A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Falar de Mistagogia é trazer à nossa realidade um estilo que inseria os cristãos na comunidade eclesial. catequese e liturgia Ligação: catequese e liturgia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Falar de Mistagogia é trazer à nossa realidade um estilo que inseria os cristãos na comunidade eclesial. catequese e liturgia Ligação: catequese e liturgia."— Transcrição da apresentação:

1

2 Falar de Mistagogia é trazer à nossa realidade um estilo que inseria os cristãos na comunidade eclesial. catequese e liturgia Ligação: catequese e liturgia. O catecumenato (séc. II): processo de preparação, de compreensão vital e de acolhimento dos grandes mistérios da vida revelada em Jesus Cristo. Processo composto de 4 tempos: - pré-catecumenato - catecumenato - iluminação ou purificação - Mistagogia marcados pelas etapas (ritos): admissão, eleição, celebração dos sacramentos.

3

4 Conduz ao mistério de Deus Palavra de origem grega, como liturgia, pedagogia, catequese, eucaristia, batismo e tantas outras... Mystes +eagein Mystes = mistério Eagein = conduzir, guiar Mistagogia: ação de guiar para dentro do mistério.

5 Num sentido mais amplo, significa iniciação, introdução ao caminho que liga ao mundo invisível, àquilo que está escondido, que se faz no silêncio, no interior de cada ser humano. Ser iniciado é mergulhar no mistério. Mistagogo (a): pessoa que nos conduz para dentro do mistério.

6 Em geral, algo secreto, escondido, de significado ou causa oculta, algo que não se pode explicar. Vem do grego mystérion: coisa secreta, fechar-se, calar... Cristianismo: mistério refere-se a Deus, o mistério de Deus, seu desígnio de salvação que se centra na pessoa de Jesus e sua páscoa.

7 Deus é mistério, mas não escondido. Ele se manifesta, se revela, comunica conosco. Ele nos fala, nos procura, nos ama. ATITUDE: abrir-se à experiência do encontro para envolver-se nesse mistério. Jesus tocou e transformou a vida de muita gente: Samaritana, cego Bartimeu, Zaqueu, pecadora arrependida...

8 Nada mais, nada menos que nossa relação com o mistério de Deus, que é o mistério da nossa própria vida, da nossa história. Não explicamos Deus, mas O experimentamos. Ser iniciados no mistério, não somente com palavras, mas também através de ritos, de ações simbólicas. Os ritos (celebrações litúrgicas) têm a função mistagógica de nos conduzir para dentro do mistério.

9 Na liturgia, cada palavra, cada gesto, cada movimento contém o mistério e nos faz mergulhar nele: no mistério de Deus, no mistério da vida. Para conhecer o Cristo, para amá-Lo e querer ficar com Ele. (Jo 1,35s). A catequese atua com o intuito de ajudar a descobrir o modo de Deus agir aqui e agora (mistério pascal).

10 Os sacramentos reproduzem o gesto salvífico de Jesus e atualizam a graça do Senhor Ressuscitado em nossa vida.

11 Catequeses que introduzem nos mistérios (sacramentos). Os sacramentos passam a ser ponto de partida e de crescimento da fé e da vivência cristã. Meta: Jesus Cristo. Catequeses das origens da Igreja (séc IV). Depois que recebiam os sacramentos, o bispo explicava aos recém-nascidos em Cristo, o sentido dos ritos sagrados, numa verdadeira catequese sobre o Batismo, a Crisma e a Eucaristia. São Cirilo de Jerusalém, Santo Ambrósio de Milão, São João Crisóstomo, Santo Agostinho, Santo Atanásio, São Gregório e outros.

12 Alguns passos para uma catequese mistagógica, apresentados por São Cirilo de Alexandria: - linguagem adequada a cada grupo, sintonizada com as experiências de vida; - sensibilidade pastoral para com a comunidade e a sociedade em suas mudanças; - cristocentrismo (mistério pascal); - valoriza os ritos litúrgicos; - experimenta a plenitude da vida através da celebração Eucarística;

13 - aplica a dinâmica da Revelação (Deus vem, convida, se revela, se entrega, é amigo) - eixo norteador: a Sagrada Escritura; - exigência: conversão; - explicita o Credo; - enfoca a dimensão missionária, profética, testemunhal; - integra a dimensão contemplativa (orante).

