A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

TÉCNICO EM INFORMÁTICA PROGRAMAÇÃO DELPHI Felipe Pessoa Martins Analista de Sistemas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "TÉCNICO EM INFORMÁTICA PROGRAMAÇÃO DELPHI Felipe Pessoa Martins Analista de Sistemas."— Transcrição da apresentação:

1 TÉCNICO EM INFORMÁTICA PROGRAMAÇÃO DELPHI Felipe Pessoa Martins Analista de Sistemas

2 Apresentação IDE (Integreted Development Environment) Delphi é um ambiente de programação visual e orientado à objetos.

3 Composição Form Design Form é o termo utilizado para representar as janelas do windows que compõem uma aplicação.

4 Composição Barra de Menu Principal Como todo programa windows, há uma parte onde estão situados os menus da aplicação, a barra que contém os menus também agrupa outras partes.

5 Composição Paleta de Componentes Aplicativos orientados à objetos trabalham com elementos que denominados componentes. No Delphi, os componentes encontram-se em uma paleta com várias guias.

6 Composição Tipos de Componentes Visíveis Quando um componente pode ser visto pelo usuário em tempo de execução. Não visíveis Alguns componentes aparecem no Form, durante o tempo de projeto na aparência de um ícone, mas não pode ser visto em tempo de execução.

7 Composição A Speedbar A speedbar está posicionada ao lado esquerdo da paleta de componentes. Possui diversos botões (ícones) que representam comandos mais utilizados durante o desenvolvimento.

8 Composição Object Inspector Possibilita personalizar as características dos componentes.

9 Composição As propriedades são definidas através de tipos: Tipos Simples São tipos String ou valores numéricos definidos ao digitar um valor na frente da propriedade. Exemplos: Name, Caption, Height e Width entre outros. Tipos Enumerados São tipos definidos por uma quantidade limitada de opções que devem ser previamente selecionadas. Exemplos: Cursor, BorderStyle e WindowsState entre outros.

10 Composição As propriedades são definidas através de tipos: Tipo Set São tipos que possuem múltiplos valores. Um exemplo é a propriedade BorderIcons com o sinal de + indicando subpropriedades. Tipo com editor de propriedades Estas propriedades são acompanhadas de um ícone de reticências(...), indicando há uma jánela de diálogo que irá auxiliar na escolha do seus valores.

11 Composição Code Editor O editor de código é responsável por receber todas as declarações criadas pelo Delphi e criados pelo desenvolvedor.

12 Composição 'Tudo o que o Delphi escrever, é problema dele'. Agora, 'Tudo o que você escrever é problema seu'.

13 Composição Object TreeView Recurso para administrar a hierarquia dos componentes.

14 Propriedades PropriedadeDescrição AlignDefinir o alinhamento do componente. CaptionLegenda do componente. ColorCor do componente. EnabledDefinir se o componente pode ser usado ou não. FontDefinir a fonte utilizada no componente. WidthLargura do componente. HeightAltura do componente. HintTexto de ajuda, ao posicionar o cursor no componente. NameNome do componente. TabOrderOrdem da tabulação utilizada quando o usuário aperta o TAB. VisibleDefinir se o componente estará visível ou não.

15 Eventos Ação OnChangeGerada quando o conteúdo do componente é modificada. OnClickGerada quando o botão esquerdo do mouse é acionado. OnDblClickGerada quando é feito um duplo clique no botão esquerdo do mouse. OnEnterGerada quando o componente recebe o foco. OnExitGerada quando o componente perde o foco. OnKeyDownGerada quando a tecla é pressionada. OnKeyPressGerada quando o usuário pressiona e libera uma tecla no teclado. OnKeyUpGerada quando a tecla é solta. OnShowGerada ao abrir um componente. OnCloseGerada ao fechar um componente.

16 Métodos Os métodos são sub-rotinas que são executadas por um objeto ao receber uma mensagem de um componente. Exemplos: Edit.clear; Form2.show; Form.close.

17 Métodos Ação CreateInstancia um novo objeto de uma classe. FreeDestrói um objeto e libera o espaço de memória alocada. ShowTorna o componente visível. HideTorna o componente invisível. SetFocusColoca o foco no componente. CloseFecha o Form. ClearLimpa o conteúdo de um componente.

18 Teclas Importantes TeclaFunção F12Alterna entre o code editor e o form designer. F11Alterna entre o code editor, form designer e o object inspector. F9 (RUN)Permite compilar e executar o projeto para testes. CTRL + F9Permite compilar o projeto sem executar. SHIFT + F12Permite alternar entre os formulários do projeto. CTRL + F2Permite destravar o Delphi em caso de testes onde ocorram exceções.

