A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Oração do Terço. Doutrina Cristã O que é a Santa Missa? A Santa Missa é o sacrifício sacramental do Corpo e Sangue de Jesus Cristo, que se oferece a Deus.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Oração do Terço. Doutrina Cristã O que é a Santa Missa? A Santa Missa é o sacrifício sacramental do Corpo e Sangue de Jesus Cristo, que se oferece a Deus."— Transcrição da apresentação:

1 Oração do Terço

2 Doutrina Cristã O que é a Santa Missa? A Santa Missa é o sacrifício sacramental do Corpo e Sangue de Jesus Cristo, que se oferece a Deus pelo ministério do sacerdote, em memória e renovação do sacrifício da Cruz. Que pecado comete aquele que falta voluntariamente e sem causa grave à Missa aos domingos e festas de guarda? Aquele que falta à Missa voluntariamente e sem causa grave aos domingos e festas de guarda comete pecado grave.

3 Ano C- XXVII Domingo do Tempo Comum

4 CRISTO JESUS TU ME CHAMASTE EU TE RESPONDO ESTOU AQUI TU ME CHAMASTE PELO MEU NOME EU TE RESPONDO ESTOU AQUI

5 Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Ámen! A graça de Nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Pai e a Comunhão do Espírito Santo estejam convosco. Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo. Irmãos, para celebrar dignamente os Santos Mistérios reconheçamos que somos pecadores (momento de silêncio)

6 Confessemos os nossos pecados: Confesso a Deus Todo-Poderoso e a vós, irmãos, que pequei muitas vezes por pensamentos e palavras, actos e omissões, (batendo no peito) por minha culpa, minha tão grande culpa. E peço à Virgem Maria, aos Anjos e Santos, e a vós, irmãos, que rogueis por mim a Deus, Nosso Senhor. Deus Todo-Poderoso tenha compaixão de nós perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna. Ámen!

7 Senhor, tende piedade de nós. Cristo, tende piedade de nós. Senhor, tende piedade de nós.

8 Glória a Deus nas alturas, e paz na terra aos homens por Ele amados. Senhor Deus, Rei dos céus, Deus Pai todo-poderoso: nós Vos louvamos, nós Vos bendizemos, nós Vos adoramos, nós Vos glorificamos, nós Vos damos graças por Vossa imensa glória.

9 Senhor Jesus Cristo, Filho Unigénito, Senhor Deus, Cordeiro de Deus, Filho de Deus Pai: Vós que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós; Vós que tirais o pecado do mundo, acolhei a nossa súplica; Vós que estais à direita do Pai, tende piedade de nós. Só Vós sois o Santo;

10 só Vós, o Senhor; só Vós o Altíssimo, Jesus Cristo; com o Espírito Santo, na glória de Deus Pai. Ámen

11 ORAÇÃO COLECTA Deus eterno e omnipotente, que, no vosso amor infinito, cumulais de bens os que Vos imploram muito além dos seus méritos e desejos, pela vossa misericórdia, libertai a nossa consciência de toda a inquietação e dai-nos o que nem sequer ousamos pedir. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo. Amem.

12 Hab 1, 2-3; 2, 2-4 «O justo viverá pela sua fé»

13 LEITURA I Hab 1, 2-3; 2, 2-4 Leitura da Profecia de Habacuc «Até quando, Senhor, chamarei por Vós e não me ouvis? Até quando clamarei contra a violência e não me enviais a salvação? Porque me deixais ver a iniquidade e contemplar a injustiça? Diante de mim está a opressão e a violência, levantam-se contendas e reina a discórdia?» O Senhor respondeu-me: «Põe por escrito esta visão e grava-a em tábuas com toda a clareza,

14 LEITURA I Hab 1, 2-3; 2, 2-4 de modo que a possam ler facilmente. Embora esta visão só se realize na devida altura, ela há-de cumprir-se com certeza e não falhará. Se parece demorar, deves esperá-la, porque ela há-de vir e não tardará. Vede como sucumbe aquele que não tem alma recta; mas o justo viverá pela sua fidelidade». Palavra do Senhor. Graças a Deus

15

16 Salmo 94 (95), (R.8) Refrão: HOJE SE ESCUTARDES A VOZ DO SENHOR, NÃO FECHEIS OS VOSSOS CORAÇÕES, NÃO FECHEIS OS VOSSOS CORAÇÕES.