14 Trecho das catequeses mistagógicas de São Cirilo de Jerusalém sobre o Batismo (2ª catequese) Depois disto fostes conduzidos pela mão à santa piscina do divino batismo, como Cristo da cruz ao sepulcro que está à vossa frente. E cada qual foi perguntado se cria no nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. E fizestes a profissão salutar, e fostes imersos três vezes na água e em seguida emergistes, significando também com isto, simbolicamente, o sepultamento de três dias de Cristo. E assim como nosso Salvador passou três dias e três noites no coração da terra, do mesmo modo vós, com a primeira imersão, imitastes o primeiro dia de Cristo na terra, e com a imersão, a noite. Como aquele que está na noite nada enxerga e ao contrário o que está no dia tudo enxerga na luz, assim vós na imersão, como na noite, nada enxergastes; mas na emersão, de novo vos encontrastes no dia..

15 E no mesmo momento morrestes e nascestes. Esta água salutar tanto foi vosso sepulcro como vossa mãe. E o que Salomão disse em outras circunstâncias, sem dúvida, pode ser adaptado a vós: «Há tempo para nascer, e tempo para morrer». Mas para vós foi o inverso: tempo para morrer, e tempo para nascer. Um só tempo produziu ambos os efeitos e o vosso nascimento ocorre com vossa morte. Oh! fato estranho e paradoxal! Não morremos em verdade, não fomos sepultados em verdade, não fomos crucificados e ressuscitados em verdade. A imitação é uma imagem; a salvação, uma verdade. Cristo foi crucificado, sepultado e verdadeiramente ressuscitou. Todas estas coisas nos foram agraciadas a fim de que, participando, por imitação, de seus sofrimentos, em verdade logremos a salvação. Oh! amor sem medida! Cristo recebeu em suas mãos imaculadas os pregos e padeceu, e a mim, sem sofrimento e sem pena, concede graciosamente por esta participação a salvação

16 No início da Mistagogia, existe um encontro de fé com o Senhor (graça). Deixar-se atrair por Jesus. Itinerário: conhecimento, experiência de fé e discipulado (permanecer com Ele). O Espírito Santo se comunica na sobriedade das palavras e dos gestos sacramentais. Ele é o mistagogo invisível.

17 Espiritualidade mistagógica Espiritualidade mistagógica. Pela espiritualidade o ser humano é capaz de Deus. Inspirado pelo Espírito Santo deixar-se guiar por Ele para viver com alegria, com coragem e entusiasmo a vocação cristã e a missão, pleno do amor de Deus. A vida de oração, a frequência aos sacramentos nos alcançam a maturidade espiritual. Não basta um itinerário litúrgico, é preciso conversão pessoal. Para adentrarmos mais e mais neste mistério necessitamos do tempo da Mistagogia. Pelos sacramentos participamos na vida divina. O Batismo nos proporciona a graça da permanência no Senhor. É dom, unção, iluminação, regeneração e selo de tudo o que existe de mais precioso. (S. Gregório Nazianzeno)

18 Catequista mistagogo: envolvido numa experiência fascinante com Cristo, sente-se amado por Deus, transmite o ensinamento, conduz o catequizando aos mistérios da fé e está engajado na comunidade. Convence pelo seu testemunho. O catequista mistagogo tem: uma espiritualidade envolvente, uma cumplicidade com Deus, sendo seu porta-voz, tem experiência de intimidade com Deus na oração, na participação litúrgica, na leitura orante da Palavra de Deus, no seguimento de Jesus Cristo e na formação de comunidades cristãs. Ele, na oração e contemplação, procura ver a realidade, isto é, a vida com os olhos de Deus. ( Dom Paulo Mendes Peixoto )

19 A Mistagogia nos aponta caminhos: - a centralidade da Liturgia, - a Sagrada Escritura como fonte, - o sentido do povo de Deus como comunidade, - a contemplação da presença de Deus no mundo, - a missão atenta às questões cotidianas. Encarnar o mistério pascal.

20 Querigma e Mistagogia – Caminhos à Iniciação Cristã. Centro Catequético Diocesano de Osasco, Paulus, SP, 2011 Mistagogia: Novo caminho formativo de catequistas. Texto-base VII SULÃO de Catequese, 2011 Catequista Mistagogo. Conduzindo todos ao mistério de Deus. Subsídio Diocesano de animação Bíblico-Catequética. Diocese de Limeira, 2011


Carregar ppt "Falar de Mistagogia é trazer à nossa realidade um estilo que inseria os cristãos na comunidade eclesial. catequese e liturgia Ligação: catequese e liturgia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google