educação à saúde), gregária, recreação, lazer, espaço, orientação no tempo e espaço, aceitação, auto- realização, auto- estima, participação, auto- imagem, atenção. Necessidades psicoespirituais religiosa ou teológica, ética ou filosofia de vida.

21 Exemplos de Formulação de Diagnósticos de Enfermagem Reunião de problemasIdentificação da necessidade do paciente Formulação do Diagnóstico de Enfermagem Diarréia por 3 semanas Abdomen distendido História familiar de neoplasia maligna Alterações nos padrões de evacuação. Alteração da evacuação intestinal relacionada à diarréia de causa desconhecida. Perda de peso de 30 Kg Diarréia Anemia, nível de hemoglobina de 12 Kg Excessiva perda de peso.Alteração potencial na nutição: menor do que as necessidades corpóreas relacionadas à diarréia crônica por 3 semanas. Fumante de 40 maços/ ano Alterações enfisematosas leves, reveladas no raio X de tórax Creptações auscultas nos campospulmonares Programado para cirurgia abdominal Risco de complicações respiratórias pós- operatórias Potencial para diagnóstico das vias aéreas no pós- operatório realcionados à limitação da movimentação da caixa torácica associada à incisão abdominal Colostomia temporária Incisão abdominal Mudança na auto- imagemDistúrbio potencial de auto conceito relacionado à mudança da auto- imagem Medo verbalizado de câncer no estômago Isolamento após biópsia revelando neoplasia maligna Mudanças nas interações interpessoais Enfrentamento ineficaz em potencial relacionado à reaçõa sobre o diagnóstico de câncer. Fonte: Capítulo 6 - Implementação do Processo de Enfermagem (adaptado POLIT, 2004)


Carregar ppt "Unidade II: Os propósitos e etapas essenciais para o cuidar em enfermagem Sistematização de enfermagem Consulta de enfermagem Os componentes da SAE e a."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google