17 2 ª Tim 1, «Não te envergonhes de dar testemunho de Nosso Senhor»

18 LEITURA II 2 Tim 1, Leitura da Segunda Epístola do apóstolo São Paulo a Timóteo Caríssimo: Exorto-te a que reanimes o dom de Deus que recebeste pela imposição das minhas mãos. Deus não nos deu um espírito de timidez, mas de fortaleza, de caridade e moderação. Não te envergonhes de dar testemunho de Nosso Senhor, nem te envergonhes de mim, seu prisioneiro. Mas sofre comigo pelo Evangelho, confiando no poder de Deus. Toma como norma as sãs palavras que me ouviste, segundo a fé e a caridade que temos em Jesus Cristo. Guarda a boa doutrina que nos foi confiada, com o auxílio do Espírito Santo, que habita em nós. Palavra do Senhor.

19 LEITURA II 2 Tim 1, Senhor, nem te envergonhes de mim, seu prisioneiro. Mas sofre comigo pelo Evangelho, confiando no poder de Deus. Toma como norma as sãs palavras que me ouviste, segundo a fé e a caridade que temos em Jesus Cristo. Guarda a boa doutrina que nos foi confiada, com o auxílio do Espírito Santo, que habita em nós. Palavra do Senhor. Graças a Deus

20 Aclamação HINOS DE GLÓRIA CANTEMOS AO SENHOR CANTEMOS VITORIA ALELUIA A PALAVRA DO SENHOR, PER-MANE-CE ETERNA ESTA É A SUA PALAVRA, QUE NOS FOI ANUNCIADA

21 Lc 17, 5-10 «Se tivésseis fé!»

22 EVANGELHO Lc 17, 5-10 O Senhor esteja convosco, Ele está no meio de Nós. Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo segundo S. Lucas Gloria a Vós, Senhor!

23 EVANGELHO Lc 17, 5-10 Naquele tempo, os Apóstolos disseram ao Senhor: «Aumenta a nossa fé». O Senhor respondeu: «Se tivésseis fé como um grão de mostarda, diríeis a esta amoreira: Arranca-te daí e vai plantar-te no mar, e ela obedecer-vos-ia. Quem de vós, tendo um servo a lavrar ou a guardar gado, lhe dirá quando ele voltar do campo: Vem depressa sentar-te à mesa? Não lhe dirá antes:

24 EVANGELHO Lc 17, 5-10 Prepara-me o jantar e cinge-te para me servires, até que eu tenha comido e bebido. Depois comerás e beberás tu?. Terá de agradecer ao servo por lhe ter feito o que mandou? Assim também vós, quando tiverdes feito tudo o que vos foi ordenado, dizei: Somos inúteis servos: fizemos o que devíamos fazer. Palavra da salvação. Gloria a Vós, Senhor.

25

26 Diante de uma situação difícil, complicada e sem solução, eis o sábio conselho que sempre alguém nos dá: Tenha Fé Ninguém pode viver sem fé. Depositamos dinheiro no banco porque confiamos na segurança. Deixamos crianças na escola confiando nos professores. Quando estamos doentes temos fé no médico e nos medicamentos. A experiência e a esperança são bases desta confiança.

