A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Proyecto Allende: O uso da Tecnologia Assistiva no ensino da língua espanhola para alunos com deficiência visual no Colégio Universitário/UFMA Proyecto.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Proyecto Allende: O uso da Tecnologia Assistiva no ensino da língua espanhola para alunos com deficiência visual no Colégio Universitário/UFMA Proyecto."— Transcrição da apresentação:

1 Proyecto Allende: O uso da Tecnologia Assistiva no ensino da língua espanhola para alunos com deficiência visual no Colégio Universitário/UFMA Proyecto Allende: O uso da Tecnologia Assistiva no ensino da língua espanhola para alunos com deficiência visual no Colégio Universitário/UFMA Orientadora: Profª Angélica Moura Siqueira Cunha– Mestranda em Educação Aluna: Marinez de Souza Tamburini Brito

2 O que é o Proyecto Allende?

3 JUSTIFICATIVA O domínio de línguas estrangeiras tem sido uma exigência crescente do mundo globalizado na nossa sociedade contemporânea. No Brasil, a Lei n /2005 torna obrigatória a oferta de Língua Espanhola nos estabelecimentos de Ensino Médio, tornando relevante a busca do uso de metodologias de ensino que atendam a todos os alunos sem distinção. No entanto, essa tarefa não tem sido fácil nas escolas, nem todos os alunos têm acesso a uma língua estrangeira, ao uso de TA e a uma educação de qualidade, em especial, aqueles com deficiência visual que necessitam de um atendimento diferenciado.

4 OBJETIVO GERAL Analisar a importância das Tecnologias Assistivas na Escola de aplicação da Universidade Federal do Maranhão através do Proyecto Allende, no processo de aquisição da língua espanhola para alunos com deficiência visual.

5 METODOLOGIA Universo - 10 alunos com deficiência visual (4 com baixa visão e 6 com cegueira) que estudam espanhol no Colégio Universitário: - 4 concluíram o Básico I em junho - 5 concluíram o Intermediário I em junho - 1 concluiu o Avançado em junho Procedimentos Coleta – Entrevista Análise – Pesquisa analítica descritiva

6 Tecnologia Assitiva É uma área do conhecimento, de característica interdisciplinar, que engloba produtos, recursos, metodologias, estratégias, práticas e serviços que objetivam promover a funcionalidade, relacionada à atividade e participação de pessoas com deficiência, incapacidades ou mobilidade reduzida, visando sua autonomia, independência, qualidade de vida e inclusão social. (Comitê de Ajudas Técnicas – ATA VII)

7 Resultados e Discussões - Percepção dos alunos com deficiência visual sobre a importância do Tabuleiro de verbos no processo de aquisição da língua espanhola como um recurso de TA - O bingo de verbos facilita a memorização do assunto e torna a compreensão mais fácil. (Aluno 3). Com o bingo de verbos a gente aprende de uma forma simples, divertida e com muita motivação. (aluno A5). Sobre essa questão Schütz (2003, p. 1) afirma que a motivação do aluno no aprendizado de línguas é um elemento chave decisivo no desenvolvimento do ser humano e acrescenta que o ato de se aprender línguas é ativo e não passivo. Não se trata de se submeter a um tratamento, mas sim de construir uma habilidade.

8 Tabuleiro de verbos

9 Aquisição da Língua Espanhola [...] todo ser humano nasce com a inata capacidade de realizar este ato; alguns melhor que outros e em alguns casos, tendo que superar toda classe de barreiras psicológicas, fisiológicas ou inclusive sociais (GRIFFIN, 2005, p. 19) É natural que alunos brasileiros sintam dificuldades na aprendizagem da Língua Espanhola devido aos fatores de ordem fonológica, sintática e semântica. Os fatores de ordem fonológica estão mais evidentes nas falas dos alunos, devido à falta de costume de determinados sons vocálicos e as pausas freqüentes entre uma palavra e outra no encadeamento de orações, os quais são responsáveis pelos discursos incompreensivos ao ouvinte, resultantes da interferência da língua materna. (HENRIQUES, 2005)

10 REFERÊNCIAS ARANHA, Maria Salete Fábio; PEREIRA, Verônica Aparecida; SILVA, Nilson Rogério da. Educação inclusiva: o desafio da permanência e garantia da qualidade de ensino. In: DENARI, Fátima Elisabeth. Igualdade, diversidade e educação (mais) inclusiva. São Carlos: Pedro & João Editores, ESPAÑA. Ministerio de Educación, Cultura y Deporte. Secretaría General Técnica del MECD. Marco común europeo de referencia para las lenguas: aprendizaje, enseñanza, evaluación. Madrid p. GALVÃO FILHO, Teófilo. Tecnologia Assistiva para uma Escola Inclusiva: apropriação, demandas e perspectivas. Tese (Doutorado em Educação) – Universidade Federal da Bahia, Salvador, GRIFFIN, Kim. Lingüística aplicada a la enseñanza del español como 2/L. Madrid: Arco/Libros, SONZA, Andréa Poletto. Ambientes Virtuais Acessíveis sob a perspectiva de usuários com limitação visual. Tese (Doutorado). Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Programa de Pós-Graduação em Informática na Educação, Porto Alegre, 07 de Maio de 2008.

11 CONSIDERAÇÕES Aquisição da Língua Espanhola não diverge entre alunos videntes e não videntes - habilidades lingüísticas exigidas não se processam pelo campo visual - são fontes constantes de motivação e elevação da auto-estima dos alunos. O uso de TA facilita e estimula a aprendizagem da língua espanhola.

12 Obrigada! Contato:


Carregar ppt "Proyecto Allende: O uso da Tecnologia Assistiva no ensino da língua espanhola para alunos com deficiência visual no Colégio Universitário/UFMA Proyecto."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google