A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde da Criança e da Mulher

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde da Criança e da Mulher"— Transcrição da apresentação:

1 Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde da Criança e da Mulher
Apresentação no Dia Mundial de População 2008, 11 Julho Planejamento Familiar: é um direito, vamos fazer disso uma realidade.

2 A Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde da Criança e da Mulher (PNDS-2006) traça um perfil da população feminina em idade fértil e das crianças menores de 5 anos no Brasil. Os resultados recentes fornecem subsídios para uma avaliação dos avanços ocorridos na saúde da mulher e da criança no Brasil. Além disso, permitem comparações internacionais e auxiliam na formulação de políticas e estratégias de ações.

3 • Coordenação Geral CEBRAP • Pesquisadores • Consultores Elza Berquó
Sandra Garcia Tânia Lago Oneida Borges Tatiane Crenn Pisaneschi Apoio técnico • Pesquisadores Alceu Afonso Jordão Junior Ana Lúcia Lovadino de Lima Ana Maria Segall-Corrêa Carlos Augusto Monteiro Edson Perini Estela Maira Garcia P. da Cunha Hélio Vannucchi Ignez Helena Oliva Perpétuo Laura Lidia R. Espinosa Wong Leticia Marín-León Liliam Pereira de Lima Raquel O. S. Eichman Jakob Silvia Cristina Konno Suzana Cavenaghi Wolney Lisboa Conde • Consultores Ismênia Blavatsky Luiz Alberto Matzenbacher Mitti Koyama

4 • Instituições Parceiras
. Núcleo de Pesquisas em Nutrição e Saúde da Faculdade de Saúde Pública – USP . Laboratório de Nutrição do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto – USP . Núcleo de Estudos de População (NEPO) – Unicamp . Departamento de Medicina Preventiva da Faculdade de Ciências Médicas – Unicamp • IBOPE (execução do campo) Helio Gastaldi Patrícia Pavanelli • Financiamento DECIT - Ministério da Saúde

5 METODOLOGIA Inquérito populacional
População de estudo: mulheres de 15 e 49 anos de idade e filhos menores de 5 anos Amostra - Representatividade nacional, 5 macro-regiões, urbano-rural domicílios, mulheres entrevistadas crianças menores de 5 anos (4.957 vivas no momento da entrevista) - Modelo estratificado de conglomerados aleatório simples em 2 etapas: 1a etapa: sorteio aleatório dos conglomerados - setores 2a etapa: sorteio dos domicílios Trabalho de campo 3/11/2006 a 3/05/2007 Métodos de coleta - Entrevistas domiciliares Mensurações antropométricas (altura e peso de mulheres e crianças e circunferência da cintura de mulheres) - Coleta de amostras de sangue para dosagens de vitamina A e hemoglobina - Informações sobre o teor de iodo disponível no sal consumido nos domicílios

6 . Tópicos pesquisados Fecundidade e aspectos reprodutivos
Planejamento da fecundidade Anticoncepção Gravidez, parto e puerpério Conjugalidade e atividade sexual Saúde da criança Amamentação e alimentação Avaliação antropométrica do estado nutricional de crianças e mulheres Segurança alimentar Acesso a medicamentos Micronutrientes

7 FECUNDIDADE e ASPECTOS REPRODUTIVOS
Laura Wong Taxas de fecundidade por idade e taxa de fecundidade total (TFT). PNDS 1996 e 2006. 160 1996 (TFT = 2,5) 2006 (TFT = 1,8) 128 96 Taxa de fecundidade (por mil) 64 32 15 20 25 30 35 40 45 50 Idade (em anos)

8 Taxa de fecundidade total
Taxas de fecundidade total, segundo características sociodemográficas. PNDS 1996 e 2006. 6 Brasil Residência Anos de estudo 1996 5,0 2006 4,2 4 3,5 3,6 3,0 Taxa de fecundidade total 2,8 2,8 2,5 2,3 2,4 2,0 2,1 1,8 1,8 1,7 2 1,6 1,5 1,0 12 ou Total urbana rural nenhum 1 a 3 4 5 a 8 9 a 11 mais

9 Rejuvenescimento do processo reprodutivo
A proporção de mulheres de 15 a 19 anos que já são mães aumentou de 14% para 16%. A idade mediana ao ter o 1o filho (para mulheres 25 a 49 anos) passou de 22,4 para 21,0 anos. Esta redução ocorreu segundo região, situação de residência e anos de estudo. A fecundidade das mulheres de 15 a 24 anos, que representava 47% da fecundidade total, passou a representar 53% em Por outro lado, a fecundidade das mulheres de 35 a 49 anos, declinou de 13% para 11%.

