A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO David Nadler Prata.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO David Nadler Prata."— Transcrição da apresentação:

1 FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO David Nadler Prata

2 Universidade Federal do Tocantins Curso: Ciência da Computação Disciplina: Fundamentos de Sistemas de Informação Professor: David Nadler Prata Fundamentos de Sistemas de Informação

3 Modelo de Sistema de Informação Pode ser baseado: Entradas tudo aquilo que o sistema necessita para operar e que são recursos obtidos externamente. Componentes procedimentos internos do sistema, necessários para a transformação dos elementos de entrada. Saídas resultados que o sistema devolve ao meio externo. Feedback tipos de saídas que servem de referência para modificar as entradas e/ou processamento Por exemplo, ao se analisar a queda das vendas através de um relatório, os gestores decidem modificar as políticas de preço da empresa (processamento).

4 Atividades básicas dos Sistemas: Entrada ( input ) – envolve a captação ou coleta de fontes de dados brutos de dentro da organização ou de seu ambiente externo (formulários, registros, edição); Processamento – conversão da entrada bruta em forma mais útil e apropriada (dados classificados, analisados, manipulados através de cálculos, comparações...) Matéria prima Processo industrial

5 Atividades básicas dos Sistemas Saída ( output ) –transferência da informação as pessoas ou atividades que a usarão (gráficos ou relatórios); Realimentação ( feedback ) – é a saída que retorna aos membros adequados da organização para ajudá-los a refinar ou corrigir os dados de entrada ou ao processamento. Controle – envolve o monitoramento e avaliação do feedback para determinar se o sistema esta se dirigindo para a realização de sua meta. Produto acabado

6 Modelo Geral de um sistema:

7 Exercício Baseado neste modelo, como seria representado o de um fabricante de bicicletas ou de Sistema de uma Universidade?

8 Exemplos de Sistemas Fabricante Universidade Serviço Saúde SistemaEntradas Processamento Saídas Atividades básicas Metas/objeti vo.

9 Exemplos de Sistemas Fabricante Universidade Serviço Saúde Sistema Bicicletas com maior qualidade Aquisição de Conheci- mento Serviço de Saúde com alta qualidade Entradas Processamento Saídas Armação, componentes,su primentos Estudantes, professores, administradores livros, equipamentos Armação, componentessu primentos. Médicos, enfermeiras, pacientes, equipamentos Solda, pintura, montagem Ensino, pesquisa... Diagnóstico, cirurgia, medicamentos, exames Bicicletas acabadas Estudantes cultos, pesquisa significativa, serviços à comunidade Pacientes saudáveis, serviços a comunidade Atividades básicas Metas/objeti vo.

10 Exercício Baseado neste modelo, como seria representado o Sistema de uma Universidade?

11 Classificação de Sistemas. Os sistemas podem ser classificado de inúmeras formas, que não são mutuamente excludentes, abaixo seguem as principais classificações de acordo com Stair (1998) e Laudon & Laudon (2004). STAIR, R. M. Princípios de sistemas de informação: uma abordagem gerencial. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos, LAUDON, K. C. e LAUDON, J. P. Sistemas de informação. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos, 2004.

12 Classificação de Sistemas. Os sistemas podem ser classificados dentro de inúmeras visões. Simples e Complexos Aberto e Fechado. Adaptável e Não-Adaptável. Sistemas Permanentes e Temporários.

13 Classificação de Sistemas. (Simples e Complexo) Simples: Possuem poucos componentes; Relação ou interação entre os componentes é descomplicada; Ex.: misturar ingredientes para fazer um bolo Entrada: ingredientes, conhecimento sobre proporção e ordem dos ingredientes; Processamento: misturar os ingredientes e colocar no forno para assar; Saída: bolo acabado (assado e pronto). Complexos: Possuem muitos componentes (pessoas, máquinas); Componentes são altamente relacionados e inter-conectados; Ex.: fabricação de um automóvel (numerosas peças, componentes, equipamentos e pessoal qualificado); Entrada: peças do carro – chassi, motor, suspensão; Processamento: linha de montagem do carro; Saída: carro pronto;

