A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

VRML Departamento de Engenharia Elétrica EESC-USP

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "VRML Departamento de Engenharia Elétrica EESC-USP"— Transcrição da apresentação:

1 VRML Departamento de Engenharia Elétrica EESC-USP
Sel Arquiteturas especiais para processamento e visualização de imagens Profa. Maria Stela Veludo de Paiva Lívia Amaral Marcelo Barreiro

2 O início O VRML foi concebido em 1994
Necessidade de ambiente 3D na web sem precisar de redes de alta velocidade VRML (Virtual Reality Markup Language) teve o termo "Markup" substituído por "Modeling" para refletir melhor a natureza gráfica do VRML.

3 A linguagem VRML é uma linguagem independente de plataforma
Permite animação, movimentos de corpos e iteração entre usuários Atualmente é o padrão para desenvolvimento de aplicações RV na rede

4 Sobre a linguagem VRML é baseada no Open Inventor
objetos podem receber atributos como cor, textura e mapeamento, transparência, brilho, deformação, translações e rotações. A linguagem VRML têm a capacidade de representar mundos e objetos tridimensionais formados através de primitivas geométricas

5 Vantagens Permite que um mundo virtual possa ser construído por objetos pré definidos em arquivos separados VRML é interpretada

6 Como funciona ? O código VRML é apenas descritivo e as rotinas de navegação e interação são implementadas no browser. A partir de um link, o browser carrega o arquivo texto contendo a descrição do ambiente, monta o ambiente e carrega as texturas

7 Começando com a linguagem
O código VRML é feito em um editor de textos. Uma vez editados, os arquivos são gravados em formato ASCII com a extensão .wrl (word reality language). O arquivo não precisa ser compilado

8 Introdução a linguagem
#VRML V1.0 ascii # The following model has been produced at the # Foundation of the Hellenic World, by the 3D animator # Vanguelis Christodoulou (http://www.fhw.gr/~evan) # with the help of the Foundation's architect # John Svolos (http://www.fhw.gr/~svolos). # # This model is located at the following location: # # For more information look at the Web pages of the Foundation at # or at the "Olympics Through Time" Web site # at or send mail to # Copyright 1996, Foundation of the Hellenic World, All Rights Reserved # Modification 001: Viewpoint Inside_2 was changed to result in visible view # by Y.M

9 Continuando com a linguagem
DEF Title Info{string "The Temple of Zeus at Olympia"} DEF Viewer Info{string "walk" # walk or examiner} DEF BackgroundColor Info{string " "} DEF Cameras Switch{whichChild 0 DEF Approach PerspectiveCamera{ position orientation } DEF Front_View PerspectiveCamera{ position orientation DEF Entrance PerspectiveCamera{ position orientation

10 Ferramentas de apoio Pode-se usar ferramentas de apoio como modeladores 3D (Autocad, 3D Studio, WorldUp, etc) e editores gráficos (Photoshop, Paint Shop Pro, etc) para facilitar o desenvolvimento.

11 Unidades de medida VRML usa o sistema cartesiano 3D. A seqüência dos eixos é X,Y,Z e a unidade de medida para distâncias é metros e para ângulos é radianos.

12 Realidade Virtual A Realidade Virtual pode ser considerada como a junção de três idéias básicas: imersão, interação e envolvimento.

13 Sensores para Interação
Para construir circuitos de animação VRML, você conecta uma cadeia de diferentes nodes Pode-se dizer que um node é um conjunto de especificações que determinam as características dos objetos contidos no cenário

14 Principais nodes Formas e Geometria: Box, Cone, Coordinate, Cylinder, ElevationGrid, Extrusion, etc; Aspecto: Appearance, Color, FontStyle, ImageTexture, Material, TextureForm; Animação: ColorInterpolator, CoordinateInterpolator, etc;

15 VRML x HTML VRML está para o mundo tridimensional, assim como HTML está para o mundo bidimensional

16 Exemplos Templo Jogo

17 Referências Bibliográficas
Burdea. G. & Coiffet, P. (1994) Virtual Reality Technology, John Wiley & Sons, 399p. AMES, A., NADEAU, D., MORELAND,J. - VRML Sourcebook - Ames, A.L. et al. -The VRML Sourcebook. John Wiley & Sons, 1996. BURDEA,G. & COIFFET,P. - Virtual RealityTechnology, John Wiley & Sons, New York, NY, 1994. Lemay, L. et al. - 3D Graphics and VRML 2. Sams Net, 1996. Silicon Graphics - The Open Inventor Faq -

18 Referências Bibliográficas
Tutorial de VRML em português Ferramenta para modelagem e conversores Página completa sobre Realidade Virtual ultra.pucrs.br/inf/profs Tutorial VRML 1.0 Tutorial sobre as extensões do live3D Realidade Virtual - Introdução

19 VRML FIM

20

21

22 Interação com um ambiente

23 Imersão em um ambiente


Carregar ppt "VRML Departamento de Engenharia Elétrica EESC-USP"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google