A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Administração de Recursos Materiais Turma: 19 Grupo: 1 Atividade: R05 Subgrupo X: Pedro, Rafael e Anderson Subgrupo Y: Alex, Daniel e Felipe.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Administração de Recursos Materiais Turma: 19 Grupo: 1 Atividade: R05 Subgrupo X: Pedro, Rafael e Anderson Subgrupo Y: Alex, Daniel e Felipe."— Transcrição da apresentação:

1 Administração de Recursos Materiais Turma: 19 Grupo: 1 Atividade: R05 Subgrupo X: Pedro, Rafael e Anderson Subgrupo Y: Alex, Daniel e Felipe.

2 Supply Chain Umas das maiores finalidades desse modelo é AGREGAR VALOR AO CLIENTE Há várias formas de agregar mais valor cliente:

3 Valor Agregado como sendo proporcionar aos clientes produtos que tenha um valor ao oferecidos pelo concorrentes Roubar uma fatia de mercados do concorrentes Valor Presente = (Preço que o consumidor está disposto a pagar pelo produto) – (Receita do Fornecedor) Valor Percebido pelo Cliente consiste em uma combinação entre – Valor = Qualidade X Serviço ao Cliente Preço X Prazo Entrego

4 Cadeia Logística tradicional time-to-market Características desse modelo: Ciclo de reposição muito extenso Estoque elevado Sobrecarga de custos onerosos

5 A Logística Integrada, supply chain, surge como a solução: Características desse modelo: Reduz efeito oneroso, agregando mais valor Conquista um diferencial competitivo Melhoria na qualidade Maior confiabilidade Diminuição nos niveis de retrabalho, perdas, etc.

6 É preciso considerar que existe um efeito em cascata nas margens de vendas. Empresas que conseguirem reduzir esse efeito honeroso para o consumidor vão agregar mais valor a ele e conquistar um diferencial competitivo difícil de ser alcançado por seus concorrentes. Porém essas empresas devem ser criativas, audaciosas, inovadoras na busca da melhor solução para continuar com o diferencial perante os concorrentes. O Supply Chain reduz no mínimo 10% dos custos

7 A proposta final do supply chain vai além. A diferença do preço que o consumidor estava disposto pagar, vai ser o valor agregado para o cliente. E com os custos que conseguiram ser reduzidos, aumenta-se ainda mais a margem consistente, o que significa ter maiores lucros.

8 Sobre o time-to-market, uma redução no prazo não cria considerável vantagem competitiva, más contribui para reduzir os custos e aumenta o volume também. Estudos dizem que passagem do time-to- market para o supply chain reduz em 9% dos custos de operação.

9 Para uma empresa desenvolver e implantar uma estratégia de supply chain, ela deve avaliar a cadeia total de logística.

10 É necessário também fazer uma avaliação da situação atual, e seguir a lista de oportunidades e se atentar também aos pontos fracos como: níveis de estoque atuais e esperados; capacidades e competências atuas e demandadas tecnologias e sistemas a serem desenvolvidos processos estratégicos que devem ser integrados relacionamento entre os integrantes práticas adotadas por todos os integrantes custo total da cadeia ciclos dos produtos níveis de serviços atuais e esperados valor a ser criados aos clientes

11 A cadeia logística integrada pode estrutura em três grandes blocos: Logística do Suprimento: dizem respeito as relações fornecedor-empresa

12 Logistica de produção: Envolve todas as áreas na conversão de matérias em um produto acabado. É importante sincronizar a produção as demandas dos clientes

13 Logística de Distribuição: envolve as relações empresa-cliente-consumidor


Carregar ppt "Administração de Recursos Materiais Turma: 19 Grupo: 1 Atividade: R05 Subgrupo X: Pedro, Rafael e Anderson Subgrupo Y: Alex, Daniel e Felipe."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google