A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Investigação Operacional 2005/2006 António Miguel Gomes José Fernando Oliveira Maria Antónia Carravilla.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Investigação Operacional 2005/2006 António Miguel Gomes José Fernando Oliveira Maria Antónia Carravilla."— Transcrição da apresentação:

1 Investigação Operacional 2005/2006 António Miguel Gomes José Fernando Oliveira Maria Antónia Carravilla Licenciatura em Engenharia Electrotécnica e de Computadores

2 Motivação Ouço e esqueço, Vejo e lembro-me, Faço e aprendo. Confúcio, 151 a.c.

3 A disciplina de IO Quarto ano da Licenciatura em Engenharia Electrotécnica e de Computadores; Disciplina obrigatória (200 alunos); Competição com disciplinas de especialidade; Alunos com maturidade de que é necessário tirar partido.

4 Objectivos da disciplina de IO Dotar os alunos com competências para: identificar e abordar de forma hábil e estruturada problemas de decisão; construir modelos de problemas de decisão; usar métodos quantitativos na obtenção de soluções para os modelos construídos, como suporte para decisões fundamentadas; usar folhas de cálculo para análise e obtenção de soluções para os modelos construídos; começar a usar a informação extraída dos modelos para induzir e motivar mudanças organizacionais.

5 Programa de IO O que é a Investigação Operacional? História da Investigação Operacional. Metodologia da Investigação Operacional. Programação Matemática. Programação Inteira. Problemas de Transportes, de Transexpedição e de Fluxos em redes genéricas. Problemas de Afectação. Problemas de Fluxo Máximo e Caminho Mínimo. Planeamento e controlo de projectos, CPM, PERT. Outros problemas em redes. Teoria da Decisão. Filas de espera. Simulação.

6 Mudança de paradigmas Ensino Aprendizagem O que é importante é que os alunos aprendam Aulas teóricas com recurso a técnicas de aprendizagem activa Avaliação sumativa avaliação formativa TRABALHOS DE CASA (TPCs) Todas as pessoas trabalham mais e melhor: se se sentirem motivadas se receberem feedback do seu trabalho se se sentirem recompensadas pelo seu trabalho

7 Avaliação Trabalhos de casa (TPCs) Até 7,5 valores (frequência: mínimo de 3 valores) 10 propostas de TPCs Cada TPC avaliado com 1,5 ou 0 Exame final escrito Até 12,5 valores (mínimo de 5 valores) 2 horas Com consulta

8 Objectivos dos TPCs Estudo continuado e distribuído ao longo do semestre; Criação de hábitos de rigor no trabalho desenvolvido (classificação 0 ou 100%); Incentivo e desenvolvimento da criatividade; Promoção da ligação das matérias leccionadas às aplicações concretas (tema do ano).

9 Características dos TPCs Trabalhos individuais; Abrangem toda a matéria leccionada; Distribuem-se homogeneamente ao longo do semestre; Prazos de entrega extremamente rígidos; Classificação com 1,5 valores (100% correctos) ou 0 valores; Trabalhos entregues fora do prazo de entrega não são corrigidos; Tema do ano; Não têm enunciado idealizar uma situação concreta, verosímil dentro do tema do ano e onde a matéria em causa nesse TPC possa ser aplicada; criar o seu próprio enunciado (tipicamente um texto com 1 página); formular o problema; resolver o problema com os algoritmos apropriados; trabalho limitado a uma folha A4, frente e verso, obrigatoriamente manuscrita.

10 Código de conduta TPCs Os TPCs proporcionam-lhe a oportunidade de praticar as competências de modelização e de análise introduzidas nesta disciplina; "feedback" sobre o seu domínio das técnicas e algoritmos. Todos os TPCs entregues deverão ser originais e feitos pelo próprio. Pode usar ideias sugeridas pelos seus colegas, mas não pode copiar o trabalho deles. Os TPCs devem ser entregues na caixa do correio do docente da sua turma prática até à data e hora limites definidas para cada trabalho. TPCs entregues fora de prazo não serão corrigidos.

11 Temas 1999/2000 A cadeia de hotéis Sonhos e Companhia Limitada 2000/2001 TransPorto – empresa constituída com a finalidade de planear, gerir e explorar os transportes públicos da região metropolitana do Porto 2005/2006 Os Parques Naturais de Portugal

12 Tema do ano: Os parques naturais de Portugal Cada turma trata de um parque natural Parque Natural de Sintra-Cascais Parque Nacional Peneda Gerês Parque Natural de Montesinho Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros Parque Natural de Alvão Parque Natural da Serra de S. Mamede Parque Natural da Serra da Estrela Parque Natural do Vale do Guadiana Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina Parque Natural da Ria Formosa Parque Natural do Douro Internacional

13 Na página da disciplina podem encontrar agora: Todos os textos de apoio para as aulas; Todos os exercícios com as respectivas resoluções; Todos os exames com enunciados e resoluções; Um filme sobre o que é a IO; Apontadores para páginas de associações ligadas à IO para páginas de disciplinas relacionadas com a IO para páginas relacionadas com a IO

14 Na página da disciplina podem encontrar ao longo do semestre: Os enunciados dos TPCs As datas de entrega dos TPCs As nossas avaliações dos TPCs Novos apontadores relacionados com IO ou com o tema do ano

15 Alguns comentários finais Ninguém pode aprender por ninguém, só o próprio o pode fazer. Queremos ser facilitadores da vossa aprendizagem… …juntamente com os vossos colegas, as aulas (teóricas e práticas), os livros, os TPCs, a net, etc. Ouço e esqueço, Vejo e lembro-me, Faço e aprendo. Confúcio, 151 a.c.


Carregar ppt "Investigação Operacional 2005/2006 António Miguel Gomes José Fernando Oliveira Maria Antónia Carravilla."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google