A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Governança de Tecnologia da Informação

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Governança de Tecnologia da Informação"— Transcrição da apresentação:

1 Governança de Tecnologia da Informação
Raphael Sanches Vivian Thais Jaqueline Araujo Alexandre Biazon Profo. Dro. Mateus Cozer NPA810 – Sistemas de Informação Turma 050 2o semestre de 2012

2 Agenda Programa mercados e hierarquias Governança de TI ITIL Cobit
Internet Governance Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

3 Estrutura de GOVERNANÇA
Mercado e Hierarquia Programa Mercados e Hierarquias Por que as firmas (“instituições”) existem? Qual a melhor maneira de atender as necessidades de uma empresa? Preço Baixo compromisso Risco Ideais Utilizam as leis Mercado Hierarquia Estrutura de GOVERNANÇA (Forma de organizar uma atividade de mercado) Decisões estruturais Informação Monitoramento Delegação de poderes Burocratização Fonte: WILLIAMSON,O.E; “The Mechanisms of Governance” (1996)Oxford University Press.429pp Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

4 Programa Mercados e Hierarquias
Custos de transação Programa Mercados e Hierarquias “Hierarquia é o conjunto de transações sob a mesma propriedade (ofertante e demandante são a mesma pessoa jurídica) e sujeito a controles administrativos geridos por uma estrutura em que há ordem e graduação de autoridade.” Williamson Oliver Eaton Custos de transação: Custos despendidos com elaboração e negociação dos contratos, mensuração e fiscalização de direito de propriedade, garantia de implementação dos contratos. Fonte: WILLIAMSON,O.E; “The Mechanisms of Governance” (1996)Oxford University Press.429pp Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

5 Programa Mercados e Hierarquias
E as respostas? Programa Mercados e Hierarquias Por que as firmas (“instituições”) existem? As empresas existem se e enquanto possibilitarem maior economia de custos transação em relação a alternativa do mercado. Qual a melhor maneira de atender as necessidades de uma empresa? Depende da análise quanto à magnitude dos custos de transação incorridos ao optar por uma ou outra dessas estruturas de governança. Fonte: WILLIAMSON,O.E; “The Mechanisms of Governance” (1996)Oxford University Press.429pp Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

6 Esquema da Estrutura de Governança
Programa Mercados e Hierarquias Ambiente Institucional Parâmetros de mudança Estratégia Governança Atributos de Comportamento Preferências endógenas Indivíduo Fonte: Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

7 Transações Mudanças Programa Mercados e Hierarquias Redução de Custos
Alocação de Recursos Oferta e Demanda Expansão através da Internet Informações e Processos Instituições e Organizações Tecnologia da Informação Fonte: Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

8 Governança Corporativa
Governança de TI Willianson, introduz dois conceitos em torno da governança corporativa: a governança espontânea e a intencional. A governança intencional é o conjunto de leis e regulamentações que normatizam a instituição (“a lei”), enquanto que a governança espontânea mostra as práticas de resolução de problemas, neutralizando as leis e a organização para tornar a resolução de disputas rápidas e sem custo (“o que ocorre”). Fonte:WILLIAMSON,O.E; “The Mechanisms of Governance” (1996)Oxford University Press.429pp Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

9 Governança Corporativa
Governança de TI Fornecer um direcionamento estratégico Garantir que os objetivos sejam alcançados Estabelecer que os riscos sejam gerenciados Garantir que os recursos da empresa sejam usados com responsabilidade Melhorar o lucro, a eficiência a efetividade e o crescimento Aderir a legislação, politicas internas e requisitos de auditoria Fonte:WILLIAMSON,O.E; “The Mechanisms of Governance” (1996)Oxford University Press.429pp Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

10 Governança de TI Governança de TI Controlar as decisões em tecnologia da informação, sem desconsiderar mecanismos e processo para incrementar a eficácia da TI. A Governança de TI não deve estar sincronizada apenas com a Governança Corporativa, mas também deve ser considerada como um dos seus componentes. Governança de TI é diferente de Gerenciamento de TI. “ A Governança de TI determina quem toma as decisões, enquanto que o Gerenciamento de TI envolve o processo de tomar e implantar decisões” Peter Weill e J.W Ross Fonte:WEILL.P; ROSS.W.J “It Governance on One Page” MIT (2004) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

11 Domínios Governança de TI
Fonte:WEILL.P; ROSS.W.J “It Governance on One Page” MIT (2004) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

