A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

LEI DA SEGREGAÇÃO GENÉTICA PROF. VÍCTOR PESSOA. OS TRABALHOS DE MENDEL Vantagens da ervilha (Pisum sativum) como material de estudo: - Facilidade de cultivo;

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "LEI DA SEGREGAÇÃO GENÉTICA PROF. VÍCTOR PESSOA. OS TRABALHOS DE MENDEL Vantagens da ervilha (Pisum sativum) como material de estudo: - Facilidade de cultivo;"— Transcrição da apresentação:

1 LEI DA SEGREGAÇÃO GENÉTICA PROF. VÍCTOR PESSOA

2 OS TRABALHOS DE MENDEL Vantagens da ervilha (Pisum sativum) como material de estudo: - Facilidade de cultivo; - Variedades facilmente identificáveis (características morfológicas); - Ciclo de vida curto, obtendo-se novas gerações em um curto espaço de tempo; - Descendentes férteis obtidos a partir do cruzamento de indivíduos de variedades distintas; - Facilidade de realização de polinização artificial (induzir a fecundação cruzada).

3 Montagem dos experimentos de Mendel 1º Passo: Seleção das variedades de ervilhas cujas características não sofressem alterações de uma geração para outra (assegurava o fato de se estar trabalhando com características hereditárias); 2º Passo: Para cada experimento, levou-se em consideração apenas 1 (uma) de 7 (sete) características escolhidas; 3º Passo: Para cada cruzamento, foram utilizadas apenas LINHAGENS PURAS de ervilhas (aquelas que, quando autofecundadas, originavam plantas iguais a si). plantas puras com sementes amarelas X plantas puras com sementes verdes (Característica analisada: cor da semente) plantas puras altas X plantas puras anãs (Característica analisada: altura da planta)

4 As sete características das ervilhas que Mendel considerou para a realização de seus experimentos

5 Padronização dos cruzamentos entre ervilhas realizados por Mendel Geração Parental (P) 1ª Geração híbrida (F1) Autofecundação Planta pura com sementes amarelas Planta pura com sementes verdes x Planta com sementes amarelas Planta com sementes amarelas (F1) x Planta com sementes amarelas Planta com sementes verdes 2ª Geração híbrida (F2)

6 Planta pura com sementes amarelas Planta pura com sementes verdes x Planta com sementes amarelas Planta com sementes amarelas (F1) x Planta com sementes amarelas Planta com sementes verdes Observações preliminares de Mendel:TRAÇOS DOMINANTE e RECESSIVO Indivíduos de F1 sempre iguais a um dos pais Geração P Geração F1 Geração F2 Reaparecimento do traço cor verde da semente

7 Planta pura com sementes amarelas Planta pura com sementes verdes x Planta com sementes amarelas Planta com sementes amarelas (F1) x Planta com sementes amarelas Planta com sementes verdes P F1 F2 Encobre o traço cor verde da semente Por quê? Quando autofecundadas, originam plantas com sementes amarelas e VERDES

8

9 TRAÇO DOMINANTE Presente nos indivíduos híbridos da F1 Cor amarela da semente TRAÇO DOMINANTE Presente nos indivíduos híbridos da F1 Cor amarela da semente TRAÇO RECESSIVO Ausente nos indivíduos híbridos da F1 Cor verde da semente TRAÇO RECESSIVO Ausente nos indivíduos híbridos da F1 Cor verde da semente

10 Identificação dos traços dominante (D) e recessivo (R) nas 7 características analisadas D R D D D DD D R R RRRR

11 A proporção 3:1 na geração F2 Tipos de cruzamentos F1F1 X F1Plantas F2Razão entre os tipos de F2 Forma das sementes Lisa X Rugosa LisasLisa X Lisa5.474 lisas rugosas 2,96 : 1 Cor das sementes Amarela X Verde AmarelasAmarela X Amarela6.022 amarelas verdes 3,01 : 1 Cor da casca das sementes Cinza X Branca CinzaCinza X Cinza705 cinzas 224 brancas 3,15 : 1 Textura das vagens Inflada X Comprimida InfladasInflada X Inflada882 infladas 299 comprimidas 2,95 : 1 Cor das vagens Verde X Amarela VerdesVerde X Verde428 verdes 152 amarelas 2,82 : 1 Posição das flores Axilar X Terminal AxilaresAxilar X Axilar651 axilares 207 terminais 3,14 : 1 Altura da planta Alta X Anã AltasAlta X Alta787 altas 277 anãs 2,84 : 1 Proporções dos traços dominantes e recessivos bem parecidos em todas as características analisadas

