A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

LOGÍSTICA EMPRESARIAL PROFESSORA: DAYSE BATISTUS ALUNO: EVANDRO P. MERLO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "LOGÍSTICA EMPRESARIAL PROFESSORA: DAYSE BATISTUS ALUNO: EVANDRO P. MERLO."— Transcrição da apresentação:

1 LOGÍSTICA EMPRESARIAL PROFESSORA: DAYSE BATISTUS ALUNO: EVANDRO P. MERLO

2 TEMA DE PESQUISA: ERP UTILIZADO NA EMPRESA PATOLUX ALUMÍNIOS, ABORDAGEM SOBRE A IMPLANTAÇÃO E SUAS QUALIDADES E OS ITENS A SEREM MELHORADOS NO PONTO DE VISTA DO PROCESSO DE PRODUÇÃO.

3 PATOLUX ALUMÍNIOS FUNDADA EM 2001 UTILIZA O SISTEM PITÁGORAS DESDE 2002 RAMO DE ATIVIDADE: FABRICAÇÃO DE UTILIDADES DOMÉSTICAS EM ALUMÍNIO POSSUI ATUALMENTE 70 FUNCIONÁRIOS PRINCIPAIS CLIENTES SÃO: DISTRIBUIDORES E ATACADISTAS DE UTILIDADES DOMÉSTICAS PARA LOJAS E VENDEDORES AMBULANTES MERCADO ATUANTE: REGIÃO SUL, CENTRO OESTE E NORDESTE DO PAÍS.

4 ERP É UM PACOTE COMERCIAL DE SOFTWARE É CONSTRUIDO COM BASE NA MELHORES PRÁTICAS DE MERCADO UTILIZA BANCO DE DADOS ÚNICO E CORPORATIVO É COMPOSTO POR MÓDULOS NÃO É DESENVOLVIDO PARA UM CLIENTE ESPECÍFICO SÓ CONSIDERA ERP SOFTWARE ADQUIRIDO PRONTO NO MERCADO DE FONECEDOR ESPECIALISTA

5 SEGUNDO DAVENPORT, T.H. ECOLOGIA DA INFORMAÇÃO CONCEITUA UM SISTEMA ERP COMO UM PACOTE COMERCIAL DE SOFTWARE QUE TEM COMO FINALIDADE ORGANIZAR, PADRONIZAR E INTEGRAR AS INFORMAÇÕES TRANSACIONAIS QUE CIRCULAM PELAS ORGANIZAÇÕES.

6 PRÍNCIPAIS PROBLEMAS QUE SURGEM QUANDO A ORGANIZAÇÃO NÃO POSSUI ESTRUTURA INTEGRADA DE SISTEMA DE INFORMAÇÃO: REDUNDÂNCIA DE DADOS INTEGRIDADE DAS INFORMAÇÕES RASTREABILIDADE DAS TRANSAÇÕES PADRONIZAÇÃO DE SISTEMAS

7 ERP DESENVOLVIDO POR ZTEC INFORMÁTICA MÓDULOS UTILIZADOS NA EMPRESA PITÁGORAS GENE: FINANCEIRO, ESTOQUES, COMPRAS, VENDAS, NFS PITÁGORAS INDUSTRIA: CONTROLE ORDENS DE PRODUÇÃO. PITÁGORAS WEB: CONTROLE DE REPRESENTANTES.

8 HISTÓRICO DE IMPLANTAÇÃO: PRINCIPAIS DIFICULDADES: DEFINIÇÃO E ORGANIZAÇÃO DA LINHA DE PRODUÇÃO E ADAPTAÇÃO DA MESMA AO SOFTWARE CRIAÇÃO DE MECANISMOS PARA LEITURA E TRANSPORTE DAS ORDENS DE PRODUÇÃO NA LINHA DE PRODUÇÃO CONVERNCER COLABORADORES QUE O SOFTWARE NÃO SERIA UM DEDO DURO

9 CRIAR ROTINA DE CONFERÊNCIA DE DADOS E ESTOQUES GERAR DADOS DE PRODUTIVIDADE E CONSUMO DE MATÉRIA PRIMA E INSUMOS DEFINIÇÃO DOS ESTOQUES DE SEGURANÇA SELEÇÃO E QUALIFICAÇÃO DE FORNECEDORES