14 Classificação de Sistemas. (Aberto e Fechado) Aberto possuem um elevado grau de interação com o ambiente. As organizações assim como os seres vivos necessitam interagir com o meio externo, realizando trocas de recursos e informações em todos os níveis da organização. Ex.: empresas e universidades são sistemas abertos Fechado são o oposto, contudo vale a ressalva de que não é possível a existência de um sistema completamente fechado, o que ocorre são graus diferentes de interação. Assim um sistema de uma organização militar tende a ser considerado como mais fechado que um sistema de uma instituição bancária.

15 Classificação de Sistemas. (Adaptável e Não-Adaptável) Adaptável respondem adaptativamente às mudanças do ambiente através de um monitoramento contínuo. Ex.: (um pequena empresa que produz brinquedos de blocos de madeira pode ser bastante estável, desde que a fonte de matéria prima e as preferências tenham se mantido). Não-Adaptável não prevêem mudanças significativas diante das alterações do ambiente. No contexto organizacional, as empresas vistas como sistemas não-adaptáveis normalmente não sobrevivem às turbulências do ambiente de negócio. Flexibilidade; Ex: Fábrica de computadores /equipamentos eletrônicos (mudanças tecnologia forçam o desenvolvimento de novos produtos);

16 Classificação de Sistemas. (Permanentes e Temporários) Permanentes sistemas sem um prazo predeterminado para deixar de existir. De maneira geral, uma organização, ao ser fundada não estabelece um horizonte de vida. Ex.: Empresas grandes, Universidades (anos); Temporários têm um tempo de operação pré- definido, por exemplo um sistema composto por pessoas e recursos para executar um projeto específico. Ex.: grupos de pesquisa nas disciplinas; sociedade que se reúne para obtenção de manuscritos raros e valiosos (depois estes são vendidos e a sociedade é desfeita).

17 Classificação de Sistemas. De acordo com as classificações acima, podemos inferir que um sistema pode ser classificado simultaneamente em diversas categorias: Por exemplo um consórcio de empresas formado para participar de uma concorrência específica pode ser classificado como: Aberto, adaptável e temporário.

18 Dado X Informacao X Conhecimento Dado sem um contexto não tem significado. Ex: 1,95 Informação dados, presentes em um contexto, carregados de significados. Ex: 1,95: taxa de cotação do dólar para a venda no dia Conhecimento É uma propriedade subjetiva, inerente a quem analisa os dados ou informações. O conhecimento está atrelado ao ser humano que verifica o fato e consegue atribuir mais significados e, sobretudo, fazer uso da informação. Ex: verificar a cotação do dólar no dia um profissional da bolsa de valores é capaz de tomar decisões sobre a compra ou a venda daquela moeda.

19 A informação precisa ser: Clara apresentar o fato com clareza, não o mascarando entre fatos acessórios; Precisa deve ter alto padrão de precisão e nunca apresentar termos como por volta de... cerca de... mais ou menos...; ela precisa não conter erros; Rápida chegar ao ponto de decisão em tempo hábil para que gere efeito na referida decisão; Dirigida a quem tenha necessidade dela e que irá decidir com base nessa informação.

20 A informação precisa ser: Completa contém todos fatos importantes Econômica valor informação x custo produção Flexível pode ser usada diversas finalidades Confiável dependente método coleta dados Relevante importante para tomador decisões Simples evitar sobrecarga, alta complexidade Em tempo enviada quando necessária Verificável pode ser checada através outras fontes

21 Conhecimento Capacidade de resolver problemas, inovar e aprender baseando-se em experiências prévias; Esforço de investigação para descobrir aquilo que esta oculto, que não esta compreendido ainda. Adquirir conhecimento não é reter informação, mas utilizar estas para desvendar o novo e avançar.

22 Dado não é Informação e Informação não é Conhecimento! Organizações competem pelo domínio do conhecimento científico e tecnológico; COMO ? Armazenando, processando, acessando e disponibilizando informações por meio de redes de comunicação.