10 Idade mediana ao primeiro nascimento, por características sociodemográficas, segundo idade atual da mãe. PNDS 2006.

11 Taxa de Fecundidade Específica para países selecionados ao redor de 2000-05 e Brasil 2006.

12 PLANEJAMENTO da FECUNDIDADE
Elza Berquó Liliam Lima Taxa de fecundidade total observada e desejada. PNDS 1996 e 2006. 3,0 2,5 1996 2,5 2006 1,8 1,8 2,0 1,6 Taxa de fecundidade 1,5 1,0 0,5 0,0 Observada Desejada

13 Porcentagem de nascimentos ocorridos nos 5 anos anteriores à pesquisa, segundo o planejamento. PNDS 1996 e 2006. 1996 2006 Planejados para aquele momento 18% 22% Planejados para mais tarde 51% 54% 28% 26% Não desejados

14 ANTICONCEPÇÃO Uso atual 1996 55% 77% 55% 2006 68% 81% 75%
Ignez Perpétuo Porcentagem de uso atual de métodos anticoncepcionais. PNDS 1996 e 2006. Todas as mulheres Mulheres unidas Sexualmente ativas* não unidas Uso atual % % % % % % *Nos últimos 12 meses.

15 Mulheres sexualmente ativas não unidas
Porcentagem de mulheres atualmente unidas e mulheres sexualmente ativas não unidas usando algum método, segundo o tipo de método usado. PNDS 1996 e 2006. 100% Não está usando método 19 25 23 Pílula 46 Esterilização feminina 25 Camisinha masculina 21 30 Injeção contraceptiva Coito interrompido 50% 22 Tabela/abst./billings 29 11 40 DIU Métodos vaginais 15 26 12 Esterilização masculina 11 4 4 Outros métodos 4 Implantes 5 0% 1996 2006 1996 2006 Mulheres sexualmente ativas não unidas Mulheres unidas

16 Porcentagem de mulheres que atualmente usam métodos modernos, segundo a mais recente fonte de obtenção, por método específico. PNDS 2006. 100% 25,3 17,9 75% 44,7 10,7 14,2 75,7 74,9 66,0 50% 15,7 63,6 59,4 25% 36,4 21,3 22,6 25,1 0% Esterilização feminina Esterilização masculina DIU Pílula Injeção contraceptiva Camisinha masculina Serviço de saúde ligado a convênio/plano de saúde Serviço de saúde do SUS Outra Não sabe/ não respondeu Serviço de saúde particular Farmácia

17 Porcentagem de mulheres esterilizadas segundo o momento da realização da cirurgia. PNDS 1996 e 2006.
Por ocasião do nascimento do último filho 1996 2006 No parto cesário 26% 32% Depois do parto normal 59% 59% Em outra ocasião 15% 9%

18 Distribuição percentual de mulheres esterilizadas segundo a sua ocorrência por ocasião do nascimento do último filho ou não, por características sociodemográficas. PNDS 2006.

19 Distribuição percentual de mulheres esterilizadas segundo idade à época da esterilização e idade mediana à esterilização, e número de anos transcorridos desde a cirurgia. PNDS 2006.

20 GRAVIDEZ e PARTO Tânia Lago Liliam Lima ASSISTÊNCIA ao PRÉ NATAL
Percentagens de mulheres com assistência ao pré natal, segundo o número de consultas. PNDS 1996 e 2006. Número de consultas 1a3 4a6 7+ não sabe 2006 1 4 29 61 5 Brasil 1996 14 8 28 48 2 2006 1 3 27 65 4 Urbana 1996 9 6 29 54 2 2006 4 8 34 47 7 Rural 1996 32 13 26 27 1 25% 50% 75% 100%

21 PARTO por MÉDICO ou ENFERMEIRA
ASSISTÊNCIA ao PARTO Percentual de partos hospitalares e de partos assistidos por médicos ou enfermeiras, nos 5 anos anteriores à entrevista. Brasil, Rural e Regiões Norte e Nordeste. PNDS 1996 e 2006. PARTO HOSPITALAR PARTO por MÉDICO ou ENFERMEIRA 98 100 98 96 97 94 94 92 92 93 88 83 82 Percentual (%) 78 76 75 73 50 50 Brasil Rural Norte NE Brasil Rural Norte NE 1996 2006

22 Porcentagem de partos cesários nos 5 anos anteriores à entrevista, segundo residência e tipo de serviço de saúde utilizado. PNDS 1996 e 2006. 77 80 60 1996 46 44 42 2006 Percentual (%) 36 35 40 33 20 20 Brasil Rural Urbano SUS* Convênio/ privado* *Dado não disponível em 1996.

23 AMAMENTAÇÃO Ana Segall-Corrêa Letícia Marín-León
Percentual de crianças menores de 60 meses alguma vez amamentadas, segundo residência e região. PNDS 1996 e 2006. 100 Residência Região 98 98 97 97 96 96 96 95 95 94 Percentual (%) 93 93 93 92 92 92 92 90 85 Brasil Urbana Rural N NE SE S CO 1996 2006

24 Duração mediana do aleitamento materno (em meses), entre menores de 36 meses de idade, segundo residência e região. PNDS 1996 e 2006. Aleitamento exclusivo Aleitamento total Brasil Residência Urbano Rural Região Norte Nordeste Sudeste Sul Centro Oeste 1, ,0 1, ,7 0, ,9 1, ,3 0, ,8 1, ,0 1, ,1 0, ,0 2, ,4 2, ,3 2, ,7 2, ,6 2, ,4 2, ,6 2, ,6

25 Obrigada!


Carregar ppt "Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde da Criança e da Mulher"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google