19 Projeto em Delphi ExtensãoTipo e DescriçãoCriaçãoNecessário compilar ?.DPRArquivo do projetoDesenvolvimentoSIM.PASCódigo fonte da UnitDesenvolvimentoSIM.DFMArquivo gráfico do formulárioDesenvolvimentoSIM.EXEArquivo executávelCompilaçãoNÃO

20 Linguagem Object Pascal Convenção de Nomeação A propriedade mais importante de uma componente é a propriedade name. Portanto é ela que define o nome interno do componente, com relação ao código escrito em Object Pascal. Nome gerado pelo DelphiObjetivoConvenção Button1Sair da AplicaçãobtnSair Edit1Receber o nome do usuárioedtNome Label1Indicar a legenda do componente edit1 lblNome

21 Recursos Comentários // comentário de linha { comentário de bloco } (* comentário de bloco *) Code Insight Ajudante de complemento junto ao código do desenvolvedor. Exemplo: Ao digitar o nome de um componente seguido pelo ponto edtnome., abre – se uma listagem de métodos e propriedades que podem ser utilizadas nesse objeto. CTRL + SPACE ( Acessa seus métodos e propriedades) CTRL + SHIFT + SPACE ( Parâmetros )

22 As Units São entidades independentes, ou seja, possibilita estruturar a aplicação em módulos funcionais. Portanto cada Unit possui um conjunto de funções e procedimentos. Cada formulário possui uma Unit, mas podemos criar Units independentes, não associadas a um Form.

23 Exemplo Unit CabeçalhoInterfaceImplementação

24 Declaração de Variáveis O que é uma variável ? As variáveis podem ser classificadas em : Globais Quando ela é inserida no escopo da interface, ou seja, fora dos procedimentos e funções. nome:string Locais Quando ela é inserida dentro de um procedimento ou função. var rua:string; idade:integer; dt_nascimento:date;

25 Tipos de variáveis Inteiras (Integer,word) Reais (Float,double) Caracteres (string,char) Lógicas (boolean) Moeda(currency)

26 Variáveis Inteiras TipoFinalidade BYTETipo numérico inteiro, pode assumir valores numa faixa de 0 a 255, ocupa 1 byte. SHORTINTTipo numérico inteiro, pode assumir valores numa faixa de -128 a +127, ocupa 1byte de memória. WORDTipo numérico inteiro, pode assumir valores numa faixa de 0 a 65535, ocupa 2bytes de memória. INTEGERTipo numérico inteiro, pode assumir valores numa faixa de a , ocupa 2 byte de memória. LONGINTTipo numérico inteiro, pode assumir valores numa faixa de a , ocupa 4 bytes de memória.

27 Variáveis Reais TipoFinalidade SINGLESINGLE : Valores numa faixa de -1, a 3, , ocupa 4 bytes de memória e tem de 7 a 8 algarismos significativos. REALREAL: Valores na faixa de -2, a +1, , ocupa 6 bytes de memória e tem entre 11 e 12 algarismos significativos. EXTENDEDEXTENDED : Valores na faixa de -3, a +1, , ocupa 10 bytes de memória e tem entre 19 e 20 algarismos significativos. LONGINTLONGINT : Valores numa faixa de a , ocupa 4 bytes de memória. DOUBLEDOUBLE: Valores na faixa de a , ocupa 8 bytes, com precisão de 15 digitos.

28 Outras variáveis TipoFinalidade BOOLEANBOOLEAN : Tipo lógico que pode assumir somente os valores TRUE ou FALSE e ocupa 1 byte de memória. CHARCHAR : Tipo alfa-numérico, pode armazenar um caractere ASCII, ocupa 1 byte. STRINGSTRING : Tipo alfanumérico, possuindo como conteúdo uma cadeia de caracteres. O número de bytes ocupados na memória varia de 2 a 256, dependendo da quantidade máxima de caracteres definidos para a string. O primeiro byte contém a quantidade rela de caracteres da cadeia.

29 Expressões lógicas São expressões que retornam um valor booleano(verdadeiro ou falso). If (x > z) or (w>z) then begin end; OperadorOperação NOTNegação ANDE lógico OROu lógica

30 Comando IF O comando if pode ser composto de uma ou mais condições de processamento. If (a > b) then b:= b+1; If (a > b) then b:= b+1 Else a:= a-1;

31 If (a > b) then Begin b:= b + 1; x:= b + a; End Else Begin a:= a – 1; y := y + b; End;

32 Funções de Conversões Todos os objetos de entrada e/ou exibição de dados utilizam propriedades do tipo String, Text e Caption. FunçãoObjetivo StrToInt(string)Converter um dado String em tipo Inteiro. IntToStr(integer)Converter um dado Inteiro em tipo String. StrToFloat(string)Converter um dado String em tipo Flutuante. FloatToStr(float)Converter um dado Flutuante em tipo String. DateTimeToStr(TDateTime)Converter um dado em TDateTime em String. FormatFloat(String de formato, variável) Permite formatar um tipo ponto Flutuante, retornando uma String. Edit1.text := FormatFloat( R$,.00, variavel);


Carregar ppt "TÉCNICO EM INFORMÁTICA PROGRAMAÇÃO DELPHI Felipe Pessoa Martins Analista de Sistemas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google