23 NÃO BASTA QUE CADA QUAL ACUMULE NO COMEÇO DA VIDA UMA DETERMINADA QUANTIDADE DE CONHECIMENTOS DE QUE SE POSSA ABASTECER INDEFINIDAMENTE ! É NECESSÁRIO ESTAR À ALTURA DE APROVEITAR E EXPLORAR AO LONGO DA VIDA, TODAS AS OCASIÕES DE ATUALIZAR,APROFUNDAR E ENRIQUECER ESSES CONHECIMENTOS E DE SE ADAPTAR A UM MUNDO EM MUDANÇA. (DÉLORS,2001)

24 Sistemas de Informação É um tipo especializado de Sistema, formado por um conjunto de componentes, inter- relacionados, que visam coletar dados e informações, manipulá-los e processá-los para finalmente dar saída à novos dados e informações. Em um Sistema de Informação consideramos que os elementos de entrada e saída são sempre dados e ou informações, e o conjunto dos procedimentos do processamento não envolvem atividades físicas e sim manipulação, transformação de dados em informação

25 Componentes de SIs SI PessoasOrganiz. Tecnologia Realimentam o SI com novos dados que geram novas informações; Interagem diretamente com o SI. Utilizam as informações geradas para algum processo de tomada de decisão (ambiente de trabalho); Unidades que exercem diferentes funções, tais como: vendas, produção, educação; Meio pelo qual os dados são transformados em informação; Pode ser: lápis e papel; giz,… computador: hardware, software e comunicações.

26 Componentes de um S.I. (Entrada, Processamento e Saída), mecanismos de armazenamento e controle do sistema e recursos (Hardware, Redes, Software entre outros) que oferecem Suporte.

27 Sistemas de Informação Sistemas de informação existem independentes de computadores. Os sistemas de informação manuais envolvem o registro e o tratamento de informações com auxilio de recursos elementares de escritório caneta, papel, calculadora, telefone, fax, fotocópia, procedimentos e pessoas. Sistemas de informação baseados em computadores. Envolve os seguintes elementos:

28 Sistemas de informação baseados em computadores. a) Hardware – Corresponde aos equipamentos computacionais necessários para a coleta, processamento, armazenamento e distribuição da informação CPU (unidade central de processamento), teclado, impressora, leitores de código de barra, scanners, balanças eletrônicas, pen drives, leitores de cartões, entre outros;

29 Sistemas de informação baseados em computadores. b) Software – Corresponde aos programas de computadores, que desempenham as funções específicas de apoio ao usuário final de folha de pagamento, gestão de materiais, controle da produção, acompanhamento de vendas, fluxo de caixa, planilhas eletrônica e processadores de texto, dentre outras opções;

30 Sistemas de informação baseados em computadores. c) Banco de Dados – É um recurso de software responsável por armazenar de forma estruturada um conjunto de dados e informações sobre uma determinada organização. Este ambiente é o coração de qualquer sistema de informação computadorizado;

31 Sistemas de informação baseados em computadores. d) Telecomunicações – É a infra-estrutura que permite conectar hardware, software e bancos de dados em redes de comunicação conectadas localmente e mundialmente, a exemplo dos recursos de Internet.

32 Sistemas de informação baseados em computadores. e) Procedimentos – Corresponde a um conjunto de instruções que engloba as normas, regras e políticas especificadas nos manuais da organização, que por sua vez, definem como utilizar, manipular e tratar as informações além dos processos administrativos que necessitam de informações.

33 Sistemas de informação baseados em computadores. f) Pessoas – São os elementos mais importantes de um sistema de informação computadorizado, composto de usuários finais e profissionais de informática. Usuários finais aqueles que utilizam a informática como ferramenta (atividade meio) para atingirem seus objetivos, planilha utilizada por um técnico da área de finanças ou do software de folha de pagamento, utilizado pela equipe da área de recursos humanos. Profissionais de informática especializados no desenvolvimento de softwares, configuração de hardware e redes de teleprocessamento (união de redes de telecomunicação como o processamento da informática) para eles a informática é considerada como atividade fim.

