A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Escola Secundária Monte de Caparica Ano lectivo : 2010/2011.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Escola Secundária Monte de Caparica Ano lectivo : 2010/2011."— Transcrição da apresentação:

1 Escola Secundária Monte de Caparica Ano lectivo : 2010/2011

2 Este trabalho pretende mostrar o que é uma gravidez na adolescência. O que a grávida sente e o que os outros acham. Para isso, fui perguntar às próprias. Neste trabalho pode-se esclarecer algumas dúvidas que as grávidas eventualmente possam ter. Nele achei importante falar sobre os métodos contraceptivos, pois constituem a única maneira de prevenir uma gravidez indesejável. É basicamente disto que o trabalho vai tratar e espero esclarecer as vossas dúvidas sobre o tema.

3 A adolescência implica um período de mudanças físicas e emocionais que é considerado, por vários autores, um momento de crise. Não podemos descrever a adolescência como uma simples adaptação às transformações corporais, mas sim como um importante período no ciclo de vida que corresponde a diferentes tomadas de posição sentidas ao nível social, familiar e também sexual. A puberdade marca o início da vida reprodutiva de rapazes e raparigas, sendo caracterizada por mudanças fisiológicas e psicológicas. Uma gravidez na adolescência provoca alterações na transformação que já vem ocorrendo de forma natural, ou seja, implica um duplo esforço de adaptação interna fisiológica e uma dupla movimentação de duas realidades que convergem num único momento: estar grávida e ser adolescente.

4 Alguns dos principais fatores que contribuem para a ocorrência da gravidez na adolescência são: - o aparecimento da primeira menstruação (menarca), que costuma ocorrer por volta dos 12,5 anos de idade (valor que tem vindo a diminuir com a evolução social); - o erotismo constante nos meios de comunicação; - a adolescência demasiado longa; - Falta de utilização de métodos anticoncepcionais, devido à desinformação, ignorância e inconsciência por parte dos jovens atuais; Privação de informações sobre sexo e gravidez por parte dos pais; - a falta de informação sobre métodos anticoncepcionais, principalmente em classes de baixo rendimento financeiro, onde a escolaridade é muito baixa; - o desconhecimento das funções corporais quanto à capacidade reprodutiva; - a educação sexual ausente ou inadequada; - o uso dos contraceptivos de uma forma errada e inadequada; entre outros;

5

6

7

8 DescriçãoFilamento delgado introduzido no útero Anel de borrachaInvólucro de borracha muito fino e flexível Modo de acçãoSuprime a ovulaçãoImpede que os espermatozóides atinjam o útero Impede que os espermatozóides se difundam na vagina Eficácia92 a 99 %70 %89 % Efeitos secundáriosContracção do útero para expulsão; fluxo menstrual abundante Possíveis alergias

9 DescriçãoHormonas sintéticas semelhantes à progesterona e ao estrogénio Cremes vaginais Modo de acçãoSuprime a ovulaçãoExtermina os espermatozóides para que não atinjam o colo uterino Eficácia99%70 % Efeitos secundáriosTensão arterial elevada, coágulo sanguíneo(trombose), alterações ligeiras do peso corporal, infecções vaginais, cefaleias e/ou náuseas Possíveis alergias

10 DescriçãoHormonas sintéticas semelhantes à progesterona e ao estrogénio Seccionamento ou obstrução dos canais deferentes Modo de acçãoTorna impossível o encontro do óvulo com o espermatozóide Fecundação impossível dada a ausência de espermatozóides no esperma Eficácia100 % Efeitos secundáriosDistúrbios psicológicos devido á infecundidade

11 Setúbal - Gabinete de Apoio à Saúde e Sexualidade Juvenil Morada: Largo José Afonso Setúbal Tel: Fax: Serviço disponível: Apoio Psicológico:2ª Feira, das 11h00 ás 13h00 | 4ª Feira, das 13h00 ás Enfermagem : 2ª Feira, das 11h00h ás 13h00 A sexualidade em linha A Linha Telefónica de Ajuda - SEXUALIDADE EM LINHA – , privilegia a informação, esclarecimento, orientação e encaminhamento na área da Saúde Sexual e Reprodutiva. Este serviço foi previsto em 19 de Março de 1998, em Portaria n.º 370 A/98 (2ª série), e nasceu de um protocolo celebrado a 01 de Junho de 1998, entre o Instituto Português da Juventude, I.P. (IPJ) e a Associação para o Planeamento da Família (APF), numa tentativa de minimizar as lacunas existentes ao nível da Sexualidade Juvenil. Horário de Atendimento Segunda a Sexta-feira das 10:00 às 19:00 e ao Sábado das 10:00 às 17:00. Linha da Sexualidade Segura Tel (chamada gratuita) Horário de funcionamento: 24 h/dia SOS Adolescentes Tel (chamada gratuita) Horário de funcionamento: todos os dias, das 14h às 18h

12


Carregar ppt "Escola Secundária Monte de Caparica Ano lectivo : 2010/2011."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google