A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Processo de Enfermagem Universidade Castelo Branco Curso de Enfermagem Profª Alcinéa Cristina F. de Oliveira.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Processo de Enfermagem Universidade Castelo Branco Curso de Enfermagem Profª Alcinéa Cristina F. de Oliveira."— Transcrição da apresentação:

1 1 Processo de Enfermagem Universidade Castelo Branco Curso de Enfermagem Profª Alcinéa Cristina F. de Oliveira

2 2 Processo de Enfermagem Abordagem ao cliente: Livre-se dos seus pressupostos Ouça atentamente Ouça com os olhos Seja autêntica(o) Mostre-se disponível para estabelecer relação de ajuda

3 3 O Processo de Enfermagem é: Sistemático. Etapas Dinâmico. Humanizado.- levar em conta o cliente Dirigido a resultados Por que aprender sobre ele ? Enfermeira voltada para o pensamento, mais que para tarefa

4 4 Diagnóstico Planejamento Implementação Avaliação Investigação

5 5 Processo de enfermagem é um método de solução de problemas. É organizado para ajudar o enfermeiro a abordar de forma lógica as situações que podem causar problemas. Etapas: Investigação Diagnóstico Planejamento Implementação Avaliação Cada etapa depende da exatidão da anterior

6 6 Etapas do Processo de Enfermagem Investigação:coleta de dados/ entrevista e exame físico / desejo forte Diagnóstico (identificação de Problemas) análise para determinar os problemas reais e potenciais e ainda compra de mantimentos Planejamento: Em 4 etapas essenciais: Determinação de prioridades imediatas Estabelecimento de resultados esperados(metas) Determinação das intervenções Registro ou individualização do plano de cuidados Implementação: refletir sobre o que você está fazendo Investigar a situação atual da pessoa antes de agir Realizar as intervenções e reinvestigar para determinar as respostas iniciais Comunicar e registrar Avaliação Como a situação de saúde e a capacidade funcional da pessoa são comparadas aos resultados esperados ? Se a pessoa atingiu os resultados, ela está pronta para controlar seus cuidados sózinha ?

7 7 Investigação Coleta de dados (informações) sobre o indivíduo, família ou grupo: Perfil socioeconômico Hábitos de vida / lazer, padrões de sono, cuidados de saúde Espiritualidade Família / seu posicionamento, seu papel dentro da família Exame físico:inspeção, ausculta, palpação e percussão Validação dos dados: precisos/completos Organização dos dados: agrupamento dos dados para auxílio do padrão da doença/saúde Comunicação e Registro dos dados: Como fazer ? Registrar os dados significativos de forma clara para todos. Priorizar ações

8 8 Diagnóstico É o julgamento sobre os dados da investigação Identificação dos problemas reais, fatores de risco e previsão de problemas potenciais O diagnóstico é um elemento fundamental por 3 razões: Precisão e relevância Plano pró-ativo Redução de custo e maximização da eficiência Problemas colaborativos Exigem intervenção de enfermagem e médica em ações imediatas e a longo prazo. Não podem ser impedidos mas podem se detectados precocemente. Ex: sangramento NANDA :North American Nursing Diagnosis Association Função de : Identificar / nomear / Validar e classificar problemas de saúde que a(o)s enfermeira(o)s diagnosticam e tratam

9 9 Planejamento Estabelecimento de prioridades, determinação de resultados, registro do plano. O plano atende a 4 finalidades principais: 1. Promover a comunicação entre os cuidadores 2. Direcionar o cuidado e a documentação 3. Criar um registro capaz de, mais tarde, ser usado para avaliação, pesquisa e razões legais 4. Proporcionar documentação das necessidades de cuidados de saúde com finalidades de reembolso das seguradoras

10 10 Plano de cuidados: 4 componentes principais 1. Resultados esperados 2. Problemas reais e potenciais 3. Intervenções específicas 4. Avaliação/registros de evolução A combinação das letras RPIA R = Resultados esperados P = Problemas reais e potenciais I = Intervenções específicas A = Avaliação/ registro de evolução

11 11 Estabelecimento de prioridades Escolher um método Por exemplo a hierarquia das Necessidades de Maslow 1. Necessidades fisiológicas 2. Segurança e proteção 3. Amor e pertinência 4. Auto-estima 5. Metas pessoais Confira alta prioridade e problemas capazes de contribuir para outros problemas Sua capacidade para estabelecer prioridades com sucesso é influenciada pela compreensão de vários fatores

12 12 Avaliação Avaliação dos dados Dados atuais Parâmetro de normalidade

13 13 Tipos de avaliação Avaliação dos problemas colaborativos Avaliação dos diagnósticos de enfermagem e do progresso para o alcance das metas Avaliação do estado e da vigência do plano de cuidados

14 14 Investigação Diagnóstico Planejamento Implementação Avaliação Verificar se há mudanças do estado de saúde e se todos os dados são exatos e completos Determinar se os diagnósticos e os Problemas que Exigem cuidados De enfermagem Estão resolvidos Ou melhoraram. Analisar se Há novos problemas Verificar se os Resultados e as Intervenções são Adequados E se os resulta- Dos estão sendo alcançados Examinar como o plano foi implemen- tado. Identificar os fatores que afetaram o su- cesso ou criaram problemas com o plano

15 15 O processo é interdependente Investigação Diagnóstico Planejamento Implementação Avaliação

16 16 Referências: CARPENITO, Lynda Juall. Compreensão do Processo de Enfermagem. Mapeamento de Conceitos e Planejamento do Cuidado para estudantes artmed. Porto Alegre LEFREVE, Rosalinda Alfaro. Aplicação do Processo de Enfermagem. Promoção do Cuidado Colaborativo. 5ª ed artmed. Porto Alegre GAIDZINSKI, Raquel Rapone, et all. Diagnóstico de enfermagem na prática clínica Edit. Artmed.


Carregar ppt "1 Processo de Enfermagem Universidade Castelo Branco Curso de Enfermagem Profª Alcinéa Cristina F. de Oliveira."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google