34 Software Hardware Pessoas Banco de Dados Procedimentos Redes de comunicação SI

35 Benefícios que as empresas procuram obter com o uso dos SI: vantagens competitivas melhores serviços menos erros maior precisão produtos de melhor qualidade aperfeiçoamento melhor eficiência maior produtividade maiores oportunidades, administração mais eficiente automatização de tarefas rotineiras custos reduzidos maior e melhor controle sobre as operações melhores tomadas de decisões.

36 Sistemas de Informação Baseados em Computador Conhecer como os computadores e programas de computador trabalham é importante no projeto de soluções para os problemas organizacionais mas os computadores são apenas parte de um Sistema de Informação. Computadores e programas são as ferramentas de um Sistema de Informação baseado em Computador, mas sozinhos não podem produzir a informação para necessidades particulares de uma organização Para entender sistemas de informação deve-se entender os problemas para os quais eles foram projetados, seus elementos arquiteturais e de projeto, e os processos organizacionais que levaram a essas soluções.

37 Os Sistemas de Informação vistos de uma Perspectiva de Negócios Numa perspectiva gerencial e de negócios, um sistema de informação é mais do que apenas uma operação de entrada-processamento-saída no vácuo. Numa perspectiva gerencial e de negócios, um sistema de informação é uma solução organizacional e administrativa, baseada na tecnologia da informação, para desafios e problemas criados num ambiente de negócios. Para entender Sistemas de Informação, deve-se entender a as três dimensões mais gerais do sistema: organização, administração e tecnologia da informação

38 Os Sistemas de Informação vistos de uma Perspectiva de Negócios Organização Tecnologia da informação Administração Sistemas de Informação

39 Os Sistemas de Informação vistos de uma Perspectiva de Negócios Organização Sistemas de Informação

40 Organização - Introdução Sistemas de Informação são parte da organização Uma Organizações formal é composta por diferentes níveis e especialidades sua estrutura revela uma clara divisão do trabalho - os níveis mais altos envolvem trabalhos gerenciais, profissionais e técnicos e os níveis mais baixos envolvem trabalhos operacionais especialistas são contratados e treinados para diferentes funções

41 Organização - Principais Funções Organizacionais Vendas e Marketing vender os produtos e serviços da organização Fabricação produzir produtos e serviços Finanças administrar os recursos financeiros da organização (dinheiro, estoque, hipotecas, etc ) Contabilidade manter os registros financeiros da organização Recursos Humanos atrair, desenvolver e manter a força de trabalho da organização

42 Organização - Procedimentos de Operações Padrões Procedimentos de Operações Padrões são regras formais para a realização de tarefas As regras orientam os empregados em vários procedimentos Muitos procedimentos são formalizados e escritos, muito outros são práticas informais de trabalho Muitos Procedimentos de Operações Padrões de uma organização são incorporados em Sistemas de Informação

43 Organização - Cultura Cultura: conjunto fundamental de suposições, valores e maneiras de fazer as coisas, que foram aceitos pela maioria dos membros da organização. Parte da cultura da organização pode ser encontrada embutida em seus sistemas de informação (Ex: dar prioridade aos serviços dos clientes pode ser encontrado em um sistema de acompanhamento de pacotes da empresa)

44 Organização - Política Diferentes níveis e especialidades em uma organização criam diferentes interesses e pontos de vista. Essas visões conflitam freqüentemente. Esses conflitos são a base para as políticas organizacionais. Os Sistemas de Informação resultam de conjunto de diferentes perspectivas, conflitos, compromissos e acordos que são parte natural de toda organização

45 Organização - Diferentes tipos de Habilidades e Pessoas Administradores Trabalhadores do conhecimento: projetam produtos e serviços ( Ex: engenheiros, arquitetos ou cientistas) Trabalhadores de dados: processam o trabalho escrito da organização (Ex: secretárias, arquivista, escriturário) Trabalhadores operacionais: produzem os produtos e serviços da organização (Ex: maquinistas, montadores, empacotadores)

