A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

EQUILÍBRIO ÁCIDO BÁSICO. SISTEMAS TAMPÕES sistemas que tendem a se opor à mudanças de pH mantém a homeostase Equilíbrio ácido - básico.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "EQUILÍBRIO ÁCIDO BÁSICO. SISTEMAS TAMPÕES sistemas que tendem a se opor à mudanças de pH mantém a homeostase Equilíbrio ácido - básico."— Transcrição da apresentação:

1 EQUILÍBRIO ÁCIDO BÁSICO

2 SISTEMAS TAMPÕES sistemas que tendem a se opor à mudanças de pH mantém a homeostase Equilíbrio ácido - básico

3 SISTEMAS ATUANTES TAMPÕES PLASMÁTICOS SISTEMA PULMONAR SISTEMA RENAL o efeito de ácidos ou bases adicionados nos líquidos corporais atuação imediata elimina ou retém CO 2 atuação em minutos a horas excreção de urina ácida ou básica atuação em horas a dias

4 pH ? Quantidades iguais de H + + OH - = 1 x H 2 O H 3 O + + OH - H 2 O H + + OH - SORENSEN (1909) pH (H 2 O) [H + ] = 1 x pH = 7,0 pH (sangue) [H + ] = 40 x pH = 7,4 pH = - log [H + ]

5 ÁCIDO ? BASE ? SOLUÇÃO AQUOSA H + OH - TEORIA DA DISSOCIAÇÃO ELETROLÍTICA Eletrólise: as moléculas sofrem um maior ou menor grau de dissociação em íons + ou – ÁCIDO FRACO : ligeira tendência em ceder prótons para a H 2 O FORTE: transfere facilmente prótons propriedades e reações próprias

6 a velocidade de uma reação química é proporcional ao produto das massas ativas (concentrações) das substâncias reagentes LEI DAS AÇÕES DAS MASSAS AH + H 2 O H + + A H + + A - AH + H 2 O K 1 = [ H + ] [ A - ] 2 - AH + H 2 O H + + A - K 2 = [AH ] [ H 2 O ] K 1 / K 2 = K = [ H + ] [ A - ] [AH ]

7 EQUAÇÃO DE HENDERSON - HALSSELBALCH H 2 CO 3 H 2 O + CO 2 H + + HCO 3 - K 1 = [H 2 CO 3 ] [ CO 2 ] [ H 2 O] K 2 = [H 2 CO 3 ] [ H + ] [ HCO 3 - ] K 1 / K 2 = K = [ H + ] [HCO 3 - ] [CO 2 ] [ H + ] = K [CO 2 ]. [HCO 3 - ] pH = pK + log [HCO 3 - ] [CO 2 ]

8 7,4 = 6,1 + 1,3 7,0 7,4 7,8 acidose alcalose 20:1 Relação no sangue: pH = pK + log [HCO 3 - ] [CO 2 ]

9 REAÇÃO DE TAMPONAMENTO Ácido Forte H 2 O + CO 2 Sal AL + NaALH 2 CO 3 + Na HCO Sal Forte Ácido Fraco

10 TAMPÕES PLASMÁTICOS FOSFATO MONOSSÓDICO – FOSFATO DISSÓDICO HCL + Na 2 HPO 4 NaCl + NaH 2 PO 4 NaOH + NaH 2 PO 4 H 2 O + Na 2 HPO 4 POUCO SIGNIFICATIVO BAIXA CONCENTRAÇÃO

11 TAMPÕES PLASMÁTICOS ÁCIDO CARBÔNICO - BICARBONATO DE SÓDIO HCl + NaHCO 3 NaCl + H 2 CO 3 H 2 O + CO 2 NaOH + H2CO3 H2O + NaHCO3

12 TAMPÕES PLASMÁTICOS PROTEÍNAS H + + PROT HPROT H + + HbO 2 HHb + O 2 MAIS IMPORTANTE TAMPÃO DO SANGUE 15 g de Hb 3,85 g de proteínas

13 BASE TAMPÃO é a soma das duas bases no sangue: 1 - Hb = 17 mEq/l 2 - Bicarbonato = 25 mEq/l = 42 mEq/l PERTUBAÇÕES: Respiratória (CO 2 ) NÃO ALTERA BASE TAMPÃO Metabólica (H + ) ALTERA BT H + + HCO 3 - H 2 CO 3 H 2 O + CO 2 H + + PROT HPROT

14 EXCESSO DE BASE BT BTN ACIDOSE METABÓLICA BT BTN ALCALOSE METABÓLICA PCO 2 RESPIRATÓRIA EB METABÓLICA EB = Base Tampão - Base Tampão Normal BT - BTN

15 Nomograma de Siggaard- Andersen

16 VariáveisNormal Acid Vent Acid Met Alcal Vent Alcal Met pH7,4 PCO EB00-0+ pH < 7,4 PCO 2 = 40 mmHg BE < 0 Acidose M pH 40 mmHg BE = 0 Acidose V pH > 7,4 PCO 2 = 40 mmHg BE > 0 Alcalose M pH > 7,4 PCO 2 < 40 mmHg BE = 0 Alcalose V

17 BE = 0 BE = + 5 BE = + 8 BE = - 10 BE = - 9,5 BE = - 8 pH = 7,29 PCO2 = 60 mmHg acidose M sendo compensada por alcalose V pH = 7,35 PCO2 = 30 mmHg acidose V sem compensação acidose V sendo compensada por alcalose M pH = 7,31 PCO2 = 70 mmHg pH = 7,51 PCO2 = 40 mmHg alcalose M sem compensação pH = 7,4 PCO2 = 20 mmHg alcalose V compensada por acidose M pH = 7,2 PCO2 = 50 mmHg acidose V somada a acidose M

18 Diagrama de Devenport

19 Mecanismo Renal

20 Modelo de Stewart


Carregar ppt "EQUILÍBRIO ÁCIDO BÁSICO. SISTEMAS TAMPÕES sistemas que tendem a se opor à mudanças de pH mantém a homeostase Equilíbrio ácido - básico."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google