A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Módulo de Prevenção de Acidentes – AULA 5 Prof.ª Gledsnelly Nascimento FTST Formação Técnica em Segurança do Trabalho.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Módulo de Prevenção de Acidentes – AULA 5 Prof.ª Gledsnelly Nascimento FTST Formação Técnica em Segurança do Trabalho."— Transcrição da apresentação:

1 Módulo de Prevenção de Acidentes – AULA 5 Prof.ª Gledsnelly Nascimento FTST Formação Técnica em Segurança do Trabalho

2 Competências a serem trabalhadas nesta aula Fixar o conhecimento sobre os fatores que provocam os acidentes; Aprimorar as formas de gerenciamento de risco; Conhecer a CIPA – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes, e ser capaz de atuar como gestor da mesma.

3 INDICAÇÃO DE LIVRO

4 RELEMBRANDO CONCEITOS:

5 INCIDENTE: É o evento não planejado e não desejado em que não há perda de qualquer natureza. ACIDENTE: É o evento não planejado e não desejado em que há perda de qualquer natureza. PERDA: Qualquer tipo de dano às pessoas, ao meio ambiente, às instalações ou ao processo de produção. RELEMBRANDO CONCEITOS:

6 PESSOAS PESSOAS ELEMENTOS QUE DESENCADEIAM OS ACIDENTES EQUIPAMENTOS E MATERIAIS AMBIENTE DE TRABALHO

7 Materiais Ambiente de Trabalho Pessoas Processo Equipamentos PORQUE OCORREM OS ACIDENTES? PROCESSO SISTÊMICO

8 PRÁTICAS INSEGURAS (ATOS INSEGUROS) Imprudência É praticar uma ação sem as devidas precauções. Imperícia É praticar uma ação sem aptidão especial, habilidade, conhecimento ou experiência necessária. Negligência É a omissão voluntária de cuidados necessários ou a falta ou demora em prevenir algum acidente. FATORES QUE PROVOCAM ACIDENTES

9 CAUSAS DO ACIDENTE Causas Imediatas São as causas que levaram diretamente a ocorrência de acidente, incidente ou desvio. São as mais fáceis de serem identificadas Causas Básicas São falhas ou sucessão de falhas do sistema de gestão, que permitem a ocorrência de causas imediatas

10 FATORES QUE PROVOCAM ACIDENTES

11

12 PARA PREVINIR ACIDENTES INSPEÇÕES DE SEGURANÇA; APR - Análise Preliminar de Riscos; PERMISSÃO PARA TRABALHO - PT PERMISSÃO PARA TRABALHO - PT

13 INSPEÇÕES DE SEGURANÇA CHECKLIST PARA INSPEÇÃO DE SEGURANÇA (Geral) SETOR INSPECIONADO: Data: Intens a serem inspecionados"OK" ou irregularidades observadas Arrumação Limpeza Máquinas Outros equipamentos Móveis Instalações elétricas Faixas e corredores Equipamento de ventilação Ferramentas manuais Outros utensílios Estoque de materiais Equip. de combate incêndio Outros equip. de emergência Desvios EPI e o seu uso EPC

14 INVESTIGAÇÃO E ANÁLISE DE ACIDENTES

15 INVESTIGAÇÃO DE ACIDENTES Visa levantar todos os dados essenciais que possibilitem a determinação das causas que contribuíram para o acidente e propor medidas corretivas e preventivas para eliminá-las. FINALIDADES: Não é atribuir culpa a ninguém; Determinar as causas que possam ter contribuído para a ocorrência; Adotar medidas preventivas e corretivas parar evitar sua repetição.

