A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ESTUDO DO VOCABULÁRIO. Polissemia; Denotação/Conotação; Sinonímia/Antonímia; Hiperonímia/Hiponímia; Homonímia/Paronímia; Diferentes Registros; Fraseologia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ESTUDO DO VOCABULÁRIO. Polissemia; Denotação/Conotação; Sinonímia/Antonímia; Hiperonímia/Hiponímia; Homonímia/Paronímia; Diferentes Registros; Fraseologia."— Transcrição da apresentação:

1 ESTUDO DO VOCABULÁRIO

2 Polissemia; Denotação/Conotação; Sinonímia/Antonímia; Hiperonímia/Hiponímia; Homonímia/Paronímia; Diferentes Registros; Fraseologia.

3 A palavra Polissemia compreende dois radicais: [poli = muito] e [semia = significado]. Portanto, uma palavra pode apresentar diferentes significados, dependendo dos usos lingüísticos em que possa aparecer. Vejamos os diferentes significados de abater: Abater a árvore = derrubar Abater a fera = matar Abater o inimigo = derrotar Abater-se com a derrota = sentir Abater a dívida = descontar

4 Ao consultar o dicionário, verificamos que a maioria das palavras são polissêmicas. O significado da palavra deve, portanto, ser considerado na frase e não, isoladamente. Observe, por exemplo, no dicionário, dezenas de significados possíveis para a palavra ponto. Como curiosidade consulte no Aurélio os significados das palavras: ponto e linha.

5 As palavras podem ser usadas em seu sentido usual, aquele que aparece primeiro nos dicionários, isto é, denotativamente. A denotação é objetiva e válida para todos os falantes. A conotação relaciona-se com o sentido figurado, com as associações feitas pelo falante.

6 Denotação Cristo morreu na cruz Cada um tem a sua cruz Conotação Não quero a rosa que me dás Quero a rosa que tu és

7 Sinonímia Em razão da polissemia, pode-se afirmar que não há sinônimos perfeitos, mas, sim, palavras, que em determinados contextos lingüísticos, podem ser substituídas por outras significações correspondentes. Por exemplo: branco é sinônimo de alvo em alguns contextos, mas não em todos. Tecido branco = tecido alvo Alcançar o meu alvo = ? Observe-se ainda que a escolha sinonímica vai depender dos registros técnicos ou cultos. Por exemplo: peito - seio - busto - dor de cabeça - cefaléia ou cefalgia são usados em diferentes contextos.

8 Antonímia São palavras que, dependendo do contexto, têm sentido contrário a outras. Muitas vezes o antônimo é feito por prefixo: Leal x desleal; feliz x infeliz; típico x atípico Outras vezes o antônimo é obtido por outra palavra (lexema): Claro x escuro Rico x pobre

9 A palavra cachorro está contida no conceito animal. A esse fenômeno dá-se o nome de Hiponímia. Inversamente, animal comporta: cachorro, lobo, carneiro, etc. Animal é um caso de Hiperonímia. Assim deduzimos que a Hiponímia particulariza e a Hiperonímia generaliza. HiperonímiaHiponímia Cachorro Animal Lobo Carneiro

10 Homonímia Palavras escritas ou pronunciadas da mesma forma. Dividem-se em: Homófonas; Homógrafas; Homônimas = Homógrafas + Homófonas. Homófonas – Palavras com o mesmo som, porém as grafias são diferentes. PRA DESCONTRAIR...

11 HáVerbo haver: Há muitas vagas Tempo passado: Não o vejo há meses. A Tempo futuro: Daqui a pouco voltarei. Artigo: A moça chegou. Preposição: Vive a sonhar. Pronome: Eu a conheço. Crase: Volta às aulas. Acerca = SobreFalar acerca de político Cerca de = aproximadamenteCerca de 15 alunos faltaram Há cerca de = fazHá cerca de três anos me aposentei. Censo = levantamento da população Senso = Juízo claro Incerto = impreciso Inserto = introduzido Incipiente = principiante Insipiente = ignorante Seção = divisão de um todo Sessão = espaço de tempo Cessão = ato de ceder Taxar = lançar imposto Tachar = pôr prego; acusar

12 Eu selo (verbo) O selo (substantivo) Eu acordo (verbo) O acordo (substantivo) Homógrafas + Homófonas = Homônimas Perfeitas Mesma grafia e mesma pronúncia. Exemplos: São = verbo ser São = sadio (adjetivo) São = forma abraviado de santo

13 SÃO VOCÁBULOS QUE APRESENTAM APENAS SEMELHANÇA NA GRAFIA OU NA PRONÚNCIA COM SIGNIFICADOS DIFERENTES. Deferir = atender conceder Diferir = fazer diferença Emigrar = deixar um país Imigrar = entrar num país Fragrante = perfumado Flagrante = no instante Infligir = aplicar Infringir = transgredir Despercebido = que não se viu ou ouviu Desapercebido = desguarnecido Elidir = eliminar Ilidir = refutar Indefeso = sem defesa Indefesso = Incansável Mandado = ordem judicial Mandato = representação

14 Ad hoc = para tal fim, para isso Ad nutum = às ordens Ad referendum = sujeito a aprovação A priori = antes de argumentar A posteriori = após a argumentação Data venia = com a devida permissão Exempli gratia (e.g) = por exemplo Ex officio = por obrigação de lei Habeas corpus = direito de locomoção Honoris causa = por motivo de honra Ibidem = no mesmo lugar, na mesma hora Idem = no mesmo autor Ipsis litteris = pelas mesmas letras Ipsis verbis = pelas mesmas palavras Lato sensu = em sentido amplo Sic = assim mesmo, tal qual Sine die = sem data fixa Sine qua non = indispensável Verbi gratia (v.g.) = por exemplo

15 Jargões - Dino Pretti (1984,26) chama atenção para o uso da linguagem técnica banalizada – como as formações neológicas abusivas e pretensiosas tais como: o economês, o juridiquês e tantos outros que geram preciosidades do tipo: elencar, opinamento, obstaculizar. A gíria – Dos jovens, dos militares, dos marginais, etc. Elas ocorrem em todas as línguas e, não raro, são criativas Embora possa ser criativa e estilística, a gíria nem sempre cabe bem no texto, principalmente nos textos formais como a dissertação, ou nos oficiais. Registro Culto – São palavras de ocorrência mais rara, por isso exigem contextos mais trabalhados. Exemplos: verossímil: que tem aparência de verdadeiro. encômio = elogio procrastinar = adiar


Carregar ppt "ESTUDO DO VOCABULÁRIO. Polissemia; Denotação/Conotação; Sinonímia/Antonímia; Hiperonímia/Hiponímia; Homonímia/Paronímia; Diferentes Registros; Fraseologia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google