12 Peter Weill e Jeanne W. Ross
Governança de TI Segundo Weill e Ross para avaliar a governança de TI de uma empresa é necessário verificar quatro objetivos importantes: Custo do uso efetivo da TI O uso Eficaz da TI para utilização dos ativos O uso eficaz de TI para o crescimento O uso eficaz de TI para flexibilidade dos negócios Fonte:WEILL.P; ROSS.W.J “It Governance on One Page” MIT (2004) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

13 Peter Weill e Jeanne W. Ross
Governança de TI Fonte:WEILL.P; ROSS.W.J “It Governance on One Page” MIT (2004) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

14 Estrutura Governança de TI
Fonte:WEILL.P; ROSS.W.J “It Governance on One Page” MIT (2004) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

15 Arquétipos Governança de TI Monarquia De Negócio: Um grupo de alto escalão é responsável pelas decisões sobre investimentos e estratégias. Monarquia de TI: Os responsáveis pela TI tomam as decisões, que podem ser implementadas de varias formas, desde a área corporativa a área de negócios. Federalizado: Executivos de TI e representantes de negócios de todos os setores e envolvidos diretamente com a TI. Busca balancear as responsabilidades e a prestação de contas. Fonte:WEILL.P; ROSS.W.J “It Governance on One Page” MIT (2004) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

16 Arquétipos Duopólio: Executivos de TI e um grupo de lideres empresariais. Consenso bilateral para tomada de decisão. Feudal: Lideres de unidades de negócios ou processos. Caracterizado pela autonomia dos lideres de unidade de negocio, usuários chave de processos importantes. Decisões sobre recursos da TI são dificultadas, pois os responsáveis pelas unidades não controlam as decisões em TI. Anarquia De TI: Indivíduos ou pequenos grupos. Tomam as decisões de TI conforme seu interesse e necessidade. Desta forma prejudica a TI, aumenta o custo e difícil de manter. Fonte:WEILL.P; ROSS.W.J “It Governance on One Page” MIT (2004) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

17 Framework – Matriz De Decisões
Governança de TI Fonte:WEILL.P; ROSS.W.J “It Governance on One Page” MIT (2004) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

18 Definição ITIL A sigla ITIL (Information Technology Infrastructure Library)(Biblioteca de Infraestrutura da tecnologia de Informação) Não é uma metodologia; Guia composto por melhores práticas para gerenciamento de serviços; Baseado em práticas bem sucedidas que servem de referência, e com flexibilidade; Define como elaborar e manter processos de TI; Fonte: ISACA Management Guide (2000) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

19 Objetivo ITIL Alinhar os serviços de TI com as necessidades do seu negócio e dos seus clientes; Melhorar a qualidade dos serviços de TI entregues; Melhorar Produtividade; Redução de custo; Melhorar a prestação de serviços de terceiros através da especificação de ITIL ou ISO como o padrão para a prestação de serviços na aquisição de serviços; Fonte: ISACA Management Guide (2000) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

20 Histórico ITIL Nos anos 80, a CCTA (Central Computer and Telecommunications Agency), orgão do governo Britânico, desenvolveu o primeiro framework para uso dos recursos de TI. Durante a década de 1990, a biblioteca ITIL tornou-se padrão mundialmente e sua literatura foi distribuída gratuitamente, ganhou várias adaptações de grandes empresas como Microsoft, IBM e HP. Em 2000, a OGC (Office for Government Commerce) torna-se proprietária destas bibliotecas. 2001, é lançado a 2º versão do ITIL (V2), então esta biblioteca passa a ser composta por 7 livros. 2007, a biblioteca passou por uma reforma e está na 3° versão ( V3), sua biblioteca sofreu alterações e agora é composta por 5_livros. Fonte: ISACA Management Guide (2000) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

21 Biblioteca atual do ITIL
Estratégia de Serviço: Alinha o negócio com o serviço de TI, garante que todos elementos sejam focados em resultados, define valor de serviço, faz análise de mercado. Projeto de Serviço: Direciona como projetar serviços e processos de gerenciamento, menciona serviços para manter ou aumentar o valor para os clientes. Transição de Serviço: menciona como desenvolver e melhorar capacidade de transferir serviços para produção, explica como a área estratégica de serviço entrega informações efetivas com os riscos controlados. Fonte: ISACA Management Guide (2000) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