16 QUEM? Pessoas envolvidas. O QUÊ? fazia o trabalhador no momento imediatamente anterior à ocorrência? QUAL? foram as consequências ou partes atingidas? QUANDO ocorreu? (data e hora) ONDE ocorreu? (especificando o setor ou seção) COMO aconteceu o acidente? POR QUE? as causas que contribuíram direta ou indiretamente para a ocorrência do acidente? Na investigação não se dever ter constrangimento. PERGUNTAS BÁSICAS NA INVESTIGAÇÃO

17 COMPONENTES DO ACIDENTE PARTE DO CORPO AFETADA- A localização da lesão merece análise cuidadosa, pois quando ela apresenta-se nos mesmos pontos pode indicar a existência de determinado fator de insegurança, seja ato inseguro ou condição insegura e ainda tem importância para os efeitos legais decorrentes das normas previdenciárias; AGENTE DA LESÃO- Podem ser os produtos químicos, ferramentas, parte de uma máquina, materiais incandescentes, arestas cortantes, corrente elétrica, superfícies abrasivas, etc. A determinação do agente da lesão é um dado fundamental na investigação de acidentes.

18 COMPONENTES DO ACIDENTE ATIVIDADE EM QUE OCORREU O ACIDENTE – é o que fazia ou do que participava quando sofreu a lesão; NATUREZA DA LESÃO- consta o tipo de lesão ocorrida, que geralmente envolve contusão, entorse, luxação, fratura, ferimento, queimadura, etc.

19 CIPA – NR 05 COMISSÃO INTERNA DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES Última Atualização: Portaria SIT n.º 247, de 12 de julho de 2011

20 no ambiente nas condições e na organização do trabalho OBJETIVOS DA CIPA – Prevenção de Doenças e Acidentes de Trabalho, mediante o controle dos Riscos presentes: Visando: À PRESERVAÇÃO DA VIDA E PROMOÇÃO DA SAÚDE DOS TRABALHADORES.

21 ORGANIZAÇÃO DA CIPA DEVEM ORGANIZAR A CIPA Empresas Privadas, Públicas, Sociedades de Economia Mista, Órgãos da Administração Direta e Indireta, Instituições Beneficentes, Associações Recreativas, Cooperativas e outras instituições que admitam trabalhadores como empregados.

22 PLANO DE AÇÃO DA CIPA ELABORAR FORMAS EFICAZES DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES E DOENÇAS DO TRABALHO. SISTEMATIZAR O MÉTODO DE TRABALHO DA CIPA. ATRAVÉS DE: PLANEJAMENTO ORGANIZAÇÃO AVALIAÇÃO

23 Como Dimensionar a CIPA QUADRO I: Dimensionamento de CIPA. QUADRO II: Agrupamento de setores econômicos pela Classificação Nacional de Atividades Econômicas - CNAE, para dimensionamento de CIPA. QUADRO III: Relação da Classificação Nacional de Atividades Econômicas - CNAE, com correspondente agrupamento para dimensionamento de CIPA.

24 Montando a CIPA... REPRESENTANTES DOS EMPREGADOS: Eleitos em escrutínio secreto. Titulares e suplentes determinados pela ordem decrescente de votos. Têm estabilidade de 2 anos.

25 Montando a CIPA... REPRESENTANTES DO EMPREGADOR: Indicados pelo Gestor da Empresa. Não tem estabilidade. O presidente é representante do Empregador.

26 Processo Eleitoral CONVOCAR A ELEIÇÃO 60 DIAS ANTES DO TÉRMINO DO MANDATO. 55 DIAS ANTES DEVE-SE FORMAR A COMISSÃO ELEITORAL PERÍODO DE INSCRIÇÃO DE 15 DIAS. INDIVIDUAL. COM COMPROVA NTE REALIZAR ELEIÇÃO 30 DIAS ANTES DO TÉRMINO DO MANDATO

27 Processo Eleitoral Informar ao MTE e ao Sindicato o Edital de Convocação de Eleição. Eleição deve acontecer no horário normal do trabalho. O candidatos tem estabilidade provisória até a apuração. Guardar os documentos relativos a eleição por 5 anos (no mínimo).

