A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Política Energética, Pequenas Centrais Hidrelétricas e o Desenvolvimento Nacional Política Energética, Pequenas Centrais Hidrelétricas e o Desenvolvimento.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Política Energética, Pequenas Centrais Hidrelétricas e o Desenvolvimento Nacional Política Energética, Pequenas Centrais Hidrelétricas e o Desenvolvimento."— Transcrição da apresentação:

1 Política Energética, Pequenas Centrais Hidrelétricas e o Desenvolvimento Nacional Política Energética, Pequenas Centrais Hidrelétricas e o Desenvolvimento Nacional

2 Temas 1. Definição 2. Características importantes 3. Evolução do cenário 4. Complementação energética 5. Viabilidade econômico financeira

3 Resolução ANEEL Aproveitamento hidrelétrico, com potência superior a kW e igual ou inferior a kW, destinado a produção independente, autoprodução ou produção independente autônoma, com área do reservatório inferior a 13 km 2. Aproveitamento hidrelétrico, com potência superior a kW e igual ou inferior a kW, destinado a produção independente, autoprodução ou produção independente autônoma, com área do reservatório inferior a 13 km 2. Canal / PCH Cachoeira Grupo Eletrogoes

4 Fio dágua ou com reservatório. PCH Antonio Brennand Potência instalada: 20 MW Rio Jauru / Mato Grosso PCH Indiavai Potência instalada: 28 MW Rio Jauru / Mato Grosso

5 Vantagens na implantação de PCHs Autorização não oneroza. Autorização não oneroza. Proximidade do centro de carga. Proximidade do centro de carga. Descontos consideráveis nas tarifas associadas. Descontos consideráveis nas tarifas associadas. Livre comercialização de energia. Livre comercialização de energia. Isenção das compensações financeiras. Isenção das compensações financeiras. Direitos à sub-rogação dos benefícios da CCC. Direitos à sub-rogação dos benefícios da CCC. Isenção de investimentos compulsórios em P&D. Isenção de investimentos compulsórios em P&D. PROINFA. PROINFA. Duração reduzida da obra. Duração reduzida da obra.

6 Premissas Outorga Projeto básico Inventario PPA Licenças Construção

7 Evolução da capacidade Instalada no Brasil. Ano Potência (MW) , , , , , ,3 Fonte: ANEEL

8 Capacidade instalada até 31/12/2004 TipoQuantidadePotência/MW% UHE ,768,57 UTE ,117,71 PCH ,61,23 CGH17190,10,09 UTN22007,02,03 EOL1128,60,03 SOL10,020,00 Import ,27 Emerg ,52,07 Total ,5100 Fonte: ANEEL

9 Previsão para capacidade instalada. ConservadoraOtimista , Fonte: ANEEL

10 Aproveitamentos inventariados e disponíveis. Potência total disponível = MW Fonte : ANEEL MW

11 Em Implantação MW Fonte: ANEEL

12 Energias complementares. Coletores Parabólicos Potência: 150 MW Local: Mojave / California Protótipo de torre solar Potência de até: 200 MW Local: Austrália

13 Energia solar Coletor solar Espanha Coletores parabólicos Califórnia

14 Energia eólica e biomassa. EOL Taiba Potência: 5 MW Ceará Usina termoelétrica Caldeira multicombustivel HPB

15 Viabilidade econômico financeira Relação preço MWh x Preço combustível fóssil. Relação preço MWh x Preço combustível fóssil. Custo de implantação de grandes reservatórios. Custo de implantação de grandes reservatórios. Deslocamento de populações. Deslocamento de populações. Redução de áreas agricultáveis. Redução de áreas agricultáveis. Comprometimento de sítios arqueológicos. Comprometimento de sítios arqueológicos. Redução do efeito estufa. Redução do efeito estufa. Conflitos com populações indígenas. Conflitos com populações indígenas. Captura de crédito de carbono. Captura de crédito de carbono. Tempo do projeto. Tempo do projeto.

16 Contato:


Carregar ppt "Política Energética, Pequenas Centrais Hidrelétricas e o Desenvolvimento Nacional Política Energética, Pequenas Centrais Hidrelétricas e o Desenvolvimento."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google