22 Biblioteca atual do ITIL
Operação de Serviço: Explica as atividades de entrega e controle para alcançar a excelência operacional de um serviço. Melhoria de Serviço contínua: avalia o serviço e os processos de gerenciamento das fases. Busca melhorar a qualidade, sabendo que um serviço não é estável. Fonte: ISACA Management Guide (2000) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

23 Evolução do Framework do ITIL
O modelo V3 usa a estratégia de serviço como centro do ciclo de vida de serviço, projeto, transição e operação de serviço são estágios que estão ao redor da estratégia estabelecida, todos estes conjuntos estão mantidos pela melhoria contínua. Enquanto na versão V2, o ITIL não tinha inter- relações entre os processos. Fonte: ISACA Management Guide (2000) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

24 Visão geral do IT Service Management (ITSM)
ITIL Visão geral do IT Service Management (ITSM) Agregar valor ao negócio; Estrutura de serviço; Demand IT Governance Business IT Service Fonte: Fonte: ISACA Management Guide (2000) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

25 Iniciando Projeto de IT Service Management
ITIL Ao Iniciar o projeto de ITSM, deve ser feito as seguintes perguntas: Onde nós queremos chegar ? Onde estamos agora ? Como chegaremos onde queremos chegar ? Como sabemos se chegamos lá ? Visão e objetivos do negócio Avaliação Aperfeiçoamento do processo ou reengenharia Métricas e medidas IT Fonte: ISACA Management Guide (2000) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

26 Etapas da Implementação de (ITSM) através do ITIL
1° Fase 2° Fase 3° Fase 4° Fase Divulgar projeto de implementação; Capacitar em ITIL; Avaliar Ambiente Organizacional Dividir projeto geral em subprojetos; Priorizar subprojetos; Criar plano de projeto para o Subprojeto; Definir processo operacional para o serviço; Relacionar recursos envolvidos no serviço; Implantar Suporte a Serviços e Entrega de Serviços; Alterar para melhoria no processo Operacional; Alterar para alinhamento ao negócio; Fonte: ISACA Management Guide (2000) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

27 Definição Control Objectives for Information and Related Technology.
CobiT Control Objectives for Information and Related Technology. “São boas práticas com o foco maior no gerenciamento e controle. Essas práticas vão ajudar a otimizar investimentos em TI, assegurar a prestação de serviços e fornecer uma medida para identificar o que está sendo feito de errado nos processos envolvidos.” ISACA Guia com técnicas de gerenciamento, com sumário executivo, controle de objetivos e mapas de auditoria. Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

28 Objetivo Características Orientado ao negócio; Orientado a Processos;
CobiT Dar suporte total aos objetivos estratégicos do negócio; Aumentar valor ao negócio organizacional e TI; Gerenciar riscos; Monitorar e avaliar resultados ligados ao desempenho; Tratar todo ciclo de vida de TI; Características Orientado ao negócio; Orientado a Processos; Baseado em Controles; Guiado por mensurações; Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

29 Foco do CobiT Auxilia três campos distintos: Gerentes de negócio
Profissionais de avaliação (Auditoria) Gerentes de negócio Usuários Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

30 História CobiT Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

31 Framework – Visão geral
CobiT O processo de TI gerencia os recursos de TI para alcançar as metas que são requisitadas pelo plano de negócio. Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

32 Requisitos de Negócio CobiT Efetividade – Dentro do tempo, de maneira correta e utilizável. Eficiência - relaciona-se com a entrega da informação através do melhor uso dos recursos Confidencialidade – Proteção de informações confidenciais para evitar a divulgação indevida Integridade – Trata informações verdadeiras de acordo os valores de negócios e expectativas. Disponibilidade - relaciona-se com a disponibilidade da informação quando exigida pelo processo de negócio hoje e no futuro. Conformidade - lida com a aderência a leis, regulamentos e obrigações contratuais. Confiabilidade - Entrega da informação apropriada para os executivos administrar a entidade e exercer suas responsabilidades de governança Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

33 Recursos de TI Informações Aplicativos Infraestrutura + pessoas
CobiT Fornecer Processos de TI Informações Necessidade Executar Aplicativos Infraestrutura + pessoas Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

34 Os 4 domínios do CobiT CobiT Planejamento e Organização - Sincronizar TI com o negócio para atingir os objetivos estratégicos; Aquisição e Implementação - Assegurar que as soluções continuem a atender aos objetivos de negócios; Entrega e Suporte - entrega dos serviços solicitados, gerenciamento da segurança e continuidade; Monitoração - assegurar a qualidade e a aderência aos requisitos de controle; Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