10 ESTRUTURA DE RECEBIMENTO DE PEDIDOS, PRODUÇÃO E EXPEDIÇÃO RELATÓRIOS, ATUALIZAÇÃO DE TABELAS E COBRANÇAS, BLOQUEIO DE ITENS... DIGITAÇÃO PEDIDO VIA WEB CONFERE POSSÍVEIS ERROS DE DIGITAÇÃO ( PREÇOS, OBSERVAÇÕES...) RECEBIMENTO DOS PEDIDOS DEFINE TRANSPORTADOR, GERA CUBAGEM, COLOCA PREVISÃO DE ENTREGA MONTAGEM DE CARGAS SOMENTE COMPROMETE PRODUTO ACABADO APÓS PROCESSAMENTO DOS PEDIDOS PROCESSA PEDIDOS

11 BASEADO NA QUANTIDADE DE ESTOQUE MÍNIMO E NO LOTE ECONÔMICO DE PRODUÇÃO, COMPROMETE M.P. GERA ORDENS DE PRODUÇÃO ORDENS ENVIADAS AO ALMOXARIFADO QUE DISTRIBUI MP E INSUMOS NA LINHA DE PRODUÇÃO DISTRIBUIÇÃO DAS ORDENS DE PRODUÇÃO VIA LEITOR MANUAL A IDÉIA E MANTER ON LINE A BAIXA E O ACOMPANHAMENTO DO PROCESSO DE PRODUÇÃO LEITURA DE DADOS SETOR A SETOR REVISA PERDAS E OS MOTIVOS APÓS O CONFRONTO DO LANÇADO COM O FÍSICO TAMBÉM REPÕE MP E INSUMOS REAPROVEITADOS REVISÃO E ENCERRAMENTO DA ORDEM

12 ESTRUTURA DE PEDIDOS DE COMPRA COMPROMETE ESTOQUE DE MATÉRIA PRIMA E INSUMOS EMISSÃO DE ORDEM DE PRODUÇÃO BAIXA MATÉRIA PRIMA E INSUMOS PROCESSAMENTO DE ORDENS DE PRODUÇÃO CONSULTA POR FORNECEDOR ITENS PARA ATENDER ESTOQUE MÍNIMO EMISSÃO PEDIDOS DE COMPRA ENTRADA DE NF E BAIXA PEDIDO DE COMPRA CASO SEJA PARCIAL BAIXA PARCIAL RECEBIMENTO DE MERCADORIA

13 MELHORIAS IDENTIFICADAS E EM PROCESSO DE MUDANÇA: CRIAÇÃO DE CAMPO QUE PERMITA O LANÇAMENTO E O CONTROLE PRECISO DO TEMPO GASTO PARA PRODUÇÃO DO PEDIDO EM CADA SETOR COM CAMPO PARA MOTIVO DE ATRASO FINALIZAR IMPLANTAÇÃO DE PRODUTIVIDADE POR FUNCIONÁRIO POR PONTOS IDENTIFICAÇÃO MAIS PRECISA DO LEAD TIME PARA MELHORAR A QUALIDADE DA INFORMAÇÃO DE ENVIO DE CARGAS E TAMBÉM PARA EVITAR FORMAÇÃO DE GARGALOS NOS SETORES ASSIM COMO POSSÍVEL DIMINUIÇÃO DE ESTOQUES.

14 GANHOS OBSERVADOS COM A IMPLANTAÇÃO ATÉ O PRESENTE MOMENTO: CONFIABILIDADE DE DADOS ESTOQUE REDUZIDOS COMPARADOS AOS ANTERIORES REDUÇÃO DO PRAZO DE ENTREGA GANHO DE PRODUTIVIDADE DIMINUIÇÃO DE CONFLITOS

15 AGILIDADE DE COMPRAS DIMINUIÇÃO DE PERDAS MENOR RETRABALHO PADRONIZAÇÃO DAS MERCADORIAS ACOMPANHAMENTO DE FORNECEDORES AGILIDADE NA VENDA AUMENTO DA LUCRATIVIDADE


Carregar ppt "LOGÍSTICA EMPRESARIAL PROFESSORA: DAYSE BATISTUS ALUNO: EVANDRO P. MERLO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google