A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Alunas: Amanda Giovanelli,Isabelle Gomes e Isabella Monteiro Série : 8ª 05 – Manhã Disciplina: Ciências Professor: Samuel Bitu.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Alunas: Amanda Giovanelli,Isabelle Gomes e Isabella Monteiro Série : 8ª 05 – Manhã Disciplina: Ciências Professor: Samuel Bitu."— Transcrição da apresentação:

1 Alunas: Amanda Giovanelli,Isabelle Gomes e Isabella Monteiro Série : 8ª 05 – Manhã Disciplina: Ciências Professor: Samuel Bitu

2 S UMÁRIO Apresentação pág.:03 Tecido Ósseo pág.:04 Tecido Muscular pág.:05 - Tecido Muscular Estriado pág.:06 -Tecido Muscular Cardíaco pág.:07 -Tecido Muscular Liso pág.:08 Tecido Epitelial pág.:09 Tecido Nervoso pág.:10 Tecido Cartilaginoso pág.:11 Tecido Conjuntivo pág.:12 Tecido Adiposo pág.:13 Tecido Sanguíneo pág.:14 Bibliografia pág.:15

3 APRESENTAÇÃO Nesse trabalho iremos apresentar os tecidos do corpo humano: -Tecido Sanguíneo -Tecido Adiposo -Tecido Conjuntivo -Tecido Cartilaginoso -Tecido Nervoso -Tecido Muscular Liso -Tecido Epitelial -Tecido Muscular Estriado -Tecido Muscular -Tecido Ósseo -Tecido Muscular Cardíaco Espero que goste,pois fizemos com muita dedicação.

4 T ECIDO Ó SSEO O Sistema ou tecido ósseo é um tecido conjuntivo bem rígido, encontrado nos ossos do esqueleto dos vertebrados, onde ele é o tecido mais abundante. Suas funções principais são: sustentar o corpo; permitir a realização de movimentos; proteger certos órgãos e realizar a produção de elementos celulares do sangue. As diferentes células envolvidas e dois componentes da matriz mesenquimal óssea, que obrigatoriamente devem ser avaliados simultâneas em seus dois compartimentos o protéico e inorgânico, tornando necessária e fundamental uma breve revisão do papel do tecido mesenquimatoso durante todo o desenvolvimento embrionário.

5 T ECIDO M USCULAR O tecido muscular é um tecido dos animais caracterizado pela sua contratilidade, ou seja, pela capacidade de se contrair segundo alguns estímulos claros e utilizando o ATP (molécula orgânica responsável pelo armazenamento de energia nas suas ligações químicas); e pela sua excitabilidade, ou seja, capacidade de responder a um estímulo nervoso. As células desse tecido são de origem mesodérmica, sendo que a sua diferenciação se dá através da síntese de proteínas específicas com uma organização determinada, tais como os diferentes tipos de actinas, miosinas e proteínas motoras filamentosas.

6 T ECIDO M USCULAR E STRIADO O tecido muscular estriado ou esquelético é formado por fibras musculares cilíndricas, finas e que podem medir vários centímetros de comprimento. Algumas estruturas celulares das fibras musculares esqueléticas recebem nomes especiais: a membrana plasmática é chamada sarcocema; o citoplasma, sarcoplasma; as mitocôndrias, sarcossomos; e o núcleo, cariossarco. O número de mitocôndrias é muito grande, uma vez que necessita gerar grande quantidade de energia (ATP) para poder contrair-se. As fibras musculares esqueléticas têm contração voluntária, isto é, podem se contrair ou relaxar, dependendo da vontade(consciente). A sua contração é rápida e forte.

7 T ECIDO M USCULAR C ARDÍACO O músculo estriado cardíaco é o tipo de tecido muscular que forma a camada muscular do coração, conhecida por miocárdio. Também é chamado tecido muscular estriado esquelético cardíaco. O coração é formado por três tipos principais de músculos: Ventricular, contrai de forma parecida com o músculo estriado, mas a duração de contração é maior. Atrial, contrai de forma parecida com o músculo estriado, mas a duração de contração é maior. Fibras musculares excitatórias e condutoras, só se contraem de modo mais fraco, pois contêm poucas fibrilas contráteis; ao contrário, apresentam ritmicidade e velocidade de condução variáveis, formando um sistema excitatório para o coração.