35 Planejar e Organizar PO1 - Definir um Plano Estratégico de TI
CobiT PO1 - Definir um Plano Estratégico de TI PO2 - Definir a Arquitetura da Informação PO3 - Determinar as Diretrizes de Tecnologia PO4 - Definir os Processos, a Organização e os Relacionamentos de TI PO5 - Gerenciar o Investimento de TI PO6 - Comunicar Metas e Diretrizes Gerenciais PO7 - Gerenciar os Recursos Humanos de TI PO8 - Gerenciar a Qualidade PO9 - Avaliar e Gerenciar os Riscos de TI PO10 - Gerenciar Projetos Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

36 Adquirir e Implementar
CobiT AI1 - Identificar Soluções Automatizadas AI2 - Adquirir e Manter Software Aplicativo AI3 - Adquirir e Manter Infraestrutura de Tecnologia AI4 - Habilitar Operação e Uso AI5 - Adquirir Recursos de TI AI6 - Gerenciar Mudanças AI7 - Instalar e Homologar Soluções e Mudanças Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

37 Entregar e Suportar DS1 - Definir e Gerenciar Níveis de Serviços
CobiT DS1 - Definir e Gerenciar Níveis de Serviços DS2 - Gerenciar Serviços Terceirizados DS3 - Gerenciar o Desempenho e a Capacidade DS4 -Assegurar a Continuidade dos Serviços DS5 - Garantir a Segurança dos Sistemas DS6 - Identificar e Alocar Custos DS7 - Educar e Treinar os Usuários DS8 - Gerenciar a Central de Serviço e os Incidentes DS9 - Gerenciar a Configuração DS10 - Gerenciar Problemas DS11 - Gerenciar os Dados DS12 - Gerenciar o Ambiente Físico DS13 - Gerenciar as Operações Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

38 Monitorar e Avaliar ME1 - Monitorar e Avaliar o Desempenho de TI
CobiT ME1 - Monitorar e Avaliar o Desempenho de TI ME2 - Monitorar e Avaliar os Controles Internos ME3 - Assegurar a Conformidade com Requisitos Externos ME4 - Prover Governança de TI Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

39 Implementando o processo
CobiT 1° passo – Descrever processo Ex: PO1 - Definir um Plano Estratégico de TI Objetivos de controle: PO1.1 Gerenciamento de Valor da TI PO1.2 Alinhamento entre TI e Negócio PO1.3 Avaliação da Capacidade e Desempenho Correntes PO1.4 Plano Estratégico de TI PO1.5 Planos Táticos de TI PO1.6 Gerenciamento do Portfólio de TI Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

40 Implementando o processo
CobiT 2° passo – Preencher a tabela de Responsabilidades Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

41 Implementando o processo
CobiT Implementando o processo 3° passo – Adotar objetivos e métricas Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

42 Implementando o processo
CobiT 4º passo – Avaliação do nível de maturidade Fonte: ISACA, COBIT Executive Summary and Framework, 4rd ed, 2007 Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

43 Internet Governance - Histórico
1958 ARPANET Departamento de defesa Americano 1984 NSFNET Conexão entre meios acadêmicos IANA Inserção de parâmetro técnicos ICCAN Início de um modelo de governança corporativa. Fonte: BROUSSEAU; “Internet and digital Economics” (2007) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

44 Internet Governance Atores Principais Empresas Universidades Governo Sociedade Fonte: BROUSSEAU; “Internet and digital Economics” (2007) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

45 A bolha da Internet Internet Governance Também conhecida como bolha expeculativa, surgiu no final da década de 90 (após a popularização do www) e representou uma forte alta das ações das novas empresas de tecnologia da informação baseadas na Internet (empresas “ponto com”) Fonte: BROUSSEAU; “Internet and digital Economics” (2007) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

46 A bolha da Internet - Exemplos
Internet Governance Vantagem para as empresas que surgiram no final da década de 90, já que conheciam o mercado. Fonte: BROUSSEAU; “Internet and digital Economics” (2007) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

47 Internet Venture Capital
Internet Governance Capital de risco Alta taxa de retorno Grande participação na empresa Fonte: BROUSSEAU; “Internet and digital Economics” (2007) Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

48 IGF – Internet Governance Forum
Governança de Tecnologia da Informação 01/09/2012

49 Obrigado.


Carregar ppt "Governança de Tecnologia da Informação"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google