A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Compreender que histórias e ilustrações são frequentemente o meio pelo qual a verdade é comunicada. Perceber que Jesus era popular junto dos Seus.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Compreender que histórias e ilustrações são frequentemente o meio pelo qual a verdade é comunicada. Perceber que Jesus era popular junto dos Seus."— Transcrição da apresentação:

1

2

3

4

5 Compreender que histórias e ilustrações são frequentemente o meio pelo qual a verdade é comunicada. Perceber que Jesus era popular junto dos Seus ouvintes porque sabia como contar uma boa história.

6 1º PASSO Compreender que histórias e ilustrações são frequentemente o meio pelo qual a verdade é comunicada.

7 As histórias são eficazes na medida em que despertam os nossos sentimentos naturais de empatia com a justiça, a misericórdia, o amor e a correção. Natã fez David sentir a injustiça do seu pecado ao lhe contar a história de outrem.

8 Não é fácil ouvir. Naturalmente não temos facilidade em fazê-lo. Principalmente ouvir sobre como estamos distantes em compreender o Reino de Deus. Ao lermos este texto temos a impressão de que a compreensão do Reino de Deus reside na capacidade de cada um em ouvir.

9 Por outro lado, percebemos que a capacidade em ouvir (entender) as parábolas de Jesus é-nos dada por Deus. Podemos ficar felizes por Jesus nos ofertar essa capacidade mas, por outro lado, quando percebemos as verdades contidas nas parábolas, se persistirmos nos nossos pecados estamos em problemas (João 9:41).

10 2º PASSO Perceber que Jesus era popular junto dos Seus ouvintes porque sabia como contar uma boa história.

11 Uma boa história envolve as pessoas em mais do que um nível. Ao identificar-se com o semeador pode querer dizer, por exemplo, que tentamos fazer o máximo com recursos limitados; que somos criteriosos na forma como espalhamos ou semeamos. Ao identificar-se com a semente significa que temos consciência do ambiente em que estamos inseridos; que sabemos quais são os desafios de estar plantados onde as condições são perigosas para a nossa vida espiritual.

12 Ao identificar-se com o solo quer dizer que compreendemos a nossa condição espiritual e tentamos, com a ajuda de Deus, melhorar as condições naturais do nosso coração – empedernido, cheio de ervas daninhas, muito percorrido e bem calcado – para o tornarmos mais propício a ser um terreno fértil e que dá fruto para o Reino de Deus.

13 Jesus deixou a cada um dos Seus ouvintes a oportunidade de preencher os espaços em branco; não lhes disse como terminou a história nem o que cada pessoa devia pensar a respeito dela. Uma boa história, parábola, ou analogia, nem sempre conclui de forma bem rematada a sua situação narrativa, elas são abertas à interpretação.

14

15

16 Desejo conhecer mais as parábolas que Jesus contou. Desejo compreendê-las.

17 Já se tentou expressar sobre algo e sentiu que não foi ouvido? Esforçar-se para ouvir o outro é necessário para que se possam conhecer profundamente. Tem ouvido Deus?

18 Que princípio bíblico da lição podemos usar hoje?

19 As parábolas apresentam-nos verdades sobre o Reino de Deus. 1. Conhecê-las mais profundamente. 2. Dedicar tempo para percebê-las. Falta de tempo para ouvi-las ou lê-las. Durante a próxima semana, vou ler uma parábola e pedir a Deus para poder ouvir o que Ele me quer dizer através dela.


Carregar ppt "Compreender que histórias e ilustrações são frequentemente o meio pelo qual a verdade é comunicada. Perceber que Jesus era popular junto dos Seus."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google