12 Hipóteses para explicar o desaparecimento do traço recessivo em F1 e o seu reaparecimento em F2, assim como a proporção 3 (dominantes) : 1 (recessivo) na geração F2. 1.Cada característica hereditária é condicionada por um par de fatores, herdados em igual quantidade da mãe e do pai; 2.Os fatores de cada par segregam-se (separam-se) quando os indivíduos produzem gametas. - Indivíduos puros para uma dada característica = todos os seus gametas terão o mesmo fator para aquela característica; - Indivíduos híbridos = produzirão gametas na mesma proporção (metade deles carregando um fator e a outra metade carregando o outro fator).

13 Exemplo: fatores que determinam as característica forma da semente (não esquecer que SEMENTE LISA é dominante e SEMENTE RUGOSA é recessivo). a) Indivíduos puros com sementes lisas (AA) AA A A A A b) Indivíduos puros com sementes rugosas (aa) aa a a a a Todos os gametas formados carregam o mesmo fator (A) Todos os gametas formados carregam o mesmo fator (a)

14 c) Indivíduos híbridos com sementes lisas (Aa) Aa A A a a 50% dos gametas formados carregam o fator (A) 50% dos gametas formados carregam o fator (a)

15 Portanto, o cruzamento de plantas puras com sementes lisa e plantas puras com sementes rugosas pode assim ser representado: AA A A A A aa a a a a Semente lisaSemente rugosa Gametas formados Aa Indivíduos de F1 Geração parental

16 A autofecundação de F1 resulta nos seguintes indivíduos (F2) Aa A A a a A A a a Gametas formados F1 X F1 Indivíduos de F2 AA / Aa / Aa / aa 3 com sementes lisas 1 com semente rugosa

17 LEI DA SEGREGAÇÃO DOS FATORES OU PRIMEIRA LEI DE MENDEL OS FATORES QUE CONDICIONAM UMA CARACTERÍSTICA SEGREGAM-SE (SEPARAM-SE) NA FORMAÇÃO DOS GAMETAS. OS GAMETAS, PORTANTO, CARREGAM APENAS UM FATOR DE CADA CARACTERÍSTICA, SENDO, POR ISSO, DITOS PUROS. LEI DA SEGREGAÇÃO DOS FATORES OU PRIMEIRA LEI DE MENDEL OS FATORES QUE CONDICIONAM UMA CARACTERÍSTICA SEGREGAM-SE (SEPARAM-SE) NA FORMAÇÃO DOS GAMETAS. OS GAMETAS, PORTANTO, CARREGAM APENAS UM FATOR DE CADA CARACTERÍSTICA, SENDO, POR ISSO, DITOS PUROS.

18 BASES CELULARES DA SEGREGAÇÃO DOS FATORES (Retomada dos trabalhos de Mendel no início do século XX) - Os fatores mendelianos estão nos cromossomos homólogos (conclusão obtida a partir da observação do comportamento dos cromossomos homólogos durante a formação dos gametas – por meiose – em gafanhotos; - Identificação dos fatores mendelianos como sendo genes.

19 LEMBRE-SE ! Par de cromossomos homólogos na célula diplóide parental Duplicação dos cromossomos Par de cromossomos homólogos duplicados Cromátides-irmãs MEIOSE I MEIOSE II Separação dos cromossomos homólogos Separação das cromátides MITOSE Separação das cromátides

20 Ideia proposta por Suton, em 1902, para explicar a segregação dos fatores mendelianos, agora denominados genes.


Carregar ppt "LEI DA SEGREGAÇÃO GENÉTICA PROF. VÍCTOR PESSOA. OS TRABALHOS DE MENDEL Vantagens da ervilha (Pisum sativum) como material de estudo: - Facilidade de cultivo;"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google