A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

QUE MUNDO SURGIU APÓS A GRANDE GUERRA?. Estados Unidos centro difusor de novidades e valores. Pós Guerra EUA passou por uma crise econômica (1919- 1921):

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "QUE MUNDO SURGIU APÓS A GRANDE GUERRA?. Estados Unidos centro difusor de novidades e valores. Pós Guerra EUA passou por uma crise econômica (1919- 1921):"— Transcrição da apresentação:

1 QUE MUNDO SURGIU APÓS A GRANDE GUERRA?

2 Estados Unidos centro difusor de novidades e valores. Pós Guerra EUA passou por uma crise econômica ( ): Os operários fizeram greves, imbuídos de ideias anarquistas e socialistas. A classe média – burguesia detentora dos meios de produção – acusava os estrangeiros de serem subversivos. (Os anarquistas defendem uma sociedade baseada na liberdade dos indivíduos, solidariedade (apoio mútuo), coexistência harmoniosa, propriedade coletiva, autodisciplina, responsabilidade (individual e coletiva) e forma de governo baseada na autogestão.)

3 XENOFOBIA – ódio e pessoas e coisas estrangeiras 1921, Congresso aprova Lei que proibiu a entrada de imigrantes. Os imigrantes que já se encontravam no país podiam ser expulsos a qualquer momento.

4 Caso Nicola Sacco e Bartomeu Vanzetti Anarquistas acusados de roubo.Anarquistas acusados de roubo. Confissão de um terceiro não mudou os rumos do caso.Confissão de um terceiro não mudou os rumos do caso. Condenados à pena de morte na cadeira elétrica em 1927.Condenados à pena de morte na cadeira elétrica em 1927.

5 Ku Klux Kan - 4 milhões de membros em 1924 Surge em 1865, sul dos EUA. Alvo: negros, judeus, católicos, imigrantes e comunistas.

6 Lei Seca ou Lei Volstead – 17/01/1920 Sociedade americana moralista e conservadora proíbe a venda de bebidas católicas. Surgem os gângsteres, que comandaram o comércio ilegal que financiou o crime organizado.

7 P. 95 – DOC 1 O personagem representa o perigo vermelho, isto é, o comunismo e o anarquismo que, segundo o caricaturista, ameaçavam os Estados Unidos. O cartaz passa a mensagem que essas doutrinas promovem a violência e a destruição dos ideias democráticos norte-americanos.

8 P. 95 – DOC 2 Acreditavam que o anarquismo e o socialismo, doutrinas difundidas entre os operários imigrantes, eram responsáveis pelos distúrbios sociais e pela instabilidade econômica. Sacco e Vizentti, defensores do anarquismo, foram condenados à pena de morte na cadeira elétrica em 1927.

9 P. 95 – DOC 3 O branco do uniforme da Ku Klux Klan é uma exaltação ao homem branco, demonstrando o preconceito racial do grupo. Sua aversão a alguns grupos sociais – negros, imigrantes, judeus, católicos – demonstrava a intolerância da sociedade americana. Eram apoiados pelos políticos, policiais e juízes o que lhes garantia a imunidade.

10 Tarefa ATIVIDADES 1 -2 e 3 DA PÁGINA 95

11 A DÉCADA DA PROSPERIDADE Equilíbrio econômico – Leis protecionistas – garantiam o consumo de produtos internos. Aumento do emprego e do consumo dos bens de consumo (alimentos, tecidos, aparelhos elétricos, utensílios, entre outras mercadorias de consumo direto) CONSUMO EM MASSA

12 Alta produção – linha de montagem: 1 carro a cada 14 americanos 1 carro para cada 168 ingleses

13

14 CINEMA – PROFISSIONALIZAÇÃO – MERCADO INTERNACIONAL

15 MÚSICA Ritmo : JAZZ (afro-americano) e CHARLESTON

16 COMPORTAMENTO FEMININO Melindrosa Lei de 21/08/1921 garantia à mulher norte – americana o direito ao voto e participação em cargos públicos.