28 SOBRE A DOCUMENTAÇÃO SOBRE A DOCUMENTAÇÃO : A documentação referente ao processo eleitoral da CIPA, incluindo as atas de eleição e de posse e o calendário anual das reuniões ordinárias, deve ficar no estabelecimento à disposição da fiscalização do Ministério do Trabalho e Emprego. (Alterado pela Portaria SIT n.º 247, de 12 de julho de 2011) A documentação indicada no item 5.14 deve ser encaminhada ao Sindicato dos Trabalhadores da categoria, quando solicitada. (Inserido pela Portaria SIT n.º 247, de 12 de julho de 2011) O empregador deve fornecer cópias das atas de eleição e posse aos membros titulares e suplentes da CIPA, mediante recibo. (Inserido pela Portaria SIT n.º 247, de 12 de julho de 2011) 5.26 As atas devem ficar no estabelecimento à disposição da fiscalização do Ministério do Trabalho e Emprego. (Alterado pela Portaria SIT n.º 247, de 12 de julho de 2011)

29 Quorum para Eleição Havendo participação inferior a cinqüenta por cento dos empregados na votação, não haverá a apuração dos votos e a comissão eleitoral deverá organizar outra votação que ocorrerá no prazo máximo de dez dias

30 Treinamento da CIPA Antes da posse, para CIPA a partir do 2º mandato. Até 30 dias após a posse, para o 1º mandato. Carga horária de 20 horas (não pode exceder 8 horas diárias)

31 Conteúdo Curso da CIPA Estudo do ambiente, das condições de trabalho, bem como dos riscos originados do processo produtivo. Metodologia de investigação e análise de acidentes e doenças do trabalho Noções sobre acidentes e doenças do trabalho decorrentes de exposição aos riscos existentes na empresa;

32 Conteúdo Curso da CIPA Noções sobre a AIDS, e medidas de prevenção Noções sobre as legislações trabalhistas e previdenciária relativas à segurança e saúde no trabalho Princípios gerais de higiene do trabalho e de medidas de controle dos riscos Organização da CIPA e outros assuntos pertinentes.

33 ATIVIDADE 1. Defina o que é inspeção de segurança, qual o seu objetivo, quais os tipos, para que servem cada um deles e como fazer para que a mesma seja bem sucedida? 2. A atual CIPA da empresa SEGURANÇA &CIA.terá seu mandato encerrado no dia 30 de setembro de Monte o calendário de eleição para a próxima gestão e elabore os editais do processo.

34 ATIVIDADE 3. O Técnico de Segurança tem papel de educador em seu ambiente de trabalho. Pensando nisto, monte uma palestra educativa sobre a NR-5, cujo o conteúdo contemple os principais pontos necessários para conhecimento de trabalhadores leigos no assunto. 4.Faça também um resumo da NR-4 (SESMT), contendo por exemplo: quem deve possuir, como dimensionar, quais os profissionais envolvidos, atribuições, etc. Apenas utilizar a norma até o item 4.20, não é necessário citar os quadros anexos.

35 DICAS PARA SUA ATIVIDADE SER SFO!!! Nossa atividade deve ter os seguintes tópicos: Capa: Capa: + Nome do Aluno + Nome do Polo + Nome do Tutor + Módulo + Disciplina + Nome do Professor + Nº da Atividade. Sumário: Sumário: Tópicos da atividade e sua localização na atividade (nº da página). Introdução: Introdução: Suas considerações sobre a atividade. Desenvolvimento: Desenvolvimento: Apresentação de todos os tópicos da atividade, atendendo ao solicitado pelo Professor, sempre mostrando sua própria produção. Lembrando que cada tópico corresponde a um subtítulo, que deve estar destacado no texto. Conclusão: Conclusão: Suas considerações finais. Devem ser exclusivamente suas! Bibliografia/Fonte de Pesquisa: Bibliografia/Fonte de Pesquisa: Links e livros consultados (Revistas técnicas também são uma ótima opção de pesquisa!)

36 Dúvidas Acesse o Fórum de Dúvidas e Discussões. Acesse o Fórum de Dúvidas e Discussões.


Carregar ppt "Módulo de Prevenção de Acidentes – AULA 5 Prof.ª Gledsnelly Nascimento FTST Formação Técnica em Segurança do Trabalho."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google