A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A Importância do FINEP para a Magnesita Refratários SA Modestino Brito M Phil in ceramics, Leeds University Superintendente de P & D, Magnesita Refratários.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A Importância do FINEP para a Magnesita Refratários SA Modestino Brito M Phil in ceramics, Leeds University Superintendente de P & D, Magnesita Refratários."— Transcrição da apresentação:

1 A Importância do FINEP para a Magnesita Refratários SA Modestino Brito M Phil in ceramics, Leeds University Superintendente de P & D, Magnesita Refratários SA Léa Fantin Amaral Msc em Ciência em Engenharia de Materiais Pesquisadora-Desenvolvimento de Produto

2 Refratário, aquele que resiste : mártir ou herói ? Sem refratários, o mundo moderno não existiria. Nascido do fogo para conter o própio fogo, eles viabilizam processos envolvendo altas temperaturas en indústrias relevantes como a do aço e cimento. Expostoss a extremas temperaturas e substâncias corrosivas, refratários garantem a funcionalidade e qualidade destes processos.

3 Aplicação nos clientes Desenvolvimento de novos produtos : PDCA permanente ! Novos produtos Estudos Post-Mortem

4 Estrutura de P&D CPqD Desenvolvimento de Matérias Primas Desenvolvimento de Refratários Engenharia de Simulação Reciclagem de resíduos cerâmicos Verticalização Inovação incremental e radical 3 engs14 engs5 engs2 engs Sustentabilidade Performance estrutural(design) produtividade qualidade

5 Histórico da empresa 1939 Fundação - Após descobertas de grande quantidade de magnesita nas minas de Brumado/BA é fundada a Magnesita Ltda. Atividades industriais iniciadas em Bovespa – Em 1969, a Magnesita S.A. é listada na Bolsa de valores de São Paulo. Set/07 Fim da Gestão Familiar – Desde a criação até esta data, a Magnesita foi gerida pela família Pentagna Guimarães. Dez-07 a jan/08 Mudança do Controle – Inicia-se o processo de reestruturação e consolidação das empresas do grupo, alinhando toda a Companhia a uma única estrutura corporativa focada em seu core business. Surge a Magnesita Refratários S/A. Mai/08 Aquisição – Magnesita Refratários S.A. adquire a INSIDER, empresa brasileira especializada em concretos, lanças e pré-moldados em geral. Ago/08 Nova Aquisição – Magnesita Refratários S.A. adquire a LWB Refractories, tornando-se a terceira maior empresa mundial produtora de refratários. Aprovada a negociação (nov/08), inicia-se o processo de consolidação, reestruturação e sinergia entre as empresas...

6 A companhia A Magnesita é a única produtora de refratários 100% integrada nas linhas de magnesianos e dolomíticos, oferecendo soluções em refratários para a produção de aço, cimento, vidro e outros. Opera em 28 unidades industriais e de mineração em 4 continentes com 6,7 mil empregados e atendendo a mais de 300 clientes em todo o mundo.

7 Grupo de Controle Grupo de Controle GP 51,98% - Grupo GP é o maior grupo de private equity da América Latina. Composição Acionária Fundos de Investimento 10,17% Free Float 37,85%

8 Estratégia dos novos controladores Visão de longo prazo para a Magnesita Manutenção / Expansão do Market Share nos atuais clientes Programa de investimentos de longo prazo para atender o incremento de demanda de refratários Expansão da participação da Magnesita no mercado externo Reestruturação da Magnesita para estar preparada para os desenvolvimentos do mercado global Ser líder de mercado mundial até 2012

9 Recursos Minerais Magnesita Brasil (~ 300 anos) Dolomita Brasil ( ~ 30 anos ) EUA (~ 50 anos) Europa (~ 50 anos) China (~ 50 anos) Alumina Brasil 45% Al 2 O 3 (#1: 24 anos) 45% Al 2 O 3 (#2: 64 anos) 70% Al 2 O 3 (~150 anos) Cromita Brasil (~28 anos)

10 Projetos FINEP -Aprovado em 2007 Início em 2008 e término em dez/2010 FINEP I Desenvolvimento de refratários de elevado desempenho contendo adições de materiais nanoestruturados para a indústria metal-mecânica Subvenção -8 Pesquisadores : 4 doutores e 4 mestres -Parcerias com Universidades: UFSCar e UFMG Contrapartida - MEV : x - Laboratório nanotecnologia - Forno para síntese de nano carbono

11 MEV : x

12 Desenvolvimentos- FINEP Recobrimento de carbono com filme ultra fino de sílica

13 Pesquisas de Qualidade Analises em qualquer ponto em 40 segundos

14 Forno de síntese nano carbono Contagem 2 theta ( o ) Pico característico da grafita Síntese de nanocarbono em escala laboratorial no forno do CPqD Dimensões nanométricas: nm

15 Aplicação do refratário MgO-C com nano carbono Vantagens da tecnologia : 1.Qualidade : aços mais limpos -Menor contaminação do aço pelo carbono -Adaptação aos processos de alta vazão de O 2 2. Diminuição da condutividade térmica do tijolo - Maior economia de energia do processo do cliente 3. Melhoria de Propriedades do Refratário Melhor resistência mecânica a quente Melhor resistência a corrosão X% grafite 1/4X % nanografite LD : Equipamento crítico Ciclos de min: 170 a 320t Refratários com tecnologia de ponta LD : Equipamento crítico Ciclos de min: 170 a 320t Refratários com tecnologia de ponta

16 Projetos FINEP -Aprovado em 2008: Início em julho/2009 e término em julho/2012 FINEP II Desenvolvimento de processos de fabricação de cerâmicas e materiais compostos estruturais para aplicações em elevadas temperaturas Subvenção -14 Pesquisadores : 4 doutores e 10 mestres Contrapartida - Prensa hidráulica com elevada capacidade de carga - Software para Simulação Numérica - Forno escala piloto para tecnologia de zircônia

17 Finep II : desenvolvimento em andamento Tecnologia anterior Nova tecnologia Aplicação : Fabricação de aço especial para indústria petrolífera Necessidade de desenvolver nova tecnologia para atender à crescente demanda. Alternativa: materiais com tecnologia avançada e tratamento térmico diferenciado A atual tecnologia utilizada não permite uma elevada produtividade de aço especial (API) 100Kg/cm 2 2 corridas 460 Kg/cm 2 Expectativa 5 a 6 corridas

18 Conclusões FINEP Alinhamento e integração da cadeia produtiva brasileira com tecnologias inovadoras e competitivas que resultam em produtividade, qualidade, etc !!! 1.Recursos financeiros competitivos 2. Desenvolvimento de tecnologias inovadoras e competitivas 3. Produção de aço de alto conteúdo tecnológico : produtividade,qualidade e segurança 4. E a Petrobrás !

19 Oportunidades de Melhoria Dinamismo É possível tornar o processo mais dinâmico? O Método de avaliação poderia ser diferente? Poderia ser criado um portal para anexar documentos referentes ao projeto? O sistema poderia ser mais flexível em relação a mudanças bruscas na economia, diferenças de custo entre orçado e realizado?

20 A Importância do FINEP para a Magnesita Refratários SA Modestino Brito M Phil in ceramics, Leeds University Superintendente de P & D, Magnesita Refratários SA Léa Fantin Amaral Msc em Ciência em Engenharia de Materiais Engenheira de pesquisa e desenvolvimento


Carregar ppt "A Importância do FINEP para a Magnesita Refratários SA Modestino Brito M Phil in ceramics, Leeds University Superintendente de P & D, Magnesita Refratários."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google