27 Mas hoje em dia muitos duvidam da existência do Criador de tudo isto. È verdade que quase todas as religiões nasceram no oriente mas o cristianismo cresceu mais no ocidente. O ateísmo é moda para alguns neste tempo. Houve uma altura em que os missionários daqui foram para todo o mundo. Naquela época o nosso país tinha o crescimento económico mais alto no mundo. A fé em Deus e a moral do cristianismo

28 controlavam o comportamento do povo. Hoje em dia temos mais não crentes do que os não praticantes. A fé é uma das três virtudes cardeais. É a maior força do mundo e uma das duas condições para a salvação. A fé, para ser efectiva, tem de ser acompanhada com confiança, obediência e compromisso total. São Paulo define a fé como: A fé é o fundamento do que se espera e a prova das realidades que não se vêem

29 (Heb.11,1). A catequese é uma das maneiras de infundir a verdadeira fé. Os pais e os padrinhos devem cumprir a promessa feita perante Deus na altura do batismo deles: Educar na fé Temos que aumentar a nossa fé pela oração, pelo estudo, e pela vida espiritual. Fé é dom de Deus e oremos para que Deus aumente a nossa fé. O tempo passado a rezar a Deus é fundamental para crescer na fé.

30 A convivência com verdadeiros crentes ajuda-nos crescer mais nisso. Na Bíblia nunca é dito que Abrão, o pai dos crentes, entrou num santuário para rezar. Mas ele é o modelo da pessoa que reza. Toda a sua vida foi marcada pela oração; nunca deu um passo sem ter recebido do seu Deus a indicação do caminho a seguir. Se para rezar é preciso acreditar, para acreditar é preciso rezar. Acreditamos em Jesus,

31 mas não confiamos completamente nele, não temos a coragem de dar certos passos, de interromper certos hábitos, de fazer certas renúncias. A Fé é um dom de Deus, e por isso pedimos a Jesus que nos torne mais decididos, mais convictos e mais generosos na escolha em segui- lO. Temos que aumentar a nossa fé pela oração, pelo estudo, e pela vida espiritual.

32 Fé é dom de Deus e oremos para que Deus aumente a nossa fé. O tempo passado a rezar a Deus é fundamental para crescer na fé. A convivência com verdadeiros crentes ajuda-nos crescer mais nisso. Na Bíblia nunca é dito que Abrão, o pai dos crentes, entrou num santuário para rezar. Mas ele é o modelo da pessoa que reza. Toda a sua vida foi marcada pela oração;

33 nunca deu um passo sem ter recebido do seu Deus a indicação do caminho a seguir. Se para rezar é preciso acreditar, para acreditar é preciso rezar. Acreditamos em Jesus, mas não confiamos completamente nele, não temos a coragem de dar certos passos, de interromper certos hábitos, de fazer certas renúncias.

34 A Fé é um dom de Deus, e por isso pedimos a Jesus que nos torne mais decididos, mais convictos e mais generosos na escolha em segui-lO. Assim seja.

35

36 Promessa de Catequistas

37

38 Creio em um só Deus, Pai todo-poderoso, Criador do céu e da terra De todas as coisas visíveis e invisíveis. Creio em um só Senhor, Jesus Cristo, Filho Unigénito de Deus, nascido do Pai antes de todos os séculos: Deus de Deus, Luz da Luz, Deus verdadeiro de Deus verdadeiro; Gerado, não criado, consubstancial ao Pai. Por Ele todas as coisas foram feitas. E por nós, homens, e para nossa salvação

39 desceu dos céus (Faz-se inclinação) E encarnou pelo Espírito Santo, no seio da Virgem Maria. e Se fez homem. Também por nós foi crucificado sob Pôncio Pilatos; padeceu e foi sepultado. Ressuscitou ao terceiro dia, conforme as Escrituras; e subiu aos céus, onde está sentado à direita do Pai.

40 De novo há-de vir em sua glória, para julgar os vivos e os mortos; e o seu reino não terá fim. Creio no Espírito Santo. Senhor que dá a vida, e procede do Pai e do Filho; e com o Pai e o Filho é adorado e glorificado: Ele que falou pelos Profetas.

