A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO IF – SUL – RIO - GRANDENSE CAMPUS PELOTAS - VISCONDE DA GRAÇA Prof. Dr. Corlett, F.M.F Introdução à Fruticultura Tipos de Pomares.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO IF – SUL – RIO - GRANDENSE CAMPUS PELOTAS - VISCONDE DA GRAÇA Prof. Dr. Corlett, F.M.F Introdução à Fruticultura Tipos de Pomares."— Transcrição da apresentação:

1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO IF – SUL – RIO - GRANDENSE CAMPUS PELOTAS - VISCONDE DA GRAÇA Prof. Dr. Corlett, F.M.F Introdução à Fruticultura Tipos de Pomares

2 As plantas frutíferas podem ser classificadas de diferentes formas, as principais são quanto ao clima, hábito vegetativo e tipo de fruta. Classificação das plantas frutíferas

3 Frutíferas de clima subtropical Quanto ao clima podemos classificá-las em: Frutíferas de clima temperado Frutíferas de clima tropical

4 hábito caducifólio; hábito caducifólio; um único surto de crescimento; um único surto de crescimento; necessidade de frio com temperaturas 7,2ºC, para superação do estádio de repouso vegetativo; necessidade de frio com temperaturas 7,2ºC, para superação do estádio de repouso vegetativo; Frutíferas de clima temperado: Na botânica, caducifólia, caduca ou decídua é o nome dado às plantas que, numa certa estação do ano, perdem suas folhas, geralmente nos meses mais frios e sem chuva (outono e inverno).botânicaplantasfolhasoutonoinverno Pessegueiro Figueira

5 maior resistência às baixas temperaturas; maior resistência às baixas temperaturas; necessidade de temperatura média anual entre 5 e 15ºC para crescimento e desenvolvimento. necessidade de temperatura média anual entre 5 e 15ºC para crescimento e desenvolvimento.

6 Frutíferas de clima temperado

7 nem sempre apresentam hábito caducifólio; nem sempre apresentam hábito caducifólio; mais de um surto de crescimento; mais de um surto de crescimento; menor resistência a baixas temperaturas; menor resistência a baixas temperaturas; necessidade de temperatura média anual de 15 a 22ºC; necessidade de temperatura média anual de 15 a 22ºC; Frutíferas de clima subtropical

8 podem apresentar mais de um surto de crescimento; podem apresentar mais de um surto de crescimento; apresentam folhas persistentes; apresentam folhas persistentes; não toleram temperaturas baixas; não toleram temperaturas baixas; necessidade de temperatura media anual entre 22 e 30ºC; necessidade de temperatura media anual entre 22 e 30ºC; Frutíferas de clima tropical

9

10 arbóreas: apresentam grande porte e tronco lenhoso. arbóreas: apresentam grande porte e tronco lenhoso. Exemplos: a mangueira, o abacateiro, a nespeira, a jaqueira e nogueira pecã. Exemplos: a mangueira, o abacateiro, a nespeira, a jaqueira e nogueira pecã. Quanto ao hábito vegetativo podemos classificar as frutíferas em:

11 arbustivas: apresentam porte médio e caule menos resistentes. arbustivas: apresentam porte médio e caule menos resistentes. Exemplos: a figueira, a amoreira, o mamoeiro,a romãzeira. Exemplos: a figueira, a amoreira, o mamoeiro,a romãzeira. Quanto ao hábito vegetativo podemos classificar as frutíferas em

12 trepadeiras: apresentam caule sarmentoso e provido de gavinhas. trepadeiras: apresentam caule sarmentoso e provido de gavinhas. Exemplos: a videira, o maracujazeiro e o kiwi. Exemplos: a videira, o maracujazeiro e o kiwi. herbáceas: apresentam porte baixo, rasteiras ou com pseudocaules. Exemplos: a bananeira, o morangueiro e o abacaxizeiro herbáceas: apresentam porte baixo, rasteiras ou com pseudocaules. Exemplos: a bananeira, o morangueiro e o abacaxizeiro Quanto ao hábito vegetativo podemos classificar as frutíferas em:

13 Quanto ao tipo de fruta as frutíferas podem ser classificadas: Fruta com sementes – maçã e pêra; Frutas com caroços – pêssego e ameixa; Frutas com sementes carnosas – romã; Frutas em bagas – uva e groselha; Frutas em espirídio – citros; Frutas agregadas – framboesa; Frutas compostas – figo; Frutas secas – noz pecã; Frutas nativas comestíveis – araçá, pitangueira, araticum.

14

15


Carregar ppt "MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO IF – SUL – RIO - GRANDENSE CAMPUS PELOTAS - VISCONDE DA GRAÇA Prof. Dr. Corlett, F.M.F Introdução à Fruticultura Tipos de Pomares."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google