A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Aula de Física. Define-se o movimento circular e uniforme como sendo um movimento em círculos e com velocidade constante. Pode parecer que não, mas é.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Aula de Física. Define-se o movimento circular e uniforme como sendo um movimento em círculos e com velocidade constante. Pode parecer que não, mas é."— Transcrição da apresentação:

1 Aula de Física

2 Define-se o movimento circular e uniforme como sendo um movimento em círculos e com velocidade constante. Pode parecer que não, mas é um movimento bastante corriqueiro: ele está presente nos ventiladores, liquidificadores e nas rodas

3 v = Δ S/ Δ t Quando o móvel percorre o arco AB, ele sofre um deslocamento Δ S. Sua velocidade linear, por ser constante, é determinada com a equação da velocidade média: velocidade angular e ela está ligada ao movimento de rotação ω = Δ Θ/ Δ t v = ω. R v = 2. R.f

4 Deslocamento angular (Δφ) Por convenção: No sentido anti-horário o deslocamento angular é positivo. No sentido horário o deslocamento angular é negativo Por convenção: No sentido anti-horário o deslocamento angular é positivo. No sentido horário o deslocamento angular é negativo ω = Δφ / Δ t ω = Δφ.f

5 O movimento periódico em si pode ser definido por duas grandezas que são o período e a frequência. O período é o tempo que o móvel leva para completar uma volta e a frequência é o número de voltas completadas em um determinado intervalo de tempo.

6 Quando falamos de movimento circular, é importante perceber que a direção da velocidade está mudando durante a realização da curva, como pode ser ilustrado na figura a seguir, que representa um movimento de um objeto de um ponto A para um ponto B, realizando um quarto de volta. a c p =v² / R

7 Quando se pedala uma bicicleta, executa-se um movimento circular em uma roda dentada (coroa) através dos pedais. Esse movimento é transmitindo através de uma corrente para outra roda dentada de menor raio, a catraca, que está ligada à roda traseira da bicicleta. É fácil observar que a bicicleta se move com uma velocidade maior que aquela com que se está pedalando, e isso ocorre devido à diferença dos raios entre a coroa e a catraca.bicicleta R A f A = R B f B Va = Vb v = 2. R.f

8

9 (UNESP) Um motorzinho de dentista gira com frequência de 2000 Hz até a broca de raio 2,0mm encostar no dente do paciente, quando, após 1,5s, passa a ter frequência de 500Hz. Determine o módulo da aceleração escalar média neste intervalo de tempo.

10 3-Uma polia A de raio RA = 0,2 m está ligado, através de uma correia, a outra polia B de raio RB = 0,4 m sem nenhum deslizamento entre as polias e a correia, durante o movimento. Se o movimento descrito pelas polias A e B for movimento circular uniforme, então a velocidade angular da polia A é numericamente. (A) igual à velocidade angular da polia B. (B) igual à velocidade tangencial da polia A. (C) menor do que a velocidade angular da polia B. (D) maior do que a velocidade angular da polia B. (E) igual à velocidade tangencial da polia B.

11 4-em motor aciona o eixo 1, imprimindo a este uma velocidade angular constante de módulo w. As polias B e C estão ligadas através de uma correia e as polias A e B estão ligadas por um eixo. Com relação aos sistema, podemos afirmar que as velocidades periféricas tangenciais de módulo v e angulares de módulo w de cada polia são (A) v B > v C w B = w A (B) v B = v C w B = w A (C) v B = v C w B > w A (D) v B w A (E) v B < v C w B = w A


Carregar ppt "Aula de Física. Define-se o movimento circular e uniforme como sendo um movimento em círculos e com velocidade constante. Pode parecer que não, mas é."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google