41 Creio na Igreja una, santa, católica e apostólica. Professo um só batismo Para remissão dos pecados. E espero a ressurreição dos mortos, e vida do mundo que há-de vir. Ámen.

42

43 Irmãos e irãs: Com o ardor da fé que o Senhor nos deu e que é capaz de fazer milagres, vamos pedir- lhe pela igreja e pelo mundo, dizendo humildemente. Abençoai, Senhor, o vosso povo. Pela Igreja santa de Deus, para que anuncie a fé que leva à salvação e revele aos homens os mistérios do Reino, oremos ao Senhor. Abençoai, Senhor, o vosso povo.

44 Por aqueles que receberam o Espírito Santo, o Dom de Deus que foi dado aos Apóstolos, para que dêem bom testemunho de Jesus, oremos ao Senhor. Abençoai, Senhor, o vosso povo. Pelos justos que clamam ao Senhor contra toda a violência e opressão, para que a sua voz seja escutada, oremos ao Senhor. Abençoai, Senhor, o vosso povo.

45 Pelos homens e mulheres do mundo inteiro que não são respeitados na sua dignidade, para que encontrem quem defenda os seus direitos, oremos ao Senhor. Abençoai, Senhor, o vosso povo. Pelos estudantes que iniciaram um novo ano, para que em cada professor tenham um mestre e nos pais os seus maiores amigos, oremos ao Senhor. Abençoai, Senhor, o vosso povo.

46 Pelos membros da nossa assembleia de oração, para que sirvam a Deus com alegria, em casa, no trabalho e em toda a parte, oremos ao Senhor. Abençoai, Senhor, o vosso povo. (Outras intenções: factos relevantes da vida paroquial; defuntos das nossas famílias...).

47 Senhor, nosso Deus e nosso Pai, que enviastes o vosso Filho Jesus Cristo como servidor ao meio dos homens, dai-nos o seu Espírito e aumentai a nossa fé, para sermos fiéis no vosso serviço. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo. Ámen.

48

49 EU VOU TER FÉ NO PODER DO SENHOR, QUANDO ELE ME ABENÇOAR TODO O MEU AMOR EU LHE VOU DAR E RECEBER O PODER DO SENHOR EU VOU TER FÉ NO SENHOR, EU VOU TER FÉ NO PODER DO SENHOR EU VOU TER FÉ NO SENHOR EU VOU TER FÉ NO SENHOR…………. EU VOU TER FÉ NO SENHOR…………. VOU RECEBER………………O PODER……………………DO SENHOOOOOOR VOU RECEBER……………..O PODER……………………………DO…….SE…NHO-O-O-OR

50 Orai, Irmãos para que o meu e vosso sacrifício seja aceite por Deus Pai todo-poderoso. Todos: receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício, para honra e glória do seu nome, para nosso bem e de toda a santa Igreja

51 (Todos de pé) ORAÇÃO SOBRE AS OBLATAS Aceitai, Senhor, o sacrifício que Vós mesmo nos mandastes oferecer e, por estes sagrados mistérios que celebramos, confirmai em nós a obra da redenção. Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo. Amen.

52 Prefácio V. O Senhor esteja convosco. R. Ele está no meio de nós. V. Corações ao alto. R. O nosso coração está em Deus. V. Dêmos graças ao Senhor nosso Deus. R. É nosso dever, é nossa salvação.

53 Senhor, Pai santo, Deus eterno e omnipotente, é verdadeiramente nosso dever, é nossa salvação dar-Vos graças, sempre e em toda a parte. Na vossa infinita misericórdia, de tal modo amastes o mundo que nos enviastes Jesus Cristo, nosso Salvador, em tudo semelhante ao homem, menos no pecado, para poderdes amar em nós o que amáveis em vosso Filho Unigénito:

54 pela sua obediência Ele restaurou a aliança que a nossa desobediência tinha destruído. Por isso, com os Anjos e os Santos, proclamamos a vossa glória, Cantando numa só voz. Por isso, com os Anjos e os Santos, proclamamos a vossa glória, Cantando numa só voz.