17 P. 97 DOCUMENTO São muitas as novidades que marcaram a década de 20: entre elas a produção de bens de consumo como automóveis e geladeiras, o lazer para o grande público, como o cinema, e os novos ritmos musicais e danças. A jornada de trabalho para oito horas e a redução do prelo do carro possibilitaram novas formas de lazer fora dos centros urbanos – como piqueniques, banhos de mar, pescaria. Para a mulher foi uma década de grandes mudanças, os eletrodomésticos diminuíram o trabalho em casa, o cinema ditou padrões de comportamentos – as danças e o uso de maiôs libertaram o corpo feminino de regras morais.

18 TAREFA ATIVIDADES 1 & 2 da PÁGINA 97

19 UMA PROSPERIDADE VULNERÁVEL Em 1929, 13 % dos norte- americanos concentravam 90 % da riqueza do país. 50 % da população vivia abaixo da linha de pobreza – negros. Os produtores rurais não estavam em boas condições devido a alta produção que dimuíram os preços das mercadorias.

20 PRODUÇÃO EM MASSA x DESIGUALDADE SOCIAL Vendas internas aquecidas. Mercado consumidor não acompanhou. Estoques de produção gerou prejuízos, falências. Crise da superprodução. Em 1928, 4 milhões de trabalhadores estavam desempregados nos EUA.

21 SAÍDA PARA A CRISE VENDA DE AÇÕES DAS EMPRESAS. QUALQUER PESSOA PODERIA COMPRAR. BANCOS OFERECIAM EMPRÉSTIMOS COM BAIXOS JUROS. VALORIZAÇÃO DA BOLSA DE VALORES

22 P. 99 DOC 1 As imagens mostram os dois lados da sociedade e da economia norte-americanas na década de 1920: a prosperidade vivida por uma elite e a pobreza e desemprego sofridos por grande parte da população. Internamente o país vivia uma crise de superprodução estimulada e disfarçada pelo alto consumo, quando a produção ultrapassou o consumo os donos das indústrias começaram a ter prejuízos e demitiram os trabalhadores.

23 P. 99 DOC 2 A caricatura satiriza a mania pelas ações que tomou conta da sociedade americana no final da década de O comércio das ações enriqueceu muita gente e criou uma perigosa expectativa de que era fácil ficar rico no capitalismo.

24 TAREFA ATIVIDADES 1 & 2 DA PÁGINA 99

25 A CRISE DE ESPECULAÇÃO O valor das ações não correspondiam ao que era produzido. 24/10/ 1929 crack da Bolsa de Valores (QUEBRA) Ações despencaram, acionistas desesperados querendo vender suas ações. Ações perderam o valor. Resultados: pessoas falidas, desempregadas, bancos falidos, queda do consumo, crise de industriais, agricultores. Recessão econômica.

26 OS EFEITOS DA CRISE Efeito dominó da crise econômica americana. Redução de importações. Corte de empréstimos a países estrangeiros. Interrupções de obras públicas. Produtos estocados, caso do café brasileiro. Diminuição do consumo. Queda dos preços. Milhões de desempregados na Europa, América Latina.

27 OS EFEITOS DA CRISE Descrédito do capitalismo. Rússia não foi afetada. Solução para alguns países: intervencionismo do Estado, que marca uma nova fase do capitalismo: leis protecionistas, renúncia do liberalismo econômico.

28 NEW DEAL 1933, FRANKLIN ROOSEVELT. FINANCIOU OBRAS PÚBLICAS, DESTRIBUIU ALIMENTOS, LEIS TRABALHISTAS Além de controlar o progresso econômico, o New Deal também implantou uma série de ações que conciliavam as questões econômicas e sociais. Ao disseminar esse tipo de ação, criaram-se as bases do chamado welfare state (estado do bem estar social). Mesmo alcançando bons resultados, o New Deal perde espaço, no final da década de 1970, quando perspectivas renovadas do liberalismo começaram a ganhar espaço.

29 CAPÍTULO 9 COMO FOI POSSÍVEL A ASCENÇÃO DE DITADURAS TOTALITÁRIAS?


Carregar ppt "QUE MUNDO SURGIU APÓS A GRANDE GUERRA?. Estados Unidos centro difusor de novidades e valores. Pós Guerra EUA passou por uma crise econômica (1919- 1921):"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google