A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE. Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE CONFIABILIDADE - DEFINIÇÕES A confiabilidade é a capacidade de sistema de realizar.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE. Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE CONFIABILIDADE - DEFINIÇÕES A confiabilidade é a capacidade de sistema de realizar."— Transcrição da apresentação:

1 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE

2 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE CONFIABILIDADE - DEFINIÇÕES A confiabilidade é a capacidade de sistema de realizar e manter seu funcionamento em circunstância de rotina, bem como em circunstâncias hostis e inesperadas. Confiabilidade é a probabilidade de que um equipamento, célula de produção, planta ou qualquer sistema funcionar normalmente em condições de projeto, por um determinado período de tempo estabelecido. É a probabilidade de que um sistema dê como resposta aquilo que dele se espera, durante um certo período de tempo e sob certas condições. A confiabilidade (R) varia entre 0 e 1 ou 0 a 100% Deve-se destacar que a confiabilidade do produto ou processo cresce quando as causas de falhas são bloqueadas a montante, ou seja, começando pelo bloqueio na etapa de projeto (condição ideal) e prosseguindo até a situação em que se tem a Rotina Implantada.

3 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE A GESTÃO ESTRATÉGICA E A CONFIABILIDADE - A confiabilidade é, em sí mesma um fator chave na gestão de qualquer processo. - Fator de competitividade para as organizações que possuem ativos físicos. - Vínculada a cultura prevencionista e pró-ativa no ambiente organizacional. - Motiva e desenvolver o que a manutenção tem de melhor, as pessoas e suas capacidades. - O stakeholders reconhecem o valor da confiabilidade claramente. - Tem forte ligação com aspectos de Saúde segurança e meio ambiente.

4 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE MANUTENÇÃO PREDITIVA Corrosão Atritos Ruído Estragos Deformações Rachaduras Vazamentos DesgastesFolgas Temperatura Vibração

5 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE RESULTADOS PREVISTOS A Preditiva permite significativos ganhos financeiros resultantes de Redução dos custos de manutenção ; Aumento da eficiência das intervenções; Aumento da disponibilidade dos equipamentos; Aumento da confiabilidade; Aumento da moral da equipe de manutenção Assessoria Anál. de vibração Balanceamento Análise de óleo

6 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE ANÁLISE PREDITIVA PARA AUMENTAR A CONFIABILIDADE 1 - Curvas de Tendência do Nível Global: 2 - Controle das Tendências das Energias Espectrais:

7 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE Definição das máquinas a serem monitoradas Definição dos Pontos de Tomada de Dados SET UP dos pontos: Direção, Parâmetros, Ranges, etc. Emissão das Assinaturas, Níveis de Alarme e Rotas Análises e Diagnósticos Monitoramento, propriamente dito Marketing do Programa de Preditiva

8 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE Permite definir a origem e a criticidade da vibração de equipamentos rotativos provenientes de: * Desbalanceamento, * Desalinhamento, * Folgas mecânicas, * Falta de rigidez mecânica, * Falha em rolamentos, * Engrenamentos defeituosos, etc.

9 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE Vibração Convencional Velocidade ( mm/s ) Aceleração ( Gacc ) Deslocamento ( m ) 1,O G= 9,8 m/s² Análise de Corrente Elétrica Envelope de Aceleração Monitoramento de Temperatura Termovisão e Termometria à Laser Análise Acústica

10 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE ANÁLISE PREDITIVA PARA AUMENTAR A CONFIABILIDADE

11 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE ANÁLISE PREDITIVA PARA AUMENTAR A CONFIABILIDADE

12 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE Esta técnica permite realizar ensaios através da detecção da radiação infravermelha emitida pelos objetos e assim podemos obter o registro de imagens térmicas. Aplica-se em equipamentos de processo tais como: sistemas elétricos, fornos, trocadores de calor, conversores, vasos de pressão, reatores, caldeiras, condutos e chaminés, equipamentos mecânicos, etc... Através da obtenção de imagens térmicas, o planejamento de manutenção poderá agir nos pontos com aquecimento e corrigir o problema evitando maiores danos ao sistema elétrico ou equipamento mecânico. TERMOGRAFIA

13 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE ANÁLISE PREDITIVA PARA AUMENTAR A CONFIABILIDADE

14 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE É uma ferramenta no suporte ao trabalho de Manutenção de equipamentos automotivos e industriais, nos sistemas preditivo e pró-ativo. Consiste de uma série de testes a que se submetem regularmente óleos, graxas, e outros elementos; de posse dos resultados, faz-se o julgamento das condições de cada amostra, bem como se apontam possíveis causas para alterações e definem-se ações a serem tomadas pelo Departamento de Manutenção ANÁLISE DE ÓLEO

15 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE VANTAGENS: Aumenta a segurança, pelo conhecimento do real estado da máquina; Evita paradas inesperadas e avarias de proporções catastróficas (na maioria dos casos); Aumenta a vida útil do equipamento; Aumenta a produtividade pela programação das paradas; Economia de lubrificantes - a troca do óleo pode ser feita com base nos resultados de análises e o produto pode ter o tempo de uso estendido, com segurança.

16 Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE FIM


Carregar ppt "Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE. Prof. Marcus Soeiro CONFIABILIDADE CONFIABILIDADE - DEFINIÇÕES A confiabilidade é a capacidade de sistema de realizar."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google