55

56 O SENHOR É SANTO, O CÉU E A TERRA PROCLAMAM VOSSA GLÓRIA, HOSSANA HOSSANA HOSSA-A-NA BENDITO O QUE VEM EM NOME DO SENHOR, HOSSANA HOSSANA HOSSA-A-NA

57 Sac. Vós, Senhor, sois verdadeiramente santo, sois a fonte de toda a santidade. Reunidos na vossa presença, em comunhão com toda a igreja, ao celebrarmos o dia santíssimo em que o Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho Unigénito, colocou à direita da vossa glória a nossa frágil natureza humana unida á sua divindade, humildemente vos suplicamos: Santificai estes dons, derramando sobre eles o Vosso Espírito, de modo a que se convertam para nós, no Corpo e Sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo.

58 (Todos ajoelham) Na hora em que Ele se entregava, para voluntariamente sofrer a morte, tomou o pão e, dando graças, partiu-o e deu-o aos seus discípulos, dizendo: Tomai, todos, e comei: isto é o meu Corpo que será entregue por vós.

59 De igual modo, no fim da Ceia, tomou o cálice e, dando graças, deu-o aos seus discípulos, dizendo: Tomai, todos, e bebei: este é o cálice do meu Sangue o Sangue da nova e eterna aliança, que será derramado por vós e por todos, para remissão dos pecados. Fazei isto em memória de mim.

60 Mistério da Fé! Anunciamos, Senhor, a vossa morte, proclamamos a vossa ressurreição. Vinde, Senhor Jesus!

61 Sac. Celebrando agora, Senhor, o memorial da morte e ressurreição de vosso Filho nós Vos oferecemos o pão da vida e o cálice da salvação e Vos damos graças porque nos admitistes à vossa presença para Vos servir nestes santos mistérios. Humildemente Vos suplicamos que, participando no Corpo e Sangue de Cristo, sejamos reunidos, pelo Espírito Santo, num só corpo.

62 Lembrai-Vos, Senhor, da vossa Igreja, dispersa por toda a terra, e tornai-a perfeita na caridade em comunhão com o Papa Francisco, e o nosso Patriarca D. Manuel Clemente, os bispos auxiliares e todos aqueles que estão ao serviço do vosso povo. Lembrai-Vos também dos nossos irmãos que adormeceram na esperança da ressurreição, e de todos aqueles que na vossa misericórdia partiram deste mundo:

63 admiti-os na luz da vossa presença. Tende misericórdia de nós, Senhor, e dai- nos a graça de participar na vida eterna, com a Virgem Maria, Mãe de Deus, São José seu esposo, os bem-aventurados Apóstolos e todos os Santos que desde o princípio do mundo viveram na vossa amizade, para cantarmos os vossos louvores, por Jesus Cristo, vosso Filho.

64 Por Cristo, com Cristo, em Cristo, a Vós, Deus Pai todo-poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda a honra e toda a glória agora e para sempre… Ámen.

65

66 Pai Nosso, que estais nos céus, santificado seja o Vosso nome. Venha a nós o Vosso Reino. Seja feita a Vossa vontade, assim na Terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje. Perdoai-nos as nossas ofensas assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido. E não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal.

67 Sac. Livrai-nos de todo o mal, Senhor, e dai ao mundo a paz em nossos dias, para que, ajudados pela vossa misericórdia, sejamos sempre livres do pecado e de toda a perturbação, enquanto esperamos a vinda gloriosa de Jesus Cristo nosso Salvador. Vosso é o reino e o poder e a glória para sempre.

