A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O TRIEDRO DOS SABERES UMA ARQUEOLOGIA DAS CIÊNCIAS HUMANAS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O TRIEDRO DOS SABERES UMA ARQUEOLOGIA DAS CIÊNCIAS HUMANAS."— Transcrição da apresentação:

1 O TRIEDRO DOS SABERES UMA ARQUEOLOGIA DAS CIÊNCIAS HUMANAS

2 TRIEDROS Três semi-retas, com origem num mesmo ponto, determinam três ângulos que formam uma figura geométrica chamada ângulo triédrico, ou simplesmente triedro.

3

4 O TRIEDRO DOS SABERES O Triedro dos Saberes foi criado por Michel Foucault em 1996, em sua obra: As palavras e as coisas: uma arqueologia das Ciências Humanas.

5 Ele é definido da seguinte maneira: No capítulo X de As Palavras e as Coisas, Michel Foucault (1966) traça um perfil do que seriam as Ciências Humanas no plano geral dos saberes, principalmente do século XIX em diante. Nesta obra, Foucault lida com dois conceitos básicos: domínios epistemológicos (épistemês) e modos do discurso (discours). (LEON, 2005, p. 1)

6 Os domínios epistemológicos seriam as ciências que se situam na parte externa do Triedro dos Saberes, em seus lugares fixos e distintos: 1) Eixo das Ciências da Causalidade: Biologia, Economia e Filologia; 2) Eixo da Exatidão: Matemática e a Física; 3) Eixo da Reflexão: Filosofia.

7 Os três eixos constituiriam três planos (diedros) consecutivos: 1º) Matemáticas aplicadas: ciências da causalidade + matemática; 2º) Ontologias regionais: filosofia + ciências da causalidade; 3º) Formalização do conhecimento: filosofia + matemática.

8 As Ciências Humanas se constituiriam de uma forma bastante diferente: Certamente, não resta dúvida de que a emergência histórica de cada uma das ciências humanas tenha ocorrido por ocasião de um determinado problema, de uma exigência, de um obstáculo de ordem prática; por certo foram necessárias novas normas impostas pela sociedade industrial aos indivíduos para que, lentamente, no decurso do século XX, a psicologia se constituísse como ciência. [...] o homem, isolado ou em grupo, torna-se objeto de ciência [...]. (FOUCAULT, 2000, p. 476).

9 A primeira coisa a constatar é que as ciências humanas não receberam por herança um certo domínio já delineado [...] é uma repartição nebulosa num espaço de três dimensões. [...] a positividade das ciências humanas se apóia simultaneamente na transferência de três modelos distintos. [...] Esses modelos constituintes são tomados de empréstimo aos três domínios da biologia, da economia e do estudo da linguagem. (Ibid., p. 475).

10 OS TRÊS MODELOS 1) SUPERFÍCIE DE PROJEÇÃO DA BIOLOGIAPSICOLOGIA ESTUDO DO HOMEM EM TERMOS DE FUNÇÕES E NORMAS.

11 2) SUPERFÍCIE DE PROJEÇÃO DA ECONOMIA SOCIOLOGIA ESTUDO DO HOMEM EM TERMOS DE REGRAS E CONFLITOS.

12 3) SUPERFÍCIE DE PROJEÇÃO DA FILOLOGIA LINGUÍSTICA ESTUDO DO HOMEM EM TERMOS DE SIGNIFICAÇÃO E SISTEMAS DE SIGNIFICANTES.

13 PARES CONSTITUINTES FUNÇÃO CONFLITO SIGNIFICAÇÃO NORMAS REGRAS SISTEMAS Biologia EconomiaFilologia Psicologia Sociologia Linguística

14 CARACTERÍSTICAS PRÓPRIAS ÀS CIÊNCIAS HUMANAS Todas as ciências humanas se entrecruzam; Podem interpretar umas às outras; As disciplinas intermediárias e mistas se multiplicam indefinidamente; Os objetos dissolvem-se; Estabelece 3 critérios formais de acordo com os 3 níveis dos 3 modelos acima: nível psicológico, sociológico e lingüístico;

15 É a escolha do modelo fundamental e a posição dos modelos secundários que permitem saber em que momento se psicologiza ou se sociologiza no estudo das literaturas e dos mitos... Essa superposição de modelos não é um defeito de método; Só há defeito se os modelos não forem ordenados e explicitamente articulados uns aos outros; Há um entrecruzamento de modelos constituintes.

16 REFERÊNCIAS FOUCAULT, Michel. As palavras e as coisas: uma arqueologia das ciências humanas. 8. ed. – 2. São Paulo: Martins Fontes, cap. 10 A ciências humanas.


Carregar ppt "O TRIEDRO DOS SABERES UMA ARQUEOLOGIA DAS CIÊNCIAS HUMANAS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google