8 T ECIDO M USCULAR L ISO A musculatura lisa é uma musculatura de contração involuntária e lenta, composta por células fusiformes mononucleadas. O músculo liso se encontra nas paredes de órgãos ocos, tais como os vasos sanguíneos, na bexiga, no útero e no trato gastrointestinal. O músculo liso está presente nestes órgãos pois, por contracções peristálticas controladas automaticamente pelo Sistema Nervoso Autónomo, tem o papel preponderante de impulsionar sangue, urina, esperma, bile... As células do músculo liso podem também reagir a estímulos vindos de células vizinhas ou a hormonios (vasodilatadores ou vasoconstritores). Nestas células, os canais de cálcio induzem contracção.

9 T ECIDO E PITELIAL As células do tecido epitelial ficam muito próximas umas das outras e quase não há substâncias preenchendo espaço entre elas. Esse tipo de tecido tem como principal função revestir e proteger o corpo. Forma a epiderme, a camada mais externa da pele, e internamente, reveste órgãos como a boca e o estômago. O tecido epitelial também forma as glândulas – estruturas compostas de uma ou mais células que fabricam, no nosso corpo, certos tipos de substâncias como hormônios, sucos digestivos, lágrima e suor.

10 T ECIDO N ERVOSO As células do tecido nervoso são denominadas neurônios, que são capazes de receber estímulos e conduzir a informação para outras células através do impulso nervoso. Os neurônios têm forma estrelada e são células especializadas. Além deles, o tecido nervoso também apresenta outros tipos de células, como as células da glia, cuja função é nutrir, sustentar e proteger os neurônios. O tecido é encontrado nos órgãos do sistema nervoso como o cérebro e a medula espinhal.

11 T ECIDO C ARTILAGINOSO O tecido cartilaginoso, ou simplesmente cartilagem, é um tecido elástico e flexível, branco ou acinzentado, aderente às superfícies articulares dos ossos. Também é encontrado em outros locais como na orelha, na ponta do nariz. É formado por condrócitos e condroblastos (células), revestido pelo pericôndrio (fibrocartilagem nao possui pericondrio). O tecido serve para revestir, proteger, dar forma e sustentação a algumas partes do corpo, mas com menor rigidez que os ossos e também serve para não dar atrito entre os ossos. No tecido cartilaginoso não existem vasos sanguíneos, nervos e vasos linfaticos.

12 T ECIDO C ONJUNTIVO As células do tecido conjuntivo são afastadas umas das outras, e o espaço entre elas é preenchido pela substância intercelular. A principal função do tecido conjuntivo é unir e sustentar os órgãos do corpo. Esse tipo de tecido apresenta diversos grupos celulares que possuem características próprias. Por essa razão, ele é subdividido em outros tipos de tecidos. São eles: tecido adiposo, tecido cartilaginoso, tecido ósseo, tecido sanguíneo.

13 T ECIDO A DIPOSO O tecido adiposo é formado por adipócitos, isto é, células que armazenam gordura. Esse tecido encontra-se abaixo da pele, formando o panículo adiposo, e também está disposto em volta de alguns órgãos. As funções desse tecido são: fornecer energia para o corpo; atuar como isolante térmico, diminuindo a perda de calor do corpo para o ambiente; oferecer proteção contra choques mecânicos (pancadas, por exemplo).

14 T ECIDO S ANGUÍNEO O tecido sangüíneo constitui o sangue, tecido líquido. É formado por diferentes tipos de células como: os glóbulos vermelhos ou hemácias, que transportam oxigênio; os glóbulos brancos ou leucócitos, que atuam na defesa do corpo contra microrganismos invasores; fragmentos (pedaços) de células, como é o caso das plaquetas, que atuam na coagulação do sangue. A substância intercelular do tecido sanguíneo é o plasma, constituído principalmente por água, responsável pelo transporte de nutrientes e de outras substâncias para todas as células.

15 B IBLIOGRAFIA ganizacao.php


Carregar ppt "Alunas: Amanda Giovanelli,Isabelle Gomes e Isabella Monteiro Série : 8ª 05 – Manhã Disciplina: Ciências Professor: Samuel Bitu."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google