68 Sac. Senhor Jesus Cristo, que dissestes aos vossos Apóstolos. Deixo-vos a paz, dou-vos a minha paz: não olheis aos nossos pecados mas à Fé da vossa Igreja e dai-lhe a união e a paz, segundo a Vossa vontade. Vós que sois Deus com o Pai na unidade do Espírito Santo. Amem. A paz do Senhor esteja sempre convosco. O amor de Cristo nos uniu. Sac. Saudai-vos na paz de Cristo.

69

70 PAZ PAZ PAZ EU TE DAREI A PAZ E A LUZ NÃO DO JEITO DO MUNDO MAS DO JEITO DE JESUS PAZ PAZ PAZ EU TE DAREI A PAZ, LUZ LUZ LUZ EU TE DAREI A LUZ DO JEITO DE JESUS

71 CORDEIRO DE DEUS, QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO. TENDE PIEDADE DE NÓS, CORDEIRO DE DEUS, QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO. TENDE PIEDADE DE NÓS, CORDEIRO DE DEUS, QUE TIRAIS O PECADO DO MUNDO. DAI-NOS A PAZ.

72 Sac. Felizes os convidados para a Ceia do Senhor. Eis o Cordeiro de Deus, que tira os pecados do mundo. Senhor, eu não sou digno de que entreis em minha morada, mas dizei uma palavra e serei salvo

73 Senhor reforça em mim a Fé…

74 EIS A CEIA DO SENHOR EIS O BANQUETE DOS POBRES CONVIDADOS DO SENHOR EIS A CEIA DO SENHOR EIS O PÃO QUE OS ANJOS COMEM TRANSFORMANDO EM OUTRO HOMEM – EIS A CEIA DO SENHOR EIS SENHOR EU AQUI ESTOU COMUNGANDO DO TEU CORPO E BEBENDO O TEU SANGUE EIS A CEIA DO SENHOR

75

76 VEM SENHOR ENSINAR-ME A REZAR, VEM SENHOR ENSINAR-ME A ESPERAR QUERO TER UMA RAZÃO P´RA VIVER, ALGO EM QUE ACREDITAR EU SÓ QUERO AMAR A TI SENHOR ENTÃO SABEREI QUAL O CAMINHO A SEGUIR E ENCONTRAREI A RAZÃO DE EXISTIR SEI SENHOR QUE UM DIA TU VERÁS, ESTE MUNDO QUE TE PEDE AMOR E PAZ CONSTRUIR ALGO QUE A TODOS TRARÁ, A ALEGRIA DE SENTIR QUE ESTA VIDA MUDARÁ

77 Oração depois da comunhão Deus todo-poderoso, que neste sacramento saciais a nossa fome e a nossa sede, fazei que, ao comungarmos o Corpo e o Sangue do vosso Filho, nos transformemos nAquele que recebemos. Ele que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo. Amem.

78 12 de Outubro de 2013 Início da Catequese

79 Sac. O Senhor esteja convosco. Ele está no meio de nós. Sac. Abençoe-vos Deus todo-poderoso, Pai, Filho e Espírito Santo. Ámen. Sac. Ide em paz e o Senhor vos acompanhe. Graças a Deus.

80 EU TENHO FÉ QUE TUDO MUDARÁ E QUE O AMOR SEMPRE TRIUNFARÁ EU TENHO FÉ SERÁ REALIDADE, UM MUNDO DE JUSTIÇA DE PAZ E FRATERNIDADE

81

82

83 Ficha técnica : Eucaristia Celebrada por : Fr. Jacob Puthiyaparampil Animada por : Grupo Coral Dominical Realização : A. Alberto Sousa Projecção : Luis Dias Imagens recolhidas : Via Google Projeção disponível : www. mcccastanheira. blogspot. pt www. mcccastanheira


Carregar ppt "Oração do Terço. Doutrina Cristã O que é a Santa Missa? A Santa Missa é o sacrifício sacramental do Corpo e Sangue de Jesus Cristo, que se oferece a Deus."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google