46 Os Sistemas de Informação vistos de uma Perspectiva de Negócios Gerenciamento Sistemas de Informação

47 Gerenciamento Os gerentes percebem os desafios de negócio no ambiente; apresentam as estratégias organizacionais para responder a esses desafios alocam recursos financeiros e humanos para atingir a estratégia e coordenar o trabalho têm a responsabilidade de chefia criar novos produtos, serviços e até re-criar a organização de tempos em tempos devem direcionar trabalhos criativos usando novo conhecimento e informação. A tecnologia da informação tem um papel importante no redirecionamento e reprojeto da organização.

48 Gerenciamento (pessoas) - Introdução Os gestores devem criar novos produtos, serviços e até re-criar a organização de tempos em tempos Os gestores devem direcionar trabalhos criativos usando novo conhecimento e informação. A tecnologia da informação tem um papel importante no redirecionamento e reprojeto da organização.

49 Gerenciamento (pessoas) A interação dos componentes de TI com o componente humano é que traz funcionalidade e utilidade para os sistemas informatizados. As pessoas devem estar capacitadas e conscientes de sua participação na utilização dos SI.

50 Os Sistemas de Informação vistos de uma Perspectiva de Negócios Tecnologia da informação Sistemas de Informação

51 Tecnologia - Introdução Tecnologia da Informação é uma das principais ferramentas disponíveis aos gerentes para enfrentar as mudanças. Tecnologia da Informação é o instrumento que mantém a organização integrada hardware software tecnologia de armazenamento tecnologia de telecomunicações

52 Tecnologia da Informação A tecnologia aperfeiçoa ou adiciona eficiência a uma tarefa. A tecnologia é um facilitador, um componente, ela não cria diretamente a satisfação. O principal benefício que a TI traz para as organizações é a sua capacidade de melhorar a qualidade e a disponibilidade de informações e conhecimentos importantes para a empresa, seus clientes e fornecedores. A TI é um componente dos SI!

53 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO DESENVOLVIMENTO

54 Desenvolver um SI Não existe um único modo certo de se projetar um sistema. Os sistemas de informação diferem em termos de tamanho, tecnologia e complexidade. As empresas diferem em termos das habilidades do seu pessoal de informática, experiência e infra-estrutura computacional instalada.

55 Alternativas de desenvolvimento Equipe interna = funcionários de TI Contratação de terceiros para desenvolvimento de um sistema específico Aquisição de pacotes de sistemas prontos Desenvolvimento pelo usuário final

56 Independente do método escolhido, os objetivos da análise de sistemas são: Definir os objetivos gerais do sistema; Identificar a operação e os problemas do(s) sistema(s) existente(s); Identificar os requerimentos e objetivos do novo sistema; Identificar áreas que requerem mudança organizacional.

57 Como solucionar os Problemas organizacionais com os SI

58 Cinco estágios do processo de solução de problemas: 1. Definir e analisar o problema 2. Investigar e compreender o problema 3. Selecionar a melhor opção 4. Projetar a solução 5. Implementar a solução

59 Solução de Problemas Definir e analisar Investigar e Compre- ender Selecio- nar Projetar Imple- mentar Avaliar os Resultados Soluções Possíveis

60 Análise e Projeto de Sistemas 1. Analisar o problema Identificar o problema Identificar questões de pessoal, tecnológicas e da organização 2. Compreender o problema Reunir informações Identificar causas e histórico 3. Tomar Decisão Especificar os objetivos da solução Avaliar soluções alternativas Selecionar a melhor solução Análise

61 Análise e Projeto de Sistemas 4. Projetar a solução Projeto lógico Projeto físico 5. Implementar a solução Implementar o plano Modificar os procedimentos (se necessário) Avaliar a solução Projeto

62 Manter o Sistema Manutenção Correções de erros (bugs) Melhorias de performance Atendimento a legislação Customizações / melhorias Custos ?!


Carregar ppt "FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO David Nadler Prata."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google